NIS (nsswitch.conf)

Arquivo /etc/nsswitch.conf para NIS

Categoria: Networking

Software: NIS

[ Hits: 21.732 ]

Por: Ygor Thomaz


O arquivo Network Services Switch (/etc/nsswitch.conf) determina a ordem das buscas realizadas quando uma certa informação é requisitada, exatamente como o arquivo /etc/host.conf determina o modo como pesquisas de hosts são executadas. Por exemplo, a linha



hosts: files nis dns



Especifica que funções de busca de hosts devem primeiro procurar no arquivo local /etc/hosts, seguido por uma busca NIS e finalmente pelo servidor de nome de domínio(/etc/resolv.conf e named), e que a partir de tal ponto, caso não seja encontrada a requisição correspondente, um erro é retornado. O arquivo deve ser legível por todos os usuários! É possível encontrar mais informações na página do manual (man) nsswitch.5 ou nsswitch.conf.5.



passwd_compat, group_compat e shadow_compat são entradas suportadas apenas por glibc 2.x. Caso não existam regras shadow no /etc/nsswitch.conf, a glibc usará a regra passwd para buscas. Existem outros módulos para buscas para glib, como hesiod. Para maiores informações, leia a documentação da glibc.


#
# /etc/nsswitch.conf
#
# Um exemplo de arquivo de configuração para Name Service Switch. Este 
# arquivo deve ser ordenado com os usuários mais usados no começo.
#
# A entrada '[NOTFOUND=return]' significa que a busca por uma entrada
# deve parar caso a busca na entrada anterior retornou nada.
# note que caso a busca tenha falado por alguma outra razão
# (como nenhum servidor NIS respondendo) então a busca continua com a próxima entrada.
#
#
# As entradas possíveis são:
#
#       nisplus                 Use NIS+ (NIS versão 3)
#       nis                     Use NIS (NIS versão 2), também chamado YP
#       dns                     Use DNS (Domain Name Service)
#       files                   Use os arquivos locais
#       db                      Use as bases de dados no /var/db
#       [NOTFOUND=return]       Pare de procurar se não encontrou até então
#

passwd:     compat
group:      compat
# Para libc5, deve-se usar shadow: files nis
shadow:     compat

passwd_compat: nis
group_compat: nis
shadow_compat: nis

hosts:      nis files dns

services:   nis [NOTFOUND=return] files
networks:   nis [NOTFOUND=return] files
protocols:  nis [NOTFOUND=return] files
rpc:        nis [NOTFOUND=return] files
ethers:     nis [NOTFOUND=return] files
netmasks:   nis [NOTFOUND=return] files
netgroup:   nis
bootparams: nis [NOTFOUND=return] files
publickey:  nis [NOTFOUND=return] files
automount:  files
aliases:    nis [NOTFOUND=return] files
  


Comentários
[1] Comentário enviado por claytonbh em 01/08/2008 - 11:34h

Cara, ótimo comentário.

Eu estava atrás, exatamente desta informação. Será que você poderia fazer tambem um breve comentário sobre a glibc que você citou acima?

[]s

[2] Comentário enviado por cirinho em 08/04/2009 - 13:03h

Maiores informações:

http://www.surak.eti.br/nis-HOWTO/settingup_client.html

igualzinho :)

[3] Comentário enviado por removido em 02/03/2014 - 21:02h

Obrigado, ajudou bastante!


Contribuir com comentário

  



Patrocínio

Site hospedado pelo provedor HostGator.
Linux banner
Linux banner
Linux banner

Artigos

Dicas

Viva o Android

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts