Tags automáticas em URLs com a classe urlmatch da PHP

Este artigo nos apresenta à classe urlmatch, que é usada para adicionar as tags <a> e </a> nas ocorrências de URLs em texto corrido. O conceito de utilização de classes facilita a vida do programador, que passa a reutilizar código previamente escrito por outros programadores ou até por ele próprio.

[ Hits: 20.303 ]

Por: Fábio Berbert de Paula em 22/01/2003 | Blog: https://youtube.com/c/cotidianohackeado


Exemplos práticos



Agora que já temos a classe instalada, vamos criar nosso primeiro programa PHP para demonstrar sua utilização. O código está devidamente comentado, em caso de dúvidas, envie um comentário:
<?
// informar ao script que estamos utilizando a classe urlmatch
include "class.urlmatch.php";

$obj = new urlmatch(); // cria uma nova instância da classe
$obj->debug = FALSE; // desabilitar modo DEBUG
$obj->charLimit = 50; // qualquer URL com tamanho maior que 50 caracteres será mostrada entre as tags de âncora com apenas seus 50 primeiros dígitos, concatenadas com '...', conforme definido na propriedade breakTxt abaixo
$obj->breakTxt = "...";
$obj->startFromLeft = TRUE; // começa a contar os caracteres da URL da esquerda para a direita
$obj->addProperty("target=\"_blank\""); // adiciona a propriedade target="_blank" à tag de âncora

// definir a variável que sofrerá o parsei
$texto = " ... você pode acessar o site http://www.vivaolinux.com.br para maiores informações ... ";

// inserir as tags às URLs
$texto = $obj->match($texto);

echo $texto;
?>

Simples não ? Pois é, esta classe é muito útil na construção de fóruns e afins, dessa forma as URLs publicadas por usuários passam a ser links dentro do seu site, fato que o torna mais utilizável, pois ao invés de precisarmos copiar e colar um link publicado por um usuário só temos o trabalho de um clique.

Atenciosamente,
Fábio Berbert de Paula
[email protected]

Página anterior    

Páginas do artigo
   1. Introdução
   2. Obtendo e instalando a classe
   3. Exemplos práticos
Outros artigos deste autor

Fazendo seu Linux falar com espeak

Torne-se um DJ usando Linux

Se preparando para obter certificação LPI

Controlando projetos com o fantástico CVS

Personalizando seu lilo no Debian

Leitura recomendada

Cadastro e login em PHP

Criando um sistema de banners rotativos em PHP

Acessando o Twitter de 5 formas: protocolo HTTP, cURL, classe HttpRequest (PHP), função http_post_fields() do PHP ou PHP+libcurl

Criando gráficos com a classe JPGraph (parte 2)

Guia completo do Ocomon no Linux - Módulo cliente, abertura de ocorrência (exclusivo VOL)

  
Comentários
[1] Comentário enviado por fera29 em 14/07/2004 - 19:58h

Achei meio desnecessária essa classe, pois armazendo os valores do banco de dados em um array, teríamos condições de "linkalas" de qualquer forma.

[2] Comentário enviado por fabio em 14/07/2004 - 21:16h

Fera,

Acho que você não leu o artigo... :P

[3] Comentário enviado por redstyle em 16/05/2005 - 16:32h

Ela também funciona com e-mails deixando com a tag mailto ??
[]'s

[4] Comentário enviado por fernandoamador em 18/04/2006 - 19:00h

Òtimo artigo...Parabéns...


Contribuir com comentário