GIMP - Colocando um desenho de traços sobre outra superfície

Vejo muita gente sobrepondo desenhos de forma errada. Pra mim também demorou de cair a ficha, por isso estou escrevendo esse tutorial com detalhes, para mostrar como compor um desenho com uma outra imagem de forma mais elegante e passar alguns conceitos importantes sobre o GIMP.

[ Hits: 48.445 ]

Por: Aurélio A. Heckert em 23/11/2005


Bom uso e outras questões



Mas, porque criar uma nova camada em vez de simplesmente ancorar a seleção flutuante ao fundo?

Se o objetivo final já for encontrado no momento da colagem do desenho, beleza, mas imagine que você ainda queira testar cor, opacidade global, redimensionamento, posicionamento e uma mistura aleatória disso tudo (que faz parte do momento da criação). Bem, o mais interessante nesses casos é ter uma camada independente.

Exemplos:

Desenho em vermelho:


Desenho deslovado em azul:


Existem outros meios para chegar a esse fim?

Provavelmente... Invente um! :-)

Isso só pode ser feito a partir de desenhos de traços... e se eu quiser transformar uma foto para colocá-la como desenho em outra superfície?

Coloquei um passo-a-passo bem resumido na minha palestra de Arte Digital com Software Livre. No slide 14 tem a conversão de um gato em um desenho de traços.

Você não tinha feito uma animação com esse tutorial?

Sim! Está aqui:
Página anterior    

Páginas do artigo
   1. Apresentação e erro comum
   2. Passo-a-Passo
   3. Bom uso e outras questões
Outros artigos deste autor
Nenhum artigo encontrado.
Leitura recomendada

Instalando Compiz Fusion no Debian/Ubuntu

XGL no Slackware 10.2

Personalizando o tema do usplash nos Ubuntu-like

True3D*Shell: Um shell 3D e futurista para o seu GNU/Linux

Guia SSD no Linux: tudo que você precisa saber e o que precisa esquecer!

  
Comentários
[1] Comentário enviado por percival em 23/11/2005 - 08:44h

Parabéns, amigo, excelente o artigo. Eu fazia do jeito mais fácil mas, como você disse, o resultado final fica muito a desejar.

Vou começar a praticar do modo que você ensinou.

Até mais.

[2] Comentário enviado por hurakan em 23/11/2005 - 22:03h

Aureliano (que não é Buendia) você é o cara!!
ta sumido velho.. hehehe quando que vai dar outra
palestra de ART com o GIMP?

abraços!
tomate!

[3] Comentário enviado por Grobsch em 24/11/2005 - 08:10h

Bom artigo, é o GIMP fazendo sucesso e cada dia mais se mostrando uma ferramenta excelente...

Parabéns

[4] Comentário enviado por rgmmelo em 24/11/2005 - 19:12h

legal esse artigo!!

[5] Comentário enviado por lordello em 24/11/2005 - 20:50h

Ótimo artigo, ensina bem como usar a máscara de camada e repleto de telas, facilita ao usuário que não está acostumado com a interface do Gimp.
Só um detalhe, você poderia resumir o trabalho em três etapas:
- Abra a imagem do "papel velho" no Gimp
- Tente visualizar ao mesmo tempo a janela da imagem e a janela do navegador de arquivos (ex. nautilus), arraste o arquivo da "imagem do velho" em cima da janela do "papel velho". Nesse ponto você vai ver que o Gimp criou uma camada nova com o nome do "arquivo do velho".
- Agora vá na janela de camadas, tem um "menu de modo" onde você vê escrito "Normal". Clique nele e selecione "Multiplicar".
Pronto, o resultado será idêntico ao do artigo :-)

Você pode mudar a cor da camada apenas usando a ferramenta:
Camadas => Cores => Colorizar

Obs.: Não estou desmerecendo seu artigo, não entenda mal ok? O processo que você usou é excelente, eu uso sempre, mas para outras finalidades. Usando máscaras é possível fazer muita coisa no Gimp, as possibilidades são infinitas. Agora imagina só se você não aplicar a máscara de camada? Você poderia mexer nela depois, já tentou?
Faz o seguinte:
- Abra as duas imagens no Gimp (velho e papel)
- Arrume as janelas das imagems de forma que você veja "o velho", "o papel" e "a janela de camadas" ao mesmo tempo (isso e necessário em monitores de baixa resolução)
- Agora clique na "imagem do velho", de forma que na "janela de camadas" você vai ver "ícone do velho"
- Clique no "ícone do velho" e arraste em cima da "janela do papel"
- Agora é só botar a camada como "Multiplicar", mas se tiver com a máscara de camada não precisa do "Multiplicar".

Dicas: Para preencher a imagem com uma só cor, pressione Ctrl+, (controle mais vírgula) ou Ctrl+. (controle mais ponto). Essas funções estão no menu:
Editar => Preencher

Dica: O Gimp é todo "arrasta e solta", tudo nele pode ser arrastado de um lado pro outro, inclusive entre imagens. Cores, imagens, máscaras etc... não tenham medo de arrastar nada :-)

Muito boa essa cara, continue assim.

[6] Comentário enviado por freakcode em 24/11/2005 - 20:59h

Pra que tudo isso???

Use os efeitos de sobreposição, multiply ou burn você consegue o mesmo efeito...

Para quem quiser ver ÓTIMOS trabalhos de edição de fotos em GIMP...

http://freakcode.deviantart.com/gallery/

Não estou brincando! ;)

[7] Comentário enviado por gilvanfisico em 28/11/2005 - 00:22h

Valeu cara, continue postando artigo sobre o Gimp q não deixa nada a desejar ao photoshop, e ainda é de graça! Lordello, parabéns pelo seu comentário, pois é desse jeito q a comunidade crescerá, compartilhando conhecimento! vcs estão de parabéns! Gilvan!

[8] Comentário enviado por crodrigo22 em 01/08/2006 - 20:44h

vALEU MELHOR DO QUE MEXER NO FOTOSHOP ALIAS NUNCA CONSEGUI MEXER NAQUILO JA O GIMP EU FIZ ATÉ MONTAGEM DE FOTO , SHOW DE BOLA VALEU VOU TENTAR FAZER ESSE TAMBEM JA ATÉ SALVEI O VELHO.

[9] Comentário enviado por mechatronics em 05/11/2006 - 22:41h

veleu cara eu sou novo de uso com o gim mais com estas dicas q vc passou vai ficar bem melhor para aprender gimp

[10] Comentário enviado por TYR em 01/02/2007 - 19:13h

cara valeu mesmo muito bom esse tutorial. Me ajudou muito

[11] Comentário enviado por hra em 19/09/2008 - 09:30h

Muito bom. Eu gosto muito do gimp, já troquei o photoshop a muito tempo, e para minhas necessidades o gimp atendeu em 100%. Esse tipo de artigo me acrescenta conteúdo de qualidade, parabéns.


Contribuir com comentário