Implementando servidor de horas no Linux

Publicado por Rafael Tomelin em 24/08/2006

[ Hits: 15.539 ]

Blog: http://teclinux.no-ip.org:8080

 


Implementando servidor de horas no Linux



Existem ao todo, 3 tipos de servidor de hora:
  • Servidor strato 1 = ligados diretamente a um relógio atômico;
  • Servidor strato 2 = ligados diretamente a um servidor strato 1;
  • Servidor strato 3 = ligado diretamente a um servidor strato 2.

Independente do seu tipo, os servidores de horários podem ser:
  • públicos
  • privados

Públicos: São listados no site ntp.org e podem ser usados para ajustar o horário dos hosts em uma rede.

Vamos ao que interessa!

Ajustando o horário no servidor:

* Ajuste de horário (protocolo ntp)

ntpdate ip_ou_nome_do_servidor

Exemplo:

# ntpdate ntp1.pucpr.br

OBSERVAÇÃO:
  • Observe se o servidor escolhido está no mesmo time zone dos clientes;
  • Observe se o horário de verão afeta o servidor escolhido.

Coloque no rc.local o comando acima para que ao ligar o micro ele ajuste o horário.

* Ajuste de horário dos clientes internos para a rede:

Podem ser feitos de 3 formas:
  1. Diretamente através do comando ntpdate "servidor", como visto acima;
  2. Se os clientes são Linux, podemos usar o comando rdate -s "servidor";
  3. Se os clientes são Windows, podemos usar o Samba para o ajuste.

O próximo passo será ajustar o horário do cliente Linux:

* No servidor "que foi atualizado via ntpdate", edite o arquivo /etc/xinetd.d/time-udp e troque a opção "disable=yes" por "disable=no". Feito isto, reinicie o serviço xinetd.

# service xinetd restart

No cliente, execute a linha de comando abaixo:

# rdate -s ip_do_servidor

Ajuste de horário no cliente Windows:

No servidor que foi atualizado via ntpdate, a configuração fica dentro do samba "smb.conf". Na máquina que é o servidor Samba, edite o arquivo /etc/samba/smb.conf e acrescente a linha abaixo, na seção [GLOBAL]:

time server = yes
Outras dicas deste autor

SSH (PuTTY) automatico pelo Windows

Mostrando seu prompt para outro usuário

Administrando o CUPS por linha de comando (parte 1)

Redundância de links v0.1

Leitura recomendada

DSSI-VST: Como rodar instrumentos virtuais VST no Linux

Plotter de recorte no Linux

Migrar Samba 4 entre servidores CentOS 7

Tabela ASCII

Criando pacotes RPM com o rpmbuild

  

Comentários
[1] Comentário enviado por thyagofs em 24/08/2006 - 19:12h

Muito bom. Dica simples e eficiente.
Parabéns !


[2] Comentário enviado por malanga em 06/02/2008 - 16:29h

Ola,

tive um pequeno problema aqui mas consegui resolver,
apos feito todos os procedimentos ele me diz nos cliente a conxao foi recusada...

no server faltou dar o comando chkconfig time on

pronto funcionou tranquilo.




Contribuir com comentário




Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner
Linux banner

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts