Blu-ray: Reproduzindo, copiando, ripando e assistindo no GNU/Linux

Polêmicas a parte, neste artigo veremos como reproduzir, copiar, ripar e assistir vídeos em discos blu-ray. Ressalto que este documento não tem como objetivo promover a pirataria e sim, proporcionar ao usuários dos discos originais assistirem à cópia dos seus filmes legais, assim evitando danos físicos na mídia original.

[ Hits: 48.605 ]

Por: Alessandro de Oliveira Faria (A.K.A. CABELO) em 22/09/2010 | Blog: http://assuntonerd.com.br


Copiando um vídeo Blu-ray para o HD



ATENÇÃO: A utilização indevida do conteúdo desde documento não é de responsabilidade do Viva o Linux ou do autor.

Para copiar um vídeo Blu-ray, utilizaremos o Dumphd. Um programa que possui a funcionalidade semelhante a do dvdcss, ou seja descriptografar o padrão Blu-Ray. Vale a pena mencionar que um disco Blu-Ray carrega consigo em torno de 40Gb de espaço em disco, então precisaremos no mínimo do dobro de espaço em disco do Blu-Ray em questão. A cópia para o HD e um processo muito demorado dependendo do seu equipamento.

Sugiro efetuar o download do Dumphd no link abaixo:
Agora vem o aacskeys, um programa complementar ao Dumphd, que na íntegra descriptografa a proteção AACS dos HD-DVD ou Blu-Ray. Utilizei a versão aacskeys 0.4.0c neste documento. Se ainda disponível, sugiro baixar o código fonte no link abaixo (Caso contrário vasculhe a internet pela ultima versão).
Após o download, descompacte o código fonte e compile o mesmo.

tar -zxvf aacskeys-0.4.0c.tar.gz
$ cd aacskeys-0.4.0c/
$ make


Agora com tudo em mãos, instalaremos o programa Dumphd definitivamente. Logado como super-usuário, sugiro descompactar os programas na pasta opt.

# cd /opt
# tax -zxvf [path]/dumphd-0.61.tar.gz


Agora entre na pasta onde foi descompactado e compilado o pacote aacskeys, e copie os arquivos binários e outros para a pasta recém-criada do dumphd conforme o exemplo abaixo.

# cp [path]/aacskeys-0.4.0c/bin/linux/aacskeys /opt/dumphd-0.61/
# cp [path]/aacskeys-0.4.0c/lib/linux/libaacskeys.so /opt/dumphd-0.61/
# cp [path]/aacskeys-0.4.0c/ProcessingDeviceKeysSimple.txt /opt/dumphd-0.61/
# cp [path]/aacskeys-0.4.0c/HostKeyCertificate.txt /opt/dumphd-0.61/


Atenção: Existem inúmeros arquivos KEYDB.cfg (2010-06-15_KEYDB_BD.zip por exemplo) com as chaves já descriptografadas de diversos discos Blu-Ray. Para adicioná-lo, utilize o comando abaixo:

# cat [path]/KEYDB.cfg >> /opt/dumphd-0.61/KEYDB.cfg

Agora para realmente copiarmos o conteúdo do vídeo Blu-Ray para o HD, devemos executar o script dumphd.sh e informar a pasta origem, destino e clicar no botão DUMP. Pronto... a primeira fase foi concluída com sucesso!

# cd /opt/dumphd-0.61/
# ./dumphd.sh
Página anterior     Próxima página

Páginas do artigo
   1. Introdução
   2. Copiando um vídeo Blu-ray para o HD
   3. libbluray: Reproduzindo e dominando a mídia
   4. Ripando um vídeo...
Outros artigos deste autor

openCertiface: Biométrica Facial em nuvem baseada em software livre

Visualizador de sistema de arquivos tridimensional

Criando um invejável serviço de backup em CD-R com gravação multi-sessão

Stopmotion: Crie animações com objetos inanimados e brinquedos

Criando uma aplicação em shell script integrada com o Interbase/Firebird

Leitura recomendada

O Processo de Boot no Linux

IPCMSG: Comunicação inter-processos sem magia negra

Mascarando conexões PPTP de clientes

Slackware 13 - Compilando o kernel 2.6.32rc6

Slamd64: O Slackware para 64 bits

  
Comentários
[1] Comentário enviado por cleysinhonv em 22/09/2010 - 13:36h

Muito bom, gosto de filmes e posso "ripar" Blu-ray

[2] Comentário enviado por Fellype em 22/09/2010 - 16:41h

Bacana o artigo. Gostei, principalmente, da introdução, onde foi feita uma breve descrição sobre o blue-ray.

[3] Comentário enviado por izaias em 22/09/2010 - 21:53h

Também gostei da aula sobre o Blue-ray, puro aprendizado.

Aprendi muita coisa com seu artigo.
Parabéns por divulgar tamanho conhecimento!

[4] Comentário enviado por albfneto em 23/09/2010 - 15:32h

Como sempre, o Cabelo merece Parabéns. Seus artigos tem grande Qualidade.

[5] Comentário enviado por dfsantos em 16/10/2010 - 12:03h

Se alguém não conseguiu compilar o makemkv segue as dependencias necessarias para compilação:

build-essential libc6-dev libssl-dev libgl1-mesa-dev libqt4-dev

[6] Comentário enviado por xleonardox em 01/07/2011 - 20:31h

Parabéns.

Já venho acompanhando seus textos há algum tempo e são todos excelentes.

[7] Comentário enviado por removido em 16/04/2013 - 04:15h

Nota 10 Grande Cabelo muito claro e como sempre direto e pedagógico


Contribuir com comentário




Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner
Linux banner
Linux banner

Destaques

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts