Slamd64: O Slackware para 64 bits

Quem falou que o Slackware não está preparado para os processadores de 64 bits? Convido a comunidade a conhecer neste artigo o Slamd64, que é uma nova distribuição GNU/Linux baseada no Slackware para a arquitetura x86_64, compatível com os micro-processadores AMD64 e EM64T, da AMD e Intel respectivamente.

[ Hits: 78.029 ]

Por: Moisés Román Parisuaña Ito em 14/10/2005 | Blog: http://moisesparisuanaito.blogspot.com


Introdução



Sei que muitos vão dizer que é possível compilar ou recompilar o kernel para que tenha o suporte para 64 bits, mas esse não é todo o problema, pois os programas e as bibliotecas do sistema precisam ser também adequadas para aproveitarem toda a capacidade do processador.

Daí vem a necessidade de ter uma distribuição completa com suporte a 64 bits.

Já foram desenvolvidas outras distros com esse suporte, porém esta é a primeira tentativa não oficial baseada no Slackware.

Foi Fred Emmott, o desenvolvedor, que portou uma boa parte do Slackware aos 64 bits, no seu tempo livre e sempre tratando de manter esta nova distribuição tão parecida quanto possível ao Slackware original.

Agora, partamos a conhecê-lo. :)

Se quiser conhecer mais do Fred:
    Próxima página

Páginas do artigo
   1. Introdução
   2. Onde conseguir o Slamd64?
   3. Diferenças entre Slackware e Slamd64
   4. Mais diferenças...
   5. Instalação do Slamd64
   6. Considerações finais
Outros artigos deste autor

Kernel 2.6.9 em 20 passos

Instalação básica do FreeBSD 6.1 (passo a passo)

Leitura recomendada

Compilação comentada do kernel

Compilando o KERNEL sem medo do "kernel panic"

Compilando kernel no Debian Squeeze

Ksplice - atualizando o kernel sem necessidade de reboot

Compilando o kernel 2.6.13 no Slackware 10.2

  
Comentários
[1] Comentário enviado por michelpereira em 15/10/2005 - 11:50h

Acredito muito mais no Slamd64 do que no Fedora versão 64 bits que só me deu dor de cabeça até agora, pois vi que muitas bibliotecas não foram compiladas com o suporte à 64 bits. Vários programas apresentam falhas ou simplesmente não rodam por causa dessa "gambiarra" que a equipe de desenvolvimento do Fedora fez.

[root@libra2 lib]# file /bin/bash
/bin/bash: ELF 64-bit LSB executable, AMD x86-64, version 1 (SYSV), for GNU/Linux 2.4.0, dynamically linked (uses shared libs), stripped
[root@libra2 lib]# file libz.so.1.2.1.2
libz.so.1.2.1.2: ELF 32-bit LSB shared object, Intel 80386, version 1 (SYSV), stripped
[root@libra2 lib]#

[2] Comentário enviado por wavemmx em 15/10/2005 - 20:15h

imaginem a velocidade e estabilidade dos pacotes compilados em 64bits . Essa adaptação para 64bits não vai ser de uma hora para outra!

[3] Comentário enviado por okigami em 15/10/2005 - 22:03h

Amigos, tenho o privilégio de estar com a seguinte configuracão:
Athlon64 3200+ com o Slamd64 comandando!
Sem nocão... Eh mto estável e confiável... Eh Slack neh!!

P.S.: Tem Debian portado tb, mas, e os 15000 pacotes q ainda naom foram?? Hehe!

[4] Comentário enviado por okigami em 15/10/2005 - 23:09h

Superkaramba não funfa sob Slamd64
Deve ser por isso q jah vem com o gkrellm... :P

[5] Comentário enviado por okigami em 16/10/2005 - 19:49h

corrigindo: Superkaramba não funcionava sob Slam64!
Eh soh atualizar as Python libraries and tools e fica td d boa!!!

[6] Comentário enviado por vitort em 20/10/2005 - 23:21h

botei o slamd no servidor central da minha empresa... fazem 3 semanas e ele esta rodando perfeitinho, sem problema algum...


abracos..

[7] Comentário enviado por smoisesr em 07/11/2005 - 23:56h

Parabéns por ter lido este artigo, os convido pra fazer parte da comunidade do Slamd64 aqui no VOL.

http://www.vivaolinux.com.br/comunidades/verComunidade.php?codigo=137

[]'s

[8] Comentário enviado por barucco em 25/10/2006 - 15:51h

Eu estou na busca da Distro 64 bits... só n colokei o Slam64 ainda por receio de deletar meu Slackware.
Ótimo artigo!!

[9] Comentário enviado por joseapff em 10/11/2006 - 15:40h

Muito exclarecedor esse artigo parabéns

[10] Comentário enviado por jansenqs em 26/11/2006 - 00:54h

Essa versão do Slack não conhecia, tenho o ubuntu 64 e funciona perfeito aqui.

[11] Comentário enviado por anderson_souza em 10/01/2007 - 11:20h

Gostei do artigo, principalmente pela parte que informa os pacotes que faltam ser compilados em 64 Bits.

Eh importante tambem, resaltar que so teremos um PC realmente 64 bits nao apenas quando o Sistema estiver para 64 Bits, mas sim o computador todo. Digo nao adianta o processador ser 64, mas a memoria, HD, placa de video, rede, continuarem em 32 Bits, ate a placa mae precisa de um barramento de 64 bits, quase todas ainda operam num barrmente de 32 bits mesmo por que as placas ligas a ela sao em 32 bits.

OK. Valew pelo artigo.

[12] Comentário enviado por lucas.allan em 06/02/2007 - 00:39h

Qdo eu tiver um processador 64 irei testar.
Vlw \o/

[13] Comentário enviado por willemarf em 26/02/2007 - 15:27h

Vo baixar.... tenho o slack 11 mais nao eh pra amd 64...

Bom artigo vlw!

[14] Comentário enviado por kidoidera em 09/03/2007 - 13:55h

por momento testando .. e satisfeito .. soh que ainda fico com meu ubuntu64

[15] Comentário enviado por juniormardoque em 10/05/2007 - 17:41h

eu já testei o slackware11 64bits e acho que ainda não esta completo... mas vale a pena melhorar.... continue assim... isso é muito importante para o aperfeiçoamento do sistema. valeu...

[16] Comentário enviado por MarcioRM em 22/05/2007 - 22:05h

Uma outra opção MUITO interessante é o BlueWhite, confiram em:
http://www.bluewhite64.com/news.php

Eu testei e achei melhor que o Slamd

[17] Comentário enviado por pingus em 24/05/2007 - 16:22h

Eu instalei o Sland64 hoje na minha máquina pra fazer um teste, e a unica coisa que ainda está faltando abilitar é o suporte SMP do kernel pois só reconhece um processador e instalar o controlador grafico da ATI. Se eu conseguir isso ai fica tudo beleza.
Mas por enquanto o meu Suse10.2 está bem protegido e nem imagina a tamanha traição. hehehheh.
root@pingus:/home/jeferson# cat /proc/cpuinfo
processor : 0
vendor_id : GenuineIntel
cpu family : 15
model : 4
model name : Intel(R) Pentium(R) 4 CPU 3.00GHz
stepping : 3
cpu MHz : 3000.216
cache size : 2048 KB
fpu : yes
fpu_exception : yes
cpuid level : 5
wp : yes
flags : fpu vme de pse tsc msr pae mce cx8 apic sep mtrr pge mca cmov pat pse36 clflush dts acpi mmx fxsr sse sse2 ss ht tm syscall lm constant_tsc pni monitor ds_cpl est cid cx16 xtpr
bogomips : 6009.59
clflush size : 64
cache_alignment : 128
address sizes : 36 bits physical, 48 bits virtual
power management:

############################################################
root@pingus:/home/jeferson# file /usr/lib64/libz.so.1.2.3
/usr/lib64/libz.so.1.2.3: ELF 64-bit LSB shared object, AMD x86-64, version 1 (SYSV), stripped
root@pingus:/home/jeferson# file /bin/bash
/bin/bash: ELF 64-bit LSB executable, AMD x86-64, version 1 (SYSV), dynamically linked (uses shared libs), stripped

[18] Comentário enviado por Gilmar_GNU/Slack em 03/06/2007 - 11:27h

Slackware 64 bits e bem provavel !
mais pelo que soube , o Slackware 64 bits naum vai ser produzido por outras pessoas !
Usuários do prorpio sistema !
E assim teremos uma versão 64 bits .
pelo visto tbm teremos mais novidades neste versão qe deve sair no final desse ano !

[19] Comentário enviado por ams em 07/07/2007 - 09:36h

Uso a BlueWhite64 que também é muito bom e baseado no slackware também. Não querendo desmerecer o Slamd64 mas achei a BlueWhite melhor. Ela pode ser encontrada em http://www.bluewhite64.com/

[20] Comentário enviado por alexandrecorrea em 09/07/2007 - 04:54h

alem do slamd .. o centos ta 100% em 64 também :)

[21] Comentário enviado por Asprilla em 26/07/2007 - 11:14h

Não tive qualquer problema para instalar o slackware 12.0 em ASUS P5VD2-X com SAMSUNG HD 160 jj e Intel Core 2 Duo Processor (Intel EM64T). Mas, estou apanhando para instalar o Debian.

[22] Comentário enviado por cytron em 28/08/2007 - 11:40h

To tentando instalar em um hd SATA, mas não dá, tentei com todos os kernels, mas não detecta o HD, alguém tem uma solućão?

[23] Comentário enviado por Gilmar_GNU/Slack em 07/09/2007 - 14:02h

nunca tive a opotunidade de usar o Slam 64 bits!
pois usava e ainda uso o kurumin Linux e usando agora tbm o Slackware 12 64bits!
perfeito, divre's fresquinhos!
uma novidade de uma das melhores distro chegada a unix!

[24] Comentário enviado por edgurgel em 01/10/2007 - 19:02h

Ainda sim existem muitas incompatibilidades com plataformas 64 bits. Creio que ainda haverá um dia que isso terminará.

[25] Comentário enviado por an_drade em 23/10/2007 - 12:35h

Bom, tenho várias dúvidas quanto a sistemas x86_64. Acho estranho ninguém ter comentado mas e os drivers proprietários?!?! Tenho uma placa de video da NVidia e uma placa de rede sem fio da Intel, todas com driver proprietário. Será q o Slack 64 suportaria isso? E outros drives, ou mesmo programas legados, como fica?

Acho que ficou faltando este tipo de informação no artigo. Tenho um Core 2 Duo a quase um ano, mas ainda não tive coragem de compilar meu Gentoo p/ 64 bits.

Alguém tem alguma experiência a respeito?


[26] Comentário enviado por k33p em 28/11/2007 - 19:28h

sim é muito interessante porem sou fiel ao puro slackware :D

[27] Comentário enviado por dennix em 29/11/2007 - 00:16h

Pena que programas proprietários não visam a arquitetura 64 bits.

Quem tentou instalar a máquina virtual java e o Adobe flash para o firefox 64 bits, sabe que não irá rodar.

[28] Comentário enviado por chernob em 21/04/2008 - 20:00h

Tirando pelos problemas do flash em 64bit, usar Slam64 é bão demais...

to desde que instalei sem logar no slackware 12 do desk (no notebook ele reina ainda)

Slackware é foda...você vai testar outras distros, mas sente falta dele...e ainda boto fé que é mais simples que as outras, só aprender a usar.



Contribuir com comentário




Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner
Linux banner
Linux banner

Destaques

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts