Compartilhando internet via rádio entre um servidor Linux e clientes Windows

Este artigo tem como finalidade apresentar uma configuração básica para compartilhamento de uma conexão pppoe, via rádio, com estações Windows, utilizando, para isso, roteamento de pacotes, SNAT (para mascaramento) e DHCP para facilitar a configuração nas estações clientes.

[ Hits: 24.567 ]

Por: Junior Assis Barreto Bernardes em 19/11/2009


Configurando o servidor DHCP



Se os passos anteriores foram executados corretamente e nenhum erro aconteceu, basta configurar as estações clientes com endereços IP de acordo com o endereço e a máscara de rede utilizada no servidor, informar os servidores de nomes e adicionar a rota de saída e as estações já estarão prontas para navegar na internet.

Porém os procedimentos citados não são elementares para um usuário iniciante e leigo em assuntos relacionados a redes de computadores.

Podemos facilitar a vida desses usuários configurando um servidor DHCP (Dynamic Host Configuration Protocol). Este servidor se encarregará de atribuir um endereço IP para cada estação ativa na rede, além de informar os servidores de nomes e a rota padrão de saída para Internet (gateway).

Existem vários servidores DHCP disponíveis. No Ubuntu, por exemplo, você pode instalar facilmente o dhcp3-server digitando no terminal:

# apt-get install dhcp3-server

Para configurar o servidor, bastar editar o arquivo dhcpd.conf, que se encontra no diretório raiz onde está o servidor DHCP que, normalmente é o /etc. No meu caso o arquivo dhcpd.conf está localizado no diretório /etc/dhcp3-server/.

Uma configuração básica e funcional para o servidor pode ser feita da seguinte maneira:

#-----------Arquivo dhcpd.conf-----------
default-lease-time 600;
max-lease-time 7200;
option subnet-mask 255.255.255.0; #Mascara de rede utilizada na rede
option broadcast-address 192.168.1.255;
option routers 192.168.0.1; #Roteador: no nosso caso é o ip do servidor Linux
option domain-name-servers 10.100.100.2, 10.100.100.4; #Servidores DNS

#Intervalo de IPs válidos a serem atribuídos às estações.
subnet 192.168.0.1 netmask 255.255.255.0 {
   range 192.168.0.2 192.168.0.254;
}

Lembrando que os valores dos endereços IP, tando da própria rede quanto dos servidores DNS são apenas ilustrativos. O leitor deve substituí-los por valores condizentes com suas necessidades.

Uma vez editado o arquivo, basta iniciar (reiniciar) o servidor DHCP:

# /etc/init.d/dhcp3-server restart

Agora basta colocar as estações Windows para obter endereço IP e DNS automaticamente. Estações Linux também podem obter endereços automaticamente: basta utilizar um cliente DHCP para isso.

Página anterior    

Páginas do artigo
   1. Introdução
   2. Habilitando o roteamento de pacotes
   3. Configurando o servidor DHCP
Outros artigos deste autor

Sistemas e volumes criptografados e escondidos utilizando o TrueCrypt

Leitura recomendada

Replicação e balanceamento de carga em servidores usando DNS

Autenticando Documento com Blockchain e Ethereum

Configurando uma VPN no FreeBSD

Configurar Speedy Home na distribuição SuSE 10

Comportamento das tecnologias WEB e seus meios de acesso

  
Comentários
[1] Comentário enviado por cleysinhonv em 19/11/2009 - 13:41h

Parabéns,

Bem explicado, detalhado, assim que gosto, você poderia ter explicado o significado de PPP e pppoe.

Esse vai para a lista.

[2] Comentário enviado por grandmaster em 23/11/2009 - 00:15h

gostei do artigo.

---
Renato de Castro Henriques
CobiT Foundation 4.1 Certified ID: 90391725
http://www.renato.henriques.nom.br

[3] Comentário enviado por leo1973 em 23/04/2010 - 11:26h

queria saber se este tuto e pra ocmpartilhar interent via radio tipo assim tem um micro linux com uma placa de rede sem fio e uma de rede e do outro lado tem uns clientes com placa sem fio tb. tipo aquelas antenas de grade direcvional de 24 dbi e se posso fazer em predios com este script. obrigado.


Contribuir com comentário