Fim da Swap

1. Fim da Swap

Clodoaldo Santos
clodoaldops

(usa Linux Mint)

Enviado em 05/12/2018 - 22:57h

Com uso mais comum de SSD em desktops e laptops e a recomendação de não se criar partição swap nesses dispositivos será que a swap está seus destinatários dias contados ?


  


2. Re: Fim da Swap

Esli Silva
Eslih

(usa Debian)

Enviado em 05/12/2018 - 23:27h

Olá,
Creio que não.
Mesmo com o SSD, em determinados casos, você ainda precisa do swap pois ele está ligado capacidade e disponibilidade de memória do que disco.
Um exemplo clássico (e que já precisei) seria instalação e uso do kdump para RHEL likes, onde (se não me falha a memória) é necessário ter uma swap (ou convencional em partição ou via arquivo).


3. Re: Fim da Swap

Ariel
Ariiel

(usa Manjaro Linux)

Enviado em 06/12/2018 - 01:07h

Já foi provado que SWAP diminui o tempo de vida do SSD que já é pequeno em comparação com HDs comum.
Não sei porque esse povo insiste nisso, haja teimosia.
Não falo de SSDs de quinta de 120 GB


4. Re: Fim da Swap

skjdeecedcnfncvnrfcnrncjvnjrnfvjcnjrjvcjrvcj
Londreslondres

(usa Slackware)

Enviado em 06/12/2018 - 01:19h

https://elias.praciano.com/2016/03/perguntas-e-respostas-sobre-o-swap/

Podemos usar o swap em uma unidade SSD?

As pessoas costumam ver este cenário como problemático, por 2 motivos:

por acreditar que o swap é muito usado no seu sistema, causando um grande fluxo de dados — intensa atividade de leitura e escrita e
por acreditar que as unidades SSD não suportam um grande número de eventos de leitura e escrita

O fato é que, no Linux, o swap é muito pouco usado. Em um sistema com quantidade adequada de memória para as suas aplicações, há poucas possibilidades de se chegar a usar o swap.
Ainda neste post, mostro como saber a quantidade de swap que você está usando no sistema.
Ainda que fosse muito usado, como no Windows, ainda assim se recomenda deixar o swap no SSD.
As unidades SSD atuais suportam uma grande quantidade de operações de leitura e escrita — o suficiente para você não precisar se preocupar com o suposto desgaste.
Some a isto o fato de que as partições swap do Linux, por padrão, executam operações de trimming, quando o dispositivo de bloco tem suporte ao TRIM.
Portanto, a resposta é sim. Se você tem uma unidade SSD atual, com espaço para uma partição ou arquivo de swap, é recomendado usá-lo.


No momento, eu estou usando o Slackware 14.2 Xfce 64-bit. Ele está consumindo 1,28gb de ram e 12kb de swap.

edit: foi só eu postar isso e o meu consumo de swap chegou a 136kb, mas mesmo assim é muito pouco.

Meu swapiness é 60
bash-4.3$ cat /proc/sys/vm/swappiness
60
bash-4.3$




5. Re: Fim da Swap

Clodoaldo Santos
clodoaldops

(usa Linux Mint)

Enviado em 06/12/2018 - 05:29h

Aqui meu SSD não tem swap e não senti falta até momento
Muito provavelmente pq não faço uso de programas pesados e nem de hibernação

----------------------------------------------------------------------------------
Itautec-w7535 (Ci3 + 4 GB/RAM + 120 GB/SSD + Intel HD 3000)




6. Re: Fim da Swap

Esli Silva
Eslih

(usa Debian)

Enviado em 06/12/2018 - 08:38h

Ariiel escreveu:

Já foi provado que SWAP diminui o tempo de vida do SSD que já é pequeno em comparação com HDs comum.


Há uns 10 anos atrás (ou mais)... atualmente, não!
Se tiver um SSD de 120Gb instalado com o S.O. padrão (qualquer um), sem nenhuma otimização e diariamente gravar e apagar 20Gb de dados no SSD, seu SSD ainda vai tranquilamente funcionar por mais de 7 anos...



7. Re: Fim da Swap

Esli Silva
Eslih

(usa Debian)

Enviado em 06/12/2018 - 08:48h

clodoaldops escreveu:

Aqui meu SSD não tem swap e não senti falta até momento
Muito provavelmente pq não faço uso de programas pesados e nem de hibernação

----------------------------------------------------------------------------------
Itautec-w7535 (Ci3 + 4 GB/RAM + 120 GB/SSD + Intel HD 3000)



O swap já me salvou em alguns servidores,
um caso que me lembro era uma instância com sistema legado (na época não consegui migrar para kubernetes), em picos de acesso ele travava...
Colocando swap (https://www.esli-nux.com/2014/08/usar-arquivo-como-memoria-swap.html) e algumas outras configs, consegui fazer com que parasse de morrer e pelo menos mantivesse as conexões e enfileirasse as tentativas...
Em casos de desktop, não lembro... Até porque o swap terá o mesmo efeito (ou quase) que o journaling num disco SSD (ambos estarão fazendo gravações).

Havia escrito este artigo, há antigos preceitos que não são mais validos, mas ainda tem gente acreditando neles:
https://www.vivaolinux.com.br/artigo/Guia-SSD-no-Linux-tudo-que-voce-precisa-saber-e-o-que-precisa-e...


8. Re: Fim da Swap

Fabiano
fpires

(usa Debian)

Enviado em 06/12/2018 - 08:53h

Ariiel escreveu:

Já foi provado que SWAP diminui o tempo de vida do SSD que já é pequeno em comparação com HDs comum.
Não sei porque esse povo insiste nisso, haja teimosia.
Não falo de SSDs de quinta de 120 GB


Porque o "povo" pode precisar de hibernação, por exemplo. Diferente do Windows, onde a hibernação coloca o conteúdo da RAM em um arquivo no disco, no Linux esse conteúdo é armazenado na SWAP (cujo tamanho precisa ser igual ou superior ao da RAM).


9. Re: Fim da Swap

Clodoaldo Santos
clodoaldops

(usa Linux Mint)

Enviado em 06/12/2018 - 09:14h

-eu não uso e não conheço ninguém que use swap no ssd
-assim como não conheço ninguém que não use swap num hdd
-mas aqui não me refiro a servidores, pois meus amigos só usam Linux em "máquinas pessoais"

----------------------------------------------------------------------------------
Itautec-w7535 (Ci3 + 4 GB/RAM + 120 GB/SSD + Intel HD 3000)




10. Re: Fim da Swap

Alberto Federman Neto.
albfneto

(usa Sabayon)

Enviado em 06/12/2018 - 20:04h


aqui não tenho swap no SSD, só no HD, mas meu SSD é pequeno, 120 giga e ele só tem Windows 7, só uso para ele.
¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨
Albfneto,
Ribeirão Preto, S.P., Brasil.
Usuário Linux, Linux Counter: #479903.
Distros Favoritas: Sabayon, Gentoo, openSUSE, Mageia e OpenMandriva.


11. Re: Fim da Swap

Mauriciodez
Mauriciodez

(usa Debian)

Enviado em 06/12/2018 - 20:08h

Taí uma parada que me deixa questinando ...

como vai ficar a situação de VM's, servers e hibernação ???

Aqui por mais que eu limite CPU e RAM no VB, enquanto disponível o meliante vai sugando, como tenho só 4gB, muito constantemente o SWAP entra em ação.

Acho que o mais complicado é com a hibernação, tem gente ( e não são poucas ) que nunca desliga o note, só hiberna.

No caso de servidores creio que não haverá problema, pois alocar 1 HDD só para SWAP não seria inconveniente.

------------------------------------------| Linux User #621728 |-----------------------------------------

" Nem sempre é amigo aquele que te tira do buraco !!! ( Saddam Hussein )"

------------------------------------------| Linux User #621728 |-----------------------------------------



12. Re: Fim da Swap

Matheus
pylm

(usa Gentoo)

Enviado em 06/12/2018 - 20:12h

fpires escreveu:

Ariiel escreveu:

Já foi provado que SWAP diminui o tempo de vida do SSD que já é pequeno em comparação com HDs comum.
Não sei porque esse povo insiste nisso, haja teimosia.
Não falo de SSDs de quinta de 120 GB


Porque o "povo" pode precisar de hibernação, por exemplo. Diferente do Windows, onde a hibernação coloca o conteúdo da RAM em um arquivo no disco, no Linux esse conteúdo é armazenado na SWAP (cujo tamanho precisa ser igual ou superior ao da RAM).


Linux pode fazer a mesma coisa, só é um tanto incomum ver pessoas usando.

-------------

Caras, vocês esquecem que smartphones usam swap a literalmente mais de 10 anos em memória flash e eles continuam funcionando.
E ainda hoje o uso de swap em smartphones é bem intenso, ai a saída de um lenovo vibe a7010 que tenho parado aqui:


free -m
total used free shared buffers cached
Mem: 1836 1803 33 5 13 600
-/+ buffers/cache: 1189 647
Swap: 918 627 290




01 02



Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner
Linux banner
Linux banner

Destaques

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts