GKrellM + Sensores + Placa-mãe ASUS P4S800D

Publicado por Renan Birck Pinheiro em 17/11/2005

[ Hits: 9.942 ]

Blog: http://renanbirck.blogspot.com

 


GKrellM + Sensores + Placa-mãe ASUS P4S800D



A placa-mãe Asus P4S800D e outros modelos dessa mesma empresa usam geralmente chips Asus ou Winbond ligado ao barramento ISA.

Veremos como instalá-los e usá-los com o gkrellm.

Instale o pacote lm_sensors:

# apt-get install lm_sensors

Execute como root:

# sensors-detect

Digite "YES" quando perguntar "Do you want to probe now?". Faça o mesmo com "Do you want to scan the ISA BUS?" e "Do you want to scan for SUPER I/O Sensors?" e pressione [Enter] quando requisitado.

O seguinte deverá aparecer:

Driver `w83627hf' (should be inserted):
  Detects correctly:
  * ISA bus address 0x0290 (Busdriver `i2c-isa')
    Chip `Winbond W83627THF Super IO Sensors' (confidence: 9)

I will now generate the commands needed to load the I2C modules.
Sometimes, a chip is available both through the ISA bus and an I2C bus.
ISA bus access is faster, but you need to load an additional driver module
for it. If you have the choice, do you want to use the ISA bus or the I2C/SMBus (ISA/smbus)?


Por via das dúvidas, escolha ISA, visto que é suportado na maioria das placas-mãe.

Dê 'YES' no último prompt "Do you want to add these lines to /etc/modules automatically?", para que os módulos sejam carregados no boot.

Reinicie o computador e, depois digite:

# lsmod | grep i2c_isa
# lsmod | grep i2c_sensor
# lsmod | grep w83627hf


Se tudo estiver corrido bem, todos os comandos retornarão um resultado.

Agora, execute o gkrellm:

$ gkrellm

Abra a configuração dele, navegue até builtins -> sensors, lá selecione "Temperatures".

Todas as temperaturas estão com o identificador (temp1/temp2/temp3), já que a placa-mãe não atribui nomes à elas. No meu caso, a temp1 era a da placa-mãe, a temp2 era a do processador e a temp3 era uma temperatura fantasma (talvez seja da placa de vídeo).

Em "Voltages", selecione as voltagens que interesse para você.

Em "Fans", selecione os coolers que serão monitorados. Note que você só pode monitorar no máximo 3 coolers. No meu caso, o "fan2" representava o cooler do processador.

Se isso não funcionou, é porque os módulos não subiram, seu kernel está compilado sem suporte a I2C. Neste caso, refira-se a um dos excelentes materiais disponíveis sobre compilação de kernel e compile um novo kernel com suporte a I2C e ao chip monitor de sua placa-mãe.

É claro que essa dica pode ser adaptada para uso em outras placas-mãe, basta você saber qual o chip monitor ou o SuperIO ("faz-tudo") em algumas placas-mãe.

OBS: Essa dica não se aplica a notebooks. As placas-mãe de portáteis são simplesmente muito "não-standard", então é melhor não arriscar.

Outras dicas deste autor

Kiba-dock no Ubuntu

Resolvendo problema do urpmi / rpmdrake travados no Mandriva

Firefox X configuração de modem ADSL

G'MIC: adicionando centenas de efeitos ao GIMP

Multifuncional HP C3180 (e outros modelos da HP) no Linux

Leitura recomendada

Maneira fácil de instalar driver de vídeo no Linux (ATI/NVidia)

Crimpagem: Aplicando loop físico na placa de rede

Placa Wireless Qualcomm Atheros QCA6174 em kernel 4.4.0-31

Câmera Kodak EasyShare

Raspberry PI 3: Wireless integrada funcionando no Slackware ARM

  

Comentários

Nenhum comentário foi encontrado.



Contribuir com comentário




Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner
Linux banner
Linux banner

Destaques

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts