Se o PC é potente, porque usar ambiente leves?

13. Re: Se o PC é potente, porque usar ambiente leves?

Antonio Carlos
zairon

(usa Slackware)

Enviado em 11/05/2016 - 22:11h

Não gosto de efeitos, icones, diferentes, atalhos, etc... Uso o xfce bem limpo, gosto muito dele. Tem o que preciso, me atende em tudo, e por conta disso, não vejo motivos para usar outro.

Uma pergunta interessante é: se o pc é fraco, pq usar ambiente pesado?


  


14. Re: Se o PC é potente, porque usar ambiente leves?

edps
edps

(usa Slackware)

Enviado em 11/05/2016 - 22:47h

RLFontan escreveu:

Olá galera beleza?

Estava aqui de boas, e comecei a refletir sobre as vantagens de se utilizar ambientes leves mesmo em pc's potentes. Pensei em alguns fatores, e queria que vocês desses suas opiniões e dissessem se os fatores que eu citei são válidos ou imaginações da minha cabeça.

- Estabilidade (ambiente mais leves costumam ser mais estáveis, e dar menos problemas, ouvi alguns falarem isso aqui no próprio VOL).
- Se o pc começar a fazer um uso exagerado de memória com um ambiente leve, a chance de transtorno é muito menor.
- Em muitos DE's leves o poder de personalização é impressionante e eficiente.

E ai, falei besteira? Vale a pena usar ambiente leve em pc potente?


Acho que somente da descrição do tópico você descreveu basicamente o que eu penso a respeito.

Acrescento que embora use um desses, no caso o OpenBox e raras vezes o FluxBox, XFCE, i3 ou Awesome, em meus sistemas sempre haverão programas que fazem parte da turma dos peso-pesados KDE/Gnome (Evince, Gthumb, SoundKonverter, K3B) e algumas peças do XFCE, como o Thunar e outras tralhas pesadas como o LibreOffice.

Ainda assim, o sistema permanece light durante o carregamento e uso normal, havendo o esperado acréscimo de RAM durante a utilização de um desses programas, mas que é liberada tão logo os mesmos são encerrrados.

* no Debian dou uma enxugada nos serviços ativos no boot.
** no Slack e Funtoo isso não é preciso.
*** Aqui Debian e Funtoo são mais rápidos e leves em comparação ao Slackware usando os mesmos programas.

Pra finalizar, gosto de montar meus sistemas ao meu modo. Mas se não tivesse tempo para fazer esses ajustes usaria um sistema como o Linux Mint ou o BunsenLabs.


15. Re: Se o PC é potente, porque usar ambiente leves?

Perfil removido
removido

(usa Nenhuma)

Enviado em 11/05/2016 - 23:09h

Meu PC é mediano (acredito que seja). Tenho o Debian com Xfce e Ubuntu com Unity ( o Windows não conta. rsrs)
Ambos os Linux estão muito bem, mas claro, o Debian é muito mais rápido.

Essa é a razão de usar ambientes leves mesmo em PCs potentes, a fluidez. É legal ver seu sistema abrir aplicativos quase que instantaneamente diante de seus olhos. E isso não é privilégio de Mac's somente.


16. Re: Se o PC é potente, porque usar ambiente leves?

Aldo Oliveira
aldooliveira

(usa Fedora)

Enviado em 25/05/2016 - 10:48h

As vezes pode ser o velho costume. Eu mesmo uso Cinnamon, XFCE e Enlightenment.

------
www.aldo.ws: Notícias, dicas e tutoriais sobre Gnu/Linux, especialmente sobre a distro Fedora.


17. Re: Se o PC é potente, porque usar ambiente leves?

Ricardo Groetaers
ricardogroetaers

(usa Linux Mint)

Enviado em 12/06/2016 - 05:18h

Se tem um ambiente leve que faz tudo o que preciso porque usar um pesado?

No Win XP e 7 uso o tema clássico do Windows, nem sei usar direito o tema padrão dessas versões; no 98 usava o núcleo deste com a interface gráfica do 95, nunca entendi o porque daquela integração nativa do internet explorer com a área de trabalho, na minha opinião era só para fazer peso.

No Mint uso o Xfce, o qual tem suporte nativo para aplicações Gnome e Kde, que podem ser habilitadas com 2 simples clicks do mouse e que até o momento não notei nenhuma perda de desempenho com isso habilitado.

wudze escreveu:
.... E só porque o xfce e lxde não reconhecem todas as teclas de função (fn) do notebook. Se reconhecessem eu não precisaria do cinnamon......

Não entendi, até o momento não encontrei nenhuma tecla (fn) no notebook que não está funcionando direito no Mint Xfce.




18. Re: Se o PC é potente, porque usar ambiente leves?

Perfil removido
removido

(usa Nenhuma)

Enviado em 12/06/2016 - 05:35h

É bom usar ambientes leves com virtualizadores de máquinas.
Criar redes usando QEMU, várias VMs com firewall, servidor WEB, base de dados, servidor de arquivos, FTP etc.
Uma rede completa com vários terminais e muita memória, com maquininhas variando de 128MB a 512MB de memória.

QEMU permite rodar VM em background, sem abrir janela, tudo através de linha de comando.
Daí é só abrir um terminal com SSH e controlar a VM.
Não sei se VirtualBox permite isto.

----------------------------------------------------------------------------------------------------------------
Nem direita, nem esquerda. Quando se trata de corrupção o Brasil é ambidestro.
(anônimo)

Encryption works. Properly implemented strong crypto systems are one of the few things that you can rely on. Unfortunately, endpoint security is so terrifically weak that NSA can frequently find ways around it. — Edward Snowden[/quote]


19. Re: Se o PC é potente, porque usar ambiente leves?

Oberaldo Büll Júnior
spylinux

(usa Manjaro Linux)

Enviado em 12/06/2016 - 10:55h

listeiro_037 escreveu:

É bom usar ambientes leves com virtualizadores de máquinas.
Criar redes usando QEMU, várias VMs com firewall, servidor WEB, base de dados, servidor de arquivos, FTP etc.
Uma rede completa com vários terminais e muita memória, com maquininhas variando de 128MB a 512MB de memória.

QEMU permite rodar VM em background, sem abrir janela, tudo através de linha de comando.
Daí é só abrir um terminal com SSH e controlar a VM.
Não sei se VirtualBox permite isto.

----------------------------------------------------------------------------------------------------------------
Nem direita, nem esquerda. Quando se trata de corrupção o Brasil é ambidestro.
(anônimo)

Encryption works. Properly implemented strong crypto systems are one of the few things that you can rely on. Unfortunately, endpoint security is so terrifically weak that NSA can frequently find ways around it. — Edward Snowden
[/quote]

Nunca usei QEMU, mas o q vc está falando, faço no virtualbox com Vagrant. monto a máquina virtual através de um box do vagrant com um vagrantfile, e acesso ela via SSH pelo terminal.
Mas fica pesado...hj estou estudando Docker pra virtualização dos ambientes de desenvolvimento, bem mais leve.
Preciso testar o Qemu!

Abraço
[]'s spylinux
Comunidade Manjaro Geek -www.manjaro-geek.org


20. Re: Se o PC é potente, porque usar ambiente leves?

Arthur J. Hoch
Arthur_Hoch

(usa FreeBSD)

Enviado em 12/06/2016 - 13:32h

Uso KDE:





21. Re: Se o PC é potente, porque usar ambiente leves?

LinuxWalker
Delusion

(usa Debian)

Enviado em 14/06/2016 - 08:40h

ricardogroetaers escreveu:
wudze escreveu:
.... E só porque o xfce e lxde não reconhecem todas as teclas de função (fn) do notebook. Se reconhecessem eu não precisaria do cinnamon......

Não entendi, até o momento não encontrei nenhuma tecla (fn) no notebook que não está funcionando direito no Mint Xfce.


Tenho 3 Notes diferentes. Se uso xfce ou lxde, lxqt, em nenhum deles funciona a tecla que alterna apresentação de área de trabalho no datashow nem a tecla que liga e desliga o touchpad, que para mim é fundamental. No cinnamon e derivados de gshell funciona.



----------------------------------------------------------------------------------------------------
Não importa a distro que você usa, o que importa é o que você faz com ela.



01 02



Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner
Linux banner
Linux banner

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts