Bygfoot, o Brasfoot Open Source

Publicado por mr.neves em 30/10/2015

[ Hits: 9.003 ]

Blog: http://pedrohneves.blogspot.com.br/

 


Bygfoot, o Brasfoot Open Source



Quando eu usava Windows um jogo que eu gostava muito era Brasfoot, no qual a gente assume o papel de técnico e dirigente de um clube de futebol. O que eu mais gostava no jogo era que ele é brasileiro e tem todos os times das series A, B, C e D com elencos atualizados. Era ótimo assumir meu time do coração e sair comprando jogadores e montando elencos, ganhando títulos.

Quando comecei a usar Linux uma das primeiras coisas que procurei foi um jogo nesse estilo e de preferência open source. Nessa procura achei o Bygfoot, confesso que num primeiro contato achei o jogo feio e esquisito e os nomes do jogadores estavam todos errados (tipo o International Superstar Soccer que tinha o Allejo na seleção brasileira).

Mas fui jogando o jogo e gostando, e resolvi mudar os elencos do jogo e colocar os times reais do Brasileirão 2015 com elencos atualizados. Então fui no site Ogol para ver os elencos e, como tenho o Brasfoot no PC, pude usá-lo como base para a "força" de cada jogador.

Para instalar o jogo no Debian e derivados é só digitar no terminal:

sudo apt-get install bygfoot

Para outras distros é só usar o repositório da distro que o Bygfoot deve estar disponível ou então acessar o site www.bygfoot.com, baixar o código fonte e compilar.

Depois do jogo instalado, se você quiser jogar com os jogadores reais e atualizados do brasileirão 2015 baixe esse arquivo:
Extraia e você vai ter duas pastas: south_america e teams, só precisa colar as duas em:

/home/SeuUsuario/.bygfoot-2.3.2/definitions

Se pedir para substituir os arquivos diga que sim e pronto! Você já pode ser o dirigente do seu time do coração. Aqui umas printscreens que tirei do jogo rodando:
Já vou avisando aos corintianos que não é possível escalar o juiz e os bandeirinhas, mas como o jogo é open source, esse é um bug que podemos corrigir!

Como Editar o jogo

Foi esse jogo que me fez realmente descobrir o significado de open source, já sabia o que era, mas na prática nunca tinha experimentado a sensação de modificar algo para me ajudar e depois liberar para a comunidade as melhorias que fiz.

Por isso na pasta teams existe um arquivo chamado team_brazilian.xml que está em branco para que, se você quiser adicionar um time que não esteja no jogo, simplesmente edite o arquivo mais ou menos assim:

<team>
   <team_name>Nome do Time</team_name>
   <stadium_name>Nome do Estadio</stadium_name>
   <formation>Formação(ex:433 ou 442)</formation>
   <average_talent>4000talento padrão do time(pode deixar 4000 mesmo)</average_talent>
<player>
      <player_name>Nome do jogador</player_name>
      <birth_year>Ano do Nascimento do Jogador</birth_year>
      <birth_month>Mês de Nascimento do Jogador</birth_month>
      <skill>Habilidade do jogador (de 100 a 9900) </skill>
      <talent>Mesma Coisa de Skill</talent>
      <position>Posição (0 para goleiro, 1 para zagueiro, 2 para meia e 3 para atacante)</position>
</player>

Depois de editar e colocar os 11 jogadores do seu time (O jogo aceita até 20 jogadores) salve como team_brazilian_Nomedoseutime.xml.

Depois abra o arquivo referente ao campeonato que seu time disputará, se for na primeira divisão do Brasil por exemplo, abra o arquivo:

/home/pedro/.bygfoot-2.3.2/definitions/south_america/brazil/league_brazil1.xml

e edite assim:

<teams>
    <team>
    <team_name>Nome do Seu time</team_name>
    <def_file>brazilian_Nome do seu time(aqui o nome do seu time deve ser o mesmo do arquivo salvo acima)</def_file>
    </team>

Depois salve e pode começar a jogar.

Outras dicas deste autor
Nenhuma dica encontrada.
Leitura recomendada

Configurando internet via radio no Slackware 10.1

Instalando o GRUB2 (1.95) no Slackware

Instalando BlueJ (IDE Java) no Linux

Limitando o uso da CPU com o CPULIMIT

Hack 'n' Cast v0.5 - por que usar GNU/Linux

  

Comentários

Nenhum comentário foi encontrado.



Contribuir com comentário




Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner
Linux banner
Linux banner

Destaques

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts