Problema com ícone de rede no Ubuntu 8.10

Publicado por Matheus Santana Lima em 19/12/2008

[ Hits: 36.884 ]

 


Problema com ícone de rede no Ubuntu 8.10



Eventualmente, no Linux Ubuntu 8.10, o ícone de rede, que fica no menu superior direito, pode literalmente "sumir" sem motivo aparente.

Para corrigir este bug, mais um dentre vários que o Ubuntu infelizmente vem trazendo depois da versão 6.10, você deve alterar o arquivo nm-system-settings.conf, que fica no diretório /etc/NetworkManager/.

Mude o conteúdo de:

[main]
plugins=ifupdown,keyfile

[ifupdown]
managed=false

Para:

[main]
plugins=ifupdown,keyfile

[ifupdown]
managed=true

Agora reinicie a máquina. Teoricamente é para que o ícone tenha voltado a aparecer.

Fonte: http://ubuntuforums.org/showthread.php?p=6049183

Espero ter ajudado.

Atenciosamente,
Matheus

Outras dicas deste autor

Comandos rápidos para Mozilla/Firefox

Resolvendo problemas com adaptador bluetooth no Ubuntu 9.10

Problemas com VNC no Ubuntu

Usando o Linux com o driver VESA

Leitura recomendada

Amsn e Imlib no Debian

Configurar rede da empresa e 3G juntos

Criando o arquivo wpa_supplicant.conf

Abrindo várias instâncias do Firefox simultaneamente

Wireless conecta, mas não navega no Ubuntu

  

Comentários
[1] Comentário enviado por Rafaell em 25/12/2008 - 00:30h

Ei, colega, tenho um outro problema com o ícone de rede: Ele informa que a minha rede está desabilitada, sendo que a conexão com a internet está perfeita. O que será que pode ser?

[2] Comentário enviado por matheusslima em 25/12/2008 - 16:06h

Entao cara, este é mais um dos varios "probleminhas" que o Ubuntu tem.

Infelizmente nao sei resolver =/

[3] Comentário enviado por roqueiro50 em 03/01/2009 - 19:18h

olha Rafael quando acontecer isso vc clica com o mouse no botão esquerdo e "Auto eth0" que vai procurar a conexão ok !!!

[4] Comentário enviado por Rafaell em 16/01/2009 - 12:29h

"roqueiro41", ao clicar com o botão esquerdo do mouse no ícone, não aparece a opção "Auto eth0", aparece o seguinte: "Rede com fios: dispositivo não é gerenciável", em cinza, assim não dá pra clicar. Ok?

[5] Comentário enviado por cytron em 29/07/2009 - 22:30h

Cara!!! Chega a ser inaceitável, ubuntu é uma excelente distro, internet banda-larga é tão comum quanto o celular, até quem não tem sabe o que é.

Mas como pode o nm-applet ser tão budado assim? Quem desenvolveu isso não usa net ou não usa o próprio applet? (sem ofender)

Como que uns bugs desses consegue sobreviver em tantas versões do ubuntu? ehehe

É um procedimento tão simples, formato o PC, instalo Ubuntu, lá está o nm-applet... com Auto eth0.... funciona que é uma maravilha...

Só não pode tentar colocar banda-larga.

o tal DSL não vai! Crio a conexão, mas só conecta quando quer, se insistir some todas as interfaces no applet.

Já vasculhei a net atrás de uma solução... mas só vejo gente tendo o mesmo problema.

Será que alguém resolveu essa maluquice do nm-network-manager (nm-applet)????

[6] Comentário enviado por removido em 27/04/2010 - 11:34h

Infelizmente este erro ocorre ainda no Linux Ubuntu 9.10 Karmic Koala realizando este procedimento acima o erro é corrigido. matheusslima muito obrigado o problema foi resolvido perfeitamente.

[7] Comentário enviado por ChacalRN em 02/05/2010 - 18:21h

Resolveu minha bronca no Lucid Lynx, show de bola esta dica.

Grande abraço Matheus.

[8] Comentário enviado por erickcf em 14/05/2010 - 10:03h

A minha também, depois de tanto garimpar, remover, instalar o WICD (que não me ajudou para a minha situação) instalar o network manager novamente e aparecer com o mesmo problema bla bla bla...
Tive sucesso com esse procedimento.
Parabéns e viva a curiosidade dos nossos bons e velhos "especialistas em informática".
PS.; Espero que me entendam.

[9] Comentário enviado por azraelm em 29/09/2010 - 10:35h

Valeu pela dica, deu certo!!! \o/

[10] Comentário enviado por wandersonbpaula em 10/10/2011 - 10:31h

Depois de 1 ano deste poste vou responder esta, mas provavelmente já devem saber disso, depois de tanto tempo já devem ter estudado mais o sistema Linux, e descoberto que ele é um sistema baseado no padrão POSIX onde reza que qualquer sistema que queira ser ou parece um UNIX deve ser baseado no padrão POSIX, o que quer dizer que ele é um sistema multiusuário, multitarefa, modular e portável, essa última característica quer dizer que o Linux é desenvolvido para várias arquitetura como i386, i586, i686, essas são as mais comuns, por isso o que chamam de bug é na realidade algum hardware que não foi compatível com a sua instalação e um Linux-user que se preze corre atrás ou desenvolve o seu próprio device drive ou solução e ainda compartilha com os demais para que isso se torne público de forma que vivamos em harmonia uns com os outros, leia-se as 4 liberdades de um software open source.
Ah! e lembrando que o Linux é somente um Kernel e o problema que referenciam neste post é referente a software que se comunica com um módulo do kernel responsável pela aplicação referenciada.



Contribuir com comentário