Instalando o Sarg no Ubuntu Server 8.04

Publicado por Gilson Paulino em 18/12/2009

[ Hits: 18.470 ]

 


Instalando o Sarg no Ubuntu Server 8.04



Suponho que você já tenha o Squid em produção e gravando log de acesso. Não vou abordar a instalação e configuração do Squid nesse tutorial, mas prometo um outro com todas as configurações de Squid que uso atualmente.

Primeiramente vamos atualizar a lista de fontes do Ubuntu Linux:

# apt-get update

Este comando atualiza apenas a lista de fontes de download, não atualiza o sistema.

Instalando o SARG:

# apt-get install sarg

Após a instalação, acesse o diretório /etc/squid/.

Nesse diretório encontramos além do arquivo de configuração do Squid os arquivos de configuração do SARG.

Para começar edite o arquivo sarg.conf com o seu editor preferido (o meu é mcedit):

# mcedit /etc/squid/sarg.conf

Vamos atentar apenas as linhas abaixo:

# Idioma do SARG
language Portuguese

# Diretório onde encontra-se o log do SQUID
access_log /var/log/squid/access.log

# Título da página dos logs do SARG
title "Relatórios de acessos a Internet"

# Pasta onde o SARG vai salvar os logs em html
output_dir /var/www/squid-reports

# Arquivo contendo os IPs ignorados pelo SARG
exclude_users /etc/squid/sarg.users

# Arquivo onde relacionamos os IPs aos seus respectivos usuários. Assim o SARG exibe o seu nome do relatório
usertab /etc/squid/sarg.usertab

As demais configurações do arquivo eu deixo como padrão.

No arquivo sarg.users:

# mcedit /etc/squid/sarg.users

Adicione os IPs que você não quer que o SARG analise os LOGs. Um abaixo do outro.

No arquivo sarg.usertab:

# mcedit /etc/squid/sarg.usertab

Adicione os IPs e os nomes dos usuários para serem exibidos nos relatórios do SARG:

192.168.0.14 Gilson
192.168.0.16 Maria

Pronto, agora precisamos apenas digitar o comando "sarg" no shell para ele gerar os relatórios na pasta indicada pelo arquivo sarg.conf.

Para acessar os logs via web acesse o endereço:

http://ip-do-servidor/squid-reports

Para incrementar mais ainda você pode adicionar uma senha nessa pasta usando as configurações do Apache (mostrarei em outro texto) e ainda adicionar uma entrada no CRON para automatizar o comando "sarg" que gera os relatórios.

Acesse o meu blog para mais conteúdo: http://gilsonti.blogspot.com

Boa sorte!

Outras dicas deste autor
Nenhuma dica encontrada.
Leitura recomendada

USB Tether com Motorola Android

Administração de usuários no Linux

Calculando dígito verificador do CT-e (reconhecimento de trânsito)

Bacula 7.x no CentOS 7.x - Instalação e configuração

Instalando driver proprietário da ATI no Ubuntu 9.04 para placas Legacy

  

Comentários
[1] Comentário enviado por magnolinux em 18/12/2009 - 10:19h

Isto aí boa dica..

apesar de bem simples e o sarg possuir muitas outras informações...

Parabens...

[2] Comentário enviado por andersontm em 18/12/2009 - 10:45h

Não esquecendo que quem ainda não tem o apache instalado é preciso instalá-lo com o comando:

# apt-get install apache2

Eu além disso sigo algumas dicas do livro do Morimoto, que são:
___________________________
Automatizando com o Cron!
Trexo retirado do livro "Servidores Linux - Guia Prático", do Morimoto;

"Para automatizar esta tarefa, você pode usar o cron para que ele seja executado automaticamente todos os dias ou uma vez por hora, por exemplo. No Debian (e na maioria das outras distribuições) é criado automaticamente um script dentro da pasta "/etc/cron.daily/", que faz com que ele seja executado todos os dias às 6:25 da manhã.

Dentro da mesma pasta, você encontrará um script que executa o logrotate, o serviço do sistema responsável por rotacionar os logs, evitando que eles cresçam até ocupar todo o espaço disponível no HD do servidor. Todos os dias, o logrotate renomeia e compacta os arquivos de log, incluindo o log do Squid, fazendo com que o log do dia anterior receba a extensão ".1" e os logs seguintes as extensões ".2.gz", ".3.gz" e assim por diante. Com isso, a pasta "/var/log/squid" conterá uma seqüência de arquivos (access.log, access.log.1, access.log.2.gz, access.log.3.gz e assim por diante).

No caso do Debian, o logrotate é corretamente configurado para executar o Sarg antes de rotacionar os logs, de forma que ele não deixe de contabilizar os acessos. Caso tenha problemas em outras distribuições, experimente renomear o arquivo "/etc/cron.daily/sarg" para "/etc/cron.daily/ksarg", de forma que ele seja executado imediatamente antes do "/etc/cron.daily/logrotate". "
___________________________

Fiz isso usando o Ubuntu Server 9.04, assim ele gera automaticamente os html's do Sarg, Diario, Semanal e Mensal!
Outra mudança que fiz, foi mover o "/etc/cron.daily/logrotate" para a pasta "/etc/cron.montly/logrotate" assim ele rotaciona os logs mensalmente e não atrapalha o Sarg, o comando para isso seria;

# mv /etc/cron.daily/logrotate /etc/cron.montly/

Pronto, assim nem precisa criar regras no Cron ele já usa as criadas pelo próprio Sarg!

Abraço!

[3] Comentário enviado por andersontm em 18/12/2009 - 10:51h

Esqueci de colocar no comentário acima, que depois que eu movo o logrotate para a pasta "/etc/cron.montly/" eu renomeio o sarg da mesma pasta para ksarg como o trecho do livro indica, a diferença é que eu altero o da pasta montly e não o da daily!

Abraço!

[4] Comentário enviado por gilsonbp em 18/12/2009 - 11:10h

Bom dia!

Para adicionar uma entrada no cron agendando o sarg eu uso o seguinte comando:

# lista as tarefas agendadas
crontab -l

Ex:# m h dom mon dow command
40 * * * * sarg
00 23 * * * /root/scripts/backup_etc start

Minutos: informe números de 0 a 59;
Horas: informe números de 0 a 23;
Dias do mês: informe números de 0 a 31;
Mês: informe números de 1 a 12;
Dias da semana: informe números de 0 a 7;
Usuário: é o usuário que vai executar o comando (não é necessário especificá-lo se o arquivo do próprio usuário for usado);
Comando: a tarefa que deve ser executada.

# Edita as tarefas agendadas e adiciona mais tarefas
crontab -e

Abre o editor "vi" com as tarefas agendadas voc~e tecla Enter no final e adiciona mais uma com "*" nos campo qua você quer generalizar.

Veja no exemplo acima que agendei o sarg de hora em hora no minuto 40.

Boa sorte!

[5] Comentário enviado por thiaguin em 18/07/2012 - 11:25h

Olá pessoal!
Eu gostaria de gerar os relatórios do sarg com somente os endereços dos browsers, não queria que aparecesse no relatório todas as sub-paginas. Eu entrego os relatórios para a diretoria da empresa, mais o relatorio fica confuso de entender com tanta sub-pagina que existe em cada url acessada.

Alguem teria alguma dica??



Contribuir com comentário




Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner
Linux banner
Linux banner

Destaques

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts