Terminal Guake com comandos personalizados

Publicado por Perfil removido em 10/06/2016

[ Hits: 6.558 ]

 


Terminal Guake com comandos personalizados



O Terminator (com multi-terminais e comandos personalizados) e o Guake (que abre e fecha com uma única tecla, F12 ou outra), são meus terminais preferidos. O Terminator por suas customizações e o Guake devido ao seu modo de exibição.

No Terminator posso configurar comandos em seu menu de contexto. Exatamente como na imagem abaixo, basta clicar nas preferências (acima dos comandos já personalizados):
Linux: Terminal Guake com comandos personalizados
Mas no Guake, não:
Linux: Terminal Guake com comandos personalizados
Mas note no final, a linha: Custom Commands >

Ôpa! Posso configurar isso. E foi no github.com que encontrei a solução.

Configuração

Diferente do Terminator, o Guake não possui interface gráfica para personalizar comandos. Deve ser gerado um arquivo.

Primeiramente, se não houver, é necessário criar a pasta "guake" para o arquivo de configuração:

mkdir ~/.config/guake/

Depois abra seu editor preferido, aqui usarei o Gedit. E como exemplo, podemos começar com um comando para listar os arquivos de sua pasta pessoal. Vamos testar!

Observe a sintaxe:

[
    {
        "description": "Listar arquivos",
        "cmd": ["ls"]
    }
]

Descrição:
  • Em "description", damos um título ao comando: "Listar arquivos"
  • Depois, entre colchetes e aspas, inserimos o comando: "ls"

Siga:
  • No Gedit, clique em: "Salvar"
  • Vai abrir a janela para enviar o arquivo. Salve como: custom-command.json
  • Envie para: usuario/.config/guake
  • Clique em "Ok" e/ou "Salvar".

Reinicie o Guake e habilte-o para buscar os comandos:
  • Dê um clique direito e acesse suas preferências.
  • Abaixo, em "Caminho do arquivo de comandos personalizados", busque o arquivo.

Veja:
Linux: Terminal Guake com comandos personalizados
Se precisar, reinicie o Guake e dê um clique direito com o mouse e no menu de contexto, desça o ícone do mouse até "Custom Commands >". Logo verá o título do comando: Listar arquivos.
Linux: Terminal Guake com comandos personalizados
Clique nele e o comando executará, exatamente como no Terminator. Isso que eu buscava para o Guake. :)

Mais comandos

Abra o arquivo (se o fechou), agora temos seu caminho:

gedit ~/.config/guake/custom-command.json

Para inserir mais comandos, basta colocar um vírgula após a última chave que fecha o comando anterior. Veja:

[
    {
        "description": "Listar arquivos",
        "cmd": ["ls"]
    },
    {   "description": "GParted",
        "cmd": ["gksu gparted"]
    }
]

Observe que a última chave fecha a lista sem vírgula.

Mais um:

[
    {
        "description": "Listar arquivos",
        "cmd": ["ls"]
    },
    {   "description": "GParted",
        "cmd": ["gksu gparted"]
    },
    {   "description": "Guake config",
        "cmd": ["gedit ~/.config/guake/custom-command.json"]
    }
]

Conclusão

E aí está o Guake com meus comandos pré-configurados:
Linux: Terminal Guake com comandos personalizados
É um terminal que não fecha realmente, logo, para resetá-lo digite: reset

Agora o Guake é meu único terminal preferido. :)

É isso!
Espero que seja produtivo.

Guake configurado no Xubuntu 16.04.

Outras dicas deste autor

Aumentando (bastante) o desempenho dos processos

Exibindo nome da música no aMSN no Kurumin

Configurando placa Realtek RTL8191SE-VA2 no Kismet (Ubuntu e similares)

Gravando CD multisessão no K3B

Aplicativos portáteis no Linux

Leitura recomendada

1024x768 no modo texto do seu laptop

Como modificar o tempo de espera do LILO

Discos de storage em Red Hat EL5

Imprimindo para PDF a partir de programas rodando sob o Wine no openSUSE 13.2

Alteração da fonte monospace padrão

  

Comentários

Nenhum comentário foi encontrado.



Contribuir com comentário




Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner

Destaques

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts