Prey Project - Localizando seu notebook roubado

Nesse artigo demonstrarei como podemos nos prevenir de uma perda, roubo, esquecimento ou extravio de nosso notebook para até então localizá-lo.

[ Hits: 19.089 ]

Por: Glauber GF em 24/06/2011 | Blog: http://www.vivaolinux.com.br/~mcnd2


A prevenção é a melhor receita



Depois de ter adquirido um notebook Dell Inspiron 15, vindo com o sistema Windows 7 instalado e com programa de geolocalização, que encontra o aparelho se o mesmo for roubado.

O programa se chama Lojack for laptops e deve ser feito registro e pagamento para utilização desse sistema.

Depois da 'perda' do notebook, você deverá mudar o status no site para desaparecido. Mais isso não vem ao escopo desse artigo. Deixando a 'janela fechada' pra lá, vamos entrar porta a dentro no 'Prey Project' (que é o foco para GNU/Linux).

O Prey Project é um software de código aberto que vem permitir rastrear seu notebook em caso de perda. Imagine você que trabalha com seu notebook e tem dados super valiosos nele e por algum motivo você já não se encontra mais com ele.

E ai o que fazer para tentar recuperá-lo? Vamos recorrer ao Prey que além de ser de código aberto pode ser instalado em plataforma Windows, GNU/Linux, Mac e Android.

Vamos ter como exemplo o sistema GNU/Linux (Debian Squeeze). Para começar a prevenção, vamos instalá-lo no sistema e depois configurá-lo.

Para instalá-lo direto do sistema com o 'apt-get', deverá adicionar no 'sources.list' a linha do repositório do 'testing':

### Debian Wheezy/Testing.
deb http://ftp.debian.org/debian/ wheezy main contrib non-free

Depois de adicionado execute um 'update' e depois o instale. Logo após a instalação comente (com um # - jogo da velha) a linha do repositório 'testing' que foi adicionada. Não esqueça disso, pois se fizer um upgrade poderá ter grandes problemas.

# apt-get update
# apt-get install prey


Para esse caso você deverá fazer a configuração manual, pois há algumas diferenças entre a versão Prey oficial e a do pacote no Debian.

Na versão oficial, o programa mantém tudo em '/usr/share/prey'.

Já na versão Prey Debian:
  • Os arquivos principais foram movidos para /usr/lib/prey.
  • A configuração está armazenada em /etc/prey/config em vez de /usr/share/prey/config.
  • Os módulos são mantidos em /var/lib/prey/modules, ao invés de /usr/share/prey/modules

Por enquanto o configurador gráfico ainda não está disponível, pois há algumas coisas que precisam ser ajustados antes que ele possa ser enviado ao Debian. Como desta forma não consegui configurá-lo corretamente, deixo esse espaço para posteriores comentários e acréscimo da configuração manual.

Para ficar mais fácil a instalação e configuração sem dor de cabeça, vamos baixar o 'pacote.deb' (oficial) para ser instalado.
Depois de baixar o pacote instale-o:

# dpkg -i prey_0.5.3-ubuntu2-all.deb

Agora vamos a configuração em menu Aplicativos > Sistema > Prey Configurator.

Abrirá a tela de boas vindas e com abas de 'Configuração principal' e 'Modo de relatórios'.
Linux: Prey Project – Localizando seu notebook roubado.
Linux: Prey Project – Localizando seu notebook roubado.
Linux: Prey Project – Localizando seu notebook roubado.
Deixaremos como está e vamos avançar.

Caso você não tenha criado uma conta no site poderá fazer aqui em 'New user' ou caso já tenha criado uma conta é só marcar 'Existing user'.
Linux: Prey Project – Localizando seu notebook roubado.
Como no meu caso já tenho uma conta no site marquei 'Existing user' e logo avançar.

Agora pedirá o login e senha da conta (no meu caso já criada antes no site) e depois marque uma das duas opções logo abaixo do login.
  • Este dispositivo já existe no meu painel de controle
  • Criar um novo dispositivo no meu painel de controle

Linux: Prey Project – Localizando seu notebook roubado.
No meu caso fiquei na segunda opção (novo dispositivo). Depois de avançar 'Configuração Salva' concluída.
Linux: Prey Project – Localizando seu notebook roubado.
Depois da configuração no sistema Debian, vamos dar uma checada no 'Painel de Controle' na conta online.
Linux: Prey Project – Localizando seu notebook roubado.
Linux: Prey Project – Localizando seu notebook roubado.
Como vemos na imagem acima, foi adicionado o 'debian' a 10 minutos (desktop usado no teste e edição do tutorial). Então concluído com sucesso a configuração.

Agora poderá configurar sua conta online mudando algumas coisas como nome do dispositivo, sistema operacional e algumas configurações para ser obtidas nos modos de relatórios que vierem a ser gerados.

Deixarei você explorar essas configurações para até então saber como proceder numa hora de desespero.

Só como exemplo, na última imagem acima na parte inferior esquerda “Últimos reportes #11570881 from Dell_Inspiron_Debian-hace 1 día” você poderá ver os últimos relatórios, a medida que novos relatórios forem gerados serão eliminados os mais antigos.

Pelo relatório gerado, o notebook localizado na minha casa/rua (configuração feita para testes) foi localizado próximo a minha casa/rua com um erro aproximadamente de uns 500 metros. Não foi com exatidão a localização mais já dá pra ficar bem próximo do suposto ladrão (será que foi eu mesmo que 'roubei', rsrsrs!...).
Linux: Prey Project – Localizando seu notebook roubado.
Linux: Prey Project – Localizando seu notebook roubado.
Foto do suposto ladrão.
Linux: Prey Project – Localizando seu notebook roubado.
Usuário logado e tempo que esteve logado.
Linux: Prey Project – Localizando seu notebook roubado.
Agora não podemos esquecer de um detalhe muito importante, que depois de percebido o roubo/perda/esquecimento/extravio, você deverá ativa o programa através de sua conta online feito em qualquer computador conectado à internet. Assim quando você verificar os relatórios gerados poderá ter em mãos bastante informação para chegar a exata localização do seu notebook.

Só uma observação. Independente disso, não esqueça de fazer backup de seus arquivos, pois numa situação que você perde seu material de trabalho e ainda de quebra todos os arquivos cruciais para tal, você não ficaria muito bem depois dessa, rs!.

Você só terá êxito em poder localizar seu notebook, caso o mesmo seja conectado a internet. Caso contrário não será gerado relatórios. Você também poderá perder definitivamente seu notebook caso o mesmo seja formatado ou até então trocado o disco rígido.

Para ter mais êxito na localização, é importante criar um usuário para o sistema sem privilégios de administrador e sem senha, para quem tiver com o notebook em mãos poder loga-se ao sistema facilmente e usá-lo até conectar-se a internet, ai que que começa ser gerados os relatórios. Com um pouco de sorte você consegue localizar e recuperá-lo.

Até a próxima.
   

Páginas do artigo
   1. A prevenção é a melhor receita
Outros artigos deste autor

Deixando a Área de Trabalho animada com slides no GNOME

AutoCAD 2007 vs. DraftSight v1r3.1 2013

Atualizando Mageia 5 para versão 6

Instalando o driver da NVIDIA atualizado para o kernel atual no Metamorphose 2.0

"Wolfenstein: Enemy Territory" e "Hidden & Dangerous Deluxe" no Debian Lenny

Leitura recomendada

Monitorando redes utilizando Ntop

Engenharia Social - Fios de telefone

Buffer Overflow: Entendendo e explorando

Chkrootkit - Como determinar se o sistema está infectado com rootkit

Análise Forense - Aspectos de perícia criminal

  
Comentários
[1] Comentário enviado por firebits em 24/06/2011 - 10:39h

Legal. Acho que este artigo ficaria mais focado em segurança, então deveria ser postado no http://segurancalinux.com mas muitos o fazem no vivaolinux.com.br devido à audiência. Com o tempo acho que o http://segurancalinux.com vai acabar morrendo assim..

[2] Comentário enviado por mcnd2 em 24/06/2011 - 11:33h

@firebits, concordo com você em relação a ser postado em segurança. Nem me atentei a isso. Mais podemos deixar para os moderadores além de está no viva o linux, incluir no 'segurançalinux'. Assim temos um material onde se tem grande audiência e de quebra em lugar apropriado.

Não a morte do Segurança Linux!

Obrigado pelo comentário.

[3] Comentário enviado por wellingtonsr em 24/06/2011 - 15:02h

Muito bom. eu estava pensando nessa situação esta semana, se não haveria um jeito de se recuperar o notebook em caso de roubo ou perda. Tá aí uma ótima dica.

[4] Comentário enviado por izaias em 24/06/2011 - 16:34h

Rapaz, tu matou a pau! Muito legal isso, Glauber.
Sei que os Macbooks têm essa função, só não sei se é pago. Mas não é difícil adivinhar, sendo da Apple! rs

O legal também é que é uma ferramenta 'Open Source'. A comunidade do 'SL' não perdeu tempo.

De uma próxima vez, não roube seu notebook. rsrs

[5] Comentário enviado por roberto_espreto em 24/06/2011 - 19:01h

Bom artigo.

Supondo que meu notebook foi roubado e o "meliante" está utilizando-o conectado à internet. Este software tem seu funcionamento em background? Aparece algum tipo de aviso que está operante?

Seria interessante também configurar algum serviço de DNS dinâmico juntamente com algum software de visualização remota de desktop e criar um usuário sem privilégios logando automaticamente. Ah, já fiz este teste! :P

Sem esquecer que quem utiliza notebook para trabalho e armazena dados "importantes", é aconselhavel que se utilize criptografia de disco, etc...

Mais uma vez, bom artigo!!!

Att,

[6] Comentário enviado por mcnd2 em 24/06/2011 - 23:02h

@wellingtonsr, obrigado.

@Izaias, engraçado que no mesmo dia que o note foi roubado eu o encontrei na sala de minha casa, pode uma coisa dessas! rsrsrsrs!...

Agora aquela proposta de "R$123,57/mês, roupa lavada e kernel novo todo dia", isso ai é com você e o aczinho, rs!

@roberto_espreto.
"Se este software tem seu funcionamento em background?" Sim.
"Aparece algum tipo de aviso que está operante?" Não. Mas há umas opções que da um aviso sonoro durante uns 30segundos, fora o bloqueio quando o mesmo for ser utilizado, etc, sendo que isso você terá que alterar no painel de controle de sua conta online. O interessante mesmo é deixar sem avido nenhum, assim você consegue ter mais êxito na localização sem dispertar o suposto ladrão.

"Seria interessante também configurar algum serviço de DNS dinâmico juntamente com algum software de visualização remota de desktop e criar um usuário sem privilégios logando automaticamente. Ah, já fiz este teste! :P

Sem esquecer que quem utiliza notebook para trabalho e armazena dados "importantes", é aconselhavel que se utilize criptografia de disco, etc..."

Essa é uma idéia boa Roberto. Poderia fazer um artigo instruindo como fazer tal procedimento que seria uma boa aqui para o 'VOL' e o 'SL' em questão de segurança.

Obrigado pelos comentários.

[7] Comentário enviado por izaias em 24/06/2011 - 23:35h

Gostei muito do Artigo. Quando tiver um portátil vou instalar o 'Prey'.

VLW

[8] Comentário enviado por mcnd2 em 24/06/2011 - 23:57h

Já é.

[9] Comentário enviado por removido em 27/06/2011 - 15:33h

Eu uso o Prey. É uma ótima ferramenta. Nessa versão paga o sistema te envia 7 mensagens de alerta.

[10] Comentário enviado por mcnd2 em 27/06/2011 - 19:16h

@ilsahec, que bom saber que na versão paga conta com este recurso.

[11] Comentário enviado por ewerto0n em 24/11/2011 - 11:45h

Gostaria de saber se o programa instalado no adm roda nos demais usuários (sem senha).
Obrigado.

[12] Comentário enviado por mcnd2 em 27/11/2011 - 11:58h

@ewerto0n, o programa para ser instalado deverá ser pelo adm (root) sendo assim depois de instalado você com usuário normal (sem privilégios) deverá ser autenticar como root e fazer as configurações necessárias. Podendo ser feita essas configurações pelo menu do sistema e pelas configurações online no site do prey.

Abraço.

[13] Comentário enviado por gildohp em 27/01/2012 - 22:54h

O erro de localização se deve, geralmente, por estar o ponto de INTERNET cadastrado em endereço diferente do usuário. Isso se dé em geral quando o usuário recebe sinal de INTERNET de terceiros. Vale para a localização o IP do cliente da operadora.
Espero ter contribuído.

[14] Comentário enviado por gildohp em 27/01/2012 - 22:55h

Aqui no meu condomínio o GOOGLE MAPS apontou ateh o bloco correto com foto da faxada do prédio (Santa Maria-RS)

[15] Comentário enviado por gildohp em 27/01/2012 - 22:55h

Tem pra windows tbem pessoal...


Contribuir com comentário




Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner
Linux banner
Linux banner

Destaques

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts