Qual é o meu hardware?

Publicado por Phillip Vieira em 29/11/2012

[ Hits: 3.984 ]

 


Qual é o meu hardware?



Nesta dica abordarei uma dúvida de muitos iniciantes: Qual é o hardware desta máquina e como posso obter informações deles?

No Windows temos um maravilhoso software chamado Belarc Advisor, que realiza um "scan" de todo o hardware. Este mesmo programa realiza uma listagem do softwares instalados (listando inclusive licenças).

No GNU/Linux temos o maravilhoso lshw, um comando que também realiza a mesma função, com exceção de que não lista os programas instalados, todavia suas informações sobre o hardware são bem mais detalhadas.

Este comando está disponível na maioria das distribuições, caso na sua não esteja, o mesmo é simples de ser "adicionado".

Nas distribuições baseadas em Debian:

# apt-get install lshw

Caso você não utilize distribuições baseadas em Debian, aqui você pode obter o link para o código para ser compilado:
ATENÇÃO: Antes de tudo, vale salientar que a utilização desse comando deverá ser feita com o usuário root, visto que iremos buscar informações em todo o sistema e se for executado como usuário comum, o mesmo poderá vir com informações faltando.

A utilização do mesmo é simples, abra um terminal e digite:

# lshw

Ele irá realizar o "scan" e então lhe mostrará uma enorme lista com todo o hardware separado por categorias, eu recomendo utilizar este comando da seguinte forma:

# lshw | less

Assim com a ajuda do comando less, teremos a possibilidade de rolar a página para cima e para baixo.

Se você quiser (e tiver) uma interface gráfica, utilize o comando:

# lshw -X

Ele abrirá uma interface gráfica para utilização do mesmo e mostrará o relatório (requer o pacote lshw-gtk), então basta ir clicando nos nomes (canto superior esquerdo) e ir verificando as informações conforme as opções forem aparecendo.
Caso você queira deixar algo mais legível e não possua uma interface gráfica, pode utilizá-lo da seguinte maneira:

# lshw -html > nome/e/ou/caminho/do/arquivo

Assim ele irá criar um arquivo HTML que pode ser aberto com qualquer navegador web e trará uma ótima visualização.
Para mais informações de uso:

# lshw -h
# man lshw


Até a próxima dica! ;-)

Outras dicas deste autor

Complementando os comandos com [TAB]

Trocando a porta de serviços para monitoramento Nagios

Debian - Criando seu próprio Sources.List

Ferramentas para o dia a dia

Utilizar apenas Firefox no Squid

Leitura recomendada

Linux no IntelBras i61

HD SAMSUNG SATA2 = ATA3.0 ERROR: DRDY ERROR

Instalando Ubuntu 11.04 com suporte a Wifi Broadcom

Melhore o funcionamento da sua placa Intel

Multifuncional Canon MG3200 Series no openSUSE 13.1

  

Comentários
[1] Comentário enviado por julio_hoffimann em 29/11/2012 - 22:56h

Oi Phillip,

Eu gosto bastante do hardinfo, se não conhece vale a pena testar, está nos repositórios.

Abraço!

[2] Comentário enviado por phrich em 29/11/2012 - 23:02h

Muito bom também, porém só funciona no modo gráfico e modo texto "necas" rsrsrs

Achei só uma vantagem do lshw, ele pode gerar o relatório em html, mesmo estando em modo texto e vc pode enviar a qualquer lugar, muito bom para relatórios para chefes e burocracias em geral.

Mas muito boa a dica do hardinfo, a interface dele é bem legal também, acredito que até um pouco mais organizada do que a do lshw (em modo gráfico).

[3] Comentário enviado por julio_hoffimann em 29/11/2012 - 23:25h

Para gerar um relatório em HTML no hardinfo:

Aperte "Generate Report" ou pressione Ctrl+R.

[4] Comentário enviado por phrich em 29/11/2012 - 23:29h

Sim, mas a questão seria no modo texto, por exemplo, temos um servidor de firewall, não teriamos interface gráfica nele correto? Logo não poderiamos utilizar o hardinfo, porém já conseguimos utilizar o lshw entende?

Mas como dito, para interface gráfico o hardinfor é muito bom também!

[5] Comentário enviado por julio_hoffimann em 29/11/2012 - 23:36h

Para gerar o relatório pela linha de comando:

$ hardinfo -r -f html > report.html

[6] Comentário enviado por phrich em 29/11/2012 - 23:39h

Poxa legal!

Eu fiz um teste rápido e não me atentei ao -r somente ao menos -f...

Valeu pela dica mais uma vez!



Contribuir com comentário




Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner
Linux banner
Linux banner

Destaques

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts