Apache + Virtual Host + DNS no Debian Lenny

Bem galera, nesse artigo pretendo explicar como instalar e configurar o DNS e o Apache fazendo um virtual host no Debian Lenny. Existem muitos tutoriais que explicam cada um, então resolvi juntar todos em um só e explicando o por quê de cada configuração.

[ Hits: 66.086 ]

Por: Karolina Fernandes em 19/09/2009


Instalando os pacotes necessários



Para isso vá em um terminal como root e execute os seguintes comandos.

Para instalar o Apache2:

# aptitude install apache2

Para instalar o DNS:

# aptitude install bind9 bind9-doc dnsutils

Entendendo o que instalou:
  • Apache2 - servirá para criarmos os virtuais hosts, mas o que é virtual host? Virtual host é a capacidade hospedar mais de um web site na mesma máquina com um ou mais endereços IP.
  • bind9 (Berkeley Internet Name Domain) - é uma implementação dos protocolos DNS e fornece uma implementação de referência distribuível abertamente aos principais componentes do Domain Name System, incluindo:

    Domain Name Server System;
  • Domain Name System resolver library; Ferramentas de gestão e de verificação do bom funcionamento do servidor DNS.

    A versão que utilizamos aqui é a 9 por ser a recomendada, já que a versão 4 está "deprecated" e a versão 8 é apenas para manutenção. Para mais informações acesse: http://www.bind9.net/

  • bind9-doc - simplesmente a documentação do bind9;
  • dnsutils - é um pacote que contém 3 softwares fundamentais para testes e correções, que são o nslookup,dig e nsupdate.

Depois de uma breve explicação do que utilizaremos, vamos pôr a mão na massa!

    Próxima página

Páginas do artigo
   1. Instalando os pacotes necessários
   2. Configurando o DNS
   3. Configurando o Apache e conclusão
Outros artigos deste autor
Nenhum artigo encontrado.
Leitura recomendada

Instalação da impressora HP LaserJet M1005 no Ubuntu 7.10

Instalação do servidor Nagios 3 no Debian

Squid com WCCP

Instalando Prolink Pixelview PV-BT878P+

Um pouco sobre otimização

  
Comentários
[1] Comentário enviado por rafaelstanley em 19/09/2009 - 10:51h

Otimo artigo, parabéns.

[2] Comentário enviado por stack_of em 19/09/2009 - 11:06h

Gostei do artigo, com explicações detalhadas das opções de configuração.
Parabéns.

[3] Comentário enviado por diegomr86 em 19/09/2009 - 11:20h

Wowwww!!!! Parabéns karol!!! Muito bom seu artigo!!!

[4] Comentário enviado por wryel em 19/09/2009 - 16:34h

Interessante, vou testar em casa ainda ;)

sabe dizer se eu precisar fazer subdominios, terei que mecher no /etc/apache2/apache2.conf ?

[5] Comentário enviado por magnolinux em 19/09/2009 - 17:09h

Muito bom carol meus parabens..


[6] Comentário enviado por luizvieira em 19/09/2009 - 19:36h

Bom artigo!
Já fiz muito isso, mas o seu artigo está bem conciso e explicado. Parabéns!
[ ]'s

[7] Comentário enviado por fainfo em 19/09/2009 - 19:49h

Bem detalhada a sua explicação!!!

muito bom Parabéns!!!

[8] Comentário enviado por removido em 19/09/2009 - 20:33h

Muito bom,Karol,brilha muito no Linux,hehehe,continue assim.

[9] Comentário enviado por karol_root em 20/09/2009 - 11:27h

Olá Galera, Agradeço aos elogios, muito obrigada mesmo, isso me insentiva a escrever mais artigos e ajudar mais pessoas \o !

wryel -> respondendo a sua pergunta, não tinha feito subdominios, então fui pesquisar e descobri o seguinte, vc precisa mexer nos seguintes arquivos, no /etc/apache2/site-enabled/000-default, ou seja onde vc faz os virtuais host e acresentar o SeverAlias, e no /etc/host e setar o subdominio que vc criou. acesse esse link http://forum.wmonline.com.br/lofiversion/index.php/t136086.html, e feito para windows mais e quase a mesma coisa so muda o caminho =)

Espero ter ajudado!


Abraço a todos e obrigada novamente!

[10] Comentário enviado por l-x em 20/09/2009 - 12:26h

Mandou bem!!!! exelente artigo, garanto q vai ajudar muitos aki, assim como me ajudou.
Parabens!!!!!

[11] Comentário enviado por cooperrj em 20/09/2009 - 22:32h

Nossa, eu não tinha notado nenhum Artigo vindo do sexo femenino antes (Se tiver são poucos).
Mas enfim, parabéns pelo artigo, esta bem formado e explicado.

[12] Comentário enviado por robsonsbrasil em 21/09/2009 - 07:16h

O artigo ficou bem legal, só faltou falar sobre o reverso do domínio criado, ou seja, seria as consultas inversas de resolução de nomes. No mais parabéns.


[13] Comentário enviado por guest19 em 21/09/2009 - 08:13h

muito legal vlw , primeira menina que vejo que se interessa realmente por LINUX muito legal sua iniciativa õ// , espero que continue assim
e viva ao linux.

[14] Comentário enviado por removido em 21/09/2009 - 10:16h

Muito bom

[15] Comentário enviado por fernandofranco em 22/09/2009 - 19:40h

Muito legal continue assim gostei muito!!!!!!

Parabéns

[16] Comentário enviado por trinca_joao em 23/09/2009 - 15:48h

Excelente!

[17] Comentário enviado por samuelcorradi em 24/11/2009 - 20:40h

Karol, muito legal! Vai me ajudar aqui. Só uma dúvida: É necessário configurar o arquivo de /etc/hosts? Afinal, o Bind não existe justamente para que não seja necessário trabalhar manualmente com o /etc/hosts? Digo isso por que primeiro o Debian busca resolver pelo host e depois vai pelo Bind. Em /etc/host.conf (propriedade order) podemos ver isso. Então, nesse caso, não seria 2 configurações para o mesmo efeito?

[18] Comentário enviado por fogasa em 10/03/2010 - 14:55h

Legal, eu nao entendo muito, mais deu para entender um pouco!

[19] Comentário enviado por elvanineto em 12/03/2010 - 18:04h

Parabéns!
Ótimo artigo!
Só tem uma correção, ao invez do 127.0.1.1 seria 127.0.0.1 que se refere ao loopback.

[20] Comentário enviado por jhonfelix em 03/06/2010 - 12:56h

Muito bom seu post ótimo!

[21] Comentário enviado por Miguel Arcanjo3 em 14/07/2010 - 09:25h

Este é o melhor artigo sobre este assunto que eu encontrei.

Quem me dera ter uma mulher como voçe em casa.

[22] Comentário enviado por linus black em 09/09/2010 - 09:08h

porque quando reinicio a maquina servidor volta tudo o que era no resolv.conf
e eu so concigo acessar via ip não via URL.
Prque sera
........?
uso debian lenny

[23] Comentário enviado por jeff.jno em 20/10/2010 - 14:30h

Oi karol_root, obrigado pela dica, pra mim serviu bem, agora so falta eu iplementar o servidor dhcp com atulização dos nomes via key, tem um bom artigo sobre isso aqui no site. quem sabe um dia você junte os 3 para facilitar a vida de muuuuita gente rsrs.
Parabéns.

[24] Comentário enviado por ricardomalias em 28/03/2012 - 13:11h

Muito bom o post! Karol explica perfeito. Só estou precisando de ajuda no final, está listando todas os arquivos da pasta do meu site. Já fiz o procedimento do DirectoryIndex meusite/index.html e meusite/teste.html , mas não funciona. Tem alguma outra solução ?

[25] Comentário enviado por karol_root em 28/03/2012 - 13:39h

Oi ricardomalias.

Que eu saiba não...

tenta confiirir se os nomes estão corretos e nos lugares corretos.
as vezes qualquer "." atrapalha.

Abraço,
Desculpe não pode ajudar.

[26] Comentário enviado por ballanetto em 07/05/2012 - 00:46h

ótimo artigo funfou bacana .....

[27] Comentário enviado por ballanetto em 07/05/2012 - 23:58h

Olá pessoal gostaria que voces me ajudassem nesse probleminha
fiz as configuraçoes com indicado acima ate aqui tudo bem ... pingo para meu dominio
no terminal do debian e responde blz .. agora estou na duvida pq na hora que digito o nome do meu dominio
no browser do windows ele vai procurar o dominio na internet direto ja quando eu digito o ip do servidor debian
no browser do windows ele me retorna a pagina de index.html corretamente ... e agora pessoal me ajudem por favor
estou iniciando no linux ainda valew pela atenção ...


Contribuir com comentário




Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner
Linux banner
Linux banner

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts