Access Point com cartão Atheros em Slackware 12.0

Access points baseados em PCs são formidáveis, muito superiores aos APs convencionais que empregam processadores de pequeno porte como os ARM e MIPS. Podem ainda agregar todos os serviços de um gateway de internet, DNS, proxy, autenticação e mesmo outros serviços, tudo reunido em um AP.

[ Hits: 28.205 ]

Por: Carlos Affonso Henriques. em 16/05/2008


Preparando o Kernel



Primeiramente devemos baixar o driver Madwifi, o site do projeto é http://www.madwifi.org e a versão empregada em nosso caso foi a 0.9.4 a mais recente em 30 de abril de 2008.

Há duas formas de compilar o Madwifi, separadamente ou inserindo um patch ao Kernel e compilá-lo juntamente com o kernel como módulo ou built-in. A que adotaremos é a segunda como built-in.

Descompactando o driver:

# tar -zxvf madwifi-0.9.4.tar.gz

Certifique-se que há o link simbólico /usr/src/linux para manter a compatibilidade, caso não haja crie-o com o comando:

# cd /usr/src/
# ln -sf linux-2.6.25 linux


Zere todas as opções do kernel com o comando:

# make mrproper

Se isso não for feito o patch não será instalado na árvore do kernel.

Feito isso vá ao diretório patches que se encontra dentro do diretório onde você descompactou o driver Madwifi e execute o script install.sh:

# ./install.sh

Em seguida vamos configurar o kernel com o comando:

# make menuconfig

Devemos habilitar o recurso de bridge no kernel, que encontra-se no caso do 2.6.25 no seguinte ramo da árvore de configuração:

Networking -> Networking options -> 802.1d Ethrnet bridiging , marque-a como YES (built-in)

Devemos habilitar o suporte a wireless do kernel, que no caso do 2.6.25 encontra-se em:

Networking -> Wireless

Marque como YES (built-in) as seguintes opções:

<*> Improved wireless configuration API
[*] nl80211new netlink interface support
<*> Generic IEEE 802.11 Networking stack (mac80211)
< > Generic IEEE 802.11 Networking stack (DEPRECATED)
<M> IEEE 802.11 WEP encryption (802.11x)

Obs: Compile as opções abaixo se desejar implementar criptografia ao seu AP/servidor


< M> IEEE 802.11i CCMP support
< M> IEEE 802.11i TKIP encryption
<*> Software MAC add-on to the IEEE 802.11 networking stack

Obs: Esta opção é útil se você desejar alterar o endereço MAC de sua interface wireless

Habilitando o Madwifi no kernel no seguinte ramo da árvore do Kernel:

Device drivers -> [*] Network device support -> Wireless LAN

Desmarque todas as opções referentes ao chipset Atheros defaults do kernel e marque apenas as que foram habilitadas pelo patch.

<*> Atheros PCI/Cardbus cards
Atheros: Default transmition Rate Control Algorithm (Sample) --->
[*] Adaptive Mult-Rate Retry Control Algorithm
[*] Atsushi Onoe's rate control algorithm
-*- Sample rate rontrol algorithm
[*] A wandering minstrel rate rontrol algorithm

Não abordamos outras configurações de opções de rede do kernel neste artigo por não fazerem parte do escopo do mesmo, estou partindo da premissa que o administrador ou usuário tenha este conhecimento prévio.

    Próxima página

Páginas do artigo
   1. Preparando o Kernel
   2. Compilando e instalando o novo kernel
   3. Configurando sua interface Atheros e suas interfaces de rede
   4. Configurações avançadas
Outros artigos deste autor

Filtro de conteúdo autenticado com níveis de privilégio

SSHFS no CentOS, Slackware e Windows - Simples e rápido

Obtendo TimeStamps da Blockchain com OpenTimestamps

Sistema de arquivos criptografado

L7-filter (funcionando) no Slackware 10.2

Leitura recomendada

Entendendo o mundo dos chipsets

Chipset Atheros: Reconhecendo e configurando placas wireless na mão

Configurando a placa wireless LG 2100

ApcCtrl - Software para controle de nobreak APC Brasil

Impressora Lexmark Z600series e 1200series

  
Comentários
[1] Comentário enviado por juninho (RH.com) em 19/05/2008 - 10:14h

Cara,
eu não teria conhecimentos suficientes para usufruir do seu artigo, mas no que ele se propõe é fantástico, porque eu nem sabia que poderia fazer de um micro um AP.

Parabéns mesmo!!!

[2] Comentário enviado por Aaron em 26/05/2008 - 22:45h

Opa!! Primeiramente quero te parabenizar pelo artigo, mais, tenho uma pergunta para lhe fazer. Tenho um acer5050 com wifi atheros ar5006eg e não consigo listar redes com o acpi ligado... alguma idéia?
Eu já postei a duvida qui no vol com mais detalhes >
http://www.vivaolinux.com.br/comunidades/verTopico.php?codigo=65&codtopico=19655
Desde já agradeço.
E mais uma vês parabens pela iniciativa de contribuir com o mundo linux!

[3] Comentário enviado por capitainkurn em 27/05/2008 - 02:13h

Parece que ACPI é uma potência da natureza, mas creio que não seja este o seu problema.
Peguei esta semana um problema semelhante, mas o que o ocorria era que o cartão era A/B/G e o Madwifi não (aparentemente) suporta modo auto ou como chamam em alguns APs mixmode.
Verifique se seu cartão está operando em A/B ou G mode pois ele somente enxergará redes que estejam no mesmo padrão.
Espero ter lhe ajudado.

[4] Comentário enviado por cvs em 22/09/2008 - 01:40h

belo artigo.
Mas me tire uma duvida.

Eu tenho um notebook com uma placa dwl-G650, consegui fazer ela funcionar como ap, na estacao windows conectei no AP sem problemas mas e ae?
Veja so, o notebook esta conectado ao modem via a eth0 pelo cabo de rede e pega ip por dhcp no modem. Como farei pra estacao windows se conectar ao AP (notebook) e usar o modem 10.1.1.1 pra ser o servidor de dhcp?
N'ao consegui filtrar isso... heheehhe

[5] Comentário enviado por capitainkurn em 22/09/2008 - 10:20h

Amigo, a implementação que fiz neste artigo é uma bridge entre a wireless ath0 e a interface Ethernet eth0, a princípio ela deve permitir o tráfego de pacotes UPD com destino a porta 67 (DHCPd) e ARP.

Das duas uma ou ambas:
1 - Você esqueceu de configurar algum parâmetro ( veja proxy_arp )
2 - Seu modem adsl deve estar configurado para fornecer IP somente para MACs cadastrados neste caso o MAC que irá vigorar é o da bridge (AP) e não o da estação windows.

Para certificar-se disso, digite o seguinte comando na máquina Linux o seguinte comando:

arping -D -I br0 v.x.y.z Onde v.x.y.z é o IP da estação windows e confirme o endereço MAC.
Claro que para isso você terá que configurar um IP manualmente na interface de rede da máquina windows.


Contribuir com comentário




Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner
Linux banner
Linux banner

Destaques

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts