O jeito APT de resolver problemas

Publicado por Bruno Rocha da Silva em 23/06/2012

[ Hits: 3.895 ]

Blog: http://about.me/brunorochadasilva

 


O jeito APT de resolver problemas



Você quer estudar GNU/Linux a fundo, instalou o Debian Squeeze no seu PC/Notebook, porém, funções básicas como áudio, rede Wireless, mouse, Bluetooth, entre outros, não funcionam.

E agora? Volto para o Windows?

A respostá é simples: NÃO! Entenda o porque, abaixo.

1ª Pergunta: Por que isto acontece?

Resposta: Por padrão, o Debian só é lançado quando está pronto. Ou seja, não existe uma data pré determinada para o lançamento do mesmo.

Até isto acontecer, são realizados testes e mais testes a todo vapor, por isso, o mesmo traz um kernel estável. O que pode deixá-lo desatualizado com o tempo, tornando o mesmo, incompatível com alguns periféricos mais modernos.

Sabendo disso, podemos concluir que um kernel mais atual pode resolver parte dos (senão todos os) nossos problemas em relação a compatibilidade.

2ª Pergunta: Então eu terei que perder noites de sono para pesquisar, selecionar e compilar um novo kernel?

Resposta: Novamente: Não! Existe um jeito mais fácil para realizar tal tarefa, basta instalar um novo kernel via APT (isso mesmo, instalar um novo kernel).

Bom, chega de delongas e vamos ao que interessa.

Se você quer programas mais atuais no Debian, tem a opção de instalá-los via Backports, que nada mais é do que um repositório paralelo do Debian que contém programas com versões mais atualizados, testados e recompilados (geralmente) em uma versão estável do Debian.

Para começar, adicione o mirror do Backports, no sources.list do Debian:

# echo "deb http://backports.debian.org/debian-backports squeeze-backports main contrib non-free" >> /etc/apt/sources.list

Logo depois, atualize o mirror:

# aptitude update

Agora que já está tudo atualizado, realize uma busca (enfatizando o Backports), atrás de um kernel Linux:

# aptitude search -t debian-backports linux-image

Saída do comando:

v  linux-image      -
v  linux-image-2.6     -
p  linux-image-2.6-amd64 - Linux for 64-bit PCs (dummy package)
p  linux-image-2.6-openvz-amd64 - Linux 2.6 for 64-bit PCs (meta-package), O
p  linux-image-2.6-rt-amd64 - Linux for 64-bit PCs (dummy package)
p  linux-image-2.6-vserver-amd64 - Linux 2.6 para PCs 64-bit (metapacote), su
p  linux-image-2.6-xen-amd64 - Linux 2.6 for 64-bit PCs (meta-package), X
i   linux-image-2.6.32-5-amd64 - Linux 2.6.32 for 64-bit PCs
p  linux-image-2.6.32-5-amd64-dbg - Debugging infos for Linux 2.6.32-5-amd64
p  linux-image-2.6.32-5-openvz-amd - Linux 2.6.32 for 64-bit PCs, OpenVZ suppor
p  linux-image-2.6.32-5-openvz-amd - Debugging infos for Linux 2.6.32-5-openvz-
p  linux-image-2.6.32-5-vserver-am - Linux 2.6.32 for 64-bit PCs, Linux-VServer
p  linux-image-2.6.32-5-vserver-am - Debugging infos for Linux 2.6.32-5-vserver
p  linux-image-2.6.32-5-xen-amd64 - Linux 2.6.32 for 64-bit PCs, Xen dom0 supp
p  linux-image-2.6.32-5-xen-amd64- - Debugging infos for Linux 2.6.32-5-xen-amd
p  linux-image-2.6.39-bpo.2-amd64 - Linux 2.6.39 for 64-bit PCs
p  linux-image-3.2.0-0.bpo.1-amd64 - Linux 3.2 for 64-bit PCs
p  linux-image-3.2.0-0.bpo.1-amd64 - Debugging infos for Linux 3.2.0-0.bpo.1-am
p  linux-image-3.2.0-0.bpo.1-rt-am - Linux 3.2 for 64-bit PCs, PREEMPT_RT
p  linux-image-3.2.0-0.bpo.1-rt-am - Debugging infos for Linux 3.2.0-0.bpo.1-rt
p  linux-image-3.2.0-0.bpo.2-amd64 - Linux 3.2 for 64-bit PCs
p  linux-image-3.2.0-0.bpo.2-amd64 - Debugging infos for Linux 3.2.0-0.bpo.2-am
p  linux-image-3.2.0-0.bpo.2-rt-am - Linux 3.2 for 64-bit PCs, PREEMPT_RT
p  linux-image-3.2.0-0.bpo.2-rt-am - Debugging infos for Linux 3.2.0-0.bpo.2-rt
p  linux-image-amd64 - Linux for 64-bit PCs (meta-package)
p  linux-image-openvz-amd64 - Linux for 64-bit PCs (meta-package), OpenV
p  linux-image-rt-amd64 - Linux for 64-bit PCs (meta-package), PREEM
p  linux-image-vserver-amd64 - Linux para PCs de 64-bit (meta-pacote), su
p  linux-image-xen-amd64 - Linux for 64-bit PCs (meta-package), Xen d

Perceba que a saída do comando nos traz diversos kernels para virtualização, no nosso caso, iremos instalar um kernel comum, padrão nos sistemas GNU/Linux atuais (no meu caso, um kernel 64-bit):

# aptitude install -t debian-backports linux-image-3.2.0-0.bpo.2-amd64

Feito isto, basta reiniciar seu PC/Notebook, selecionar o kernel novo e verificar se os seus periféricos (ou parte deles) estão funcionado como deveriam.

Obs.: Lembrando que esta é apenas uma solução lógica, afinal, com o kernel mais atual é provável que os periféricos venham funcionar corretamente.

Um abraço a todos, até mais!

Outras dicas deste autor

Interceptando tráfego SSL/HTTPS com Ettercap e SSLstrip

Leitura recomendada

Kernel 3.0 em qualquer Ubuntu ainda suportado

Kernel 2.6.37 - slh rodando perfeitamente no aptosid após dist-upgrade

CD's do Ubuntu de graça!

Atualizando o kernel do Linux corretamente (inclusive os headers)

Os "patches ck1" de Con Kolivas estão de volta

  

Comentários
[1] Comentário enviado por removido em 23/06/2012 - 19:16h

É uma boa dica, só lhe recomendo que solicite a correção do comando abaixo:

# echo "deb http://backports.debian.org/debian-backportssqueeze-backports">http://backports.debian.org/debian-backportssqueeze-backports main contrib non-free" >> /etc/apt/sources.list

para:

# echo "deb http://backports.debian.org/debian-backports squeeze-backports main contrib non-free" >> /etc/apt/sources.list

visto que saiu tudo junto.

#

Quem quiser pode ao invés de executar os comandos acima, poderá adicionar diretamento as linhas abaixo em seu sources.list.

### Debian 6.0.5 Squeeze/Stable 'Backports'.
### Chave GPG: gpg --keyserver hkp://subkeys.pgp.net --recv-keys 16BA136C && gpg --export 16BA136C | sudo apt-key add -
deb ftp://sft.if.usp.br/debian-backports/ squeeze-backports main contrib non-free
deb http://backports.debian.org/debian-backports squeeze-backports main contrib non-free

Daí, instala a chave GPG e pronto:

# apt-get update
# gpg --keyserver hkp://subkeys.pgp.net --recv-keys 16BA136C && gpg --export 16BA136C | apt-key add -
# apt-get update

Em relação aos drivers os mais diversos, procurem por 'firmware' e nesse repo do Backports está cheio deles e é importante que as seções 'contrib' e 'non-free' estejam adicionada às linhas não só do Backports quanto para o repo tradicional do Squeeze.



Contribuir com comentário




Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner
Linux banner
Linux banner

Destaques

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts