Configurando Zabbix Server no Debian

Este artigo tem como intuito facilitar e ajustar a instalação e configuração de um servidor Zabbix com Debian.

[ Hits: 13.201 ]

Por: Freitas em 08/07/2015


Configurando Zabbix Server no Debian



Mãos à obra!

Primeiramente, baixe o fonte do Zabbix, a versão que utilizaremos é a 2.2.2, existe diversas formas de baixar, porém faremos tudo na console do Linux. Portanto digite:

# wget -O zabbix-2.2.2.tar.gz -c http://downloads.sourceforge.net/project/zabbix/ZABBIX%20Latest%20Stable/2.2.2/zabbix-2.2.2.tar.gz?r=http%3A%2F%2Fwww.zabbix.com%2Fdownload.php

Extraindo:

# tar -xzvf zabbix-2.2.2.tar.gz

Remova o pacote tar.gz:

# rm zabbix-2.2.2.tar.gz

Acessando o diretório extraído:

# cd zabbix-2.2.2/

Para darmos continuidade a instalação, precisamos resolver algumas dependências/bibliotecas no Debian. Será necessário instalar as seguintes:
  • libmysqld-dev
  • libsnmp-dev
  • libcurl4-openssl-dev
  • libiksemel-dev
  • php5-mysql
  • php5-gd
  • libxml2-dev

Vale o cuidado na hora de instalar as mesmas, sempre verifique se nenhum pacote será removido, caso exista algum para a remoção, cheque seu importância. Para instalar todas, execute o comando:

# apt-get install libmysqld-dev libsnmp-dev libcurl4-openssl-dev libiksemel-dev php5-mysql php5-gd libxml2-dev

OK! Podemos iniciar o processo de instalação. Note que estamos na pasta que foi extraída do tar.gz, dentro dela vamos iniciar o script configure com os parâmetros desejados, que estão abaixo:

# ./configure --enable-server --enable-agent --with-mysql --with-net-snmp --with-jabber --with-libcurl --with-ssh2 --with-libxml2 --prefix=/opt/zabbix

Muitas informações serão "jogadas" na tela, ao final, aparecerá um checklist.

Faça as devidas conferências para saber se todos os parâmetros desejáveis estão OK e rode o comando abaixo:

# make install

Agora, mais um pouco de informações endo jogadas na tela, porém isto é normal, faz parte do processo. Quanto terminar, faça uma cópia do inicializador do Zabbix Server para o seu init.d com o comando:

# cp misc/init.d/debian/zabbix-server /etc/init.d/

Agora, utilize o comando abaixo para criar um usuário para o Zabbix, criar a pasta de log em /var/log/zabbix e dar permissão ao usuário nesta pasta:

# useradd -m -s /bin/bash zabbix && mkdir /var/log/zabbix && chown zabbix:zabbix /var/log/zabbix/

Criaremos o banco de dados para o Zabbix, para isso acesse a MySQL:

# mysql -u root -p

Dentro do MySQL, execute:

mysql> create database zabbix;

Agora, FORA do MySQL execute os comandos abaixo para fazer o insert no banco de dados:

# mysql -u root -p zabbix < database/mysql/schema.sql
# mysql -u root -p zabbix < database/mysql/images.sql
# mysql -u root -p zabbix < database/mysql/data.sql

Feito isto, podemos iniciar as alterações dentro dos arquivos. O primeiro a ser alterado, será o arquivo /etc/php5/apache2/php.ini, dentro dele altere os campos mencionados a seguir, deixando-os com o mesmo valor abaixo:

post_max_size = 16M
max_execution_time = 300
max_input_time = 300
date.timezone = America/Sao_Paulo

Saia deste arquivo, e edite o script de inicialização do Zabbix Server, que fica em /etc/init.d/zabbix-server, apenas altere o parâmetro abaixo:

DAEMON=/opt/zabbix/sbin/${NAME}

Salve o arquivo e dê permissão de execução com:

# chmod +x /etc/init.d/zabbix-server

Uma ação muito importante é pôr o software para iniciar junto ao sistema operacional, pois caso ocorra qualquer desligamento na máquina, será dispensado a inicialização manual do Zabbix, portanto digite:

# update-rc.d -f zabbix-server defaults

Com o Zabbix instalado, devemos ajustas as configurações do servidor web, então use o comando abaixo para criar uma pasta dentro do diretório padrão do web server e ainda faça uma cópia dos arquivos da interface para lá e ainda permita que o usuário zabbix, que foi criado anteriormente, tenha como acessar as informações.

Para realizar os passos citados, use:

Criando a pasta:

# mkdir /var/www/zabbix

Copiando os arquivos para a interface web:

# cp -a frontends/php/* /var/www/zabbix/

Dando permissões ao usuário zabbix:

# chown -R www-data:www-data /var/www/zabbix/

Agora, quase nos finalmente, precisaremos alterar o arquivo de configuração do Zabbix Server, por isso edite o arquivo zabbix_server.conf com o comando abaixo:

# vi /opt/zabbix/etc/zabbix_server.conf

Altere neste arquivo os parâmetros abaixo:

LogFile=/var/log/zabbix/zabbix_server.log
DBName=zabbix
DBUser=root
DBPassword=senhadoseubancodedados

Salve o arquivo, reinicie o servidor web e inicie o Zabbix Server.

Reiniciando o servidor web:

# /etc/init.d/apache2 restart

Iniciando o servidor Zabbix:

# /etc/init.d/zabbix-server start

OK, o que tinha de ser feito no terminal/console foi feito, agora devemos dar continuidade às configurações na interface web, por isso, abra seu navegador e acesse o IP do servidor Zabbix com o final seguido de /zabbix.

Será apresentado uma tela de inicialização de configuração, como já ajustamos todas as dependências e parâmetros necessários em arquivos, tudo ficará como OK/verdinho (tópico 2 - Check of pre-requisites), basta apenas informar a senha do banco de dados (tópico 3 - Configure DB Connection) e o nome que você deseja dar ao server (tópico 4 - Zabbix Server Details).

Feito isto, basta confirmar as informações na tela seguinte (tópico 5 - Pre-Installation Summary) e clicar em next e dar um finish (tópico 6 - Install), com isso, será apresentado a tela de login.

Dados de acesso:
  • Usuário: admin
  • Senha: zabbix

Pronto! Finalmente está configurado o servidor Zabbix para o monitoramento da sua rede.

Este post foi feito por mim e pode ser encontrado no meu blog.

   

Páginas do artigo
   1. Configurando Zabbix Server no Debian
Outros artigos deste autor
Nenhum artigo encontrado.
Leitura recomendada

PPoE Mikrotik - QoS Dinâmico e Individual

SQUID com autenticação e permissões por grupos do Active Directory e relatórios com SARG

Nagios 3 + NagiosQL no Ubuntu Server 12.04

Proxy Squid com SquidGuard + Controle de Banda e Autenticação NTLM no Samba 4 (CentOS 6.5 - 64 bits Minimal)

GNU/Linux no mundo corporativo

  
Comentários
[1] Comentário enviado por Joao_Vitorino em 13/07/2015 - 18:45h


O tutorial ficou sucinto mas eficiente. Só abro dois poréns aqui:
A versão mais atual é 2.4 e colocar o repositório do zabbix na máquina, muitas vezes é mais prático.

[2] Comentário enviado por DialplanReload em 18/07/2015 - 00:49h


[1] Comentário enviado por Joao_Vitorino em 13/07/2015 - 18:45h


O tutorial ficou sucinto mas eficiente. Só abro dois poréns aqui:
A versão mais atual é 2.4 e colocar o repositório do zabbix na máquina, muitas vezes é mais prático.


João, primeiramente, muito obrigado. Quanto a versão, fiz este tutorial a algum tempo, apenas agora que compartilhei hehehe. Quanto ao repositório, concordo, porém sempre tem a turma que gosta de compilar e passar noites em pilhas e pilhas de códigos fontes hehehe.

Abraço!

[3] Comentário enviado por Samuray007 em 13/10/2015 - 22:02h


Parabéns pelo artigo. Faltou o apt-get install mysql-server mysql-client php5 apache2. O resto funcionou direitinho. Se puder fazer um artigo sobre a utilização do zabbix agradeço.


Contribuir com comentário




Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner
Linux banner
Linux banner

Destaques

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts