Burg - Gerenciador de Boot

Nesse artigo, veremos como instalar o Burg, Gerenciador de Boot no Arch Linux, no Debian e em toda a família Debian-
like.

[ Hits: 24.141 ]

Por: edps em 09/02/2012 | Blog: https://edpsblog.wordpress.com/


Arch Linux



Como todos sabem, também sou usuário do Arch Linux, e para instalar o Burg no Arch, também é fácil.

* Como será visto nos passos a seguir, a utilização do Burg no Arch Linux teve seus percalços. Existem riscos, e se você não está disposto a correr risco, esqueça-o!

Para instalar o Burg, basta que se adicione o repositório abaixo no arquivo "/etc/pacman.conf" (apenas substituindo 'i686' por 'x86_64', se for o caso):

[burg]
# Burg bootloader repo
# More info : http://archydeb.wordpress.com/

Server = http://dl.dropbox.com/u/11529444/repos/archlinux/burg/i686


Depois de salvar e fechar o arquivo, executem:

sudo pacman -Syy
$ sudo pacman -S burg-emu burg-manager burg-themes burg-themes-extras


Nota adicional (importante!):

- O estranho, é que antes de executar o comando 'update-burg' ou 'burg-mkconfig -o /boot/burg/burg.cfg', tive que gravá-lo num dispositivo (optei pelo "/dev/sdb") e escolha qual dos 2 primeiros comandos será utilizado ('update-burg' ou 'burg-mkconfig -o /boot/burg/burg.cfg'), optei pelo mais completo:

sudo burg-install /dev/sdb
$ sudo burg-mkconfig -o /boot/burg/burg.cfg
Linux: Burg - 
Gerenciador de Boot

Linux: Burg - 
Gerenciador de Boot
Como visto na imagem acima, as distros instalados foram reconhecidas. Feito isso, se quiserem, editem o arquivo "/etc/default/burg" (adicionei apenas a opção: vga=791):
Linux: Burg - 
Gerenciador de Boot

* Interessante também, é alterar a linha:

GRUB_GFXMODE=saved


Para a resolução de tela pretendida (aqui: 1024x768):

GRUB_GFXMODE=1024x768


** Isso evita a tela totalmente preta e a mensagem: 'Fora de escala'.

Caso queiram, verifiquem o arquivo de configuração criado, o "/boot/burg/burg.cfg":
Linux: Burg - 
Gerenciador de Boot

- Possível problema

Este Burg, diferentemente do que instalei no Debian e no Chakra, reconheceu e criou as configurações dos dispositivos não baseando-se nas UUIDs dos mesmos e sim por suas denominações ("/dev/sda", "/dev/sdb", etc). Assim:

menuentry "Arch Linux, with Linux linux (on /dev/sdb7)" --class arch --class os --group group_/dev/sdb7 {
savedefault
insmod ext2
set root='(/dev/sdb,7)'
search --no-floppy --fs-uuid --set 1939859a-0b1c-41e0-a936-96564d862c87
linux /boot/vmlinuz-linux root=UUID=1939859a-0b1c-41e0-a936-96564d862c87 ro quiet vga=773
initrd /boot/initramfs-linux.img
}


* Este modelo acima, pode ser usado para qualquer distro instalada, excetuando-se as identificações da mesmas, nomes e UUIDS dos dispositivos e opções utilizadas.

* Se necessário, adicionem as entradas em "/etc/burg.d/40_custom" e executem um dos comandos abaixo:

sudo update-burg

Ou:

sudo burg-mkconfig -o /boot/burg/burg.cfg

E, ei-lo:
Linux: Burg - 
Gerenciador de Boot

Linux: Burg - 
Gerenciador de Boot

Referências


Do VOL:
Publicado em meu Blog:
Até o próximo!
Página anterior    

Páginas do artigo
   1. No Debian e derivados
   2. Imagens
   3. Arch Linux
Outros artigos deste autor

Instalação do Java da Oracle em distros Debian-like

MATE Desktop 1.16.0 [GTK3] no Slackware

Sabayon CoreCDX FluxBox 5.3, excelente!

Arno Iptables Firewall (poderoso e simples)

Debian NetInstall: instalação personalizada

Leitura recomendada

Guia de preparação para LPI

Tunning do KDM theme

Por que uso Linux?

GNU/Linux, um projeto de sucesso (parte 1)

Descartando Séries no Slackware não tão Necessárias

  
Comentários
[1] Comentário enviado por levi linux em 09/02/2012 - 11:01h

Muito bom, não conhecia esse boot loader. Gostaria de saber, quanto ao desempenho, há alguma melhoria? Favoritado!

[2] Comentário enviado por removido em 09/02/2012 - 12:21h

ai ai ai ai ai, ui ui ui ui ui,
oi oi oi oi oi, ei ei ei ei ei,
o edps é nosso rei!!!

uma máquina de escrever artigos!
;-))

[3] Comentário enviado por removido em 09/02/2012 - 18:41h

@levi, o Burg já fora apresentado aqui pelo nobre ACV, esse engraçadinho aí que postou depois de você rsrsrs:

http://www.vivaolinux.com.br/artigo/Grub-animado-no-Ubuntu-BURG-nele

Quanto ao desempenho é o mesmo que o Grub só que é mais bunitinho, e por exemplo, ao alterar o tema ou resolução na tela do Burg, no próximo reboot essas alterações serão mantidas sem que seja necessário alterar quanquer arquivo.

@ACV meu estimado colega (e um dos meus gurus) no tempo que me mantive de fora do VOL, já está na hora de voltar a compartilhar seu conhecimento aqui, pois seu repertório diferentemente do meu é bem mais vasto.

Obrigado pelos comentários.

[4] Comentário enviado por levi linux em 09/02/2012 - 20:44h

Grande edps, obrigado pelos esclarecimentos. Fiz a pergunta, pois recentemente troquei o Lilo pelo Grub no meu Slack e o desempenho ficou ligeiramente melhor em relação ao tempo de boot.

[5] Comentário enviado por izaias em 09/02/2012 - 23:53h

Usei o BURG no Lucid.

Segui o artigo do AC: http://www.vivaolinux.com.br/artigo/Grub-animado-no-Ubuntu-BURG-nele

Não atrapalha em nada o desempenho do Boot.
Muito bom!

Parabéns brother!!!

[6] Comentário enviado por crf-rafa em 10/02/2012 - 00:44h

Eu ia perguntar justamente do desempenho izaias (:

Mto bom artigo edps!

[7] Comentário enviado por alvesueliton em 23/02/2015 - 15:25h

ahn... Funfa em Unidade GPT? Quero dizer... funciona com sistemas UEFI?

[8] Comentário enviado por andrelds em 14/04/2015 - 13:38h


No Arch 2015 a instalação continua igual?

[9] Comentário enviado por edps em 14/04/2015 - 15:00h


[8] Comentário enviado por andrelds em 14/04/2015 - 13:38h

No Arch 2015 a instalação continua igual?


Rapaize faz muito tempo que não uso Arch Linux, mas respondendo a sua pergunta: TUDO MUDOU!

O repositório indicado na época deste artigo não é mais mantido, então se quiser instalá-lo terá que ser feito via AUR:

https://wiki.archlinux.org/index.php/BURG#Installation

$ packer|yaourt -S burg-bios-bzr burg-themes
ou
$ packer|yaourt -S burg-efi-x86_64-bzr burg-themes ### PCs com boot UEFI, cujo pacote inclusive está com a flag ou-of-date

Ou na unha baixando os arquivos:

https://aur.archlinux.org/packages/bu/burg-bios-bzr/burg-bios-bzr.tar.gz
https://aur.archlinux.org/packages/bu/burg-themes/burg-themes.tar.gz
https://aur.archlinux.org/packages/bu/burg-efi-x86_64-bzr/burg-efi-x86_64-bzr.tar.gz

Descompactando, entrando no diretório e executando:

$ makepkg -si

good luck muchacho!

[10] Comentário enviado por andrelds em 17/04/2015 - 19:48h


[9] Comentário enviado por edps em 14/04/2015 - 15:00h


[8] Comentário enviado por andrelds em 14/04/2015 - 13:38h

No Arch 2015 a instalação continua igual?

Rapaize faz muito tempo que não uso Arch Linux, mas respondendo a sua pergunta: TUDO MUDOU!

O repositório indicado na época deste artigo não é mais mantido, então se quiser instalá-lo terá que ser feito via AUR:

https://wiki.archlinux.org/index.php/BURG#Installation

$ packer|yaourt -S burg-bios-bzr burg-themes
ou
$ packer|yaourt -S burg-efi-x86_64-bzr burg-themes ### PCs com boot UEFI, cujo pacote inclusive está com a flag ou-of-date

Ou na unha baixando os arquivos:

https://aur.archlinux.org/packages/bu/burg-bios-bzr/burg-bios-bzr.tar.gz
https://aur.archlinux.org/packages/bu/burg-themes/burg-themes.tar.gz
https://aur.archlinux.org/packages/bu/burg-efi-x86_64-bzr/burg-efi-x86_64-bzr.tar.gz

Descompactando, entrando no diretório e executando:

$ makepkg -si

good luck muchacho!


Deu certo, valeu :D
Só algumas duvidas:
Agora que tenho o BURG, removo o grub?
Quando for fazer uma instalação limpa, posso instalar somente o GRUB?
Como eu retiro as entradas:
Arch Linux 3.19-3
Arch Linux recovery 3.19-3
Arch Linux fallback 3.19-3
Windows Vista(sda1)

e deixo assim:
Windows 7 (Selecionado por padrao)
Arch Linux

[11] Comentário enviado por edps em 17/04/2015 - 21:04h


[10] Comentário enviado por andrelds em 17/04/2015 - 19:48h


[9] Comentário enviado por edps em 14/04/2015 - 15:00h


[8] Comentário enviado por andrelds em 14/04/2015 - 13:38h

No Arch 2015 a instalação continua igual?

Rapaize faz muito tempo que não uso Arch Linux, mas respondendo a sua pergunta: TUDO MUDOU!

O repositório indicado na época deste artigo não é mais mantido, então se quiser instalá-lo terá que ser feito via AUR:

https://wiki.archlinux.org/index.php/BURG#Installation

$ packer|yaourt -S burg-bios-bzr burg-themes
ou
$ packer|yaourt -S burg-efi-x86_64-bzr burg-themes ### PCs com boot UEFI, cujo pacote inclusive está com a flag ou-of-date

Ou na unha baixando os arquivos:

https://aur.archlinux.org/packages/bu/burg-bios-bzr/burg-bios-bzr.tar.gz
https://aur.archlinux.org/packages/bu/burg-themes/burg-themes.tar.gz
https://aur.archlinux.org/packages/bu/burg-efi-x86_64-bzr/burg-efi-x86_64-bzr.tar.gz

Descompactando, entrando no diretório e executando:

$ makepkg -si

good luck muchacho!

Deu certo, valeu :D
Só algumas duvidas:
Agora que tenho o BURG, removo o grub?
Quando for fazer uma instalação limpa, posso instalar somente o GRUB?
Como eu retiro as entradas:
Arch Linux 3.19-3
Arch Linux recovery 3.19-3
Arch Linux fallback 3.19-3
Windows Vista(sda1)

e deixo assim:
Windows 7 (Selecionado por padrao)
Arch Linux


Você poderia informar qual dos métodos que indiquei você seguiu? assim eu posso enviar uma MP ao VOL pedindo a alteração no artigo.

Sobre a pergunta acerca da remoção do GRUB isso aí é pessoal, vai de você a decisão. Quanto a instalar do zero não é o GRUB que usamos ou você usa o syslinux?

E sobre retirar as entradas, a RECOVERY você faz desabilitando uma linha em /etc/default/burg, o melhor pro seu caso já que não uso mais o Arch Linux ou o Burg é abrir um post no fórum.

[]'s

[12] Comentário enviado por andrelds em 18/04/2015 - 00:10h


Você poderia informar qual dos métodos que indiquei você seguiu? assim eu posso enviar uma MP ao VOL pedindo a alteração no artigo.

Sobre a pergunta acerca da remoção do GRUB isso aí é pessoal, vai de você a decisão. Quanto a instalar do zero não é o GRUB que usamos ou você usa o syslinux?

E sobre retirar as entradas, a RECOVERY você faz desabilitando uma linha em /etc/default/burg, o melhor pro seu caso já que não uso mais o Arch Linux ou o Burg é abrir um post no fórum.

[]'s


Foi mal, eu escrevi errado:
A pergunta certa era: Em uma instalação limpa posso usar apenas o BURG ele não depende do GRUB para funcionar?

Sobre o método que eu fiz esse:

# yaourt -S burg-bios-bzr burg-themes

E segui o resto do seu tutorial da pagina 3
:)

Reiniciei e apareceu as opções para escolher o theme e a resolução.

Só que a resolução máxima que tinha lá era 1024 x 768...
tentei forçar a minha resolução como na sua dica. Para 1366 x 768 mas não deu.

[13] Comentário enviado por edps em 18/04/2015 - 00:25h


[12] Comentário enviado por andrelds em 18/04/2015 - 00:10h


Você poderia informar qual dos métodos que indiquei você seguiu? assim eu posso enviar uma MP ao VOL pedindo a alteração no artigo.

Sobre a pergunta acerca da remoção do GRUB isso aí é pessoal, vai de você a decisão. Quanto a instalar do zero não é o GRUB que usamos ou você usa o syslinux?

E sobre retirar as entradas, a RECOVERY você faz desabilitando uma linha em /etc/default/burg, o melhor pro seu caso já que não uso mais o Arch Linux ou o Burg é abrir um post no fórum.

[]'s

Foi mal, eu escrevi errado:
A pergunta certa era: Em uma instalação limpa posso usar apenas o BURG ele não depende do GRUB para funcionar?

Sobre o método que eu fiz esse:

# yaourt -S burg-bios-bzr burg-themes

E segui o resto do seu tutorial da pagina 3
:)

Reiniciei e apareceu as opções para escolher o theme e a resolução.

Só que a resolução máxima que tinha lá era 1024 x 768...
tentei forçar a minha resolução como na sua dica. Para 1366 x 768 mas não deu.


No mesmo arquivo /etc/default/burg, veja se tem uma linha parecida com essa:

GRUB_CMDLINE_LINUX_DEFAULT="quiet gfxpayload=1600x1200x32"

Daí você a modifica para:

GRUB_CMDLINE_LINUX_DEFAULT="quiet gfxpayload=1366x768x32"

e modifica essa:

GRUB_GFXMODE=1600x1200

por

GRUB_GFXMODE=1366x768

Depois executa:

$ sudo update-burg

Ou:

$ sudo burg-mkconfig -o /boot/burg/burg.cfg

Se ainda continuam esses comandos.

* acho que até dá para instalar o Burg na instalação, mas se você usou o Yaourt, você trerá que instalá-lo primeiro né?


Contribuir com comentário