Teamviewer no Void

Publicado por Xerxes Lins em 21/02/2019

[ Hits: 759 ]

Blog: https://voidlinux.org/

 


Teamviewer no Void



Dica sobre como iniciar o Teamviewer no Void Linux.

Baixe o arquivo tar.xz em:
Extraia:

tar -xvf [arquivo]

Entre no diretório:

cd teamviewer

Tente iniciar o Teamviewer:

./teamviewer

Se não funcionar, provavelmente está faltando algumas dependências.

Execute:

./tv-setup checklibs

Para saber o que está faltando. Exemplo:

Analyzing dependencies ...
  libQt5Qml.so.5 => not found
  libQt5Quick.so.5 => not found
  libQt5WebKit.so.5 => not found
  libQt5WebKitWidgets.so.5 => not found
  libQt5X11Extras.so.5 => not found

  The libraries listed above seem to be missing.


Instale o que estiver faltando.

Exemplo:

sudo xbps-install qt5-quickcontrols qt5-webkit qt5-x11extras

Depois execute o comando novamente e veja se está tudo OK. Assim:

Analyzing dependencies ...

	All library dependencies (*.so) seem to be satisfied!

	QtQuickControls seems to be installed


Agora sim, tente abrir o teamviewer novamente.
Linux: Teamviewer no Void
Abraço!

Outras dicas deste autor

Slackware Linux com cara de Solaris (Gnome, XFCE e Emerald)

Como instalar Bunsenlabs Helium (Debian Stretch)

Como instalar Cinnamon no Fedora

Atualizar driver de vídeo Intel no Slackware

Uniformizando tema Breeze dos aplicativos KDE e GTK

Leitura recomendada

Superdownloads Linux

Slackware 11 com KDE em portuquês

Automatix2 em Debian Etch 4.0r1

Comando "locate" sumido no SuSE Linux

Saudades do After Effects? Instale o Natron como alternativa

  

Comentários
[1] Comentário enviado por removido em 24/02/2019 - 20:18h

Esse arquivo tar.xz do Teamviewer como foi elaborado para ser algo genérico para todas as distros:

a) Imaginando um cenário com 1000 contas de usuário no Void, em teoria teria 1000 pastas Teamviewer em cada $HOME

b) Conforme como está o arquivo tar.xz, não acho legal alterar as permissões da pasta /opt/teamviewer que seria um método para evitar as 1000 pastas em $HOME que poderia ser ruim na questão de segurança do sistema.

Já dizia o ditado "se correr o bicho pega, se ficar o bicho come"





Contribuir com comentário