Instalação do Gnuteca - Sistema de Biblioteca Livre

O sistema pode ser utilizado tanto na gestão de pequenos acervos particulares, como para acervos de mais de 100 mil exemplares. Por ser um software livre e utilizar como base apenas outros softwares livres, não há limite prático no número de estações de atendimento, ilhas para consulta ou acesso através da Internet.

[ Hits: 54.518 ]

Por: Jefferson Nogueira de Oliveira em 31/05/2012


GCron e considerações finais



Gerenciador de tarefas GCron

Para parar o script quando desejado é necessário matar o processo com o comando:

kill -9 [número do pid]

Para colocar a GCron em funcionamento é necessário executar o arquivo gcron.php:

php PATH_DO_GNUTECA/misc/scripts/gcron.php

Conferir dependências:

Após terminar a instalação, é importante ver se não foi esquecido nada. Para isto o Gnuteca possui uma operação que verifica as principais dependências; a mesma é acessada em:

Configuração > Sistema > Conferir dependências.

NOTA: O GCron não é condição necessária para rodar o Gnuteca.

Finalizando

Como afirmado no primeiro passo desse tutorial, o pacote deb do Gnuteca3.2 irá criar um virtual host dentro do Apache esse virtual host pode ter o apelido que você quiser, caso não queira mudar ou não tenha um DNS ou não queria fazer as inserções necessária em qualquer máquina Windows ou Linux, basta ir no arquivo hosts e adicionar a linha:

<IP do servidor do Gnuteca>      gnuteca.localhost

No Windows XP o arquivo hosts está na pasta: C:\Windows\System32\drivers\etc\hots

No Ubuntu está em: /etc/hosts

Outra coisa importante a deixar claro é que o Gnuteca não funciona, mesmo, no IE. Foi feito e roda muito bem no Firefox.

Depois de configurar o host direitinho no cliente, Windows ou Linux, basta ir no browser e digitar o endereço:

http://gnuteca.localhost
  • Usuário: gnuteca
  • Senha: gnuteca

Claro, quem quiser aperfeiçoar e criar o virtual host no Apache e depois incluir o mesmo em seu DNS ficará muito mais legal, como eu não sou tão especialista assim em DNS deixo essa parte para os outros artigos. :p

Após a instalação você pode conferir se está tudo ok quanto às dependências do sistema seguindo o seguinte menu:

Referências

Tirei tudo daqui verifique, compare evolua :-)

Agradecimentos

Gostaria de agradecer a todos os membros e responsáveis pelo fórum softwarepublico, é uma iniciativa muito prudente e louvável em um país que tem um documento como o E-Ping assinado pelo presidente. Ter uma comunidade como essa é muito bom para o desenvolvimento do software livre do país.

Gostaria de agradecer a toda equipe e membros do Viva o Linux por disponibilizar tanto conhecimento e espaço. Uso esse espaço a muito tempo, muito antes de me cadastrar e apenas agora criei coragem de começar a ajudar.

Espero que este artigo seja útil pelo menos para mais uma pessoa, vendo que ao final um(a) técnico ajudado(a) pelo Viva o Linux sempre acaba ajudando uma rede de usuários finais. E em especial ao moderador Leandro Nkz que me ajudou muito na construção desse primeiro artigo. :-)

Página anterior    

Páginas do artigo
   1. Introdução
   2. Instalando o Gnuteca 3.2
   3. Base de dados, portas e permissões
   4. GCron e considerações finais
Outros artigos deste autor

Fedora 18 - Customização pós-instalação

Leitura recomendada

Instalação do Centreon + Nagios 3

KDE4 junto com KDE3 no Debian Lenny

VPN PPTP - Instalação entre estações Windows, Dispositivos com Android e CentOS 5.x Server

Criação de DVDs com o videotrans

Instalando o Kink - Monitoração de tinta de impressoras HP e Epson

  
Comentários
[1] Comentário enviado por danniel-lara em 31/05/2012 - 18:16h

Parabéns pelo Artigo
muito bom mesmo

[2] Comentário enviado por jeff.jno em 31/05/2012 - 18:55h

Obrigado danniel-lara, espero que seja útil.

[3] Comentário enviado por removido em 02/06/2012 - 02:17h

Não por querer coisas fáceis, mas ele não é trivial como um CMS.
Por exemplo, uma base bibliográfica nos moldes de CMSs mais comuns que se encontra por aí.
Instalável em qualquer infraestrutura. Não precisa ser própria.

Falo do software, não do artigo. Muito bom.

[4] Comentário enviado por jeff.jno em 02/06/2012 - 15:17h

Obrigado Listeiro_037, realmente não conheço tanto assim de softwares para esse fim além desse conheci apenas mais um em delphi proprietário e cheio de limitações. Estou estudando sobre ele e pretendo fazer outro artigo sobre importação, atualização da versão e expor outros sistemas similares ou melhores que esse. Já estamos na chuva vamos nos molhar. :-]

[5] Comentário enviado por removido em 09/06/2012 - 05:54h

Blz!

Existe um software chamado Alexandria para finalidade semelhante, mas pareceu-me bem limitado.

O Gnuteca é ótimo.

Eu encontrei esta mensagem de lista de discussão sobre a instalação e um CD remasterizado pronto prá testes, instalação etc.

http://server.codigolivre.org.br/pipermail/gnuteca-users/2010-January/000552.html

Os llinks estão quebrados, mas quem sabe ainda encontro o tal CD.

Quanto à história de CMS, logo deve aparecer alguma coisa que possa integrar logins entre dois sistemas diferentes, interprete como módulo, entendimento entre Gnuteca e WP ou Drupal ou Joomla! ou Mambo ou Moodle ou Wiki-Qualquer-Coisa (apenas os conhecidos) etc Iguais eles fazem entre si.

Ou se é este sistema que poderia ser expandido e receber módulos.

Não sei se diferença entre banco de dados MySQL/PostgreSQL complicaria tanto.

No mais, ADD++.

[6] Comentário enviado por jeff.jno em 10/06/2012 - 22:18h

Eu acho que deixei um comentário naquele liveCD
E foi por falta de respostas que eu resolvi escrever esse artigo :p
Bem eu tb estou tendo esse problema aqui, queria uma forma de integarar os usuários do Gnuteca com uma base de dados LDAP, mas por enquanto eu nem consegui fazer o meu openldap funcionar, não pelo menos em outro lugar que não seja no phpldapmyadmin.

Matenha contato em qualquer evolução que tiver. Obrigado.

[7] Comentário enviado por saulobr88 em 19/06/2012 - 13:31h

jeff.jno, parabéns pelo artigo, um ótimo complemento ao manual de instalação do Gnuteca.

Você pode explicar novamente sobre a porta referente ao PostgreSQL? a porta padrão do postgreSQL é a 5432( fgrep 5432 /etc/services ) e o pacote no ubuntu vem com essa porta como padrão.

Estou pedindo isso por que estou com um problema para colocar o Gnuteca para funcionar:

Ao acessar o endereço http://gnuteca.localhost/ é exibida uma tela branca com o favicon do miolo, não há erro nos logs do Apache e não enontrei nenhum log dentro do diretório do Gnuteca( /var/www/miolo25-gnuteca/modules/gnuteca3 ).

Estou testando com o Ubuntu 10.4.3 LTS, PostgreSQL 8.4.12, PHP 5.3.2 e gnuteca 3.2(Baixado pelo portal do software livre)

Desde já agradeço.

[8] Comentário enviado por jeff.jno em 21/06/2012 - 15:08h

Oi saulobr88,

Obrigado pelo elogio, mas não tem nada mais gratificante do que ter pessoas visitando e compartilhando o conhecimento como você.

Seguinte na minha instalação o Postgres ficou com a porta 5433 porém a porta do Gnuteca era 5432. Daí eu mudei a porta... Mas vamos lá.
tentando ajudar faça o seguinte confira as portas de comunicação entre o Postgres e o Miolo para isso por favor confira diretamente nos arquivos de configuração são eles:

Gnuteca:
/var/www/miolo25-gnuteca/modules/gnuteca3/etc/module.conf
Linha 7: <port>5432</port>

Postgres:
/usr/local/pgsql/postgresql.conf "As configurações principais são feitas nos arquivos pg_hba.conf e postgresql.conf. Se instalado através dos fontes ficam no subdiretório data de instalação do PostgreSQL"
As duas devem ser iguais então a configuração da porta deve ser também:
#port 5432

Eu mudei a porta do postgres por não saber ou ter certeza de quais seriam todos os arquivos necessários a serem editados no gnuteca.

Espero sua resposta,

[9] Comentário enviado por hideoux em 28/06/2012 - 08:14h

Bom dia,

realizei a instalação do Gnuteca e da base de dados.

Mas ao acessar

http://gnuteca.localhost/

Aparece a tão famosa tela branca...

o favicon do Gnuteca aparece ao lado do url. Então aparentemente não é problema no apache...

Alguém poderia ajudar com uma sequência de testes que posso realizar para encontrar em qual ponto está o problema?



Obrigado,

Hideo

[10] Comentário enviado por hideoux em 28/06/2012 - 08:16h

Por que meu arquivo

/var/www/miolo25-gnuteca/modules/gnuteca3/etc/module.conf

não apresenta a linha especificada pelo amigo acima: "Linha 7: <port>5432</port>" ??

veja abaixo o conteúdo dele:

<?xml version="1.0" encoding="ISO-8859-1" standalone="yes"?>
<conf>
<gnuteca>
<files></files>
<debug>0</debug>
</gnuteca>
</conf>


[11] Comentário enviado por jeff.jno em 28/06/2012 - 11:07h

olá Hideo, obrigado pelo contato.

Bem vamos fazer um teste do tipo "vamos ver se dá"...

Confira se o seu Postgres está configurado para trabalhar na porta 5432 caso não esteja mude para tal.

Primeiramente faça um bkp do seu "/var/www/miolo25-gnuteca/modules/gnuteca3/etc/module.conf"

depois crie outro com o seguinte conteúdo (conteúdo do gnuteca da minha vm de teste que ta funcionando):

<?xml version="1.0" encoding="ISO-8859-1" standalone="yes"?>
<conf>
<db>
<gnuteca3>
<system>postgres</system>
<host>127.0.0.1</host>
<port>5432</port>
<name>gnuteca3</name>
<user>postgres</user>
<password></password>
</gnuteca3>
<admin>
<system>postgres</system>
<host>127.0.0.1</host>
<port>5432</port>
<name>gnuteca3</name>
<user>postgres</user>
<password></password>
</admin>
</db>
<options>
<authenticate>true</authenticate>
<receiptPdfFilePath>html/files/receipt</receiptPdfFilePath>
</options>
<storageFile>
<type>file</type>
<path>html/files/storage/</path>
<table>O:8:"stdClass":2:{s:4:"name";s:7:"gtcFile";s:6:"fields";a:6:{s:2:"ID";s:6:"fileid";s:12:"FILE_CONTENT";s:7:"content";s:9:"FILE_NAME";s:4:"name";s:9:"FILE_TYPE";s:4:"type";s:9:"FILE_SIZE";s:4:"size";s:9:"FILE_PATH";s:4:"path";}}</table>
</storageFile>
</conf>

[12] Comentário enviado por saulobr88 em 03/07/2012 - 15:59h

Fala jeff.jno,

Quanto ao postgreSQL tá tudo certo, após a sua re-explicação eu tive a certeza disso.

Ainda estou com o problema de tela branca.

Copiei o conteúdo do seu modules.conf conforme você disse ao Hideo e não adiantou.

Você pode compartilhar a maquina virtual que você usou?

Um abraço cara.

[13] Comentário enviado por jeff.jno em 04/07/2012 - 16:26h

A minha VM roda no VMWARE ESX
Vou fazer o seguinte na hora que desocupar mais um pouco do trabalho vou montar um gnuteca no virtualbox coloco em algum compartilhador e coloco o endereço aqui ok.

[14] Comentário enviado por jeff.jno em 04/07/2012 - 16:27h

A só mais uma coisa comigo o Postgres só funcionou depois que eu utilizei da forma que eu explico no tutorial...

[15] Comentário enviado por saulobr88 em 05/07/2012 - 13:54h

Fala jeff.jno,

Blz cara, ajudaria muito ter a VM para estudar o Gnuteca.

Um abraço

[16] Comentário enviado por silveira_alex em 23/08/2013 - 17:11h

[email protected]:/usr/local/pgsql$ sudo /usr/local/pgsql/bin/postmaster -D /usr/local/pgsql/data >logfile >&1 &
[2] 13973
[email protected]:/usr/local/pgsql$ bash: logfile: Permissão negada

[email protected]:/usr/local/pgsql$ sudo /usr/local/pgsql/bin/postmaster -D /usr/local/pgsql/data >logfile >&1 &
[2] 14045
[email protected]:/usr/local/pgsql$ bash: logfile: Permissão negada[1]+ Fim da execução com status 1 /usr/local/pgsql/bin/postmaster -D /usr/local/pgsql/data > logfile 1>&1
[email protected]:/usr/local/pgsql$




e nao sai disso


[17] Comentário enviado por jeff.jno em 23/08/2013 - 17:43h

Também passei por esse erro, e é tudo no postgresql.

Qual distribuição vc está utilizando? Como foi feita a instalação do postgresql? Baixou os fontes ou utilizou algum comando tipo apt?

[18] Comentário enviado por jeff.jno em 23/08/2013 - 18:03h

Boa tarde amigo,

Como não sei a sua distro fica meio complicado de tentar te ajudar, mas vamos lá:

Primeiro vamos conferir se o banco de dados foi criado corretamente. Para isso execute os seguintes comandos e post os resultados aqui clicando em Quote nessa resposta ao seu comentário.

#su – postgresql
#psql -l

Caso retorne o banco de dados gnuteca excute o comando:

#psql -U nomeuser nomebanco

Depois de estar dentro do banco verifique se todas as tabelas foram criadas:
Select * from pg_tables

Me mande informações mais detalhadas, de todo o processo. Incluindo versões que vc está usando de tudo e principalmente como você fez para executar e instalar o pstgresql


[16] Comentário enviado por silveira_alex em 23/08/2013 - 17:11h:

[email protected]:/usr/local/pgsql$ sudo /usr/local/pgsql/bin/postmaster -D /usr/local/pgsql/data >logfile >&1 &
[2] 13973
[email protected]:/usr/local/pgsql$ bash: logfile: Permissão negada

[email protected]:/usr/local/pgsql$ sudo /usr/local/pgsql/bin/postmaster -D /usr/local/pgsql/data >logfile >&1 &
[2] 14045
[email protected]:/usr/local/pgsql$ bash: logfile: Permissão negada[1]+ Fim da execução com status 1 /usr/local/pgsql/bin/postmaster -D /usr/local/pgsql/data > logfile 1>&1
[email protected]:/usr/local/pgsql$




e nao sai disso



[19] Comentário enviado por silveira_alex em 24/08/2013 - 00:00h

estou ultilizando o ubuntu 12.10 Linux version 3.5.0-17-generic ([email protected]) (gcc version 4.7.2 (Ubuntu/Linaro 4.7.2-2ubuntu1) ) #28-Ubuntu SMP Tue Oct 9 19:32:08 UTC 2012
a instalação do postgres 9.2.4 instalei seguindo o tutorial so que com algumas mudanças
$ sudo su
# apt-get install build-essential libreadline-gplv2-dev zlib1g-dev gettext
já que o libreadline5 nao instalava.

# tar -vzxf postgresql-9.2.4.tar.gz /usr/local/
# mkdir /usr/local/pgsql
# mv postgresql-9.2.4 /usr/local/pgsql
Agora vamos a instalação propriamente dita.

# ./configure
# make
# make install
# groupadd postgres
# useradd -g postgres -d /usr/local/pgsql postgres
# mkdir /usr/local/pgsql/data
# chown postgres:postgres /usr/local/pgsql/data
# passwd postgres
# su - postgres após esse ficou com esse caminho: "[email protected]:~$ "
$ /usr/local/pgsql/bin/initdb -D /usr/local/pgsql/data esse sem erro tambem
Ai quando uso esse:

/usr/local/pgsql/bin/postmaster -D /usr/local/pgsql/data >logfile >&1 &

da esse erro:
[4] 25670
[email protected]:~$ LOG: could not bind IPv4 socket: Endereço já em uso
HINT: Is another postmaster already running on port 5432? If not, wait a few seconds and retry.
WARNING: could not create listen socket for "localhost"
FATAL: could not create any TCP/IP sockets
^C
[4] Fim da execução com status 1 /usr/local/pgsql/bin/postmaster -D /usr/local/pgsql/data > logfile 1>&1
tenho de terminar de configurar até seg se puder ajudar agradeço.

obs: instalei o gnuteca3.2.1.deb no central de programas já, da algum conflito ja que não tinha instalado o postgreSQL ainda.

amanhã as 8h estou de volta entao até!







[20] Comentário enviado por silveira_alex em 24/08/2013 - 23:21h

consegui fazer.
valeu pela ajuda

[21] Comentário enviado por jeff.jno em 25/08/2013 - 11:36h

Segundo o primeiro erro era algo que tinha haver com permissão o acesso o serviço por isso pedi para confirmar as instalações do postgresql, muita gente tenta instalar o postgresql com o APT e para o gnuteca sempre da erro se usar via apt, por isso indico instalar com os fontes.

Silveira Alex o seu ultimo comentário diz que está concluída a instalação, se estiver agradeço por compartilhar suas dúvidas com a comunidade, com certeza você ajudou muita gente. Então eu que agradeço.
## Compartilhar é preciso! ##


[19] Comentário enviado por silveira_alex em 24/08/2013 - 00:00h:

estou ultilizando o ubuntu 12.10 Linux version 3.5.0-17-generic ([email protected]) (gcc version 4.7.2 (Ubuntu/Linaro 4.7.2-2ubuntu1) ) #28-Ubuntu SMP Tue Oct 9 19:32:08 UTC 2012
a instalação do postgres 9.2.4 instalei seguindo o tutorial so que com algumas mudanças
$ sudo su
# apt-get install build-essential libreadline-gplv2-dev zlib1g-dev gettext
já que o libreadline5 nao instalava.

# tar -vzxf postgresql-9.2.4.tar.gz /usr/local/
# mkdir /usr/local/pgsql
# mv postgresql-9.2.4 /usr/local/pgsql
Agora vamos a instalação propriamente dita.

# ./configure
# make
# make install
# groupadd postgres
# useradd -g postgres -d /usr/local/pgsql postgres
# mkdir /usr/local/pgsql/data
# chown postgres:postgres /usr/local/pgsql/data
# passwd postgres
# su - postgres após esse ficou com esse caminho: "[email protected]:~$ "
$ /usr/local/pgsql/bin/initdb -D /usr/local/pgsql/data esse sem erro tambem
Ai quando uso esse:

/usr/local/pgsql/bin/postmaster -D /usr/local/pgsql/data >logfile >&1 &

da esse erro:
[4] 25670
[email protected]:~$ LOG: could not bind IPv4 socket: Endereço já em uso
HINT: Is another postmaster already running on port 5432? If not, wait a few seconds and retry.
WARNING: could not create listen socket for "localhost"
FATAL: could not create any TCP/IP sockets
^C
[4] Fim da execução com status 1 /usr/local/pgsql/bin/postmaster -D /usr/local/pgsql/data > logfile 1>&1
tenho de terminar de configurar até seg se puder ajudar agradeço.

obs: instalei o gnuteca3.2.1.deb no central de programas já, da algum conflito ja que não tinha instalado o postgreSQL ainda.

amanhã as 8h estou de volta entao até!









[22] Comentário enviado por gumesson em 02/11/2013 - 19:55h

Olá! Parabéns pelo artigo!
Também estou com o problema da tela branca ao acessar gnuteca.localhost
Poderia, por favor, enviar o link para download da maquina virtual com o sistema.

Abraço!
Att.
Renato

[23] Comentário enviado por gumesson em 03/11/2013 - 19:51h

Pessoal... descobri o problema da tela branca...
É a versão 3.3.8 do Gnuteca. Usem a 3.2.3 que funciona legal.

Parabéns mais uma vez pelo artigo.
Att.
Renato

[24] Comentário enviado por leorocco em 02/07/2014 - 20:57h

Pessoal, alguém pode me dar uma ajuda? Mesmo instalado a versao 3.2.3, continuou com tela branca.

Habilitei o "display_error" no PHP e o resultado foi o seguinte:

Warning: require_once(/var/www/miolo25-gnuteca/classes/miolo.class): failed to open stream: No such file or directory in /var/www/miolo25-gnuteca/etc/webinstaller/miolo.class on line 3
Fatal error: require_once(): Failed opening required '/var/www/miolo25-gnuteca/classes/miolo.class' (include_path='.:/usr/share/php:/usr/share/pear') in /var/www/miolo25-gnuteca/etc/webinstaller/miolo.class on line 3

Tá difícil concluir a instalação desse gnuteca.. Alguém teve problema parecido com o de cima?

Aconteceu o erro no ubuntu 14.04 e também no 12.04.

[25] Comentário enviado por lucianozeni em 23/02/2015 - 13:13h

Galera, bom dia!

Passei pelos mesmos problemas de "Tela Branca" com a versão 3.3.8.
Resolvi montar na versão 3.2.3 e tive êxito.

Distro: Ubuntu 12.04 LTS x64.
Gnuteca: 3.2.3.

Segue meu tutorial:

//Atualiza a sourcelist do sistema:
# apt-get update

//Instalando alguns pacotes básicos:
# apt-get install build-essential libreadline-gplv2-dev zlib1g-dev gettext

//Instalando o pacote do Gnuteca:
# dpkg -i gnuteca_3.2.3.deb

//Forçando a instalação das dependências do Gnuteca:
# apt-get install -f

//Editando os parâmetros de permissão do PostgreSQL:
# vim /etc/postgresql/9.1/main/pg_hba.conf

local all postgres trust
local all all trust
host all all 127.0.0.1/32 trust
host all all ::1/128 trust

//Reiniciando o serviço de PostgreSQL:
# /etc/init.d/postgresql restart

//Definindo uma senha para o usuário "postgres" do PostgreSQL:
# sudo -u postgres psql postgres
\password sua_senha
\q

//Criando a base do Gnuteca dentro do PostgreSQL:
createdb -U postgres gnuteca3 -E latin1 --locale=POSIX -T template0

//Importando a base pronta:
psql -U postgres gnuteca3
\i /var/www/miolo25-gnuteca/modules/gnuteca3/misc/sql/dump_gnuteca3.sql
\i /var/www/miolo25-gnuteca/modules/gnuteca3/misc/sql/dump_gnuteca3_users.sql
\q

//Aumentando memória do PHP
# vim /etc/php5/apache2/php.ini
memory_limit = 256M

//Resolvendo problema da mensagem ServerName no Apache:
# vim /etc/apache2/apache2.conf
ServerName gnuteca
# /etc/init.d/apache2 restart

//Chamando no navegador:
http://gnuteca.localhost

[26] Comentário enviado por lucianozeni em 23/02/2015 - 16:07h

//Resolvendo algumas dependências pelo Linux:
//Essas dependências são aquelas acusadas dentro do sistema em "Configuração > Sistema > Conferir dependências".

//Gcron:
# vim /etc/rc.local
Antes de "exit 0" adicione:
php /var/www/miolo25-gnuteca/modules/gnuteca3/misc/scripts/gcron.php

//Yaz
# apt-get install yaz
# pecl install yaz
# vim /etc/php5/apache2/php.ini
Adicione a linha em "Dynamic Extensions":
extension=yaz.so
# /etc/init.d/apache2 restart

[27] Comentário enviado por lucianozeni em 23/02/2015 - 16:14h

//Parte de catalogação já dentro do sistema:
//Aqui nessa parte havia dado erro quando eu tentava inserir algo em "Catalogação > Novo Material > Padrão"
//Depois descobri que deveria ser criado um modelo de catalogação lá em "Catalogação > Configuração > Planilha" e na opção "Campo*", adicionar conforme a baixo:

100=100.a,110.a
200=245.a,245.b,260.a,260.b
300=300.a
400=400.a,440.a
500=505.a
600=650.a
700=700.a,710.a
900=902.a,950.a
Exemplares=949.a,949.b,949.y

//Agora é só acessar novamente "Catalogação > Novo Material > Padrão" e trocar o "Nível de Catalogação" para "Completo" que será possível a inserção.

[28] Comentário enviado por marcelotute em 30/07/2015 - 16:35h

Pessoal BT, foi instalado o gnuteca aqui no trabalho, porém não estou conseguindo usar o "adicionar" em nenhuma parte do programa, já fiz a planilha com Marc 21 com os dados da catalogação porém não salva todos os dados só autor, titulo e codigo de catalogação, salva o usuário porém não consigo usá-lo para emprestar livro, já que o adicionar não funciona em nenhuma parte do programa. Não consigo adicionar as politicas pelo mesmo motivo do adicionar"

[29] Comentário enviado por victormag em 19/10/2015 - 14:11h

Bom tutorial,

amigo, sabe me informar onde posso encontrar a versão 3.2 para download?
No site https://softwarepublico.gov.br/social/gnuteca/ tem a versão 3.3.8, porém está bugada ao acessar a primeira página.

Obrigado.

[30] Comentário enviado por victormag em 19/10/2015 - 14:14h


[25] Comentário enviado por lucianozeni em 23/02/2015 - 13:13h

Galera, bom dia!

Passei pelos mesmos problemas de "Tela Branca" com a versão 3.3.8.
Resolvi montar na versão 3.2.3 e tive êxito.

Distro: Ubuntu 12.04 LTS x64.
Gnuteca: 3.2.3.

Segue meu tutorial:

//Atualiza a sourcelist do sistema:
# apt-get update

//Instalando alguns pacotes básicos:
# apt-get install build-essential libreadline-gplv2-dev zlib1g-dev gettext

//Instalando o pacote do Gnuteca:
# dpkg -i gnuteca_3.2.3.deb

//Forçando a instalação das dependências do Gnuteca:
# apt-get install -f

//Editando os parâmetros de permissão do PostgreSQL:
# vim /etc/postgresql/9.1/main/pg_hba.conf

local all postgres trust
local all all trust
host all all 127.0.0.1/32 trust
host all all ::1/128 trust

//Reiniciando o serviço de PostgreSQL:
# /etc/init.d/postgresql restart

//Definindo uma senha para o usuário "postgres" do PostgreSQL:
# sudo -u postgres psql postgres
\password sua_senha
\q

//Criando a base do Gnuteca dentro do PostgreSQL:
createdb -U postgres gnuteca3 -E latin1 --locale=POSIX -T template0

//Importando a base pronta:
psql -U postgres gnuteca3
\i /var/www/miolo25-gnuteca/modules/gnuteca3/misc/sql/dump_gnuteca3.sql
\i /var/www/miolo25-gnuteca/modules/gnuteca3/misc/sql/dump_gnuteca3_users.sql
\q

//Aumentando memória do PHP
# vim /etc/php5/apache2/php.ini
memory_limit = 256M

//Resolvendo problema da mensagem ServerName no Apache:
# vim /etc/apache2/apache2.conf
ServerName gnuteca
# /etc/init.d/apache2 restart

//Chamando no navegador:
http://gnuteca.localhost


Amigo, onde você conseguiu fazer o download da versão 3.2?

obrigado.

[31] Comentário enviado por filipe_olivl em 28/11/2016 - 11:56h

Bom dia!
Estou fazendo a instalação do gnuteca com o banco de dados postgres.
Após digitar o comando dpkg -i gnuteca_3.3.8.deb o sistema pede que execute outros três comandos:

Crie a base com os seguintes comandos:
# createdb -Upostgres -Elatin1 --locale=POSIX -Ttemplate0 gnuteca3
# psql -Upostgres gnuteca3 -f /var/www/miolo25-gnuteca/modules/gnuteca3/misc/sql/dump_gnuteca3.sql
# psql -Upostgres gnuteca3 -f /var/www/miolo25-gnuteca/modules/gnuteca3/misc/sql/dump_gnuteca3_users.sql

No comando # psql -Upostgres gnuteca3 -f /var/www/miolo25-gnuteca/modules/gnuteca3/misc/sql/dump_gnuteca3_users.sql ele faz referência ao arquivo dump_gnuteca3_users.sql, que não se encontra no diretório especificado no comando e nem em nenhuma outro local do computador. Tentei procurar o arquivo na internet para donwload e também não está disponível...

Alguém poderia me ajudar?


Contribuir com comentário




Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner
Linux banner

Destaques

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts