Qualidade dos materiais didáticos da Net

1. Qualidade dos materiais didáticos da Net

Perfil removido
removido

(usa Nenhuma)

Enviado em 19/05/2006 - 21:24h

Francamente... eu já estou farto de usar o Google... usar o Google para ir atrás de bons tutoriais e afins. Há muito tempo que eu tenho procurado por alguma apostila ou tutorial bom de HTML e PHP, mas tudo que encontro são meros pseudo-materiais didáticos, que não ensinam nada.

Cá entre nós, um programador de C que não sabe programar em Socket merece um tutorial como o tutorial abaixo?

http://www.mhowto.com.br/programming/C_Alex.pdf

Se você viu o tutorial, vai imediatamente concordar comigo. Esse não é o primeiro tutorial ruim que encontro na Net...

Eis o problema! Eu agora tenho absoluta certeza de que 99% dos cursos, apostilas e materiais didáticos disponíveis na Net- independente da matéria que ensinam- não se focam no aprendizado do leitor. Esses materiais se valem de metodologias de ensino muito mais que pobres, baseadas num simples "basicão".

Isso é muito ruim. E isso também se aplica a vários materiais didáticos disponíveis aqui no VOL... eu não consigo imaginar o que passa pela cabeça das pessoas que escrevem tais coisas.

Vocês concordam?


  


2. Re: Qualidade dos materiais didáticos da Net

Fernando Dettoni
fdettoni

(usa Arch Linux)

Enviado em 19/05/2006 - 23:00h

De maneira alguma. Conhecimento livre não significa ter a obrigação de dar tudo mastigado um conceito que vc demorou muito tempo para construir. Quando precisamos aprender algo, o caminho mais lógico é descobrir sozinho. Vc nunca vai aprender lendo tudo mastigado.

Uma publicação mais obscura, exige muito mais do leitor, mas garante muito mais aprendizado. Os autores mais consagrados da história, tem as publicações mais obscuras, e mais ricas.

O aprendizado só vale à pena, se vc se esforça para obte-lo. Pq será que um programador delphi ganha menos do que um programador ADA?

Não vale de nada ganhar o peixe e não aprender a pescar.

Eu sou completamente contra criticar uma publicação. Por pior que ela pareça. Uma critica não-construtiva não leva a nada. Por mais inutil que possa ser para vc, o autor gastou tempo, pensando em ajudar alguém.

Resumindo, se vc não gosta do que econtra na internet, estude o código fonte, e mude a realidade. Ou compre livros, geralmente eles são muito melhores escritos do que publicações gratuitas.

[]'s




3. Re: Qualidade dos materiais didáticos da Net

Gilson Montanha Junior
gilsonmontanhajr

(usa Debian)

Enviado em 20/05/2006 - 09:41h

quanto ao PHP, a melhor documentação que existe está no site oficial.
http://www.php.net


4. Má qualidade dos tutoriais

Leonardo Afonso Amorim
leonardoamorim

(usa Debian)

Enviado em 20/05/2006 - 12:44h

Netwarrior, o que acontece é que, geralmente, as pessoas sabem o assunto técnico, mas na hora de passar para o papel (tutorial) não sabem como transmitir o conhecimento da escrita. É uma falha do sistema educacional, ou pode ser que o leitor não consegue retirar do tutorial a essência (outro do problema do sistema educacional). Mas pode ser também resultado do pensamento burro de que se somos da área de exatas então não precisamos estudar português. É um erro que vem de todo lugar.


5. Re: Qualidade dos materiais didáticos da Net

Livio Figueiredo
liviocf

(usa Ubuntu)

Enviado em 20/05/2006 - 12:44h

Concordo em parte a respeito da baixa qualidade de materiais disponíveis na internet! Mas sempre devemos pensar que aquele autor teve uma boa iniciativa ao criá-lo e, mais ainda, disponibilizá-lo para todos! Também discordo em parte com essa idéia de que os melhores textos da história são os mais obscuros! Acho que um bom texto pode trazer os "caminhos das pedras", mas não precisa fazer a escalada por ninguém! Isso é importante! Ensinar resume-se nisso: expor nossa visão sobre determinado assunto e sempre direcionar o aprendiz a buscar outras fontes! Pois o aprendizado só evolui com a comparação, dúvidas e claro, com debates construtivos! Criticar é bom, mas deve ser construtivo! Agora só pra por lenha na fogueira: não gostou?! faça melhor!! A Comunidae Livre agradece!!


6. Obrigação de se escrever bem?

Leonardo Afonso Amorim
leonardoamorim

(usa Debian)

Enviado em 20/05/2006 - 13:00h

fdettoni,

"
fdettoni

De maneira alguma. Conhecimento livre não significa ter a obrigação de dar tudo mastigado um conceito que vc demorou muito tempo para construir. Quando precisamos aprender algo, o caminho mais lógico é descobrir sozinho. Vc nunca vai aprender lendo tudo mastigado. "

Concordo, a busca pelo conhecimento faz parte do aprendizado.

"Uma publicação mais obscura, exige muito mais do leitor, mas garante muito mais aprendizado. Os autores mais consagrados da história, tem as publicações mais obscuras, e mais ricas."

Eu lhe pergunto e o tempo? Nossa vida é tão curta e precisamos fazer as coisas cada vez mais rápido. Como obscuro se entende uma publicação mais detalhada né? Foi isso que você quis dizer? Se foi está correta sua afirmação.

"Não vale de nada ganhar o peixe e não aprender a pescar." Falou tudo aqui!

"Eu sou completamente contra criticar uma publicação. Por pior que ela pareça. Uma critica não-construtiva não leva a nada. Por mais inutil que possa ser para vc, o autor gastou tempo, pensando em ajudar alguém."

Critícas são importantes sim, se o leitor teve humildade de ler o que outro escreveu, o autor também deve ter humildade para receber conselhos. Assim, todos aprendem.

"Resumindo, se vc não gosta do que econtra na internet, estude o código fonte, e mude a realidade. Ou compre livros, geralmente eles são muito melhores escritos do que publicações gratuitas."

Boa sugestão, mas nem sempre a pessoa tem grana. Acho importante o pessoal começar a escrever bem, isso é bom para o país.

Muito bom seu ponto de vista, chamou atenção para vários outros pontos.




7. Re: Qualidade dos materiais didáticos da Net

Fernando Dettoni
fdettoni

(usa Arch Linux)

Enviado em 20/05/2006 - 16:26h

Como obscuro, quis dizer, algo que te deixa com vontade de buscar mais, que te deixa com duvidas, e não aquele texto que te dá a impressão de saber tudo sobre o assunto após ler o mesmo.

Criticas, são muito importantes, concordo plenamente, mas criticas construtivas. Imagine alguém, escrevendo seu primeiro artigo para o VoL, e recebe comentáros do tipo:

"Completamente inútil"

"Não sei como alguém escreve algo tão ridiculo!"

Vc acha que esta pessoa iria escrever outra coisa?
Criticas construtivas são importantes, senão não vale nem a pena criticar.


Eu concordo que os tutoriais ruins, ou pobres, deveriam ser melhores escritos. Mas isso não significa que os leitorestem o direito de reclamarem. O leitor tem o direito de ajudar, com criticas construtivas, ou até mesmo reelaborando o material. Acho que é a consciencia de cada para si mesmo. Ninguém precisa de alguém falando mal de seu trabalho.

Eu particularmente, não tenho nada a reclamar sobre material encontrado na internet. Nunca fiz curso algum de linux, nunca tive nenhum amigo que sabe mais do que eu, e todos os livros que comprei foram frutos do trabalho, com o que eu já havia aprendido. Eu só sei o que eu sei, por causa da internet, pra mim foi a invenção mais util dos ultimos tempos.

Eu acredito, e sigo isso:
"Não gostou do trabalho do outro, faça vc mesmo."

Por isso adoro o Open Source.

[]'s



8. Agora sim

Leonardo Afonso Amorim
leonardoamorim

(usa Debian)

Enviado em 27/05/2006 - 19:53h

Agora sim entendi direito o que você quis dizer. ;)


9. Re: Qualidade dos materiais didáticos da Net

Perfil removido
removido

(usa Nenhuma)

Enviado em 26/10/2006 - 17:21h

Aaaaf... acho que vocês me entenderam errado.
É muito fácil vocês falarem, mas não compreendem a situação de quem não possui um bom aprendizado. Eu tô dizendo que quase nada na Net ensina algo para quem não sabe NADA.

Exemplo:
O cara tá estudando C, e quer saber como se usa o printf. Um tutorial com o nível baixo ou nulo faz o seguinte:

"
Esse aqui será o seu primeiro script:

#include<stdio.h>
int main( int argc, char * argv[] )
{
printf("\nHello World")
return(0);

Pronto, você aprendeu como usar direitinho o printf!!!
"

E um tutorial ideal faz assim:
"Vamos começar aprendendo sobre as variáveis e o printf. ( insira mais algum blablabla útil aqui )

#include<stdio.h>
int main ( int argc , char * argv[] )
{
int seis = 6;
char estringue = "A variavel eh igual a";
printf("\n%s %d\n", estringue, seis );
return(0);
}
(Insira aqui uma explicação sobre cada passo do programa, e exemplos de outras possiblidades de uso do printf )
"

Agora entenderam?


10. !

Juliao Junior
juliaojunior

(usa Debian)

Enviado em 15/01/2007 - 19:26h

verdade: coisas p iniciantes (iniciantes mesmo), é difícil encontrar. quase nunca há preocupação de ajudar os realmente iniciantes. sinto falta disso na net também.


11. Re: Qualidade dos materiais didáticos da Net

Fernando Dettoni
fdettoni

(usa Arch Linux)

Enviado em 16/01/2007 - 10:34h

O que seria algo para iniciantes. Guias "clique-aqui....clique-aqui....você conseguiu"?? Como encontra-se normalmente no mundo windows?

Veja por exemplo os artigos aqui, a maioria é bem iniciante mesmo. O que falta eh vontade de procurar. Por ex. muita gente chega aqui com duvidas sobre o debian, mas pergunte a algum deles se já chegou a ler o manual oficial do Debian, é uma fonte gigantesca, com muito passo-a-passo, e ninguem lê.

Eu acredito que existe documentos a vontade sobre linux, basta querer.

[]'s


12. !

Juliao Junior
juliaojunior

(usa Debian)

Enviado em 26/05/2007 - 16:40h

realmente, existe material à vontade, basta querer.

mas fanatismo cego é coisa para ignorantes. 'Sofri, então os outros sofram também'? isso é coisa de gente infeliz com a vida. por essas que o linux demora tanto para invadir as casas. menos fanatismo e mais empatia. VIVA O LINUX!!!



01 02



Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner
Linux banner
Linux banner

Destaques

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts