Configurar SAMBA como PDC com usuário fixo

Neste artigo mostro como configurar o Samba como controlador de domínio com usuário fixo.

[ Hits: 31.731 ]

Por: WESLLEY ARAUJO em 26/08/2009


Configuração do arquivo smb.conf



Bom, agora chegou a hora mais esperada, onde vamos dar vida ao servidor de controle de domínio Samba. É bom você fazer uma copia do arquivo original do Samba, dessa forma se você quiser dar uma olhada nele posteriormente será muito bom, o requisito é ter um mínimo de inglês possível para interpretar os comentários. Então vamos lá.

Entre no diretório do Samba:

# cd /etc/samba

Digite o seguinte comando:

# mv smb.conf smb.conf.bkp

Pronto, renomeamos o arquivo smb.conf.

Agora vamos criá-lo novamente com o seguinte comando:

# nano smb.conf

Coloque o conteúdo abaixo:

# Configuração global
[global]
netbios name = servidor
workgroup = clickinformatica #Nome do domínio de sua preferência
server string = (Samba - Arquivos)
domain master = yes
preferred master = yes
local master = yes
domainlogons = yes
passdb backend = tdbsam
log file = /usr/local/samba/log.%m
max log size = 1000
# aqui está o pulo do gato e a razão do nosso artigo,
onde o samba adicionará automaticamente a máquina, sem a necessidade de que o
admin do servidor tenha que estar cadastrando máquina por máquina no samba, que
dará uma dor de cabeça daquelas

add machine script = /usr/sbin/useradd -d /dev/null -g 100 -s /bin/false -M %u


logon script = netlogon.bat

# As duas linhas abaixo são para colocar os usuários
móveis, no nosso caso não é essa a intenção e sim colocar os usuários fixos nas
suas estações e não com o seu perfil no servidor, então você pode apagar o código
caso queira.

;logon home = \\%N\profiles\%u
;logon path = \\%N\profiles\%u
;logon drive = H:
security = user
encrypt passwords = yes
os level = 100
preserve case = no
default case = lower
wins support = yes
socket options = TCP_NODELAY SO_RCVBUF=8192 SO_SNDBUF=8192
;hosts allow = <IP DA SUA REDE. EX: 192.168.0.>
unix charset = iso8859-1
display charset = cp850
username map = /etc/samba/smbusers

# Definindo compartilhamentos

############## Compartilhamento público ################
# Diretório público
[Publico]
comment = Público
path = /home/publico
read only = No
guest ok = Yes
guest only = Yes
writeable = Yes
browseable = Yes
public = Yes
available = Yes


# Diretório Programas
[Programas]
comment = Programas
path = /home/programas
read list = @grupotecnicos
write list = @gruposuporte
browseable = yes
read only = no

############ Fim do Compartilhamento #############

# Diretório home dos usuários, caso a rede tenha usuários moveis
;[homes]
;   comment = Home Directories
;   browseable = no
;   read only = yes
;   create mask = 0700
;   directory mask = 0700
;   valid users = %S


########### Diretório Netlogon ###########
[netlogon]
   comment = Serviço de Rede Netlogon
   path = /home/samba/netlogon
   guest ok = yes
   read only = yes
   share modes = no
   browseable = no

# Caso haja um mínimo de usuários móveis, os profiles vão ficar nesse diretório

;[profiles]
;   comment = Users profiles
;   path = /home/samba/profiles
;   guest ok = no
;   browseable = no
;   create mask = 0600
;   directory mask = 0700


# Impressoras compartilhadas

[printers]
   comment = All Printers
   browseable = no
   path = /var/spool/samba
   printable = yes
   guest ok = no
   read only = yes
   create mask = 0700

# Impressora com exceções de grupo e pessoas
[print$]
   comment = Printer Drivers
   path = /var/lib/samba/printers
   browseable = yes
   read only = yes
   guest ok = no
;   write list = root, @lpadmin

# Compartilhamento de CD-ROM, se não quiser basta comentá-lo
[cdrom]
   comment = Samba server's CD-ROM
   read only = yes
   locking = no
   path = /cdrom
   guest ok = yes
;   preexec = /bin/mount /cdrom
;   postexec = /bin/umount /cdrom

Um ponto importante: não se esqueça de criar os diretórios netlogon e publico (e outros que você queira adicionar) e apontar para seus efetivos lugares acima citados.

No caso o netlogon estará em /home/samba/netlogon. Crie o diretório netlogon assim:

# mkdir /home/samba/netlogon

Dê permissão ao diretório:

# chmod 775 netlogon

Dessa forma você criará o diretório netlogon, que conterá os arquivos de inicialização dos usuários. Mais adiante explicarei melhor o que é o netlogon.

Página anterior     Próxima página

Páginas do artigo
   1. Início
   2. Configuração do arquivo smb.conf
   3. Finalizando
Outros artigos deste autor
Nenhum artigo encontrado.
Leitura recomendada

Samba e seu processo de resolução de nomes

Samba 4 - Compartilhamento de Arquivos

Samba 4 (Active Directory) no Debian/Ubuntu Server

Samba PDC no KUbuntu

Autenticando Linux num PDC Samba com auto-montagem de unidade por usuários (sem usar LDAP)

  
Comentários
[1] Comentário enviado por gelsonsardinha em 26/08/2009 - 11:30h

Já esta favoritado ..
otima explicação

qq: [email protected]

[2] Comentário enviado por paulinholinux em 26/08/2009 - 11:37h

E aí WESLLEY blzzz

como eu faria para adicionar as estações linux neste dominio samba?

Tenho o samba funcionando na minha rede e estamos agora migrando as estações de Windows para Linux.
Qdo a estações eram Windows eu as adicionava no domínio samba da forma que foi descrita por vc, mas por se tratar de estações Linux estou apanhando bastante.

Vc teria alguma sugestão?

Obrigado ... e parabéns pelo artigo ... ficou muito bom !!

PaulinhoLinux

[3] Comentário enviado por weslleysuporte em 26/08/2009 - 11:51h

Caro amigo paulinho, te indico o artigo um colega da comunidade linux, siga esses passos e vai obter sucesso.
http://www.vivaolinux.com.br/artigo/Linux-logando-no-Dominio-NT/
qualquer duvida posta ai, lembrando que ele fez em debian mais isso não te impede fazer em outra distro.

Na internet voce pode encontrar mais formas de se fazer.

um forte abraço.

atenciosamente

Weslley Araujo

[4] Comentário enviado por mcabral em 27/08/2009 - 08:42h

Ótima contribuição colega ...

Já coloquei nos meus favoritos !


Abraço e Sucesso
Marcelo Cabral

[5] Comentário enviado por veder.rr em 06/06/2010 - 03:30h

oi Wescley..td bem???

consegui fazer todas essas configurações...porém estou com um problema... o domínio até é reconhecido na rede. qd eu coloco no windows pra selecionar o domínio.. mas qd eu coloco a senha do admin que pode logar no domínio ele me retorna uma mensagem de senha incorreta..e eu coloquei o usuário no admingroup.. o que pode estar acontecendo???

abraços

[6] Comentário enviado por otoni.sm em 09/12/2010 - 16:40h

Olá amigo, muito bom o seu artigo, só uma observação...
é possivel transformar o arquivo netlogon.bat para o formato DOS, sem precisar crial-lo em uma maquina windows... pode ser feito com um programa no linux chamado flip.
É só instalar usando o comando: apt-get install flip. Em seguida executar o seguinte comado:
flip -m -b netlogon.bat


Contribuir com comentário




Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner
Linux banner
Linux banner

Destaques

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts