Newsbeuter Feed Reader - Instalação e configuração

O Newsbeuter é uma ótima opção para quem gosta de acompanhar notícias e determinados sites diariamente. Com ele, você pode ficar sempre atualizado sobre o que acontece em sua cidade, estado ou país.

[ Hits: 8.174 ]

Por: Perfil removido em 14/10/2014


Instalação / Configuração



O Newsbeuter funciona via ncurse, ou seja pelo terminal, alternativa peso pena ao Liferea, que a cada dia está mais pesado devido à evolução da engine GTK.

Neste artigo, vamos nos ater à instalação e configuração no Manjaro, Arch, ArchBang, Chakra e Antergos, que por serem da mesma família, usam a versão atualizada do aplicativo. Creio eu que a instalação e configuração no Gentoo, Funtoo, Debian testing, Ubuntu 14.04 e openSUSE, devem ser parecidas, mudando os comandos usados em cada distribuição.

Instalando na família Arch

Como superusuário:

# pacman -Sy newsbeuter

Usando o sudo:

sudo pacman -Sy newsbeuter

Configuração

A configuração é muito simples. Primeiro, crie uma pasta em sua home com o nome: .newsbeuter

O segundo passo é criar um arquivo dentro da pasta ~/.newsbeuter com o nome de: config
Depois, cole o conteúdo abaixo no arquivo config e salve:

#Atualiza lista de feeds ao iniciar o newsbewter
refresh-on-startup yes

#Recarrega a lista de feeds automaticamente
auto-reload yes

#Intervalo que a lista deve ser recarregada em minutos
reload-time 60

#Número mínimo de tópicos antigos mantidos no histórico por feed
oldreader-min-items 100

#Número máximo de tópicos antigos mantidos no histórico por feed
history-limit 100

#Número de tentativas para baixar o conteúdo de um feed em caso de falha
download-retries 5

#Tempo máximo de espera a cada tentativa de download de um feed em segundos
download-timeout 60

#Velocidade máxima de download
max-download-speed 100

#Número máximo de itens por cada fonte
max-items 100

#Notifica com um beep toda vez que as fontes são atualizadas
notify-beep yes

#Navegador padrão
browser "dillo"

#Limpar cache ao fechar aplicativo
cleanup-on-quit yes

#Local de armazenamento dos cookies
cookie-cache "~/.newsbeuter/cookies.txt"

#Local do armazenamento dos logs de erros
error-log "~/.newsbeuter/error.log"

A terceira parte é a melhor, escolher os sites que nós vamos acompanhar através do Newsbeuter. Para isso, crie um arquivo de texto com endereços de urls, na pasta ~/.newsbeuter. Depois, basta acrescentar os links dos feeds um por linha no arquivo.
Linux: Newsbeuter Feed Reader - Instalação e 
configuração

Um exemplo básico, seria assim:

http://distrowatch.com/news/dw.xml
http://feeds.feedburner.com/forum-vivaolinux?format=xml

No entanto, eu posso separar minha lista de feeds por assunto ou categorias. Para isso, basta eu nomear uma categoria e colocar entre aspas, depois os links. Os dois links acima são de sites relacionados ao GNU/Linux, então vou identificá-los na categoria GNU/Linux.

Agora, o nosso exemplo fica assim:

http://distrowatch.com/news/dw.xml "GNU/Linux"
http://feeds.feedburner.com/forum-vivaolinux?format=xml "GNU/Linux"

Veja como ficam as categorias no print abaixo:
Linux: Newsbeuter Feed Reader - Instalação e configuração

Note que tenho 18 fontes de notícias nesta categoria, ou seja, são 18 sites sobre GNU/Linux que relacionei como "GNU/Linux".

Para facilitar a compreensão ou até mesmo poupar trabalho dos colegas, vou compartilhar minha lista de feeds. Fiquem à vontade para aproveitar apenas o que interessa a vocês. Confira na página seguinte.

    Próxima página

Páginas do artigo
   1. Instalação / Configuração
   2. Lista de feeds (exemplo)
   3. Fique informado
Outros artigos deste autor

Minimalismo em ambientes gráficos

Mplayer e Mencoder com placa de TV

Configure seu modem SmartAx MT810 no Ubuntu

Compilando o kernel no Slackware com pacotes pré-compilados

Instalando o Gnome-2.20.3 no Slackware 12 usando o Gslapt

Leitura recomendada

Datagramas IP (Protocolo Internet)

Varnish: Uma camada de velocidade

Conectando computadores Linux e Windows através de "rede local via internet"

Palm na internet via Linux

Google Chrome no Linux Mint

  
Comentários

Nenhum comentário foi encontrado.


Contribuir com comentário