01 02 03

cambada_oneko - gatinhos coloridos perseguindo o ponteiro do mouse

cambada_oneko faz com que dez gatinhos coloridos fiquem perseguindo o ponteiro do mouse na sua tela. Obs.: requer o pacote oneko para funcionar.

Por: Luís Fernando C. Cavalheiro


dinosudo – alternativa CLI para executar aplicativos gráficos como root enquanto logado como

Uma alternativa puramente de linha de comando ao gksudo e ao kdesudo, o dinosudo permite que o usuário execute aplicativos gráficos como root enquanto logado como usuário comum.

Por: Luís Fernando C. Cavalheiro


Instalação do Telegram Desktop via shell script

Meninos do computador e pessoas não normais, aqui começa mais um Script do Dino® trazendo para vocês informações tão úteis quanto a quantidade de dentes que um tubarão tem. Hoje vamos automatizar a instalação do Telegram Desktop, um cliente de mensagens instantâneas muito popular e com vários recursos úteis. Basta executar o script que ele fará o download e a instalação do cliente para desktop.

Por: Luís Fernando C. Cavalheiro


string_out: remova a primeira ocorrência de uma string em um arquivo de texto

Cambada de clicadores, aqui começa mais um Script do Dino® trazendo para todos uma ferramenta útil ou curiosa. Hoje temos o string_out, que remove a primeira ocorrência de uma string em um arquivo de texto. Divirtam-se com ela!

Por: Luís Fernando C. Cavalheiro


duplex_record: mixando áudio do microfone e saída de áudio de um programa via P

Clicadores e servos da Canonical, aqui começa mais um Script do Dino® trazendo para todos vocês mais uma loucura qualquer do tempo em que os dinossauros eram vivos e o Sílvio Santos vendia o Carnê do Baú para eles. No Script de hoje, vamos aprender como mixar o áudio do microfone com a saída de áudio de um programa via PulseAudio. Mixagem é o procedimento pelo qual dois canais de áudio distintos se transformam em um único. Assim, com este Script você pode mixar o áudio do microfone com a saída de um outro programa (por exemplo, o VLC) e enviar a mixagem para um outro programa (seguindo o exemplo, enviar a mixagem pelo Hangouts para que um amigo possa escutar uma música que você esteja a reproduzir localmente). COMO USAR Usage duplex_record [-c | -C | -L | -h | -v ] [ -m arg ] [ -l arg ] Options -c Required: create two virtual sinks -C Required: delete virtual sink. Ignores -m and -l options -m arg Optional: name virtual mic sink (default: Mic) "arg" must be a single-word, no quotes, no special characters, string -l arg Optional: name virtual line sink, (default: Line) "arg" must be a single-word, no quotes, no special characters, string -L Show GPLv3 licence abstract, ignores -m and -l options -h Show this help, ignores -m and -l options -v Show version and changelog info, ignores -m and -l options In case -c, -C, -L, -h or -v being issued at same time, only the last one will be considered</div> Escrevi em inglês porque isso pode ser útil não apenas para nós, Brasileiros. COMO FUNCIONA O Script do Dino® cria dois sumidouros virtuais (nomes padrão: Virtual_Mic e Virtual_Line), liga o monitor do segundo sumidouro virtual ao sumidouro padrão e ao primeiro sumidouro virtual via loopback, e então liga o primeiro sumidouro ao sumidouro padrão por loopback. Na prática, isso traça o seguinte mapa de áudio: Microfone (l) Saída de áudio de um programa ------> segundo sumidouro virtual (m)> primeiro sumidouro virtual (m)> sumidouro padrão Legenda: (l)> redirecionamento por loopback (m)> redirecionamento pelo monitor O truque aqui reside no uso sagaz e maroto dos monitores e dos loopbacks de sumidouros. O monitor é um canal do sumidouro que permite que ele seja escutado por outro sumidouro (monitorado é o termo certo). Já o loopback é um canal do sumidouro que permite a gravação da saída de áudio daquele sumidouro. Com este Script do Dino®, a saída do microfone padrão é enviado via loopback pro primeiro sumidouro virtual. Quando o programa é instruído a usar o segundo sumidouro virtual como sua saída de áudio (via pavucontrol), envia-se o loopback do monitor tanto para a saída padrão de áudio (para permitir que você escute o que está sendo reproduzido) quanto para o primeiro sumidouro virtual. Assim, o primeiro sumidouro virtual recebe ao mesmo tempo o microfone e o segundo sumidouro virtual. Para direcionar o resultado dessa mixagem para algum programa que aceite entrada de áudio (desde o Audacity até o Google Hangouts), basta apenas configurar, via pavucontrol, o programa que receberá o áudio para usar o monitor do primeiro sumidouro virtual (o PulseAudio não permite gravação direta de sumidouros virtuais).

Por: Luís Fernando C. Cavalheiro



01 02 03



Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner
Linux banner
Linux banner

Destaques

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts