Instalação do Slackware 11.0 sem medo

Esse artigo pretende quebrar "tabus" sobre a instalação do Slackware, demostrando que esse sistema também pode ser instalado facilmente. Ele se destina a usuários iniciantes no mundo open-source e serve como uma "receita de bolo" para a instalação do Slackware.

[ Hits: 71.930 ]

Por: João Carlos abreu Junior em 22/06/2007


Configurando a instalação



Após você ter se logado no sistema o prompt será exibido e devemos criar as partições para a instalação do Slackware 11.0.


Figura 7 - Prompt após ter se logado no sistema

Partindo do princípio que você tenha um Hard Disk (HD) e deseja instalar apenas o Linux nele, vamos criar as partições necessárias. Você pode criar várias partições, como esse não é o objetivo desse artigo, vamos criar apenas duas partições: a partição root (/), onde será instalado o Linux, e a partição swap (memória virtual).

Se você possui pouca memória RAM (menos de 512MB), recomendo criar uma partição swap com o dobro de tamanho da memória RAM, se você possui memória RAM acima de 512MB, pode criar uma partição Swap com o mesmo tamanho da sua memória RAM.

Para criarmos as partições podemos utilizar o fdisk ou o cfdisk, vamos utilizar o cfdisk. Digite "cfdisk" e pressione ENTER. Será exibida a tela abaixo, todas as partições que estiverem no HD serão mostradas nessa tela.

ATENÇÃO: Vamos deletar todas as partições contidas aqui, portando se você possui algumas informações importantes nesse HD faça um backup antes.


Figura 8 - Cfdisk e as partições presentes no HD

Utilize as setas do teclado ↑ ou ↓ para navegar entre as partições existentes no HD e as setas ← ou → para percorrer as opções do cfdisk.

Para deletar uma partição, selecione a partição, navegue até "Delete" e pressione ENTER. Após ter deletado todas as partições, vamos criar a partição Swap e a root (/), nessa ordem.

Para criar uma partição, navegue até "New" e pressione ENTER, o cfdisk irá perguntar se você deseja criar uma partição primária ou secundária, escolha primária e pressione ENTER. O Cfdisk irá perguntar o tamanho da partição, veja a dica acima para a partição Swap, digite o tamanho da partição em MB e pressione ENTER. O cfdisk irá perguntar se você quer colocar a partição no início ou no fim do HD, escolha Beginning (Começo) e pressione ENTER.

Por padrão o cfdisk cria as partições como tipo 83 (Partição Linux). Como a partição que criamos agora vai ser utilizada como a partição Swap, devemos trocar o tipo da partição para Swap. Selecione a partição que acabamos de criar com as setas ↑ ou ↓ e navegue com as setas ← ou → até a opção Type e pressione ENTER. Será exibida uma tela com todas as opções de partições. Observe que 83 representa o tipo de partição Linux e 82 representa a partição do tipo linux swap. Pressione ENTER, agora você pode digitar o tipo requerido, nesse caso, 82 (Linux Swap) e pressione ENTER. A tela abaixo esta mostrando a partição criada com os passos acima:


Figura 9 - Partição Swap Criada

Após ter criado a partição Swap devemos criar a partição root (/), onde o Slackware 11.0 será instalado. Se você deseja instalar o sistema completo (usar os 3 CDs), essa partição deverá ter o tamanho mínimo de 3.0GB (3072.0MB).

Selecione o espaço livre no disco e crie uma nova partição, siga os passos utilizados para criar a partição Swap (descrito acima). Ao final terá um partição do tipo 83 (Linux), você não deve colocar a partição root (/) com o tipo 82 (Linux Swap).

A partição root (/) deve ser "bootável", para isso selecione-a, vá até a opção Bootable e pressione ENTER. Agora já temos as duas partições necessárias para a instalação do Slackware 11.0.

Devemos salvar as modificações efetuadas até aqui. Vá até a opção "Write" e pressione ENTER. O Cfdisk pergunta se você realmente quer escrever as novas partições no disco, se tiver certeza que esse HD não contém informações importantes ou se você efetuou um backup dos dados contidos nele, digite "yes" e pressione ENTER. Após ter escrito as partições o cfdisk retorna para a tela principal. Navegue até a opção "Quit" e pressione ENTER. Você irá retornar para o Prompt. A tela abaixo exibe todas as partições criadas pelo cfdisk, seguindo o roteiro acima.


Figura 10 - Partições criadas
Página anterior     Próxima página

Páginas do artigo
   1. Introdução
   2. Iniciando a instalação
   3. Configurando a instalação
   4. Chamando o setup
   5. Configurações após a instalação
Outros artigos deste autor

Otimização de algoritmos

Leitura recomendada

Openfire integrado em uma floresta Active Directory

Criando pacotes no Slackware Linux

Driver nVidia se sua placa tem chipset da SiS

Facilitando o acesso a disquetes e memory keys (PenDrives) no Kurumin

Configurando mod_gzip no Apache

  
Comentários
[1] Comentário enviado por razgriz em 22/06/2007 - 01:10h

bastante completo, acredito que seguindo os passos qualquer iniciante conseguiria instalar, parabéns pela sua didática .

[2] Comentário enviado por fulllinux em 22/06/2007 - 08:25h

Muito bom o tuto...

Acredito que é de grande valia tambem informar que o Kernel que o boot sata.i obtem é totalmente estável, 2.4.33.3 porem tem muitos modulos obsoletos por ser desatualizado. É um dos melhores Kernel's que um dia já compilei.

Mas se vc quer um Kernel mais atual como 2.6 séries, aqui vai a dica:

No próprio CD ou DVD de instalação que vc está utilizando temos o kernel 2.6.17.13 com o codnome "huge" e tambem temos o 2.6.18 com codnome "test".

Então, para instalar qualquer um destes é só fazer o seguinte:

Quando apararecer no prompt a menção boot digite huge26.s ou test26.s. seria mais oumenos assim -

boot: huge26.s

ou

boot: test26.s

Vlw abraço!

[3] Comentário enviado por rafaelfreitas em 22/06/2007 - 10:06h

Recentemente eu me deparei com um pequeno problema, a instalação do Slack não reconhecia nem por reza forte o meu hd sata, caso vc´s se deparem com algo parecido tente esse parâmetro no kernel.

Minha placa é uma Intel DG965WH.

huge26.s all-generic-ide=1

A dica é para complementar o uso dos boot´s q estão no cd/DVD de instalação do Slack.

[4] Comentário enviado por rafaelfreitas em 22/06/2007 - 10:08h

acabei esquecendo....

ÓTIMO ARTIGO, SIMPLES, LEVE E SUPER DIDÁTICO....

PARABÉNS.

[5] Comentário enviado por vodooo em 22/06/2007 - 12:04h

É sempre bom ver conteúdos bem sobre o Slackware bem explicado e com screenshots, pois realmente ainda existe est mito de que o Slackware e também o Debian são dificeis de instalar! É claro que, um usuário de Windows que deseja migrar para o Linux terá um pouco de dificuldade em qualquer instalação devido a nomes diferentes, metodologia e configurações diferentes!

Muito bom seu artigo!

Parabéns

[6] Comentário enviado por heckjp em 22/06/2007 - 15:18h

Ótimo artigo....simples..passo-a-passo realmente só não instala quem teve algum tipo de problema com HD ou afins....É sempre bom ver artigos que desmistificam essa história do Slackware ser difícil.
Parabéns

[7] Comentário enviado por joseslei em 22/06/2007 - 18:06h

Otimo artigo. Com esse artigo conseguimos instalar sem nenhuma dificuldade...

[8] Comentário enviado por osky_cg.w em 22/06/2007 - 19:22h

Parabéns! ótimo artigo.
Estou cansado de ouvir que instalar Slackware é difícil e por causa dessa afirmação errônea sugerirem a instalação de outras distros (que nem sempre são tão boas quanto o bom e velho Slack) []s

[9] Comentário enviado por 3iw30 em 24/06/2007 - 12:21h

Parabéns !!!

Muito bom o tuto !!!

Me fez ver que instalei errado o kernel, pq usei a opção Skip...huahuahua

Vivendo e aprendendo !!!

Mas tb, fazem 3 dias q uso o Slack e instalei sem nem saber o que fazer. Só lendo as janelas do setup !

Valeu velho ! PARABÉNS !!!

[10] Comentário enviado por _girard_ em 26/06/2007 - 12:11h

Amigo n consigo formatar o disco nem por fdisk nem cfdisk. O erro é que é impossivel acessar o lacal (unable ...alguma coisa)
Seria pelo fato de minha placa mãe possuir apenas um canal IDE e etsra tentando instalá-lo por HD IDE ao invés de sata?
Só disponho do HD IDE para isso. Como devo proceder? Devo usar realmente o sata.i ????

[11] Comentário enviado por _girard_ em 26/06/2007 - 14:53h

Acho q é exatamente isso... testei com hd SATA e ele reconhece normalmente, ou seja entra no cfdisk e lá só da a opção do SATA (coloquei os dois) n aparecia o HD IDE!
Qual opção de kernel devo escolher? Tentei o PPORT.i e tb n funcionou!
É o inverso (acredito) do nosso amigo rafaelfreitas,mas vou tentar a dica

[12] Comentário enviado por _girard_ em 26/06/2007 - 16:20h

com o Kernel q o rafaelfreitas indicou pude ler e acessar o caminho do meu hd q no caso do cfdisk tive que digitar cfdisk dev/hdk
Aih funfou!!!
Vlw galera!!!

[13] Comentário enviado por guibanana em 26/06/2007 - 17:47h

Parabéns cara, ótimo tutorial!

Só fica aqui minha dica, não sei se será só aqui o problema, mas no momento estou somente com um computador em casa, e como os usuários não estão ambientados com linux, estou usando o Slackware pelo VMware.

Na instalação, no VM, na hora do "cfdisk" ocorreu um erro, não detectou HD... sendo que para maquinas virtuais eu uso SCSI sempre... mas coloquei IDE na VM e rolou legal. Só fica aí a dica pra quem tiver problemas no VM. O resto rolou de boa.

Mais uma vez cara, ótimo tutorial. Parabéns!

[14] Comentário enviado por leandrorocker em 03/07/2007 - 08:13h

Valeu pelo tutorial, instalei ontem o Slack e to bem satisfeito, apesar de que na primeira tentativa consegui dar um KERNEL PANIC nele haha mas instalando novamente deu tudo certo! Abraços.

[15] Comentário enviado por kpx em 10/07/2007 - 11:17h

E o Slackware 12? Estou com o DVD que baixei, deu um erro, mas pretendo venturar de novo.Deu problema no lilo tbm, se vc puder me ajudar agrdeço.

Me de um idéia aí.

Abraços

[16] Comentário enviado por e-raizer em 19/07/2007 - 10:41h

Cara, muito bom o tutorial! Meu roteador ficou muito melhor com o slackware 11. Valeu!

[17] Comentário enviado por maluco.maluco em 16/11/2007 - 22:49h

ola sou novo aki mas to com o seguinte problema tenho uma maquina core 2 2.66 com a placa mae gigabyte ga-vm800pmc e hd de 250gb sata2 quando dou o comando cfdisk ele apenas reconhece 3894mb sendo que meu hd e novo ja coloquei outro hd de 80gb e acontece a mesma coisa

[18] Comentário enviado por thimts em 14/04/2008 - 19:57h

Ola gente, sou iniciante e gostaria de uma ajuda!!!!

recentimente eu comprei o slackwares11 na banca de jornal.

blz atei

instalei seguindo a revista do inicio ao fim porem só fica no prompt

não sei entrar em modo grafico!!!!!!

[19] Comentário enviado por tecnicohardware em 02/12/2008 - 10:09h

Muito bom o seu tutorial estou experimentando varias versões de linux tenho instalado em uma maquina XP pro , Kurumin 7 e Mandriva 2009 e na outra maquina Vista ultimate, XP pro, Ubuntu 8.04 e Slackware 12.1(graças ao seu tutorial)

Abraços


Contribuir com comentário




Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner
Linux banner
Linux banner

Destaques

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts