Instalando as últimas versões do Xfce, MATE e Cinnamon com PulseAudio no Slackware

Esse artigo disponibiliza conteúdo para se poder instalar as últimas versões dos principais ambiente gráficos do Linux no Slackware com PulseAudio.

[ Hits: 7.165 ]

Por: Eric em 07/07/2015 | Blog: http://www.gitlab.com/grinder


Ambientes gráficos



Agora chegou a hora de escolher seu ambiente gráfico, nesse artigo não é dedicado qual melhor ambiente gráfico, mas nada impede de falarmos sobre eles.

Bom, eu tive paciência em montar os pacotes para três ambientes gráficos, que são:
  • Xfce
  • MATE
  • Cinnamon

Quem vai me dizer qual se ajusta melhor ao seu dia a dia é você.

Xfce

Xfce 4 vem na versão 4.12 com todos seus pacotes atualizados. Não vou entrar em detalhes das modificações e dependências aqui no artigo, vamos usar este tópico para esses assuntos. Aqui vou somente mostrar como compilar ou instalar. Lembrando que dentro de cada source eu coloquei um TXT em português e inglês com um pouco mais de detalhes.

Vamos ao que interessa:

1a. Instalando o Xfce

Faça o download do pacote compilado: http://d-h.st/qCuY

Descompacte com o comando:

# tar xvf xfce4-install.tar.xz

Entre na pasta install que acabou de ser criada e digite:

# upgradepkg --reinstall --install-new *.t?z

1b. Compilando o Xfce:

Faça download do source do Xfce: http://d-h.st/YyeD

Descompacte com o comando:

# tar xvf xfce4-source.tar.xz

Entre na pasta source que acabou de ser criada e digite:

# ./build-xfce.sh

Após terminado de instalar ou compilar você precisa mudar o ambiente gráfico que inicia no Slackware:

xwmconfig

Escolha o Xfce e digite:

startx

MATE

MATE vem na versão 1.10 já contendo alguns aplicativos na versão 1.10.1.

Lembrando que tem um readme.txt no source com alguns detalhes sobre o MATE.

1a. Instalando o MATE

Faça o download do pacote compilado: http://d-h.st/BdX3
Descompacte com o comando:

# tar xvf mate-install.tar.xz

Entre na pasta install que acabou de ser criada e digite:

# upgradepkg --reinstall --install-new deps/*.t?z
# upgradepkg --reinstall --install-new base/*.t?z
# upgradepkg --reinstall --install-new extra/*.t?z

1b. Compilando o MATE:

Faça download do source do MATE: http://d-h.st/yxIJ
Descompacte com o comando:

# tar xvf mate-source.tar.xz

Entre na pasta source que acabou de ser criada e digite:

# ./mate-build-deps.sh
# ./mate-build-base.sh
# ./mate-build-extra.sh

Após terminado de instalar ou compilar você precisa mudar o ambiente gráfico que inicia no Slackware:

xwmconfig

Escolha o MATE e digite:

startx

Cinnamon

Cinnamon vem na versão 2.6.12.

Vou só fazer um rascunho aqui sobre ele. O Cinnamon por padrão não possui seguintes aplicativos:
  • Para visualizar imagens
  • Para abrir arquivos compactados
  • Editar texto em modo gráfico
  • Terminal
  • Programa de monitoramento do sistema
  • Calculadora

Então como o Xfce e Mate possuem seus próprios apps para isso eu segui a ideia do Linux Mint que foi quem criou o Cinnamon, eles usam aplicativos do GNOME para tais tarefas.

Então no processo de escolha eu me deparei com versões dos apps do GNOME em GTK2 e em GTK3 e para não deixar o serviço mal feito eu criei uma versão do Cinnamon para apps GTK2 e outra usando apps GTK3 a diferença é bem visível no visual achei bem legal a diferença.

Bom, o readme.txt dentro do source conta um pouquinho mais.

1a. Instalando o Cinnamon em GTK2

Esqueci de compilar esse pacote. Adicionarei depois.

1b. Compilando o Cinnamon em GTK2:

Faça download do source do Cinnamon: http://d-h.st/VG4M

Descompacte com o comando:

# tar xvf cinnamon-source.tar.xz

Entre na pasta source que acabou de ser criada e digite:

# ./cinnamon-build.sh

2a. Instalando o Cinnamon em GTK3

Faça o download do pacote compilado: http://d-h.st/LqI6

Descompacte com o comando:

# tar xvf cinnamon-install-gtk3.tar.xz

Entre na pasta install que acabou de ser criada e digite:

# upgradepkg --reinstall --install-new *.t?z

2b. Compilando o Cinnamon em GTK3:

Faça download do source do Cinnamon: http://d-h.st/ZNDc

Descompacte com o comando:

# tar xvf cinnamon-source-gtk3.tar.xz

Entre na pasta source que acabou de ser criada e digite:

# ./cinnamon-build.sh

Após terminado de instalar ou compilar você precisa mudar o ambiente gráfico que inicia no Slackware:

xwmconfig

Página anterior     Próxima página

Páginas do artigo
   1. Introdução
   2. Ambientes gráficos
   3. Créditos e FAQ
Outros artigos deste autor
Nenhum artigo encontrado.
Leitura recomendada

Implementando servidor de aplicações PHP utilizando Zend Framework

Bacula - Instalação no XenServer 6

Compiz e Compiz-Fusion no novo Sabayon Linux

Gerência de projetos com Redmine

Por que mudar de sistema operacional pode ser um bom negócio?

  
Comentários
[1] Comentário enviado por Grinder em 07/07/2015 - 19:59h

Pessoal tópico para discussão e contendo as últimas atualizações para download:

http://www.vivaolinux.com.br/topico/Slackware/Venham-para-o-Slackware-Facilitando-nossa-vida

[2] Comentário enviado por Felipeigor em 09/07/2015 - 17:00h

Parabéns , excelente artigo e favoritado.

Igor Felipe
Cadastrado desde: 25/09/2009

[b]If it moves , compile it.[/b]

[3] Comentário enviado por omarpta em 12/07/2015 - 08:25h

Gosto muito do Slackware, mas pena que deixou de ser atualizado... Passei a usar o Arch Linux... Vcs sabem se algum dia ele vai voltar a ser atualizado? Fiquei sabendo que o dono ficou bem doente e tal..

[4] Comentário enviado por Grinder em 14/07/2015 - 03:09h

Oi @omarpta

Olha depende do seu ponto de vista o que é ser atualizado ou não.
De fábrica, com certeza o Arch Linux é mais atualizado, mas não tanto isso comparando a com a versão Current e não com a 14.1.

Nos 3 casos (xfce, mate e cinnamon) disponibilizo nas últimas versões ou seja na mesma versão que o Arch Linux usa.

Quanto ao Patrick, me parece que é verdade, mas vamos torcer para que ele volte logo :-)

[5] Comentário enviado por wagnerfs em 15/07/2015 - 22:55h

Parabéns pelo artigo e por compartilhar o conhecimento.
_________________________
Wagner F. de Souza
Técnico/Instrutor de Informática
"GNU/Linux for human beings."
LPI ID: LPI000297782


_________________________
Wagner F. de Souza
Técnico/Instrutor de Informática
"GNU/Linux for human beings."
LPI ID: LPI000297782


Contribuir com comentário