Não sou mais do ramo do contra, um breve relato. [RESOLVIDO]

1. Não sou mais do ramo do contra, um breve relato. [RESOLVIDO]

Samuel Leonardo
SamL

(usa XUbuntu)

Enviado em 25/12/2018 - 02:03h




  


2. Re: Não sou mais do ramo do contra, um breve relato. [RESOLVIDO]

Henrique
Henrique-RJ

(usa Outra)

Enviado em 25/12/2018 - 06:40h

Meu amigo, tem um padre português exorcista, de nome, Duarte Souza Lara, na faixa de 40 anos, formado no Vaticano pelo falecido padre italiano exorcista, Gabrieli Amorth, que cuidou de muitos e muitos casos de exorcismo e que andou estudando várias religiões do mundo. Ele afirma, em um dos seus vídeos no YouTube, que só na religião judaico-cristã,
Deus se revelou ou veio aos homens por meio de vários eventos sobrenaturais. Disse que em todas as outras religiões os homens inventaram os deuses, isto dito de modo genérico sem ir a detalhes como o exemplo do Islã que usa o Corão que tem alguma origem no Torá judeu assim como o cristianismo.

Procure ver os vídeos dele para se informar melhor e irá perceber que essas coisas não derivam do poder desconhecido pela ciência da mente humana. Irá ficar sabendo que os ditos demônios existem e que influenciam a todos nós dia e noite inclusive a estudiosos e cientistas pondo essas teorias nas cabeças deles. Eu mesmo tenho sofrido o que aquele padre chama de " vexação " e já cheguei a ter arranhões pelo corpo por algum tempo. Ele conta muitos outros casos inclusive de santos da Igreja Católica do passado como o caso de padre Pio italiano que por anos apresentava ferimentos nas mãos como se estivessem sidas perfuradas por pregos como foi Jesus ( chama de " estigmas " que outros santos também tiveram como São Francisco de Assis, etc etc ).

Feliz Natal


3. Re: Não sou mais do ramo do contra, um breve relato.

Perfil removido
removido

(usa Nenhuma)

Enviado em 25/12/2018 - 07:01h

Não é porque você passou por algo que não tenha explicação (ou talvez tenha mas você ignore) que seja automaticamente Deus ou deuses a resposta.

Conheço gente já ficou em coma e diz ter passado por "experiências de quase-morte" e pasme, continuam na mesma.

Acho que eu, me consideraria algo como agnóstico ateísta. Mas não gosto de rótulos. Quase tudo que passei na vida, eu obtive uma resposta e quando não obtive não pensei que fosse Deus/deuses automaticamente a resposta.

Isso daí nada mais é que o Deus das Lacunas.

E mais uma coisa, não porque você acredita em Deus que deve negar a ciência, ou por você ser ateu que deva abraçá-la. Isso é o argumento da ignorância.


4. Re: Não sou mais do ramo do contra, um breve relato. [RESOLVIDO]

Henrique
Henrique-RJ

(usa Outra)

Enviado em 25/12/2018 - 07:40h

Ariiel escreveu:

E mais uma coisa, não porque você acredita em Deus que deve negar a ciência, ou por você ser ateu que deva abraçá-la. Isso é o argumento da ignorância.



Meu amigo, eu não acredito em Deus, eu tenho CERTEZA DE SUA EXISTÊNCIA assim como do ar que você respira e não o vê e no entanto ele existe e está ao teu redor. A ciência não pode alcançar a espiritualidade pois não consegue medi-la mas quantos e quantos médicos passaram a CRER depois de certas experiências pelas quais seus pacientes passaram.

Um cientista agnóstico ou ateu é um ignorante da espiritualidade ( completamente cego ) e sendo assim é joguete muito fácil nas mãos do maligno que o pode fazer acreditar em qualquer coisa, em qualquer teoria, em qualquer filosofia ( é como se estivesse drogado ou sob feitiço ).

Porque não procura ver e ouvir o que o padre diz, ele não está mentindo, tem uma reputação séria e isenta. Há casos de pessoas que levitam, outras que expelem objetos, cobras, outras que apresentam arranhões pelo corpo, outras que presenciam pragas de ratos, insetos, outras que vêm demônios, outras que modificam a voz, que modificam os olhos, eventos de torção de metais, outras franzinas que passam a possuir um força física fora do normal obrigando homens a segurá-la, tanta coisa, tanta coisa ...

São Bento foi um de tantos outros santos da Igreja Católica que fez cumprir as promessas de Jesus, curando pessoas de doenças, ressuscitando outras que já estavam mortas, expulsando demônios. Há seriados na TV a cabo que mostram eventos de cura pela simples leitura das Sagradas Escrituras e oração como a de um evangélico após sofrer um acidente que perdeu parte do intestino.

Há tanta coisa meu amigo que só não sabe quem não quer saber.


5. Re: Não sou mais do ramo do contra, um breve relato. [RESOLVIDO]

Gabriel Moreira
GabrielMS86

(usa Arch Linux)

Enviado em 25/12/2018 - 17:17h

Olá, boa tarde.

Cara, não é nem questão de crer ou não crer, só de vc ter aberto sua mente à uma mudança de tamanha importância já é algo admirável.

Parabéns pela sua conquista e que continue no caminho que deu certo pra vc!!

Feliz Natal



6. Re: Não sou mais do ramo do contra, um breve relato. [RESOLVIDO]

Henrique
Henrique-RJ

(usa Outra)

Enviado em 25/12/2018 - 19:20h

SamL escreveu:

Entenda como quiser, isso não vai mudar em nada o que eu tenho como explicação. Esse Deus que eu falo é algo estritamente pessoal, vai de cada um ter ele.

De modo nenhum eu nego a ciência, eu vivo ciência mas naquele meu caso do remédio eu simplesmente não tive saída a não ser dar uma de cientista natural e buscar uma solução pro meu problema. Isso não é negar ciência na verdade é abraçar a ciência e pesquisar, mesmo que com uma forma arcaica e subjetiva de metodologia científica.

Eu até citei que evolução faz parte do universo que faz parte desse meu Deus. Acho que você não consegue entender o que estou falando porque descrever com palavras a coisa fica muito limitada. Seu eu pudesse mesmo te mostrar isso eu com certeza te mostraria, mas é impossível só com palavras.

Enfim, quando eu morrer eu realmente posso descobrir que não acontece nada quando se morre e simplesmente você se dissipa no nada. Isso pode acontecer, mas eu não me incomodo. Essa sensação de acreditar em algo é melhor que acreditar em nada e ter um ceticismo exagerado. A coisa mais inútil que já fiz na vida foi querer ser cético e ler sites sobre o assunto.

Esse estudo sobre ceticismo só aumentou mais ainda minha angústia existencial e eu ficava frustrado com facilidade. Se você gosta disso, continue nisso até o fim de sua vida, porque não vou mais negar que não exista um algo para se chamar de Deus.

Enfim, opinião pessoal, não me leve a mal com isso, eu só quero ficar em paz com o que acredito e pronto. Nada de mais não?



Esta passagem no Novo Testamento dá, para mim, uma boa noção de como os demônios atuam nas pessoas até aquelas consideradas sobre qualquer suspeita como o apóstolo Pedro e também como Deus se revela aqueles que se dedicam a Ele ( você irá acreditar se Deus se revelar a você, não é um acreditar voluntário, do nada, por temer ir para o inferno. É uma Graça que vem de Deus ).

Em Mateus 16:16, Pedro fez uma grande confissão sobre Jesus: "Tu és o Cristo, o Filho do Deus vivo". Jesus lhe disse: "Bem-aventurado és, Simão Barjonas, porque não foi carne e sangue que to revelaram, mas meu Pai, que está nos céus" (Mateus 16:18). Logo depois, Jesus falou sobre sua própria morte e Pedro o repreendeu. A resposta de Jesus foi: "Arreda, Satanás! Tu és para mim pedra de tropeço, porque não cogitas das coisas de Deus, e sim das dos homens" (Mateus 16:23).

Mais algumas passagens que mostram como o mundo, incluindo a dita ciência, nos afasta da experiência do Amor de Deus para conosco:

Tiago disse: "Infiéis, não compreendeis que a amizade do mundo é inimiga de Deus? Aquele, pois, que quiser ser amigo do mundo constitui-se inimigo de Deus" (Tiago 4:4). Jesus morreu para nos livrar do pecado, de toda forma de impureza que existe neste mundo. Mantendo amizade com as coisas mundanas, tais como os desejos carnais, as invejas, o materialismo, etc. seria pior do que levar aquele assassino para almoçar na casa dos pais da vítima. Se vivermos deliberadamente no pecado, pisamos em Jesus, profanamos o sangue dele e ultrajamos o Espírito da graça (Hebreus 10:26-29). O pecado é ofensivo e repugnante para Deus. Como filhos dele, devemos fazer tudo para eliminar das nossas vidas tudo que é contra o Senhor.

Você quer, como muitos, ficar em paz com o que maligno ( uns os veem como " espíritos superiores " ) te explica e te faz sentir ( tem religiões/doutrinas religiosas que o maligno conduz a isso desde o início ). O maligno é como o canto da sereia para os marujos que quando o ouvem ficam extasiados/maravilhados/encantados a ponto de se jogarem ao mar e morrerem afogados. Esta é a explicação mais precisa de como os demônios agem sobre as pessoas a ponto de influenciarem suas vontades lhes criando até o desejo ( uns, de outras religiões, chamam de " encosto " ou seja, a pessoa se torna o que ela não costuma ser ). O maligno tem a capacidade de te fazer crer naquilo que ele quer e o cristão, sabendo disso, usa as passagens das Sagradas Escrituras para desmascará-lo quando então o encanto/feitiço/tentação se quebra em fração de segundo.

Estou tentando explicar como é essa mecânica de ação do maligno ( tem muitas ) não só para você como para outros que quiserem saber. Tem igrejas que exigem que as mulheres usem roupas compridas mas não explicam como se dão as tentações e isso deixa o cristão desarmado principalmente quando precisa cuidar das coisas do mundo como trabalhar, se alimentar, dormir etc em que não está conectado a Papai do Céu como em momentos de oração ou de leitura das Escrituras, de louvor etc. Pode se confirmar estas experiências nos relatos do padre, Duarte Souza Lara, mas até ele ás vezes, com mais de 10 anos de exorcismos, parece não ter consciência plena de certos detalhes.


7. Re: Não sou mais do ramo do contra, um breve relato.

Patrick
Patrick03

(usa Linux Mint)

Enviado em 25/12/2018 - 19:38h

O Sam é meu amigo e discutimos muito sobre o que é esse "Deus" e a nossa conclusão é de que há alguma entidade. Porque olha o tamanho do universo, só enxergamos o que a luz percorreu e nos deixa ver, sem contar o fato de que essa "visão" é de trocentos anos atrás. A ciência é como essa visão, nos permite ver muitas coisas mas não o todo. Há muito mais do que possamos imaginar e simplesmente resumir nossa existência a apenas o que entendemos baseado no que acabei de falar é como ter uma visão "limitada". Eu não tenho religião, porém creio sim que exista algo superior, talvez não do jeito divino mas, definitivamente, superior. No fim nossa religião é a ciência, pode nos cegar tanto como qualquer outra.

Creio que já falei isso mas falo de novo, as pessoas precisam de mais Horror cósmico na vida delas hahahaha.


---------------------------------------
Corrija-me quando necessário!
Entra lá: https://nerdki.blogspot.com/
---------------------------------------



8. Re: Não sou mais do ramo do contra, um breve relato.

Henrique
Henrique-RJ

(usa Outra)

Enviado em 25/12/2018 - 20:00h

SamL escreveu:

Olá minha gente. Queria falar de algo pessoal meu neste dia de natal.
Eu deixei de ser ateu (como dizia minha mãe: do contra) há mais ou menos 1.5 ano.
Eu tava mergulhado em problemas por todo lado e não me veio nenhum pastor ou mesmo padre, ou mesmo membro da minha família me ajudar e tal como é dito nas igrejas onde as pessoas mudam. Não, eu simplesmente tive um pensamento e mais simples ainda, eu decidi que ia controlar minha vida da forma que eu quisesse.



Aqui está a parte que considero um perigo e que indica orientação ruim

SamL escreveu:
Eu sofro de uma certa doença grave, é mental, mas não me atrapalha em nada porque agora está sob controle. Mas eu tomava certo remédio para controlar a doença e este remédio começou me dar efeitos colaterais insuportáveis e poderia até me causar câncer de intestino. Meu médico trocou ele por outro, e este novo começou a atacar meu fígado. Isso tudo foi num período desse ano de 2018. Durante esse período eu voltei novamente a rezar, não rezar com orações prontas, mas todo dia eu inventava uma nova reza, nem sempre direcionada a mim ou ao meu problema, mas em geral era sobre meus amigos e família.


Sabia que Jesus naquele tempo curou lunáticos dos quais expulsava demônios ? É só procurar no Novo Testamento assim também aconteceram com santos da Igreja Católica ( acredito que com os protestantes também ). Mas essa cura pode levar meses/anos por causa da pouca fé e se for da Vontade do Pai.

SamL escreveu:
Dia 4 e nada de efeito da minha doença, e 4 dias sem tomar remédio;. Pensei que fosse porque estava muito perto da ultima vez que tomei o medicamento, mas não. Acredite ou não, hoje fazem mais de 120 dias que tomo suco de beterraba e deixei de tomar remédio para minha doença. Ou seja, controlado 100%.
Pelo que eu andei lendo, o principal componente da beterraba que causa este efeito milagroso é a betanina, é o que dá a cor à beterraba. Ela também evita o mal de Alzheimer em 90%, digo, retarda a doença em 90%.
Ver fonte aqui:
https://ciencia.estadao.com.br/noticias/geral,composto-que-da-a-cor-a-beterraba-pode-inibir-reacoes-...


No Facebook tem comunidades em que há relatos de pessoas que largaram esses antipsicóticos e com o tempo ( meses/anos ) voltaram a ter os sintomas das doenças.

SamL escreveu:
E antes que alguém pense, eu não virei religioso, eu ainda continuo sem religião, com tendência ao catolicismo (sem ser fanático), mas de jeito nenhum eu vou negar novamente que exista uma mente por trás do que eu sou, digo, uma mente universal. Isso é o que os cristão chamam de Deus. E eles tem razão. E isso é o que muitas outras religiões dão outros nomes. Estão falando da mesma coisa, muda só o nome. Não tem nada de especial em nenhuma religião que faça ela ser a única ou mesmo a maior. É tudo fruto do ser superior, o tal do criador. Evolução faz parte do universo, que faz parte desse ser que estou falando. E o amor, é a coisa que nos conecta de verdade a essa consciência divina. Independente de crédulo, posição social, ou mesmo família.


Aqui é que está a CILADA DO MALIGNO, o LAÇO DO PASSARINHEIRO e que muitos caem, essa coisa de " forças do bem e do mal ".

Como afirmei antes, CRER em DEUS é uma GRAÇA dada por ELE, não vem do homem, de sua filosofia, de suas religiões inspiradas pelo MAL. É um experiência única, sem paralelo que acontece naturalmente conforme O buscamos com sinceridade, de coração seguindo Suas Sagradas Escrituras que são Sua passagem pela Terra ( Ele se revelou por várias formas inclusive com eventos físicos e proféticos ) por meio do seu povo escolhido. Nos tempos modernos temos, por exemplo, as aparições de Fátima em Portugal em que milhares vivenciaram eventos fora do comum.




9. Re: Não sou mais do ramo do contra, um breve relato.

???
gokernel

(usa Linux Mint)

Enviado em 25/12/2018 - 20:17h

Duas frases sobre saúde:

Hipócrates:
1 - "Que seu remédio seja seu alimento, e que seu alimento seja seu remédio" .

Anônimo:
2 - "Se você não tem tempo para cuidar da sua saúde, talvez terá tempo para cuidar da sua doença".


10. Re: Não sou mais do ramo do contra, um breve relato. [RESOLVIDO]

eliezer solinger marques
eliezersolinger

(usa Lubuntu)

Enviado em 25/12/2018 - 22:31h

Amigo, eu também passei por essa mudança, no meu caso demorou um tempo, porque minha cabeça estava bastante confusa. um livro que me ajudou bastante foi "cristianismo puro e simples - cs lewis".


11. Re: Não sou mais do ramo do contra, um breve relato. [RESOLVIDO]

Henrique
Henrique-RJ

(usa Outra)

Enviado em 26/12/2018 - 06:08h

gokernel escreveu:

Duas frases sobre saúde:

Hipócrates:
1 - "Que seu remédio seja seu alimento, e que seu alimento seja seu remédio" .

Anônimo:
2 - "Se você não tem tempo para cuidar da sua saúde, talvez terá tempo para cuidar da sua doença".


E você vai confiar na filosofia do homem que é a todo o instante inspirada pelo maligno ?

Um desses filósofos gregos já havia dito que esses " daemons " ( espíritos ) lhe traziam a sabedoria isto dito em outras palavras.

"Tudo me é permitido", mas nem tudo convém. "Tudo me é permitido", mas eu não deixarei que nada domine.

1 Coríntios 6:12


eliezersolinger escreveu:

Amigo, eu também passei por essa mudança, no meu caso demorou um tempo, porque minha cabeça estava bastante confusa. um livro que me ajudou bastante foi "cristianismo puro e simples - cs lewis".


SamL escreveu:

eliezersolinger escreveu:

Amigo, eu também passei por essa mudança, no meu caso demorou um tempo, porque minha cabeça estava bastante confusa. um livro que me ajudou bastante foi "cristianismo puro e simples - cs lewis".

Eu não consigo ler a bíblia diretamente, digo, não estou desmerecendo o livro, só digo que sou incapaz de entender assim, lendo "a seco".
Mas eu tenho um amigo que me fala muito sobre a bíblia. Ele de certo modo tá fazendo o papel de "pastor" pra mim. Também comecei a ler o excelente livro chamado O Poder do Subconsciente, onde fala e explica como orar de forma efetiva. Lá fala muitas passagens bíblicas e é mais fácil de eu entender.

São sabedorias diferentes em locais diferentes, mas é tudo da mesma fonte. Valeu a indicação aí.


Muito cuidado com essa literatura que há por aí. Até na época da Igreja primitiva, logo após a ressurreição de Jesus, já havia o que se chama de " apostasia " que é o entendimento das Sagradas Escrituras passado pelo maligno. Milhões de pessoas não sabem disso e caem facilmente nas armadilhas dos espíritos caídos que chegam a justificar até pecados com falso entendimento da Bíblia o que dá em muitas interpretações de acordo com o interesse desses espíritos que se resume a condenar as almas.

Só para vocês terem uma ideia, o padre exorcista Duarte Lara, disse em um de seus vídeos em uma palestra, que nos dias de hoje muitas aparições de Nsa Sra e até de Jesus estão acontecendo pelo mundo mas que são do maligno. Disse que a Igreja Católica é muito rigorosa na avaliação dessas aparições sempre em busca de algo que as denuncie.

As Sagradas Escrituras, em grande parte, não são para serem entendidas na sua forma como letra fria mas sempre com a inspiração de Deus. Aqui novamente, o entendimento é uma GRAÇA dada por Deus, percebam que Jesus mesmo já havia dito isso como escrevi acima:

Em Mateus 16:16, Pedro fez uma grande confissão sobre Jesus: "Tu és o Cristo, o Filho do Deus vivo". Jesus lhe disse: "Bem-aventurado és, Simão Barjonas, porque não foi carne e sangue que to revelaram, mas meu Pai, que está nos céus" (Mateus 16:18)


E como se consegue essa GRAÇA de Deus ? Procurando fazer a Sua Vontade que se resume ao Seu Amor pela Sua Criação. Naturalmente Deus irá se revelando a vocês vos conduzindo e vos alertando das ciladas dos espíritos caídos que irão aparecer pelo caminho. Sempre procurem entender os 10 Mandamentos de Deus que se resume a amar a Deus sobre todas as coisas e ao próximo como a si mesmos que já é um bom começo para que Ele vos vá acompanhando os vossos passos todos os dias/meses/anos.

Mas, como é santo aquele que vos chamou, sede vós também santos em toda a vossa maneira de viver;
1 Pedro 1:15



12. Re: Não sou mais do ramo do contra, um breve relato. [RESOLVIDO]

???
gokernel

(usa Linux Mint)

Enviado em 26/12/2018 - 06:45h

Henrique-RJ escreveu:
E você vai confiar na filosofia do homem que é a todo o instante inspirada pelo maligno ?


Minha referência base é a bíblia, e essa primeira frase acima parece um pouco como o caso escrito no livro de Daniel 1:12.

Se você analisar/pensar bem sobre a primeira frase acima vai entender...

Eu pessoalmente, faz tempo que não tomo remédio de nenhum tipo ...






Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner
Linux banner
Linux banner

Destaques

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts