Stopmotion: Crie animações com objetos inanimados e brinquedos

Neste documento veremos como criar animações de forma simples e divertida. O software livre Stopmotion é uma interface gráfica que facilita a geração de vídeos renderizados com quadros fotografados ao vivo com um device compatível v4l/v4l2 ou com imagens adquiridas com uma câmera digital ou digitalizadora.

[ Hits: 41.259 ]

Por: Alessandro de Oliveira Faria (A.K.A. CABELO) em 08/01/2007 | Blog: http://assuntonerd.com.br


Criando o vídeo (vamos à brincadeira)



Agora com o pacote compilado e instalado em seu sistema, devemos executá-lo como no exemplo abaixo:

$ stopmotion

Se tudo estiver funcionando corretamente, aparecerá uma tela como na imagem abaixo. Para inserir as imagens da animação, clique no botão CHOOSE FRAME TO ADD como destacada na figura abaixo:


Selecione as imagens a serem utilizadas na animação. Podemos também gerar imagens diretamente de uma webcam, mas no nosso caso utilizaremos imagens já armazenadas em disco.


Nesta etapa teremos uma tela similar a exibida logo abaixo. Altere o FPS (Quadro por segundos) de 10 para o novo valor 1.


Salve o projeto clicando no item FILE do menu e logo após a opção SAVE ou simplesmente pressionando a combinação de teclas CTRL+S.


Informe o nome do projeto como na figura abaixo.


Para gerar o vídeo, clique novamente no item FILE do menu principal, depois em EXPORT e VIDEO.


Informe o nome do vídeo.


Após o processamento, teremos a seguinte tela informado o sucesso da operação.


Na opção SETTINGS do menu principal podemos ajustar algumas configurações:


Estas configurações são o método de codificação do vídeo (formato, dimensão e outros).


Em VIDEO IMPORT, podemos configurar um device para capturar os quadros ao vivo.

Página anterior     Próxima página

Páginas do artigo
   1. Fundamentando conceitos
   2. Download e instalação
   3. Criando o vídeo (vamos à brincadeira)
   4. Criando o vídeo no braço (modo console, COISA DE MACHO!)
Outros artigos deste autor

Criando um invejável serviço de backup em CD-R com gravação multi-sessão

Brasil apimenta a guerra do software livre

Biometria facial na autenticação do usuário root

Dominando o apt-get no Conectiva

jKiwi: Simulando pintura de cabelo e novo visual com Software Livre

Leitura recomendada

Personalidades do mundo Open Source

SSH - Tradução da man page

Raspberry Pi: Central Multimídia com OpenELEC

Novas fontes para o seu X

PNL para Hacking

  
Comentários
[1] Comentário enviado por shocker em 08/01/2007 - 14:51h

Cabelo, muito show! hehehhe! :D Parabéns pelo artigo. Grande abraço.

[2] Comentário enviado por xxtiagoxx em 08/01/2007 - 20:22h

Muito bom !!!

[3] Comentário enviado por benwin em 08/01/2007 - 23:43h

No começo até pegou, só que depois de abrir umas imagens ele fechou de uma hora pra outra o programa e toda vez que tento iniciar o programa dá:
Warning: Cannot connect to FAM
Segmentation fault

Putz....

[4] Comentário enviado por andreee em 09/01/2007 - 09:32h

firmee.. eioheiheihei

gostei da naração..
=)
parabens pelo artigo

[5] Comentário enviado por sombriks em 09/01/2007 - 22:08h

Cabelo, o uso da "vídeoaula" de como se compilar um fonte vai virar referência. Já está nos favoritos.

[6] Comentário enviado por EdDeAlmeida em 09/01/2007 - 23:22h

Você é demais cara! Quando eu crescer quer ser asim... Já estou até ficando careca!
Brincadeiras à parte, muito bom o seu artigo.

[7] Comentário enviado por removido em 10/01/2007 - 01:10h

pra variar so podia ser coisa do CABELO
show de bola o artigo

para usar a linha de comando no caso como foi explicado na 4a. pagina, e necessario a instalacao do stopmotion ?

[8] Comentário enviado por komodo em 10/01/2007 - 14:28h

CABELO

O fundamento foi um aula de planejamento... Desse jeito você ganha um oscar de melhor roteiro...

Silésio Gabriel

[9] Comentário enviado por pink em 14/01/2007 - 20:52h

Muito bom o artigo, é por isso que eu amo demaaaiiis o Linux... fiquei feliz por conhecer mais um programa do mundo livre...
Só uma observação... que negócio é esse que modo texto é coisa de macho?
Um grande abraço, Michele.


Contribuir com comentário




Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner
Linux banner

Destaques

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts