Adicionando múltiplos usuários no Linux com VIM

Publicado por felipe gallois em 05/10/2008

[ Hits: 6.849 ]

 


Adicionando múltiplos usuários no Linux com VIM



Às vezes você quer adicionar vários usuários em lote no sistema, o que pode dar muito trabalho dependendo da quantidade. Usar o comando newusers adianta muito o seu trabalho, e o vim pode te ajudar ainda mais caso os usuários sejam uma sequência, como por exemplo: usuário1, usuário2 etc.

Usando o newusers

Supondo que você queira adicionar vários usuários, mas bate aquela preguiça de escrever o tempo todo, ou queira replicá-los em vários computadores, como fazer isso?

Edite um arquivo de texto qualquer, que terá um formato semelhante ao passwd, por exemplo:

# vim usuários.txt

usuário1:senha:10001:10001:nome:/home/usuário1:/bin/bash
usuário2:senha:10002:10002:nome:/home/usuário2:/bin/bash
usuário3:senha:10003:10003:nome:/home/usuário3:/bin/bash

Label:

login : senha : uid : gid : nome do usuário : pasta home do usuário : shell do usuário

Beleza! Agora é só rodar:

# newusers usuários.txt

E pronto, todos eles serão adicionados!

Ajudinha do vim para usuários em sequência

Pois é. Até aí está tudo beleza, já é um adianto de vida. Mas caso queira adicionar os usuários como o exemplo anterior (usuário1, usuário2 etc), o vim ainda pode te ajudar um pouco com macros. ;)

Crie um arquivo novo:

vim usuários.txt

E escreva a primeira linha dele:

usuário1:senha:10001:10001:nome:/home/usuário1:/bin/bash

Agora vem mais mágica, digite:

qa
Y
p

Pare em cima dos números 1 que deseja transformar para 2 e aperte <Ctrl a>, feito isso, digite:
q

Pronto! Quantas vezes quer repetir? 19?

19@a

Explicando:
  • qa inicia a gravação da macro 'a';
  • Y copia a linha toda;
  • p cola a linha;
  • <Ctrl a> serve para incrementar um número (<Ctrl x> decrementa, caso esteja curioso ;));
  • q termina a gravação da macro;
  • @a serve para executar a macro e o 19 antes disso é o número de repetições.

Dá pra ganhar um baita tempo. Fiz isso na configuração de um servidor LTSP, onde o processo de inclusão de usuários é em sequência de números (um para cada máquina cliente) e deve ser replicado em vários servidores. Não é exatamente para mim, mas vai adiantar o lado do sysadmin responsável por isso.

Espero ter ajudado!

Fica a dica, vou colocar as dicas do blog por aqui sempre que possível, com a referência:

Criando usuários em batch + vim - gallois' blag

Abraços.

gallois

Outras dicas deste autor

Comando time no zsh (shell Linux)

Auctex: Tabela de atalhos

Iniciar o KTorrent via SSH (Linux remoto)

Leitura recomendada

Instalando o Drive NVIDIA-Linux-x86_64-285.05.09.run no Debian 6

Ubuntu, porque todos estão mudando?

Instalando Atheros AR5007EG no (K)Ubuntu/Debian sem complicações

Instalando fontes do Windows no Linux de maneira simples

Como rodar um Shell Script como se fosse um comando

  

Comentários
[1] Comentário enviado por eldermarco em 20/02/2009 - 17:19h

Não sei.. mas eu também poderia fazer rápido rápido um script para isso, não é?

É, mas talvez o Vi seja mais rápido :-)

[]'s

Elder Marco.



Contribuir com comentário




Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner
Linux banner
Linux banner

Destaques

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts