Distribuições GNU/Linux que você talvez nunca queira experimentar!

Reuni nesta lista, algumas distros GNU/Linux que, talvez, só são desenvolvidas por tempo livre. Desde distros para fãs de artistas, até distro para fundamentalistas, a lista é imensa.

[ Hits: 23.984 ]

Por: Murilo Augusto em 06/01/2014


Hannah Montana Linux / Ubuntu Satanic Edition



Hannah Montana Linux

Hannah Montana: uma série de TV americana sobre uma adolescente que leva uma vida dupla. Ela é uma aluna média de dia e uma famosa estrela pop, à noite.

Linux: um termo genérico que se refere a sistemas operacionais de computadores, baseados no kernel Linux.

Agora, em um evento raro e histórico, estes dois mundos se uniram para trazer uma nova era de esperança no mundo da informática. A todos, apresento o sistema operacional revolucionário: Hannah Montana Linux (HML) !

- Menino no meio da multidão: O que é Hannah Montana Linux?
- O Steve Jobs do Linux: Hannah Montana Linux é um sistema operacional Linux/Unix-like baseado no Kubuntu.
- Menina na multidão: O que é Linux?
- Garoto alto cutucando o nariz na multidão: O que é o Unix?
- Menino gordo com um sorvete: O que é Kubuntu? É um brinquedo novo ou um Gadget legal?
- Miley Cyrus (sim, ela está aqui!): O que é um sistema operacional? Espere ... o que eu estou fazendo aqui? Não é parte deste show? Duh!

Caso você esteja perguntando-se agora se Hannah Montana Linux realmente existe, HML é realmente uma distro baseada no Kubuntu com um tema da Hannah. De acordo com o FAQ no site, HML foi concebido para atrair jovens usuários de Linux.
Linux: Distribuições GNU/Linux que você talvez nunca queira experimentar!

Aqui, um trechinho da canção oficial:

  You get the best of both OS,s
  Run Windows, take it slow
  Then Linux rocks out the show
  You get the best of both OS,s
  Mix it all together and you know that it's the best of both OS,s
  The best of both OS,s
  You go to software premiers (is that Linus Torvalds?)

Ubuntu Satanic Edition

Tenho uma pergunta: Fãs de Satanás, realmente existem?

Não importa, passando ao tema principal, o Ubuntu Satanic Edition (USE) é uma distribuição Linux baseada no Ubuntu, focando o "lado negro" do Linux.

Ele foi criado em reação ao Ubuntu Christian Edition e desde então, recebeu muitas críticas.

A distribuição foi banida do DistroWatch e na Wikipédia.

Mesmo que ela tente popularizar o Linux dentro de um culto, a distro traz nada de especial para o Desktop, além de alguns temas sombrios e música Heavy Metal, licenciado em Creative Commons. O USE também tem sua própria loja online.
Linux: Distribuições GNU/Linux que você talvez nunca queira experimentar!


    Próxima página

Páginas do artigo
   1. Hannah Montana Linux / Ubuntu Satanic Edition
   2. Distros religiosas / Biebian
   3. Paldo Linux / Extras / Conclusão
Outros artigos deste autor

Virtual Tuning com GIMP

Leitura recomendada

Sony Ericsson k550i no Linux

QEMU - Para rodar Windows pré-instalado

Rede de telefonia móvel e a popularização da internet

Reaproveitamento e meio ambiente

Apache + SSL + PostgreSQL + Mod_auth_pgsql + PHP

  
Comentários
[1] Comentário enviado por vitorgatti em 06/01/2014 - 02:33h

Esse "chapéu de alumínio", até aonde sei, é usado por alguns malucos que dizem bloquear "leitores de mentes", como por exemplo aliens. Sim, é sério :P

[2] Comentário enviado por tiodocomputador em 06/01/2014 - 03:30h

Acreditem em mim, essa aqui definitivamente é a pior de todas: http://biebian.sourceforge.net/

[3] Comentário enviado por tiodocomputador em 06/01/2014 - 03:45h

Diz a lenda que a NSA tem equipamentos com tecnologia alienígena, capazes de ler as ondas cerebrais, saber oq vc está pensando e até assumir o controle da sua mente.
A única forma de evitar que seu cérebro seja hackeado e você se transforme num zumbi é cobrir a cabeća com papel alumínio (!?!).
Tem loko pra tudo, claro, mas parece que os criadores dessa distro queriam passar justamente essa idéia, sugerindo uma distribuićão Linux conectada no modo paranóia, se você precisar se comunicar com altíssima seguranća.
Como eu disse, tem loko pra tudo!

[4] Comentário enviado por a_carlos em 06/01/2014 - 10:16h

as distros hanna e justin não eram fake, uma brincadeira? quanto ao satanic, uma grande besteira terem-na tirado do distrowatch, a n ser q fosse outro fake.

em fim, há coisas mais úteis para nos preocupar...

[5] Comentário enviado por juniorxfce em 06/01/2014 - 10:38h

KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK

Stop Being a Gay http://biebian.sourceforge.net/Justin%20Bieber%20Linux_files/JBLad.png


[6] Comentário enviado por facb69 em 06/01/2014 - 11:04h

Na boa mas "Tenho uma pergunta: Fãs de Satanás, realmente existem? " nada tem a ver com o tópico ou com a distro.

A distro não tem nada a ver com satanismo ou qualquer religião mas sim com um estilo visual e de postura dark. Há distros "cristãs" que são normalmente aceitas. Por que uma "satânica" não é? Por que alguém não gosta?

A distro foi retirada da Distrowatch por opção dos mantenedores. Se alguém criasse uma variante da Distrowatch poderia remover as distros cristãs porque discorda da sua filosofia?

E a liberdade de escolha das pessoas? Onde está a filosofia de liberdade de escolha?

A SE nada mais é que o Ubuntu adaptado para temas escuros e que traz músicas de Heavy Metal gratuitas. Não vamos confundir as coisas. Religião não deve ter nada a ver com esse tipo de assunto.

Vamos falar de assuntos mais importantes e interessantes!

[7] Comentário enviado por removido em 06/01/2014 - 19:30h

É cada coisa nesse mundo... hahaha
Só tem um erro ai, o Satanás usa rWindows!!! ;)

[8] Comentário enviado por px em 06/01/2014 - 20:59h

O Satanás vende é rWindows e usa MAC KKKKKK

[9] Comentário enviado por ru4n em 07/01/2014 - 12:30h

Provavelmente esse Apartheid Linux foi criado pelos usuários do site StormFront; um site para nacionalistas brancos.
Infelizmente a Liberdade do Linux - referente a facilidade de "criar" distros - acaba prejudicando a própria imagem com essas distros repugnantes. Quem quer conhecer e aprender Linux, precisa pesquisar muito para descobrir as verdadeiras distros Linux. Quem pesquisa e acha essas distros como Hannah Montana, Bieber Linux, acaba achando que Linux é um SO para zueira, uma brincadeira de fim de semana. Por isso sou contra refisefuquis e essas baboseiras todas. Minha opinião.

[10] Comentário enviado por Teixeira em 07/01/2014 - 12:39h

Na boa mas "Tenho uma pergunta: Fãs de Satanás, realmente existem? " nada tem a ver com o tópico ou com a distro.

A distro não tem nada a ver com satanismo ou qualquer religião mas sim com um estilo visual e de postura dark. Há distros "cristãs" que são normalmente aceitas. Por que uma "satânica" não é? Por que alguém não gosta?

A distro foi retirada da Distrowatch por opção dos mantenedores. Se alguém criasse uma variante da Distrowatch poderia remover as distros cristãs porque discorda da sua filosofia?

E a liberdade de escolha das pessoas? Onde está a filosofia de liberdade de escolha?

A SE nada mais é que o Ubuntu adaptado para temas escuros e que traz músicas de Heavy Metal gratuitas. Não vamos confundir as coisas. Religião não deve ter nada a ver com esse tipo de assunto.

Vamos falar de assuntos mais importantes e interessantes!

Realmente a distro em si nada tem de "satanismo" porém quer atingir a um público de entusiastas do satanismo, talvez alguns adeptos de heavy metal mais para o lado "dark". Como se sabe, existe gosto para tudo.
Tem gente que é "fã" de Jesus, outros são "fãs" de Satanãs. Ou seja, apenas "curtem", sem entender realmente do assunto, ou sem a seriedade necessária.
Ubuntu pretende agradar a gregos e troianos, a cristãos e muçulmanos, e daí por diante.
E se a distro realmente existe (EXISTE, SIM), não vejo por que não ser mencionada no artigo.

[11] Comentário enviado por albfneto em 07/01/2014 - 18:50h

Olha, eu gostei! Favoritado e 10!
Traz distros estranhas e curiosas! muito legal!
até me interessei pelo Paldo, vou testar.
agora, Justin Bieber? Só Meninas e ainda, adolescentes! rsrsrsrsr

[12] Comentário enviado por chimico em 07/01/2014 - 22:29h

Favoritado! Só uma nota. Paldo tem um gerenciador de pacotes que se chama Upkg. Este tem habilidade de atualizar o sistema e instalar programas tanto com pacotes binários(fornecidos pelos servidores do projeto), quanto baixando fontes, compilando-os, gerando binários no cache e instalando-os. Seu gerenciamento pelos fontes é similar aos pkgbuilds do Arch e esta distro é otimizada, estável e muito rápida. Usa NPTL ao invés de linuxthreads, fornece poucas opções de programas que fazem a mesma tarefa. Seu desktop Gnome é bem configurado e polido. Já usei e a considero excelente, e no momento estou considerando voltar a usá-la como distro principal.

[13] Comentário enviado por juniorxfce em 08/01/2014 - 08:51h

BengaLinux GebaLinux Linux Serra Elétrica XD, momentos engraçados que só o Linux traz

[14] Comentário enviado por cromado em 15/01/2014 - 22:02h

No aguardo do:
"Distribuições GNU/Linux que você talvez nunca queira experimentar! PARTE 2"
kkkkkk

[15] Comentário enviado por lcavalheiro em 16/01/2014 - 19:53h


[10] Comentário enviado por Teixeira em 07/01/2014 - 12:39h:

Na boa mas "Tenho uma pergunta: Fãs de Satanás, realmente existem? " nada tem a ver com o tópico ou com a distro.

A distro não tem nada a ver com satanismo ou qualquer religião mas sim com um estilo visual e de postura dark. Há distros "cristãs" que são normalmente aceitas. Por que uma "satânica" não é? Por que alguém não gosta?

A distro foi retirada da Distrowatch por opção dos mantenedores. Se alguém criasse uma variante da Distrowatch poderia remover as distros cristãs porque discorda da sua filosofia?

E a liberdade de escolha das pessoas? Onde está a filosofia de liberdade de escolha?

A SE nada mais é que o Ubuntu adaptado para temas escuros e que traz músicas de Heavy Metal gratuitas. Não vamos confundir as coisas. Religião não deve ter nada a ver com esse tipo de assunto.

Vamos falar de assuntos mais importantes e interessantes!
Realmente a distro em si nada tem de "satanismo" porém quer atingir a um público de entusiastas do satanismo, talvez alguns adeptos de heavy metal mais para o lado "dark". Como se sabe, existe gosto para tudo.
Tem gente que é "fã" de Jesus, outros são "fãs" de Satanãs. Ou seja, apenas "curtem", sem entender realmente do assunto, ou sem a seriedade necessária.
Ubuntu pretende agradar a gregos e troianos, a cristãos e muçulmanos, e daí por diante.
E se a distro realmente existe (EXISTE, SIM), não vejo por que não ser mencionada no artigo.


Engraçado como o satanista aqui não se incomodou com o comentário no artigo ;-) Na verdade, a pergunta faz total sentido, já que um satanista que realmente entende do que fala pode muito bem ser confundido com um humanista hedonista que vê em Satã um arquétipo de personalidade, não uma imagem a ser idolatrada. Os fãs de Satanás são tão risíveis quanto o termo sugere, pois não passam de fanáticos sendo manipulados por outras pessoas em benefício destas últimas.

[16] Comentário enviado por Delusion em 17/01/2014 - 21:19h

Bom artigo! O engano é pensar que essas pessoas que desenvolveram essas distros não estão contribuindo com seus pacotes que, em toda a sua futilidade, só não tem público por falta de divulgação. Eu mesmo pretendo dar uma olhada na distro do satanás, em live-usb e, quem sabe eu não baixe algum tema, pacote, etc... :P
Muahahahahaaaaa!!!

[17] Comentário enviado por edersonhonorato em 01/02/2014 - 12:46h

Talvez fazer algo realmente importante do que essas futilidades...

É pra acabá....hehehe

[18] Comentário enviado por removido em 04/02/2014 - 23:40h

Hoje em dia criar distros é coisa de criança né...
Não exatamente!
O pessoal pega uma distro, vai lá personaliza e disponibiliza a imagem e acha que fez uma distro nova..
A gente, para né, distro mesmo é Slackware, Debian, Ubuntu, CentOS, Kurumim...
Agora essas que só mudam o tema, são apenas cópias de distros já existentes...

[19] Comentário enviado por removido em 19/03/2014 - 13:05h

Famosos refisefuquis. Mas admito, esses são muito engraçados hahahaha

[20] Comentário enviado por JFurio em 19/05/2014 - 09:36h

Realmente engraçados, eu até fiz a besteira de mostrar esse da Hannah Montana para minha afilhada e ela ficou louca (Tem 11 anos)!!!! MAS pelo menos, quem sabe, uma usuária linux mirim ! Não interessa a idade e nem como, o importante é começar e se interessar pelo novo!

[21] Comentário enviado por removido em 09/04/2015 - 01:42h


kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk!Se eu criasse uma distro e alguem a transformasse em bieber seila o que eu processava (y)
A liberdade indocil e domada pela propria desgraça -William Shakespeare


Contribuir com comentário




Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner
Linux banner
Linux banner

Destaques

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts