Minha experiência com o Fedora 15

Depois de vários downloads, baixei o Fedora 15 com Gnome3. Afinal ainda não tinha usado o Gnome3. Só tinha feito alguns testes e não gostei do que vi na época e também já tentei usar o Fedora em versões anteriores mas não rolou.

[ Hits: 19.098 ]

Por: andre em 14/10/2011


Começando a configuração



Na semana passada me deu uma vontade de usar uma distro diferente no meu pc...

"Uma Distribuição Linux (ou simplesmente distro) é composta do núcleo Linux e um conjunto variável de software, dependendo de seus propósitos. Essa coleção de software livre e não-livre, é criada e mantida por indivíduos, grupos e organizações de todo o mundo, incluindo o grupo Linux.

Indivíduos como Patrick Volkerding, companhias como a Red Hat, a SuSE, a Mandriva e a Canonical, bem como projetos de comunidades como o Debian ou o Gentoo, compilam softwares e fornecem a usuários diversos sistemas completos, prontos para instalação e uso."


Fonte: http://pt.wikipedia.org/wiki/Distribui%C3%A7%C3%A3o_linux

Depois de vários downloads, baixei o Fedora 15 com Gnome 3. Afinal ainda não tinha usado o Gnome 3. Só tinha feito alguns testes e não gostei do que vi na época e também já tentei usar o Fedora em versões anteriores mas não rolou. Mas a crise estava atacando (a famosa crise de distro)... e resolvi novamente tentar usar o Fedora.

Me surpreendi e gostei, principalmente do Gnome 3, pois estava mais estável, e com a ajuda do Fedora dicas comecei a aventura.

Após ter terminado a instalação comecei a configuração. Meu primeiro passo foi instalar minha placa wireless que o Fedora detectou, mas faltava firmware, essa foi fácil (minha wireless é uma Broadcom Corporation/BCM4312).

Para instalar essa placa temos que adicionar o repositório rpmfusion, que serve para instalar programas que não estão nos repositórios comuns.

Para adicionar, abra o terminal e digite o seguinte comando:

su -c 'rpm -Uvh http://download1.rpmfusion.org/free/fedora/rpmfusion-free-release-stable.noarch.rpm http://download1.rpmfusion.org/nonfree/fedora/rpmfusion-nonfree-release-stable.noarch.rpm'

Ele irá pedir a senha de root, digite-a e espere terminar o processo. No final serão habilitados os repositórios free e nonfree de pacotes proprietários.

Após terminar vamos digitar o seguinte comando para instalar o firmware:

# yum install broadcom-wl

É só esperar o comando terminar de instalar, depois é só reiniciar e configurar sua wireless com senha etc.

Fica registado aqui uma dica: antes de instalar ou se você não sabe ao certo qual é a tua placa é só dar o comando lspci.

Veja um exemplo:

lspci
00:00.0 Host bridge: Intel Corporation Mobile 4 Series Chipset Memory Controller Hub (rev 09)
00:02.0 VGA compatible controller: Intel Corporation Mobile 4 Series Chipset Integrated Graphics Controller (rev 09)
00:02.1 Display controller: Intel Corporation Mobile 4 Series Chipset Integrated Graphics Controller (rev 09)
00:1a.0 USB Controller: Intel Corporation 82801I (ICH9 Family) USB UHCI Controller #4 (rev 03)
00:1a.1 USB Controller: Intel Corporation 82801I (ICH9 Family) USB UHCI Controller #5 (rev 03)
00:1a.2 USB Controller: Intel Corporation 82801I (ICH9 Family) USB UHCI Controller #6 (rev 03)
00:1a.7 USB Controller: Intel Corporation 82801I (ICH9 Family) USB2 EHCI Controller #2 (rev 03)
00:1b.0 Audio device: Intel Corporation 82801I (ICH9 Family) HD Audio Controller (rev 03)
00:1c.0 PCI bridge: Intel Corporation 82801I (ICH9 Family) PCI Express Port 1 (rev 03)
00:1c.1 PCI bridge: Intel Corporation 82801I (ICH9 Family) PCI Express Port 2 (rev 03)
00:1c.2 PCI bridge: Intel Corporation 82801I (ICH9 Family) PCI Express Port 3 (rev 03)
00:1c.3 PCI bridge: Intel Corporation 82801I (ICH9 Family) PCI Express Port 4 (rev 03)
00:1c.5 PCI bridge: Intel Corporation 82801I (ICH9 Family) PCI Express Port 6 (rev 03)
00:1d.0 USB Controller: Intel Corporation 82801I (ICH9 Family) USB UHCI Controller #1 (rev 03)
00:1d.1 USB Controller: Intel Corporation 82801I (ICH9 Family) USB UHCI Controller #2 (rev 03)
00:1d.2 USB Controller: Intel Corporation 82801I (ICH9 Family) USB UHCI Controller #3 (rev 03)
00:1d.7 USB Controller: Intel Corporation 82801I (ICH9 Family) USB2 EHCI Controller #1 (rev 03)
00:1e.0 PCI bridge: Intel Corporation 82801 Mobile PCI Bridge (rev 93)
00:1f.0 ISA bridge: Intel Corporation ICH9M LPC Interface Controller (rev 03)
00:1f.2 IDE interface: Intel Corporation ICH9M/M-E 2 port SATA IDE Controller (rev 03)
00:1f.3 SMBus: Intel Corporation 82801I (ICH9 Family) SMBus Controller (rev 03)
00:1f.5 IDE interface: Intel Corporation ICH9M/M-E 2 port SATA IDE Controller (rev 03)
00:1f.6 Signal processing controller: Intel Corporation 82801I (ICH9 Family) Thermal Subsystem (rev 03)
04:00.0 Network controller: Broadcom Corporation BCM4312 802.11b/g LP-PHY (rev 01)
07:00.0 Ethernet controller: Broadcom Corporation NetLink BCM5906M Fast Ethernet PCI Express (rev 02)


O item destacado é o dispositivo wireless. Esse comando lista todos os dispositivos do teu PC e se algum foi detectado pelo sistema ele estará listado aqui.

Após isso atualizei o sistema.

Para atualizar o sistema abri o terminal e digitei o seguinte comando:

sudo yum -y install update

Após terminar a atualização vamos mudar o idioma do sistema para português:

sudo yum -i install sistem-config-language

Após instalado vamos configurar:

sudo system-config-language

Escolha portuguese(Brasil).

    Próxima página

Páginas do artigo
   1. Começando a configuração
   2. Deixando o Fedora redondinho
   3. Mais alguns programas
   4. Para finalizar
Outros artigos deste autor

Instalando o Emerald no Ubuntu 11.10

Leitura recomendada

Slackpkg, uma ótima ferramenta para Slackware

Ubuntu Multimídia com Studio

Kazam Screencaster no Debian Wheezy

Fluxbox: Unleashead - iDesk + aDesklets + Gkrellm + Eterm

Instalação, configuração, utilização e testes do DRBD 0.7

  
Comentários
[1] Comentário enviado por jcemelanda em 14/10/2011 - 14:30h

Opa! Legal alguém postando sobre a configuração do fedora 15! Só uma dica... O easylife faz boa parte das configurações necessárias ficarem muito mais simples! http://easylifeproject.org/

Outra coisa, pra atualizar o sistema, basta yum update, não precisa do install...

Abraço e parabéns!

[2] Comentário enviado por bawlaw em 14/10/2011 - 15:30h

Legal.. passei um tempo aqui no trabalho utilizando o Fedora 15, mas sua quadradisse , baixa personalização, unido ao nascimento prematuro do Gnome-3 me fizeram voltar ao Ubuntu.
mas era uma otima distro.

[3] Comentário enviado por david.sousarj em 14/10/2011 - 16:15h

Eu instalei o Fedora 15 há poucas semanas atrás no meu netbook. Se você tivesse escrito esse artigo antes... eu sofri pra poder achar o driver da minha wi-fi (e no final não consegui), detestei o yum, achei muito lento, além disso o Fedora não vem com programas Office, eles são muito grandes e dá um trabalhão baixar depois... esse lixo não ficou nem 2 semanas no netbook, apaguei e coloquei o Ubuntu 11.10 novíssimo, e instalei o gnome-shell. Tá perfeito agora.

[4] Comentário enviado por azk em 14/10/2011 - 16:47h

Esse tipo de artigo é essencial na hora de migrar para uma outra distro.
Valeu!

[5] Comentário enviado por eldermarco em 14/10/2011 - 17:46h

Fala tatuiano! Fico feliz que tu tenha gostado do fedora. É realmente uma distro excelente, né não? rsrs. Esse yum-presto realmente quebra um galhão, eu já cheguei a reduzir o meu download em até 95% certa vez, nem acreditei! O legal de usar o fedora é que sempre tem uma novidade a cada versão lançada. Em termos de inovação, o fedora está em primeiro lugar na minha opinião.


@david.sousarj, Você não deve culpar uma distro pela sua inexperiência em lidar com ela. Fedora não é o Ubuntu e você não deveria esperar isso dele. Os focos são outros, os objetivos são outros e, portanto, os alvos. Creio que, pensando dessa forma, você deve permanecer com o ubuntu mesmo, visto que está familiarizado com ele e não tem qualquer vontade de aprender algo novo utilizando outra distro. Em relação ao yum, não sei se tu sabe, mas é possível utilizar o apt-get em vez dele.

[6] Comentário enviado por removido em 14/10/2011 - 17:54h

Excelente artigo e excelente observação do amigo @eldermarco, recentemente utilizei essa versão do Fedora com LXDE e depois adicionei o Gnome3, não tenho do que reclamar dessa distro, não fosse o Debian e o Arch Linux com certeza poderia ser a minha distro principal.

* ia ter que ir num dermatologista por uns dias devido a minha 'alergia' a RPMs-like rsrsrs mas me salvaria no final com certeza! rsrsrs

Nada é difícil quando se tem a boa vontade em aprender e pesquisar, seja Ubuntu, Fedora, Arch ou Gentoo.

[]'s

[7] Comentário enviado por tatuiano em 14/10/2011 - 18:47h

que bom que agradei com esse artigo.agradeço a todos que comentaram.isso desperta vontade de escrever outros artigos,apesar que não sou muito de escrever.rsrsr
icemelanda valeu pelo toque,no finalzinho do artigo escrevi sobre o o easylife.afinal não ia deixar de fora essa ferramenta muito útil.abraços a todos.

[8] Comentário enviado por pinduvoz em 14/10/2011 - 19:29h

Xará, vc não escreve tão mal quanto pensa que escreve (rsrsr).

Gostei do artigo, e gosto também do Fedora, que usei por bastante tempo (e volto a usar, esporadicamente).

Só faltou, na minha opinião, dizer que o belo trabalho feito no EasyLife é do Duli, um grande contribuidor do Fórum do Fedora.

(seu segundo 10 é meu).

[9] Comentário enviado por tatuiano em 14/10/2011 - 19:37h

então fica ai o recado do PInduvoz.
eu conhecia o easylife mas não conhecia o criador desse excelente programa.prometo em um próximo artigo falar sobre o Duli.

[10] Comentário enviado por albfneto em 14/10/2011 - 21:21h

é isso, artigos sôbre a distro que usa são sempre importantes, e orientam o iniciante na escolha.

[11] Comentário enviado por removido em 15/10/2011 - 00:46h

ótimo artigo. Apesar do easylife fazer muita coisa que está ai. Mas de qualquer forma, é bom ensinar a fazer do "jeito linux".
Até pensei em fazer um artigo desse tipo sobre o sabayon. Mas seria assim:

Atualize o sabayon com:

equo update
equo upgrade

fim do artigo

[12] Comentário enviado por levi linux em 15/10/2011 - 09:05h

Parabéns pelo excelente artigo, ótima metodologia.

[13] Comentário enviado por izaias em 15/10/2011 - 10:31h

Olha o Andre aeee, Gente! :)

Muito bom, meu velho! Gostei do seu trabalho!
Bem explicado e detalhado a nível de iniciante. Isso é importante.
O que aplicou foi exatamente o que apliquei quando configurei o Fedora.
E é uma distro fantástica! Moderna.

Parabéns pelo ótimo trabalho!

*******************************************************************
Tem pelo menos algum Debian-Like no HD?
Se não tiver, cê tá ferrado comigo! :)

[14] Comentário enviado por tatuiano em 15/10/2011 - 11:08h

o azaia tem sim olhe aqui: http://vivaolinux.com.br/screenshot/Gnome-conkytilda/
;-))

[15] Comentário enviado por leandro em 15/10/2011 - 15:03h

Belo artigo, parabéns!

Ficou faltando apenas uma menção ao FAQ do Fedora 15: http://www.projetofedora.org/wiki/index.php/FAQ_do_Fedora_15

Um dos melhores FAQs dedicados a distros. Contém praticamente tudo o que um usuário iniciante precisa para começar a explorar o Fedora.
Me ajudou muito (na então versão 14), quando eu instalei o Fedora pela primeira vez.

[]'s!

[16] Comentário enviado por tatuiano em 15/10/2011 - 16:17h

leandro obrigado pelo elogio.mas você não leu todo o artigo.rsrsrsr
coloquei a menção no final do artigo. ;-)

[17] Comentário enviado por leandro em 15/10/2011 - 16:35h

#Fail!

Desculpe,rsrs.

[18] Comentário enviado por tatuiano em 15/10/2011 - 19:54h

Fail!

Desculpe,rsrs.


não esquenta.kkkkk

[19] Comentário enviado por rruella em 16/10/2011 - 08:57h

já tive o fedora por outras varias vezes, mas sempre volto ao ubuntu.
porque talvez pela companhia que me faz o pessoal do forum.
e não só por ser a miha preferida, e isso basta para cada um de nós, não é?

mas devo confessar e parabenizar ao pessoal do fedora. instalei e pronto fui pra galera, tudo redondinho.
hoje o fedora é uma distro madura e muito, muito fácil e estável.
e ai vem o fedora 16, o qual já andei dando uma olhada, muito bom, alias muito melhor.
parabens

[20] Comentário enviado por rogerio pg em 17/10/2011 - 18:21h

teste o fedora 15 em meu notebook , quando instalei o driver proprietário ati , tive uma surpresa o catalyst não era compatível com o g3 -shell as barras ficaram todas tortas quebradas, infelizmente como possuo placa ati , deixei de lado o fedora , estou usando o LMDE g2

[21] Comentário enviado por tatuiano em 23/10/2011 - 17:33h

infelizmente tem esse problema com o driver da ati.espero que resolvam no fedora 16.


Contribuir com comentário