Ubuntu pendrive TrueCrypt

O presente artigo humildemente discute uma metodologia que incremente a segurança das incontáveis senhas que entram e saem de nossas vidas.

[ Hits: 36.118 ]

Por: Anderson Francisco da Silva em 26/07/2007


Instalação e configuração



Quanto a instalação do Ubuntu não há segredos... :-)

A única peculiaridade foi mesmo o particionamento:

/dev/sda1 950MB / ext3
/dev/sda2 50MB /sda2 ext3

Dispensamos a partição SWAP, pois o computador dispunha de 512MB de RAM. Para automatizar a montagem da partição sda2 acrescentamos no arquivo /etc/fstab a linha:

/dev/sda2 /sda2 ext3 defaults 0 0

A conta root vem desabilitada por default, o superusuário é o pen e a máquina pen.

Como o sistema ocupou apenas 500MB da partição sda1, nos entregamos ao luxo de instalar o XFCE e o Mozilla Firefox, ocupando agora 850MB dos 950MB disponíveis.

Quanto a instalação do TrueCrypt também não há segredos... :-))

# cd /sda2
# wget
http://www.truecrypt.org/downloads/truecrypt-4.3a-ubuntu-7.04-x86.tar.gz
# tar -zxvf truecrypt-4.3a-ubuntu-7.04-x86.tar.gz
# dpkg -i /sda2/truecrypt-4.3a/truecrypt_4.3a-0_i386.deb


Página anterior     Próxima página

Páginas do artigo
   1. Considerações
   2. Hardware & software
   3. Instalação e configuração
   4. Hora da verdade
Outros artigos deste autor
Nenhum artigo encontrado.
Leitura recomendada

Técnicas forenses para identificação da invasão e do invasor em sistemas Unix/Linux através do SSH (parte 2)

Nmap do início ao fim (parte 1)

Configurando o IDS - Snort / Honeypot (parte 1)

Análise passiva (parte 2)

Metaspoit: Brute force + invasão com meterpreter encriptado com RC4

  
Comentários
[1] Comentário enviado por removido em 26/07/2007 - 11:49h

"Humildemente" também te dei 10!!!
Parabéns!
;-))

[2] Comentário enviado por andersontm em 26/07/2007 - 12:53h

Muito interessante, ótimo artigo!

[3] Comentário enviado por fog em 26/07/2007 - 15:25h

Muito interessante mesmo!!! Gsotei muito...
Soh chegar meu pen que vou testar...


[4] Comentário enviado por madpin em 27/07/2007 - 00:26h

Legal, eu até gostei, e sei que ubuntu tá na moda, mas porque não usar o Slax ?
Que é uma distribuição mais destinada para isso ?
E tem uma versão do slax, que é para pendrives de 256mb, ainda sobrando uma boa parte para dados diversos ...
=]

Assim que chegar a minha vou tentar isso.
=]

[5] Comentário enviado por andersonunifal em 27/07/2007 - 12:52h

Valeu Galera!!! Brigadão pelo Apoio!!!

Se o pendrive for de 2/4GB a coisa pode ficar ainda mais interessante.
O Slax tb é uma boa opção... poste o resultado pra nós por favor...

se garrar é só chamar...!

o Linux é Lindo!!!


Contribuir com comentário