Conexões Wireless com DHCP no Slackware - Configuração à moda antiga

Este artigo explica como configurar uma ou mais conexões Wireless com DHCP no Slackware usando o melhor GUI de configuração já inventado: o Vi.

[ Hits: 46.410 ]

Por: Luís Fernando C. Cavalheiro em 22/02/2013 | Blog: https://github.com/lcavalheiro/


Conhecendo o monstro: /etc/rc.d/rc.inet1.conf



O primeiro passo é entender como o Slackware gerencia as conexões de rede.

Entre seus scripts de inicialização, todos localizados no diretório /etc/rc.d, encontraremos o "rc.inet1", responsável por gerenciar as interfaces de rede do computador.

A primeira coisa que este script faz é ler as informações do arquivo /etc/rc.d/rc.inet1.conf - o que é muito conveniente para o nosso caso, pois este arquivo é uma lista de variáveis que são carregadas pelo script e processadas de acordo.

Eu poderia ser um chato de galochas e colar o /etc/rc.d/rc.inet1.conf aqui, inteirinho. É claro, minha mãe em momento algum de sua vida seria mais lembrada. Como eu tenho bom senso (claro que tenho, eu uso Slackware!), prefiro postar isto aqui:
Neste endereço, o tio Eric (também conhecido como Alien BOB) disponibilizou na íntegra o conteúdo de um "rc.inet1.conf" (virgem). Este arquivo é editado pelo comando netconfig, portanto, a primeira regra de ouro:

* SE UM DIA VOCÊ RODAR O COMANDO netconfig, PRECISARÁ EDITAR NOVAMENTE ESTE ARQUIVO.

Após esta ressalva, vamos ver um pouquinho sobre a configuração das interfaces cabeadas (eth0, eth1, etc):

# Config information for eth0:
IPADDR[0]=""
NETMASK[0]=""
USE_DHCP[0]=""
DHCP_HOSTNAME[0]=""

# Config information for eth1:
IPADDR[1]=""
NETMASK[1]=""
USE_DHCP[1]=""
DHCP_HOSTNAME[1]=""

# Config information for eth2:
IPADDR[2]=""
NETMASK[2]=""
USE_DHCP[2]=""
DHCP_HOSTNAME[2]=""

# Config information for eth3:
IPADDR[3]=""
NETMASK[3]=""
USE_DHCP[3]=""
DHCP_HOSTNAME[3]=""

# Default gateway IP address:
GATEWAY=""

# Change this to "yes" for debugging output to stdout. Unfortunately,
# /sbin/hotplug seems to disable stdout so you'll only see debugging output
# when rc.inet1 is called directly.

DEBUG_ETH_UP="no"

Se você não for usar sua interface cabeada, deixe esta parte do arquivo exatamente como você vê aqui no artigo. Do contrário, apenas se dê ao trabalho de alterar o "USE_DHCP" correspondente à porta que lhe interessa (eth0, eth1, etc.) para: "yes".

O número que aparece entre os colchetes é importante. Por meio dele o script "rc.inet1" busca ao longo do arquivo para reconhecer quais interfaces precisará configurar. Isso vai ser mais importante quando analisarmos o caso da criptografia WEP.

Página anterior     Próxima página

Páginas do artigo
   1. Introdução
   2. Conhecendo o monstro: /etc/rc.d/rc.inet1.conf
   3. Configurando a conexão Wireless usando criptografia WPA
   4. Configurando a conexão Wireless usando criptografia WEP
   5. Conclusão
Outros artigos deste autor

Empacotando Cliente Copy no Slackware - Como ganhar 20 GB de armazenamento em nuvem

Emulador Mednafen - Instalação e configuração

Guia Pós-Instalação do Slackware - edição 2015

Claws Mail: o cliente de correio eletrônico que morde!

Instalação e configuração do QEMU + AQEMU no Slackware

Leitura recomendada

Monitorando Rede com Zabbix no Debian 7

Configurações Básicas no CentOS 7

PABX IP Asterisk - Instalação no Debian/Ubuntu

Montagem de um cluster com o MOSIX

Nagios enviando alertas via WhatsAPP

  
Comentários
[1] Comentário enviado por danniel-lara em 22/02/2013 - 18:11h

Parabéns pelo Artigo , muito bom mesmo
ficou bem Bagual mesmo

[2] Comentário enviado por viniciusalmeida em 22/02/2013 - 21:32h

Professor, excelente artigo.
Quando instalei o slack, tive que 'invocar os seiscentos e sessenta e seis nomes do Príncipe dos Planos Inferiores' pq minha net não configurava com o wicd nem com o NetworkManager (com o sabayon deu o mesmo problema). Unica solução: reaprender como configurava a net pelo terminal.

A parte de configurar mais de um wep vou testar, se der ai vai ser sucesso mesmo. :)

Parabéns.

[3] Comentário enviado por xerxeslins em 22/02/2013 - 21:39h

muito bom mesmo. favoritado.
um manual didático e bem útil!

[4] Comentário enviado por lcavalheiro em 22/02/2013 - 23:55h


[1] Comentário enviado por danniel-lara em 22/02/2013 - 18:11h:

Parabéns pelo Artigo , muito bom mesmo
ficou bem Bagual mesmo


Valeu o elogio, Daniel!


[2] Comentário enviado por viniciusalmeida em 22/02/2013 - 21:32h:

Professor, excelente artigo.
Quando instalei o slack, tive que 'invocar os seiscentos e sessenta e seis nomes do Príncipe dos Planos Inferiores' pq minha net não configurava com o wicd nem com o NetworkManager (com o sabayon deu o mesmo problema). Unica solução: reaprender como configurava a net pelo terminal.

A parte de configurar mais de um wep vou testar, se der ai vai ser sucesso mesmo. :)

Parabéns.


Obrigado, Vinicius! Eu lembro do seu caso - que na verdade foi o que me motivou a escrever o artigo.


[3] Comentário enviado por xerxeslins em 22/02/2013 - 21:39h:

muito bom mesmo. favoritado.
um manual didático e bem útil!


Obrigado, Xerxes! A idéia é permitir que qualquer um consiga usar o Slack, distro que de difícil só tem a fama ;-)

[5] Comentário enviado por zezaocapoeira em 23/02/2013 - 07:47h

Salve lcavalheiro . Obrigado por nos brindar ,com este excelente artigo . Cara venho aprendendo muito com o pessoal do VOL , agradeço por ter pessoas como você que compartilhem seus conhecimentos e experiências sobre o linux !!!

[6] Comentário enviado por izaias em 23/02/2013 - 09:09h

Mas pela GUI é tão mais fácil.... rs


Excelente artigo!
Rapaz, é muito bom aprender métodos de configurações em modo texto.
Aprende-se muito mais sobre Linux.


Parabéns, Luís!

(Um artigo assim, só poderia ser de dinossauro mesmo! rs)

[7] Comentário enviado por lcavalheiro em 23/02/2013 - 13:40h


[6] Comentário enviado por izaias em 23/02/2013 - 09:09h:
Mas pela GUI é tão mais fácil.... rs


Realmente, pela melhor GUI de todos os tempos (o vi) é muito mais fácil configurar qualquer coisa ;-)


[6] Comentário enviado por izaias em 23/02/2013 - 09:09h:

Excelente artigo!
Rapaz, é muito bom aprender métodos de configurações em modo texto.
Aprende-se muito mais sobre Linux.


Parabéns, Luís!

(Um artigo assim, só poderia ser de dinossauro mesmo! rs)


Obrigado pelo elogio, Izaías. A idéia de se fazer a configuração na mão no Slackware se deve mais ao fato do modo texto ser o padrão, e que ainda existe gente que se resolve mais no texto do que no X.

[8] Comentário enviado por lcavalheiro em 23/02/2013 - 13:43h


[5] Comentário enviado por zezaocapoeira em 23/02/2013 - 07:47h:

Salve lcavalheiro . Obrigado por nos brindar ,com este excelente artigo . Cara venho aprendendo muito com o pessoal do VOL , agradeço por ter pessoas como você que compartilhem seus conhecimentos e experiências sobre o linux !!!


Valeu o elogio, meu querido! De fato, é muito importante a gente registrar esse tipo de informação, vai que pra alguma pessoa possa ser útil, né?

[9] Comentário enviado por Arthur_Hoch em 23/02/2013 - 15:45h

Muito bom, vai ajudar um grande numero de usuários que tem problemas, em configurar sua net com o Wicd ou NetworkManager.
Tudo fica mais legal sem o X.

[10] Comentário enviado por lcavalheiro em 23/02/2013 - 20:32h


[9] Comentário enviado por Arthur_Hoch em 23/02/2013 - 15:45h:

Muito bom, vai ajudar um grande numero de usuários que tem problemas, em configurar sua net com o Wicd ou NetworkManager.
Tudo fica mais legal sem o X.


Sim, sim... Só na semana em que eu comecei a escrever forma cinco com problemas com o Wicd ou o NM.

[11] Comentário enviado por azk4n em 24/02/2013 - 01:45h

Excelente artigo, Luís!
Eu, particularmente, sempre busco a solução de um problema no modo texto....
Nunca dei sorte com GUI's de configuração.... nunca foram confiáveis.
E cá entre nós, o modo texto é muito mais insano! rs rs rs

* como slacker convicto, devo reconhecer que nossa distribuição é uma das melhores (p/ mim a melhor) no princípio 'faça você mesmo'.

[12] Comentário enviado por lcavalheiro em 24/02/2013 - 02:01h


[11] Comentário enviado por ask4n em 24/02/2013 - 01:45h:

Excelente artigo, Luís!
Eu, particularmente, sempre busco a solução de um problema no modo texto....
Nunca dei sorte com GUI's de configuração.... nunca foram confiáveis.
E cá entre nós, o modo texto é muito mais insano! rs rs rs

* como slacker convicto, devo reconhecer que nossa distribuição é uma das melhores (p/ mim a melhor) no princípio 'faça você mesmo'.


Rapaz, o Slack deveria ser a porta de entrada para o GNU / Linux. É uma distro que te ensina a pensar e a não confiar em um programa de configuração.

[13] Comentário enviado por enricolo4 em 25/02/2013 - 01:25h

Nesse caso a configuração para o WPA2 seria a mesma? Eu sempre tenho problemas com WPA2, com WPA e WEP funcionam numa boa, mas WPA2 eu nunca consigo.
Tem algum macete para ele?

[14] Comentário enviado por lcavalheiro em 25/02/2013 - 10:51h


[13] Comentário enviado por enricolo4 em 25/02/2013 - 01:25h:

Nesse caso a configuração para o WPA2 seria a mesma? Eu sempre tenho problemas com WPA2, com WPA e WEP funcionam numa boa, mas WPA2 eu nunca consigo.
Tem algum macete para ele?


A princípio funciona da mesma forma. O wpa_supplicant consegue lidar com o WPA2.

[15] Comentário enviado por thiagomiranda3 em 25/02/2013 - 13:12h

Obrigado pelo artigo, mto bom. Apesar de que você mesmo ja tinha me dado a dica de configuração do WPA.
O único problema dessa forma em relação a GUI é que você não consegue saber quais pontos de acesso existem no local.
Caso exista me ensine por favor hahaha.

[16] Comentário enviado por lcavalheiro em 26/02/2013 - 10:59h


[15] Comentário enviado por thiagomiranda3 em 25/02/2013 - 13:12h:

Obrigado pelo artigo, mto bom. Apesar de que você mesmo ja tinha me dado a dica de configuração do WPA.
O único problema dessa forma em relação a GUI é que você não consegue saber quais pontos de acesso existem no local.
Caso exista me ensine por favor hahaha.


Roda
# iwlist wlan0 ap

[17] Comentário enviado por Jvek em 05/03/2013 - 11:49h

Cara bom artigo,.. só uma obs:

Em quase todos os casos; até mesmo p/ placas configuradas com o uso do ndiswrappe, dá p/ utilizar o driver [wext]; mas em placas com chipset Atheros (que é o meu caso), no arquivo /etc/rc.d/rc.inet1.conf ao invés de [wext] tu coloca [madwifi].

Abrçs. Parabéns pelo artigo!

[18] Comentário enviado por lcavalheiro em 05/03/2013 - 11:51h


[17] Comentário enviado por Jvek em 05/03/2013 - 11:49h:

Cara bom artigo,.. só uma obs:

Em quase todos os casos; até mesmo p/ placas configuradas com o uso do ndiswrappe, dá p/ utilizar o driver [wext]; mas em placas com chipset Atheros (que é o meu caso), no arquivo /etc/rc.d/rc.inet1.conf ao invés de [wext] tu coloca [madwifi].

Abrçs. Parabéns pelo artigo!


Obrigado pela informação, amigo! Eu nunca tive uma Atheros, então não sabia disso.

[19] Comentário enviado por Arthur_Hoch em 10/03/2013 - 17:19h

Bom eu fiz diferente.
Editei esse arquivo:
# sensible-editor /etc/network/interfaces

E adicionei as seguintes linhas nele:
auto wlan0
iface wlan0 inet dhcp
wpa-ssid meuwifi
wpa-psk minhasenha

Depois
# ifup wlan0

Achei mais simples aqui tem um tutorial, para o Debian, mas creio que funciona para as demais distribuições:

[20] Comentário enviado por lcavalheiro em 13/03/2013 - 10:44h


[19] Comentário enviado por Arthur_Hoch em 10/03/2013 - 17:19h:

Bom eu fiz diferente.
Editei esse arquivo:
# sensible-editor /etc/network/interfaces
E adicionei as seguintes linhas nele:
auto wlan0
iface wlan0 inet dhcp
wpa-ssid meuwifi
wpa-psk minhasenha
Depois
# ifup wlan0
Achei mais simples aqui tem um tutorial, para o Debian, mas creio que funciona para as demais distribuições:
http://wiki.debian.org/WiFi/HowToUse#wpa_supplicant


Boa! Esse método eu não conhecia!

[21] Comentário enviado por Arthur_Hoch em 13/03/2013 - 14:55h


[20] Comentário enviado por lcavalheiro em 13/03/2013 - 10:44h:


[19] Comentário enviado por Arthur_Hoch em 10/03/2013 - 17:19h:

Bom eu fiz diferente.
Editei esse arquivo:
# sensible-editor /etc/network/interfaces
E adicionei as seguintes linhas nele:
auto wlan0
iface wlan0 inet dhcp
wpa-ssid meuwifi
wpa-psk minhasenha
Depois
# ifup wlan0
Achei mais simples aqui tem um tutorial, para o Debian, mas creio que funciona para as demais distribuições:
http://wiki.debian.org/WiFi/HowToUse#wpa_supplicant

Boa! Esse método eu não conhecia!


Olha só o que aconteceu, comigo depois desta.
http://migre.me/dETSz

Pensei que você sabia.

[22] Comentário enviado por lcavalheiro em 17/03/2013 - 14:09h


[21] Comentário enviado por Arthur_Hoch em 13/03/2013 - 14:55h:


[20] Comentário enviado por lcavalheiro em 13/03/2013 - 10:44h:


[19] Comentário enviado por Arthur_Hoch em 10/03/2013 - 17:19h:

Bom eu fiz diferente.
Editei esse arquivo:
# sensible-editor /etc/network/interfaces
E adicionei as seguintes linhas nele:
auto wlan0
iface wlan0 inet dhcp
wpa-ssid meuwifi
wpa-psk minhasenha
Depois
# ifup wlan0
Achei mais simples aqui tem um tutorial, para o Debian, mas creio que funciona para as demais distribuições:
http://wiki.debian.org/WiFi/HowToUse#wpa_supplicant

Boa! Esse método eu não conhecia!

Olha só o que aconteceu, comigo depois desta.
http://migre.me/dETSz

Pensei que você sabia.


Esse método é o mais comum nas Debian-like, por isso eu não esperava que funcionasse no Slack. Bem, funcionou e é isso que importa.

[23] Comentário enviado por phoemur em 28/04/2013 - 12:32h

Outra coisa que é muito importante dizer é que é necessário desabilitar o daemon do network manager (quem usa) pra funcionar com o rc.inet1:

# /etc/rc.d/rc.networkmanager stop
# chmod -x /etc/rc.d/rc.networkmanager

Digo isso pois o daemon do networkmanager já inicia o wpa_supplicant pra ficar escutando e daí o rc.inet1 não vai conseguir fazer a conexão por causa do PID lock do wpa_supplicant que já está sendo executado.
Já o rc.wireless tem que estar habilitado se não não funciona também....

Abraços

[24] Comentário enviado por sarria em 27/03/2014 - 19:22h

Não consigo fazer funcionar.
(Dell Inspiron N4050)
(Slackware 64 - 14.1)

#lspci -k | grep -i wireless -A 2
09:00.0 Network Controler: Atheros Comunications Inc. AR9285 Wireless Network Adapter (PCI-Express) (rev 01)
Subsystem: Dell Wireless 1702 802.11bgn Half-size Mini PCIe Card [AR9002WB-1NGCD]
Kernel drive in use: ath9k
Kernel modules: ath9k

Já editel o wpa_supplicant.conf e rc.inet1.conf como acima descrito.
Dei premissão de execução para o rc.wireless e tirei do rc.networkmanager

Quando rodo os comandos:

#dhclient -r wlan0
#/etc/rc.d/rc.inet1 stop
#/etc/rc.d/rc.inet1 start
/etc/rc.d/rc.inet1: wlan0 information: 'Any ESSID'
Error for wireless request "Set Nickname" (8B1C) :
SET failed on device wlan0 ; Operation not supported.
Successfully initialized wpa_supplicant

[25] Comentário enviado por Alevian em 08/02/2015 - 14:25h

Estou com o mesmo problema reportado por sarria (em março de 2014).
Como minha placa é Atheros, estou usando ath9, em vez de wext, mas já tentei de todos os jeitos!
O fato é que a rede sem fio não funciona.

[26] Comentário enviado por DASC em 22/05/2017 - 21:40h

Senhores, boa noite.
Estou com um problema que ao meu ver é sério pois não consigo resolver.
Meu note é um lenovo t61 e no Kinfocenter minha placa está reconhecida, ( PRO/Wireless 4965 AG ordem AGN [kedron]) como wlan0.
Fiz os passos acima, mudei o meu rc.inet1.conf, usando conforme o padrão de configuração wap, mas mesmo assim não funcionou.
Não sei o que é!
Quando dou o comando rc.inet1 start volta o seguinte:


Polling for DHCP server on interface eth0:
eth0: waiting for carrier
timed out
dhcpcd exited
/etc/rc.d/rc.inet1: wlan0 information: 'AnyESSID'
Error for wireless request "Set Nickname" (8B1C) :
SET failed on device wlan0; Operation not supported.
Polling for DHCP server on interface wlan0:
wlan0: adding address fe80: :6ab6: 72d9: 770c: a2d7
wlan0: waiting for carrier
timed out
dhcpcd exited

Se alguém puder me ajudar e me dar uma luz, eu agradeço.
Sou iniciante no Linux, gosto muito do slackware e estou usando o último.
Preciso de ajuda e não estou conseguindo identificar onde estou errando.
Estou usando o root pra configurar e direto no terminal, mesmo usando os modos gráficos.

Desde já agradeço.

DASC


Contribuir com comentário




Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner
Linux banner
Linux banner

Destaques

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts