Trabalhando com Firebird em múltiplos arquivos de dados

Para este artigo usei o Firebird 1.5.2, foi testado no Fedora Core. O Firebird é um banco de dados que trabalha salvando a base de dados geralmente num único arquivo (como dados.gdb, a extensão pode variar para fdb ou outra). Em algumas situações precisamos separar/dividir estes arquivos.

[ Hits: 41.444 ]

Por: Anderson de Assis de Souza em 22/09/2006


Fazendo backup de múltiplos arquivos de dados



Também será necessário uma rotina de backup diferente para multi-arquivos de dados.

Muitas pessoas fazem o backup do Firebird simplesmente copiando os arquivos .gdb. Mas não é um backup profissional, se o banco de dados estiver em uso, fazendo desta forma não terá a integridade das informações garantidas.

O correto para um backup no Firebird para um banco de dados é com o comando gbak, primeiro mostrarei da forma simples, backup de um único arquivo de dados:

# /opt/firebird/bin/./gbak -B -G /caminhodobanco/bancodedados.gdb /caminhobackup/backupbancodedados.gbk

Os caminhos são origem dos dados e destino do backup.
  • -B - Significa backup;
  • -G - Significa Garbage, é para remover o lixo de dados que costumam existir num Banco de Dados, isso torna a operação mais lenta, se preferir não use ou use ocasionalmente.
  • -V - Significa verify. Pode ser usado opcionalmente, serve para verificar o que está sendo feito, acompanhar o processo do comando gbak.

Agora um backup de multi-arquivos de dados. Supondo que existam mais arquivos de dados associados ao arquivo bancodedados.gdb (no exemplo).

# /opt/firebird/bin/./gbak -B -G /caminhodobanco/bancodedados.gdb /caminhobackup/backupbancodedados.gbk 2000m caminhobackup/backupbancodedados2.gbk 2000m caminhobackup/backupbancodedados3.gbk 2000m
  • 2000m - Significa que o backup será dividido em arquivos de no máximo 2000 Megabytes, a letra "m" deve estar junta, grudada, ao 2000. Pode ser usado também a letra k, significa Kilobyte, mas a divisão mínima é de 8Kbytes (KiliBytes).

Se você tem um banco de dados em multi-arquivos, deverá fazer um backup em múltiplos arquivos também. Mesmo que no backup, que costuma ficar bem menor do que a base de dados, ocupe um único arquivo de backup.

Página anterior     Próxima página

Páginas do artigo
   1. Introdução
   2. Separando a Base de Dados em múltiplos arquivos
   3. Fazendo backup de múltiplos arquivos de dados
   4. Restaurando backup de múltiplos arquivos de dados
Outros artigos deste autor

Apresentando o FenixSQL - Ferramenta de Banco de Dados para Interbase / Firebird

Instalando o Lazarus no Slackware

FLogSQD - Filtro de log do proxy Squid

Leitura recomendada

Case de Sucesso com Sistema de Gestão Hospitalar

O que são Generators no Firebird

Manual de instalação do Interbase Server no Conectiva Linux

Coletando informações direto do FIREBIRD via D.O.S. ou SHELL

Firebird, fazendo valer o lado do servidor

  
Comentários
[1] Comentário enviado por mottinha em 26/09/2006 - 08:52h

Muito bom o artigo, parabéns!
Mas como fica no caso de dividir o banco, onde cada parte fique em diretórios diferentes ou em HDs ou partições diferentes?

[2] Comentário enviado por guardioes5 em 26/09/2006 - 18:01h

fedora core 6 alguem tem previsao

[3] Comentário enviado por guardioes5 em 26/09/2006 - 18:04h

gostaria d receber os comandos e seu significados do fedora core


Contribuir com comentário




Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner
Linux banner
Linux banner

Destaques

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts