Funcionalidades do Eclipse no Vim - Usando o Eclim

Esse artigo, demostra como usar o Vim com as funcionalidades do Eclipse, usando uma ferramenta chamada Eclim.

[ Hits: 11.889 ]

Por: Frank Junior em 02/05/2012 | Blog: http://twitter.com/frankjuniorr


Donwload e Instalação



Bom , como todo mundo sabe, o Eclipse, pode ser usado para várias linguagens de programação, mas aqui, darei foco ao Eclipse padrão, que é usando a linguagem Java.

Para isso, precisaremos ter o JDK instalado.

1. Download do JDK (quem já tiver o JDK instalado, pode pular esta parte):

Faça o download nesta página: http://www.oracle.com - Java

A instalação não tem mistério, não vou me ater muito aqui, mas se alguém tiver alguma dúvida, pode me perguntar. =D

Obs.: É, para quem percebeu, este é a versão 6 do JDK. Eu não escutei muitos elogios sobre o JDK 7, e sempre opto pela versão 6, mas quem quiser baixar a versão 7, fique à vontade.

2. E nós precisamos ter o Eclipse previamente instalado também, então vamos lá:

Donwload: http://www.eclipse.org - Download

O Eclipse não precisa ser instalado, descompacte, abra a pasta e execute ele, e só... Simples assim.

3 - E para instalar o Vim, já que ele não vem por padrão (apenas o Vi), é mais simples ainda, é só executar:

sudo apt-get install vim

4. Download do Eclim

1º Passo - Faça o download do ".jar" do Eclim por aqui: http://eclim.org - Download

2º Passo - depois que baixar, instale o Eclim, assim:

java -jar eclim_x.x.x.jar

Vai aparecer esta tela:

A instalação também não tem muito mistério, vamos lá. Clique em: Next

E aparecerá esta tela:

Aceite os termos e continue. Nessa tela:

Você vai informar o caminho do Eclipse, e clique em: Next

Na próxima tela, você vai desmarcar esse 'CheckBox' (porque como o Eclim também funciona com o Emacs, essa caixinha é para usuários Emacs). Ele vai passar o diretório do seus arquivos do Vim, e depois clique em: Next

Depois, vai verificar se está tudo certo e não tem nada errado:

Depois que clicar em 'Next', você vai escolher qual linguagem você quer ter suporte, nesse caso, eu só selecionei: Java

Depois que clicar em 'Next', ele vai mostrar este sumário, dizendo um pequeno Aviso (que fala que alguns plugins seus do Eclipse podem ser deletados), então, recomenda-se fazer um Backup da pasta de plugin, caso você tenha algum.

Depois, ele fará o resto pra você:

    Próxima página

Páginas do artigo
   1. Donwload e Instalação
   2. Configuração e Utilização
Outros artigos deste autor
Nenhum artigo encontrado.
Leitura recomendada

Instalando e usando o Gentoo GNU/Linux

Moodle no Debian

Instalando o Nagios Core no Suse Linux Enterprise Server

Polindo o seu Debian - KDE + Debian-Sid

NoBreak SMS e Gnu/Linux (FC5) - Parte 3 - Comunicação entre os servidores Linux sem senha

  
Comentários
[1] Comentário enviado por removido em 05/05/2012 - 05:18h

O Vim no GTK+ já é estranho por ser um troço de console em interface gráfica.
Colocando Java na parada então...

Mesmo assim eu gostei e pelas imagens parece-me muito agradável à vista ao menos.

Percebi também que em relação ao vim existem muitos experimentos, clones, plugins, cruzamentos de tecnologias.

Um perfil experimentalista mais aberto, com recomendações de uso emcaso de crash de sistema, perdendo só para pico, nano, joe etc.

Diferente do Emacs que os caras criaram "Igreja" (usar Vi é penitência), tem psicólogo, jogo de xadrez, só falta dominar a máquina e começar uma rebelião.

Mas muito poderoso graças ao Lisp.

Se esses forem antijava como suspeito, fazer um troço desses de usar Emacs com Eclipse faria eles subirem nos tamancos.

Parabéns!


Contribuir com comentário




Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner
Linux banner
Linux banner

Destaques

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts