O que é e como configurar rede AD HOC no Ubuntu

Paz e bem! Após verificar no próprio site do Viva o Linux diversas dúvidas sobre rede Ad Hoc, tomei a liberdade de desenvolver um material para ajudar na resolução das dúvidas, além de divulgar uma solução simples de conexão entre Desktops, Notebooks/Netbooks ou Smartphones ainda pouco utilizada devido a falta de conhecimento do grande publico.

[ Hits: 77.717 ]

Por: Diógenes Ramos em 07/02/2011


O que é uma rede ad hoc?



Em telecomunicações, redes ad hoc são um tipo de rede que não possui um nó ou terminal especial - geralmente designado como ponto de acesso - para o qual todas as comunicações convergem e que as encaminha para os respectivos destinos. Assim, uma rede de computadores ad hoc é aquela na qual todos os terminais funcionam como roteadores, encaminhando de forma comunitária as comunicações advindas dos terminais vizinhos. Um dos protocolos usados para redes ad hoc sem fio é o OLSR.

Ad hoc é uma expressão latina que significa "para esta finalidade" ou "com este objetivo". Geralmente se refere a uma solução destinada a atender a uma necessidade específica ou resolver um problema imediato - e apenas para este propósito, não sendo aplicável a outros casos. Portanto, tem um caráter temporário.

Em um processo ad hoc, nenhuma técnica de uso geral é empregada pois as fases variam a cada aplicação, conforme a situação assim o requeira. O processo nunca é planejado ou preparado antecipadamente.

Em telecomunicações, redes ad hoc são um tipo de rede que não possui um nó ou terminal especial - geralmente designado como ponto de acesso - para o qual todas as comunicações convergem e que as encaminha para os respectivos destinos. Assim, uma rede de computadores ad hoc é aquela na qual todos os terminais funcionam como roteadores, encaminhando de forma comunitária as comunicações advindas dos terminais vizinhos. Um dos protocolos usados para redes ad hoc sem fio é o OLSR.

Ad hoc é uma expressão latina que significa "para esta finalidade" ou "com este objetivo". Geralmente se refere a uma solução destinada a atender a uma necessidade específica ou resolver um problema imediato - e apenas para este propósito, não sendo aplicável a outros casos. Portanto, tem um caráter temporário.

Em um processo ad hoc, nenhuma técnica de uso geral é empregada pois as fases variam a cada aplicação, conforme a situação assim o requeira. O processo nunca é planejado ou preparado antecipadamente.

Fonte: http://pt.wikipedia.org/wiki/redes_ad_hoc
Linux: O QUE É E COMO CONFIGURAR REDE AD HOC NO UBUNTU
De forma mais simplificada uma rede AD HOC é uma forma de conectar vários computadores através de suas placas wireless e neste caso cada computador se torna um roteador.

    Próxima página

Páginas do artigo
   1. O que é uma rede ad hoc?
   2. Configurando o ad hoc no Ubuntu
   3. Testes de conexão e tráfego de pacotes
   4. Considerações finais
Outros artigos deste autor

Wine, Steam e programas do Windows, no Linux

Guia completo do Ocomon no Linux - Módulo cliente, abertura de ocorrência (exclusivo VOL)

O lado negro da Força, segundo a Microsoft o software livre quebra patentes

Configuração de rede no AIX IBM

Relatórios Personalizados no OcoMon

Leitura recomendada

O que fazer após instalar Linux Mint 15 (sim, há o que fazer!)

Montar MP3 e pendrives USB automaticamente com Hotplug

Configurando Ubuntu Linux 8.04 para autenticar no LDAP

Como alterar o MAC Address no Linux Mint (spoof mac)

Implantando rsync server no Windows para conexões via Linux

  
Comentários
[1] Comentário enviado por removido em 07/02/2011 - 19:44h

Legal mesmo ! Muito bom cara.


Abraço.

[2] Comentário enviado por obernan em 08/02/2011 - 14:55h

Boa dica, parabens !!!!!

[3] Comentário enviado por pael em 08/02/2011 - 14:57h

Porra...realmente não sabia o que era ad-hoc e agradeço pelo seu artigo que vai me quebrar um galho daqueles xD

[4] Comentário enviado por removido em 10/02/2011 - 04:02h

Oh meu velho mas existe a possibilidade de usar outra chave para criptografia!!!???

Todo mundo sabe o quanto é facil quebrar um WEP!!!


[5] Comentário enviado por dimatrix em 11/02/2011 - 00:35h

Paz e Bem!

Amigo, com certeza no print deixei wep pois estava em outro computador realizando testes com aircamp-ng para quebrar a chave WEP.
Mas no AdHoc, você configura a conexão como se estivesse configurando a segurança em roteador wiffi.

Otima semana, obrigado a todos pelos comentarios.

Fiquem com Deus

[6] Comentário enviado por guigomendonca em 12/02/2011 - 12:25h

o texto inicial 1. está repetido , no geral ótima informação :]

[7] Comentário enviado por dimatrix em 12/02/2011 - 14:16h

Paz e Bem!

Pessoal, peço desculpas por ter repetido o texto inicial, mas é que criei o documento no meu editor de textos depois apenas CTRL+C e CTRL+V para pagina do VOL, por isso acabou repetindo, mas tomarei cuidado da proxima vez para que isso não ocorra novamente.

Fiquem com Deus!


Pessoal, peço desculpas por ter repetido o texto inicial, mas é que criei o documento no meu editor de textos depois apenas CTRL+C e CTRL+V para pagina do VOL, por isso acabou repetindo, mas tomarei cuidado da proxima vez para que isso não ocorra novamente.

Fiquem com Deus!


Obs: Pegadinha do Malandro, Glu Glu. rs....


[8] Comentário enviado por dimatrix em 13/02/2011 - 13:44h

Paz e Bem!

Amigos, agradeço os comentarios, recentemente recebi e-mail perguntando se poderia configurar impressora wi-fi (HP p1102w) ao notebook?

Sim, pela rede ADHoc a placa de rede sem fio do computador que esta configurado como access point (Nó central emissor) os demais dispositivos que seguem o padrão 802.11 conseguiram conectar-se sem nenhum problema.
Só é necessario que fiquem atento ao modelo do equipamento pois existem diferenças no padrão:


- 802.11a : Frequencia de 5 GHz e taxa de 54 Mbps. Este padrão não foi muito bem aceito no mercado pois não é compatível com os padrões 802.11b e b+;

- 802.11b : Taxas de transmissão de 11 e 5,5 Mbps;

- 802.11b+ : Taxas de transmissão de 22 Mbps;

- 802.11g : Frequencia de 2,4 GHz e taxas de transmissão de 54 Mbps;

- 802.11g+ : Frequencia de 2,4 GHz e taxas de transmissão de 108 Mbps;


-802.11n Novo padrão em homolação.

Espero ter ajudado.

Ats.

[9] Comentário enviado por awtrix em 13/04/2011 - 17:53h

ajuda....

tenho um n95 com pacotes de dados, e um programinha chamado joikuspot que faz meu n95 um roteador wifi adhoc,
enquanto eu rodava o ubuntu 10.10 do pendrive ele conectava normalmente mas resolvi instalar no hd em dual boot e naum sei o motivo ele parou de conectar.
esta tudo funcionando ok ja liberei as restriçoes de usuario ele acha a rede pede a senha tenta c conectar mas retorna pedindo a senha novamente.

alguma ideia??

obrigado

[10] Comentário enviado por newoverb10 em 30/01/2012 - 14:47h

Esse artigo foi realmente muito legal, mas encontrei algumas dificuldades com relação a esse modo de rede no Ubuntu 11.10. Espero que possa me ajudar, visto que há muito que essa postagem foi feita, mas vamos lá.
Eu fiz todo o passo a passo mas enfrentei alguns problemas com relação a minha conexão. Meu acesso banda larga é cabeado, com mac da eth0 clonado. Dessa forma à princípio, eu não conseguia configurar a rede sem que houvesse conflito. Depois que descobri que precisava clonar o mac da placa eth0 para a Wlan0 para que ela funcionasse, nenhum conflito aconteceu. Mas o problema se instaurou quando eu tentei conectar o meu table, que roda android 2.3.5, com placa WIFI. Mas de forma alguma ela detecta minha rede, mesmo que eu coloque os dados nele, com senha e tudo. Fica dando "fora de intervalo" todo o tempo. Não sei se o problema foi na clonagem do mac, ou se a placa wireless do meu note é ruim mesmo, mas não consegui fazer a rede funcionar com êxito, embora ela tenha sido configurada como está aqui.
Sendo assim, se possível, peço que me ajude a resolver isso, pois estou muito interessado em adquirir uma placa Wlan para meu desktop e fazer esse tipo de conexão!

Desde já grato!!


Contribuir com comentário