Obtendo Gnome 2.10 de modo prático!

Você não aguenta esperar pra ver a nova versão do Gnome tendo que esperar por empacotamento da distribuição e ficar perdendo tempo compilando tudo na mão? Este artigo trata de um programa que faz tudo isso por você e de quebra seus mantenedores ainda mantém um Live CD caso queira testar o novo Gnome antes de decidir instalá-lo.

[ Hits: 16.340 ]

Por: Rogerio Varalda Junior em 09/04/2005


Obtendo e instalando o Garnome



Antes de mais nada, verifique os pré-requisitos:

Sistema, requisitos:
  • Debian <= 3.1: pkgconfig;
  • Red Hat <= 7.3: render, xrender, freetype, fontconfig, pkgconfig;
  • Red Hat 2.1: freetype, fontconfig, pkgconfig;
  • Red Hat 3.0: pkgconfig;
  • Mandrake <= 9.0: libiconv, pkgconfig;
  • SuSE 9.x: freetype, fontconfig.

e também alguns programas do tipo:
  • gcc, make, flex, bison, gettext, patch, wget, gzip, tar e bzip2. (geralmente já vem instalados nas distribuições).

Então vamos lá!

Obtendo o Garnome:
Descompacte:

$ tar jxvf garnome-2.10.0.tar.bz2

Logue como root:

$ su

ATENÇÃO: Não se esqueça de logar como root, caso contrário o programa roda, só que não instala os pacotes necessários.

Entre na pasta que foi descompactado o garnome e digite:

# make install

Pronto, agora é só esperar...

Depois de pronto reinicie o servidor X pra fazer efeito.

Mamão com açúcar né!?

OBS: O processo todo vai consumir um tanto bom no disco, pela aquisição de arquivos, descompactação e compilação.

Página anterior     Próxima página

Páginas do artigo
   1. Introdução
   2. Obtendo e instalando o Garnome
   3. Live CD!
Outros artigos deste autor
Nenhum artigo encontrado.
Leitura recomendada

Software livre, software comunitário!

Instalando o Fedora Core 5 para iniciantes

Servidor de rede (PDC - Proxy Transparente - DNS)

Gerando arquivos PDF em modo texto

Recuperando o seu sistema Salix

  
Comentários
[1] Comentário enviado por neriberto em 09/04/2005 - 21:13h

Aí Rogério gostei do artigo, eu sou fã do gnome mas confesso que ultimamente não estava visitando sites a respeito, portanto não sabia da ditro live com o gnome 2.10, só para complementar existe para o slackware o projeto GSB: Gnome.SlackBuild e este é pode ser baixado no site http://gsb.sourceforge.net/, outra coisa a distro Ubuntu instalável ou Live CD tbm vem com o gnome 2.10.

É isto aí, um abraço

[2] Comentário enviado por trolah em 09/04/2005 - 23:18h

esse live cd ae, eh justamente essa da Ubuntu =]

[3] Comentário enviado por f4 em 10/04/2005 - 14:34h

graaaande trolah!!! ;P

[4] Comentário enviado por neriberto em 11/04/2005 - 08:06h

Maravilha legal saber disto :) a linux magazine publicou sobre ele este mês...

[5] Comentário enviado por Pablo Marques em 11/04/2005 - 22:06h

cara eu fiz tudo como vc mandou só que quando eu reiniciei o micro nada aconteceu, só a pasta do garnome que ficou com 2.1GB.

[6] Comentário enviado por removido em 11/04/2005 - 23:50h

Cara para os usuarios de slackware como eu, existe ainda um aplicativo que baixa os pacotes ja compilados no formado para slack e instala a versao 2.10 e remove as anteriores.
É o dropline, da uma olhada no www.dropline.net, a unica exigencia é q vc esteja usando o kernel 2.6.x.

[7] Comentário enviado por rafaelkafka em 12/04/2005 - 04:24h

Parabéns pelo artigo mas faltou algo muito importante, como por o garnome no kdm ou gdm para poder usuá-lo já que ele não suplanta o gnome antigo?

Porque senão ocorre o problema do Pablo, tem-se 2.1 giga numa pasta mas como se inciará?O Garnome deveria realmente atualizar o Gnome ao invés de ser algo a parte.

Para quem usa Debian, Ubuntu, distros que usem pacotes .deb há o apt-build, ele compila qualquer programa, tenho um artigo sobre ele no www.biglinux.com.br

[8] Comentário enviado por alissonline em 23/04/2005 - 13:25h

Gostei muito do artigo cara.... show de bola parabens!!!!!


The Linux is.......
Yes the linux is!


Contribuir com comentário