GNU/Linux, querido software livre

Esse artigo traz alguns conceitos sobre Linux e software livre, tentando explicar um pouco como tudo aconteceu. É muito indicado para os marujos de primeira viagem que ainda não entendem muito bem toda essa nomenclatura da comunidade livre.

[ Hits: 10.231 ]

Por: Rodolfo Alves Pereira em 10/09/2004


O que é GNU?



GNU is Not Unix!


É um projeto de um sistema operacional baseado no padrão Unix (POSIX) com o objetivo de criar um sistema totalmente livre: O Sistema GNU.

O Unix


É um sistema operacional multitarefa e multiusuário, que roda em uma grande variedade de computadores. Uma das principais razões do seu grande sucesso é o equilíbrio entre sua produtividade e portabilidade.

O sistema operacional UNIX é dividido basicamente em duas partes. A primeira consiste nos aplicativos e serviços. A segunda consiste no núcleo do sistema (o kernel), o qual suporta esses serviços e aplicativos.

O Linux


Linus Torvalds, estudante de ciência da computação em uma universidade de seu país, Finlândia, iniciou o projeto do kernel inspirado no MINIX, um pequeno sistema baseado no UNIX, criado no MIT (Massachusetts Institute of Tecnology). O objetivo era criar um MINIX melhor. Depois de um tempo de trabalho, Linus enviou uma mensagem para um grupo de discussão na Internet sobre o MINIX, dizendo que estava desenvolvendo um sistema operacional similar, totalmente livre e dispondo os códigos fontes para ampla distribuição.

No dia 5 de Outubro de 1991, Linus anunciou a primeira versão oficial do Linux.

O nome Linux surgiu da mistura de Linus com Unix (LINUs + uniX = LINUX).

GNU/Linux


A Free Software Fondation (FSF - Fundação internacional de software livre) tinha o objetivo de criar um sistema operacional totalmente livre, mas um sistema compreende muito mais do que um kernel. Ele deve conter editores de texto, compiladores, interpretadores de comandos, aplicativos em geral entre outras ferramentas básicas que tornam um sistema operacional útil.

No entanto, a FSF precisava de um kernel para seu sistema e começaram a criar um, o Hurd, mas aproveitaram o Linux que tinha os mesmos objetivos.

Surgiu então o Sistema GNU/Linux, que vem cobrindo uma considerável quantidade de plataformas, sendo adotado por várias empresas e usuários em virtude de sua estabilidade, segurança e custo-benefício. Por isso é que, nos dias de hoje, vem crescendo cada vez mais.

Por que Software Livre?


Hoje, se dispusermos todo o código fonte como software livre, estaremos ajudando no desenvolvimento de lógicas e grandes sistemas. Assim, fica muito mais fácil para as pessoas interessadas ajudarem a desenvolver um programa ou um sistema, porque elas terão acesso aos códigos fontes. Ao passo que algumas empresas ao desenvolverem aplicativos e demais softwares, fecham seus códigos fontes, reduzindo as possibilidades no estudo de lógicas, de correções de aplicativos, de melhoramento de seus softwares e até do sistema operacional.

Liberdade


Software Livre é dotado de 4 tipos de liberdades:
  1. Executar o programa com qualquer propósito;
  2. Estudar como o programa funciona e adaptá-lo às suas necessidades;
  3. Redistribuir cópias do programa para que se possa ajudar os amigos, conhecidos, parentes, etc;
  4. Melhorar o programa, e distribuir suas melhorias para o público em geral, de maneira que toda comunidade possa se beneficiar disto.

Distribuições


Hoje o GNU/Linux é dotado de diversas distribuições, ESCOLHA A SUA:

   

Páginas do artigo
   1. O que é GNU?
Outros artigos deste autor
Nenhum artigo encontrado.
Leitura recomendada

Como criar pacotes para o Arch Linux

Instalando o OpenSuSE 11.2

Fazendo backup e recuperando a MBR e tabela de partições do HD

Linguagens de programação: o que são e quais existem?

Desmistificando o GNU/Linux

  
Comentários
[1] Comentário enviado por fabio em 10/09/2004 - 01:32h

"No dia 5 de Outubro de 1991, Linus anunciou a primeira versão oficial do Linux."

Adorei a data! 5 de Outubro é também é o meu aniversário, sendo assim, faço niver junto com o Linux :))))

[2] Comentário enviado por fabio em 10/09/2004 - 01:38h

Encontrei o post do Linus no Google. Quem quiser ler esse post do dia 5 de Outubro:
http://groups.google.com/groups?dq=&hl=en&group=comp.os.minix&as_drrb=b&as_mind=5&as_minm=10&as_miny...

[]'s

[3] Comentário enviado por engos em 10/09/2004 - 09:23h

A história do GNU/Linux é bem mais interessante do que isso, acho que você simplificou demais o artigo fazendo-o incompleto demais em detalhes importantes, mesmo para uma versão super básica dos fatos.

[4] Comentário enviado por faiper em 10/09/2004 - 13:35h



Recomendo a Leitura da Cartilha do PSL para que quiser aprofundar no tema ...
Versão HTML

http://twiki.im.ufba.br/bin/view/PSL/CartilhaSL

Versão PDF

http://twiki.im.ufba.br/pub/PSL/CartilhaSL/cartilha_v.1.1.pdf

[5] Comentário enviado por davidsonpaulo em 13/09/2004 - 12:19h

Segui o link do Fábio para o post original do Linus Torvalds anunciando o lançamento do Linux, e o que mais me chamou a atenção foi o nome do meio dele: Benedict. Isso mesmo, Linus Benedict Torvalds.
Aê galera! Não existem devotos de São Benedito? Agora pode ter os de San Benedict! ahahahahah (trocadilho infame, eu sei, mas não resisti)

mais um serviço de inutilidade pública... :D

[6] Comentário enviado por phinpho em 15/09/2004 - 22:05h

Ai pessoal, quando coloquei esse detalhe sobre a criação do Linux eu não quis detalhar mesmo...
mas sei que a história é muito mais empolgante...
eu li a Biografia de Linus Torvalds
(Só por prazer, Linux por Linus Torvalds e David Diamond, editora Campus)

[7] Comentário enviado por freakcode em 03/11/2005 - 17:50h

A ciência, a matemática e a física só chegaram ao estado atual porque os pesquisadores de ontem (ao menos a maioria) não esconderam suas descobertas e encorajaram os jovens a continuar as suas pesquisas.

E mesmo assim, existem pessoas que acham o modelo de desenvolvimento aberto menos confiável, pois qualquer um pode "bisbilhotar e modificar" o código.

Pura ignorância!


Contribuir com comentário




Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner
Linux banner
Linux banner

Destaques

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts