Como interligar redes diferentes, limitando tráfego [RESOLVIDO]

1. Como interligar redes diferentes, limitando tráfego [RESOLVIDO]

Silas Matos
silasmg

(usa Debian)

Enviado em 18/01/2018 - 11:13h

[UPDATE1] Fiz uma pesquisa mais minuciosa e consegui fazer se enxergar com a seguinte regra:

iptables -A FORWARD -s 172.16.8.0/24 -d 192.168.100.0/24 -j ACCEPT
iptables -A FORWARD -d 172.16.8.0/24 -s 192.168.100.0/24 -j ACCEPT
iptables -A FORWARD -s 192.168.100.0/24 -d 172.16.8.0/24 -j ACCEPT
iptables -A FORWARD -d 192.168.100.0/24 -s 172.16.8.0/24 -j ACCEPT


Então agora vamos ao que mais me interessa, bloquear o tráfego de DHCP e demais protocolos, preciso apenas acessar uma estação nessa rede da eth2, junto com a porta 2638 tcp desta estação, como faço as regras neste caso?




###############################Resolvido
Pessoal, preciso de uma ajuda, faz tempo que estou quebrando a cabeça com isso:
Preciso que os PCs da eth0 enxerguem os da eth2, depois preciso limitar algumas coisas, mas primeiro eu quero apenas que se enxerguem.

Segue minha rede num debian wheezy que funciona como proxy e internet. No meu servidor eu consigo acessar as 2 redes, mas nas estações ainda não.:

eth0: 172.16.8.254/24
eth1: 10.0.0.0/8 > ppp1 (internet)
eth2: 192.168.100.247/24


Tentei criar uma rota entre as redes.

route add -net 192.168.100.0 netmask 255.255.255.0 dev eth0
route add -net 172.16.8.0 netmask 255.255.255.0 dev eth2


No iptables tentei:

iptables -I FORWARD -i eth0 -o eth1 -j ACCEPT
iptables -I FORWARD -i eth1 -o eth0 -j ACCEPT


Esse também tentei, mas como travou toda minha rede e caiu a internet eu desfiz:

iptables -t nat -A POSTROUTING -o eth0 -j MASQUERADE
iptables -t nat -A POSTROUTING -o eth1 -j MASQUERADE


Tentei isto também:
iptables -I FORWARD -s 172.16.8.0 -d 192.168.100.0 -j ACCEPT
iptables -I FORWARD -s 192.168.100.0 -d 172.16.8.0 -j ACCEPT
iptables -I FORWARD -m state --state ESTABLISHED,RELATED -j ACCEPT



Finalmente, segue minha configuração de firewall:

#!/bin/sh
#

### BEGIN INIT INFO
# Provides: firewall
# Required-Start: $local_fs $remote_fs $network $syslog
# Required-Stop: $local_fs $remote_fs $network $syslog
# Default-Start: 2 3 4 5
# Default-Stop: 0 1 6
# Short-Description: Start firewall at boot time
# Description: Enable service provided by firewall.
### END INIT INFO

iniciar(){

# IP do servidor SQUID
SQUID_SERVER="172.16.8.254"
# Interface que se conecta com a internet
INTERNET="ppp0"
# Interface da rede local
LAN_IN="eth0"
# Interface da rede Rocket M5
ROCKET="eth2"
# Porta do SQUID
SQUID_PORT="3128"

# LIMPAR FIREWALL
iptables -F
iptables -X
iptables -X -t filter
iptables -F -t filter
iptables -t nat -F
iptables -t nat -X
iptables -t mangle -F
iptables -t mangle -X

# CARREGAR MÓDULOS PARA NAT E SUPORTE PARA IP CONTRACK
modprobe ip_conntrack
modprobe ip_conntrack_ftp
modprobe iptable_nat
modprobe tun
modprobe ipt_string

# COMPARTILHAMENTO DE INTERNET.
echo 1 > /proc/sys/net/ipv4/ip_forward
echo 1 > /proc/sys/net/ipv4/tcp_syncookies

# DEFINIR POLITICAS DE ACESSO
iptables -P INPUT DROP
iptables -P OUTPUT ACCEPT

# ACESSO ILIMITADO AO LOOPBACK
iptables -A INPUT -i lo -j ACCEPT
iptables -A OUTPUT -o lo -j ACCEPT

# LIBERAÇÃO DE PORTAS
iptables -A INPUT -p tcp --dport 22 -j ACCEPT
iptables -A INPUT -p tcp --dport 80 -j ACCEPT
iptables -A INPUT -p tcp --dport 1723 -j ACCEPT
iptables -A INPUT -p tcp --dport 3000 -j ACCEPT
iptables -A INPUT -p tcp --dport 3128 -j ACCEPT

# PERMITIR UDP, DNS E FTP PASSIVO
iptables -A INPUT -i $INTERNET -m state --state ESTABLISHED,RELATED -j ACCEPT

# DEFINIR ESTE SISTEMA COMO O ROTEADOR PADRÃO PARA O RESTO DA LAN
iptables --table nat --append POSTROUTING --out-interface $INTERNET -j MASQUERADE
iptables --append FORWARD --in-interface $LAN_IN -j ACCEPT

# ACESSO ILIMITADO PELA LAN
iptables -A INPUT -i $LAN_IN -j ACCEPT
iptables -A OUTPUT -o $LAN_IN -j ACCEPT

# NAT PARA A PORTA 80 SOLICITADA PELA LAN PARA A PORTA DO SQUID 3128 ($SQUID_PORT) PROXY TRANSPARENTE
iptables -t nat -I PREROUTING -p tcp -i $LAN_IN --dport 80 -j REDIRECT --to-port 3128

# REJEITAR O RESTO E CRIAR LOG
iptables -A INPUT -j LOG
iptables -A INPUT -j DROP

echo "Firewall Habilitado"
}
parar(){
iptables -F
iptables -X
iptables -X -t filter
iptables -F -t filter
iptables -t nat -F
iptables -t nat -X
iptables -t mangle -F
iptables -t mangle -X
echo "Firewall desabilidatado"
}
case "$1" in
"start") iniciar ;;
"stop") parar ;;
"restart") parar; iniciar ;;
*) echo "Use os parâmetros start, stop ou restart"
esac


Este firewall ainda não contém nenhuma regra para a eth2.

Espero que tenham entendido, e espero que possam me ajudar.


  


2. MELHOR RESPOSTA

Carlos Alberto de Souza Barbosa
souzacarlos

(usa Outra)

Enviado em 18/01/2018 - 11:48h

Bom dia.
Vamos dividir as explicações para ver se melhora teu conceito em alguns assuntos.

01 - NAT
Pra que vc tá fazendo NAT do conteúdo que tá saindo de ETH0? Você só precisa fazer NAT do conteúdo que vai pra Internet via ETH1 pq ai sim vc vai precisar de tradução de endereços.
ex: iptables -t nat -A POSTROUTING -o eth1 -j MASQUERADE

02 - ROTAS
Você não precisa criar rotas entre redes diretamente conectadas ao teu Router/Firewall, ele sabe como chegar nas duas.
ex: route add -net 172.16.8.0 netmask 255.255.255.0 dev eth2

03 - POLICE DEFAULT
O police default define como teu firewall irá se comportar caso vc não defina regras para algumas das chains envolvidas. Por default o police com iptables é ACCEPT, logo caso eu não crie uma regra bloqueando algum conteúdo ele irá deixar tudo passar.

ex: iptables -P INPUT DROP (ok vc definiu DROP para INPUT)
ex: iptables -P OUTPUT ACCEPT (no problem de indicar ACCEPT aqui mas...)
ex: iptables -A OUTPUT -o $LAN_IN -j ACCEPT (pra q criar uma regra onde vc permite alguma coisa se o default é aceitar, isso só aumenta a complexidade na administração.)
ex: iptables --append FORWARD --in-interface $LAN_IN -j ACCEPT (vc não definiu mas o police default para a chain FORWARD tbm é ACCEPT, logo essa regra tbm não faz sentido estar aqui)

Resumindo, minha dica é: remove tudo que vc tem de regras, se possível testa apenas com o police default ativado e ve como vai se comportar, agora a espero que as configurações de rede local de cada rede estejam ok, como IP - MASK - GATEWAY, isso é o básico para que a comunicação entre redes remotas funcionem.

Sobre serviços estarem funcionando entre redes é outra jornada, vamos tratar aqui somente o básico da comunicação "ICMP" depois vai passa para a comunicação de aplicações, que neste caso vai envolver a configuração de NAT.

Network Analyst - Consultor para empresas
contact skype: carlossouzainfo
21 99180-8165 (WhattsApp)

3. Re: Como interligar redes diferentes, limitando tráfego [RESOLVIDO]

Silas Matos
silasmg

(usa Debian)

Enviado em 18/01/2018 - 13:29h

Na verdade, alguns destes comandos eu tentei aplicar mesmo sem saber para que exatamente funcionaria, como foi o caso do:
iptables -t nat -A POSTROUTING -o eth0 -j MASQUERADE 

O firewall agora está assim:
#!/bin/sh
#

### BEGIN INIT INFO
# Provides: firewall
# Required-Start: $local_fs $remote_fs $network $syslog
# Required-Stop: $local_fs $remote_fs $network $syslog
# Default-Start: 2 3 4 5
# Default-Stop: 0 1 6
# Short-Description: Start firewall at boot time
# Description: Enable service provided by firewall.
### END INIT INFO

iniciar(){
# IP do servidor SQUID
SQUID_SERVER="172.16.8.254"
# Interface que se conecta com a internet
INTERNET="ppp0"
# Interface da rede local
LAN_IN="eth0"
# Interface da rede Rocket M5
ROCKET="eth2"
# Porta do SQUID
SQUID_PORT="3128"


# NÃO MODIFIQUE AS LINHAS ABAIXO:
# LIMPAR FIREWALL
iptables -F
iptables -X
iptables -X -t filter
iptables -F -t filter
iptables -t nat -F
iptables -t nat -X
iptables -t mangle -F
iptables -t mangle -X

# CARREGAR MÓDULOS PARA NAT E SUPORTE PARA IP CONTRACK
modprobe ip_conntrack
modprobe ip_conntrack_ftp
modprobe iptable_nat
modprobe tun
modprobe ipt_string

# COMPARTILHAMENTO DE INTERNET.
echo 1 > /proc/sys/net/ipv4/ip_forward
echo 1 > /proc/sys/net/ipv4/tcp_syncookies

# DEFINIR POLITICAS DE ACESSO
iptables -P INPUT DROP

# LIBERAÇÃO DE PORTAS
iptables -A INPUT -p tcp --dport 22 -j ACCEPT
iptables -A INPUT -p tcp --dport 80 -j ACCEPT
iptables -A INPUT -p tcp --dport 1723 -j ACCEPT
iptables -A INPUT -p tcp --dport 3000 -j ACCEPT
iptables -A INPUT -p tcp --dport 3128 -j ACCEPT

# REGRAS PARA QUE AS REDES SE ENXERGUEM
iptables -A FORWARD -s 172.16.8.0/24 -d 192.168.100.0/24 -j ACCEPT
iptables -A FORWARD -d 172.16.8.0/24 -s 192.168.100.0/24 -j ACCEPT
iptables -A FORWARD -s 192.168.100.0/24 -d 172.16.8.0/24 -j ACCEPT
iptables -A FORWARD -d 192.168.100.0/24 -s 172.16.8.0/24 -j ACCEPT

# PERMITIR UDP, DNS E FTP PASSIVO
iptables -A INPUT -i $INTERNET -m state --state ESTABLISHED,RELATED -j ACCEPT

# DEFINIR ESTE SISTEMA COMO O ROTEADOR PADRÃO PARA O RESTO DA LAN
iptables --table nat --append POSTROUTING --out-interface $INTERNET -j MASQUERADE

# ACESSO ILIMITADO PELA LAN
iptables -A INPUT -i $LAN_IN -j ACCEPT
iptables -A INPUT -i $ROCKET -j ACCEPT

# NAT PARA A PORTA 80 SOLICITADA PELA LAN PARA A PORTA DO SQUID 3128 ($SQUID_PORT) PROXY TRANSPARENTE
iptables -t nat -I PREROUTING -p tcp -i $LAN_IN --dport 80 -j REDIRECT --to-port 3128

# REJEITAR O RESTO E CRIAR LOG
iptables -A INPUT -j LOG
iptables -A INPUT -j DROP

echo "Firewall Habilitado"
}
parar(){
iptables -F
iptables -X
iptables -X -t filter
iptables -F -t filter
iptables -t nat -F
iptables -t nat -X
iptables -t mangle -F
iptables -t mangle -X
echo "Firewall desabilidatado"
}
case "$1" in
"start") iniciar ;;
"stop") parar ;;
"restart") parar; iniciar ;;
*) echo "Use os parâmetros start, stop ou restart"
esac

Dando um route -n, tenho isso:
Tabela de Roteamento IP do Kernel
Destino Roteador MáscaraGen. Opções Métrica Ref Uso Iface
0.0.0.0 0.0.0.0 0.0.0.0 U 0 0 0 ppp0
10.0.0.0 0.0.0.0 255.0.0.0 U 0 0 0 eth1
172.16.8.0 0.0.0.0 255.255.255.0 U 0 0 0 eth0
192.168.100.0 0.0.0.0 255.255.255.0 U 0 0 0 eth2
201.41.2.254 0.0.0.0 255.255.255.255 UH 0 0 0 ppp0

No ifconfig:
eth0      Link encap:Ethernet  Endereço de HW 30:b5:c2:00:f6:fa  
inet end.: 172.16.8.254 Bcast:172.16.8.255 Masc:255.255.255.0
endereço inet6: fe80::32b5:c2ff:fe00:f6fa/64 Escopo:Link
UP BROADCASTRUNNING MULTICAST MTU:1500 Métrica:1
RX packets:3061805 errors:0 dropped:1 overruns:0 frame:0
TX packets:2231619 errors:0 dropped:0 overruns:0 carrier:0
colisões:0 txqueuelen:1000
RX bytes:428703781 (408.8 MiB) TX bytes:2376359528 (2.2 GiB)
IRQ:41 Endereço de E/S:0x4000

eth1 Link encap:Ethernet Endereço de HW 64:1c:67:63:5b:2b
inet end.: 10.1.1.2 Bcast:10.255.255.255 Masc:255.0.0.0
endereço inet6: fe80::661c:67ff:fe63:5b2b/64 Escopo:Link
UP BROADCASTRUNNING MULTICAST MTU:1500 Métrica:1
RX packets:2129311 errors:0 dropped:0 overruns:0 frame:0
TX packets:2194693 errors:0 dropped:0 overruns:0 carrier:0
colisões:0 txqueuelen:1000
RX bytes:2335232387 (2.1 GiB) TX bytes:393863809 (375.6 MiB)
IRQ:20 Memória:f7e00000-f7e20000

eth2 Link encap:Ethernet Endereço de HW ec:08:6b:05:58:c8
inet end.: 192.168.100.247 Bcast:192.168.100.255 Masc:255.255.255.0
endereço inet6: fe80::ee08:6bff:fe05:58c8/64 Escopo:Link
UP BROADCASTRUNNING MULTICAST MTU:1500 Métrica:1
RX packets:17116 errors:0 dropped:0 overruns:0 frame:0
TX packets:2649 errors:0 dropped:0 overruns:0 carrier:0
colisões:0 txqueuelen:1000
RX bytes:1967057 (1.8 MiB) TX bytes:382761 (373.7 KiB)
IRQ:42 Endereço de E/S:0x6000

lo Link encap:Loopback Local
inet end.: 127.0.0.1 Masc:255.0.0.0
endereço inet6: ::1/128 Escopo:Máquina
UP LOOPBACKRUNNING MTU:16436 Métrica:1
RX packets:10108 errors:0 dropped:0 overruns:0 frame:0
TX packets:10108 errors:0 dropped:0 overruns:0 carrier:0
colisões:0 txqueuelen:0
RX bytes:1661014 (1.5 MiB) TX bytes:1661014 (1.5 MiB)

ppp0 Link encap:Protocolo Ponto-a-Ponto
inet end.: xxx.xx.xxx.xx P-a-P:201.41.2.254 Masc:255.255.255.255
UP POINTOPOINT RUNNING NOARP MULTICAST MTU:1492 Métrica:1
RX packets:154299 errors:0 dropped:0 overruns:0 frame:0
TX packets:149158 errors:0 dropped:0 overruns:0 carrier:0
colisões:0 txqueuelen:3
RX bytes:185593546 (176.9 MiB) TX bytes:20371915 (19.4 MiB)


Do jeito que está, minha rede da eth0 está funcionando com a internet da eth1 normalmente, proxy ok, mas as redes não se enxergam mais nas estações, no caso tenho umas estação 172.16.8.100 (eth0) que não enxerga o rádio que está na estação 192.168.100.2 (eth2).


4. Re: Como interligar redes diferentes, limitando tráfego [RESOLVIDO]

Carlos Alberto de Souza Barbosa
souzacarlos

(usa Outra)

Enviado em 18/01/2018 - 13:41h

Defina não enxergar: Pinga ao menos?

silasmg escreveu:

Na verdade, alguns destes comandos eu tentei aplicar mesmo sem saber para que exatamente funcionaria, como foi o caso do:
iptables -t nat -A POSTROUTING -o eth0 -j MASQUERADE 

O firewall agora está assim:
#!/bin/sh
#

### BEGIN INIT INFO
# Provides: firewall
# Required-Start: $local_fs $remote_fs $network $syslog
# Required-Stop: $local_fs $remote_fs $network $syslog
# Default-Start: 2 3 4 5
# Default-Stop: 0 1 6
# Short-Description: Start firewall at boot time
# Description: Enable service provided by firewall.
### END INIT INFO

iniciar(){
# IP do servidor SQUID
SQUID_SERVER="172.16.8.254"
# Interface que se conecta com a internet
INTERNET="ppp0"
# Interface da rede local
LAN_IN="eth0"
# Interface da rede Rocket M5
ROCKET="eth2"
# Porta do SQUID
SQUID_PORT="3128"


# NÃO MODIFIQUE AS LINHAS ABAIXO:
# LIMPAR FIREWALL
iptables -F
iptables -X
iptables -X -t filter
iptables -F -t filter
iptables -t nat -F
iptables -t nat -X
iptables -t mangle -F
iptables -t mangle -X

# CARREGAR MÓDULOS PARA NAT E SUPORTE PARA IP CONTRACK
modprobe ip_conntrack
modprobe ip_conntrack_ftp
modprobe iptable_nat
modprobe tun
modprobe ipt_string

# COMPARTILHAMENTO DE INTERNET.
echo 1 > /proc/sys/net/ipv4/ip_forward
echo 1 > /proc/sys/net/ipv4/tcp_syncookies

# DEFINIR POLITICAS DE ACESSO
iptables -P INPUT DROP

# LIBERAÇÃO DE PORTAS
iptables -A INPUT -p tcp --dport 22 -j ACCEPT
iptables -A INPUT -p tcp --dport 80 -j ACCEPT
iptables -A INPUT -p tcp --dport 1723 -j ACCEPT
iptables -A INPUT -p tcp --dport 3000 -j ACCEPT
iptables -A INPUT -p tcp --dport 3128 -j ACCEPT

# REGRAS PARA QUE AS REDES SE ENXERGUEM
iptables -A FORWARD -s 172.16.8.0/24 -d 192.168.100.0/24 -j ACCEPT
iptables -A FORWARD -d 172.16.8.0/24 -s 192.168.100.0/24 -j ACCEPT
iptables -A FORWARD -s 192.168.100.0/24 -d 172.16.8.0/24 -j ACCEPT
iptables -A FORWARD -d 192.168.100.0/24 -s 172.16.8.0/24 -j ACCEPT

# PERMITIR UDP, DNS E FTP PASSIVO
iptables -A INPUT -i $INTERNET -m state --state ESTABLISHED,RELATED -j ACCEPT

# DEFINIR ESTE SISTEMA COMO O ROTEADOR PADRÃO PARA O RESTO DA LAN
iptables --table nat --append POSTROUTING --out-interface $INTERNET -j MASQUERADE

# ACESSO ILIMITADO PELA LAN
iptables -A INPUT -i $LAN_IN -j ACCEPT
iptables -A INPUT -i $ROCKET -j ACCEPT

# NAT PARA A PORTA 80 SOLICITADA PELA LAN PARA A PORTA DO SQUID 3128 ($SQUID_PORT) PROXY TRANSPARENTE
iptables -t nat -I PREROUTING -p tcp -i $LAN_IN --dport 80 -j REDIRECT --to-port 3128

# REJEITAR O RESTO E CRIAR LOG
iptables -A INPUT -j LOG
iptables -A INPUT -j DROP

echo "Firewall Habilitado"
}
parar(){
iptables -F
iptables -X
iptables -X -t filter
iptables -F -t filter
iptables -t nat -F
iptables -t nat -X
iptables -t mangle -F
iptables -t mangle -X
echo "Firewall desabilidatado"
}
case "$1" in
"start") iniciar ;;
"stop") parar ;;
"restart") parar; iniciar ;;
*) echo "Use os parâmetros start, stop ou restart"
esac

Dando um route -n, tenho isso:
Tabela de Roteamento IP do Kernel
Destino Roteador MáscaraGen. Opções Métrica Ref Uso Iface
0.0.0.0 0.0.0.0 0.0.0.0 U 0 0 0 ppp0
10.0.0.0 0.0.0.0 255.0.0.0 U 0 0 0 eth1
172.16.8.0 0.0.0.0 255.255.255.0 U 0 0 0 eth0
192.168.100.0 0.0.0.0 255.255.255.0 U 0 0 0 eth2
201.41.2.254 0.0.0.0 255.255.255.255 UH 0 0 0 ppp0

No ifconfig:
eth0      Link encap:Ethernet  Endereço de HW 30:b5:c2:00:f6:fa  
inet end.: 172.16.8.254 Bcast:172.16.8.255 Masc:255.255.255.0
endereço inet6: fe80::32b5:c2ff:fe00:f6fa/64 Escopo:Link
UP BROADCASTRUNNING MULTICAST MTU:1500 Métrica:1
RX packets:3061805 errors:0 dropped:1 overruns:0 frame:0
TX packets:2231619 errors:0 dropped:0 overruns:0 carrier:0
colisões:0 txqueuelen:1000
RX bytes:428703781 (408.8 MiB) TX bytes:2376359528 (2.2 GiB)
IRQ:41 Endereço de E/S:0x4000

eth1 Link encap:Ethernet Endereço de HW 64:1c:67:63:5b:2b
inet end.: 10.1.1.2 Bcast:10.255.255.255 Masc:255.0.0.0
endereço inet6: fe80::661c:67ff:fe63:5b2b/64 Escopo:Link
UP BROADCASTRUNNING MULTICAST MTU:1500 Métrica:1
RX packets:2129311 errors:0 dropped:0 overruns:0 frame:0
TX packets:2194693 errors:0 dropped:0 overruns:0 carrier:0
colisões:0 txqueuelen:1000
RX bytes:2335232387 (2.1 GiB) TX bytes:393863809 (375.6 MiB)
IRQ:20 Memória:f7e00000-f7e20000

eth2 Link encap:Ethernet Endereço de HW ec:08:6b:05:58:c8
inet end.: 192.168.100.247 Bcast:192.168.100.255 Masc:255.255.255.0
endereço inet6: fe80::ee08:6bff:fe05:58c8/64 Escopo:Link
UP BROADCASTRUNNING MULTICAST MTU:1500 Métrica:1
RX packets:17116 errors:0 dropped:0 overruns:0 frame:0
TX packets:2649 errors:0 dropped:0 overruns:0 carrier:0
colisões:0 txqueuelen:1000
RX bytes:1967057 (1.8 MiB) TX bytes:382761 (373.7 KiB)
IRQ:42 Endereço de E/S:0x6000

lo Link encap:Loopback Local
inet end.: 127.0.0.1 Masc:255.0.0.0
endereço inet6: ::1/128 Escopo:Máquina
UP LOOPBACKRUNNING MTU:16436 Métrica:1
RX packets:10108 errors:0 dropped:0 overruns:0 frame:0
TX packets:10108 errors:0 dropped:0 overruns:0 carrier:0
colisões:0 txqueuelen:0
RX bytes:1661014 (1.5 MiB) TX bytes:1661014 (1.5 MiB)

ppp0 Link encap:Protocolo Ponto-a-Ponto
inet end.: xxx.xx.xxx.xx P-a-P:201.41.2.254 Masc:255.255.255.255
UP POINTOPOINT RUNNING NOARP MULTICAST MTU:1492 Métrica:1
RX packets:154299 errors:0 dropped:0 overruns:0 frame:0
TX packets:149158 errors:0 dropped:0 overruns:0 carrier:0
colisões:0 txqueuelen:3
RX bytes:185593546 (176.9 MiB) TX bytes:20371915 (19.4 MiB)


Do jeito que está, minha rede da eth0 está funcionando com a internet da eth1 normalmente, proxy ok, mas as redes não se enxergam mais nas estações, no caso tenho umas estação 172.16.8.100 (eth0) que não enxerga o rádio que está na estação 192.168.100.2 (eth2).




Network Analyst - Consultor para empresas
contact skype: carlossouzainfo
21 99180-8165 (WhattsApp)


5. Re: Como interligar redes diferentes, limitando tráfego [RESOLVIDO]

Silas Matos
silasmg

(usa Debian)

Enviado em 18/01/2018 - 14:03h

As estações da eth0 não pingam as estações da eth2 (ex: 192.168.100.2 - radio rocket M5)

Mas as estações da eth0 (172.16.8.100) pingam o endereço da eth2 (192.168.100.247).


6. Re: Como interligar redes diferentes, limitando tráfego

Carlos Alberto de Souza Barbosa
souzacarlos

(usa Outra)

Enviado em 18/01/2018 - 14:10h

Agora estamos chegando a algum lugar!
Seguinte a comunicação ente redes remota esta ok, oq não funciona adequadamente é o aos Rádios. Pergunta: O Gateway esta configurado corretamente nesses rádios?


silasmg escreveu:

As estações da eth0 não pingam as estações da eth2 (ex: 192.168.100.2 - radio rocket M5)

Mas as estações da eth0 (172.16.8.100) pingam o endereço da eth2 (192.168.100.247).




Network Analyst - Consultor para empresas
contact skype: carlossouzainfo
21 99180-8165 (WhattsApp)


7. Re: Como interligar redes diferentes, limitando tráfego [RESOLVIDO]

Silas Matos
silasmg

(usa Debian)

Enviado em 18/01/2018 - 14:22h

Entendi, realmente faltou configurar o radio, mas vou explicar detalhadamente:

Meu servidor está em 172.16.8.254, na eth0 está toda minha rede com umas 50 máquinas, na eth2 deste servidor esta conectado um radio rocket m5 com ip 172.16.8.253/24 (aqui está o erro, se a eth2 está com ip 192.168.100.247, o radio deveria estar nessa mesma faixa mas está errado e ainda com gateway 172.16.8.254), na outra ponta deste rádio, está outro rocket m5 com ip 192.168.100.2/24 com gateway 192.168.100.254, a rede do outro lado é administrada por outra equipe (que configurou este gateway 192.168.100.254), nela tem mais de 200 estações.


8. Re: Como interligar redes diferentes, limitando tráfego

Silas Matos
silasmg

(usa Debian)

Enviado em 18/01/2018 - 14:35h

Mudei o ip do radio que está na minha ponta, coloquei assim:

IP: 192.168.100.246
NETMASK: 255.255.255.0
Gateway: 192.168.100.247 (eth2)

Agora, pelas estações da eth0 eu consigo ver esse rádio conectado na eth2, acho que era isso, mas pior que não é só isso kkkk
Agora preciso resolver esse detalhe para que eu alcance a rede deles, no caso eu enxergo o radio da minha ponta, mas não enxergo o radio na outra ponta, que está com ip 192.168.100.2 e com o gateway deles (192.168.100.254), preciso de uma luz para isso também :/

E depois de chegar até o outro rádio, eu tenho que torcer para que o gateway deles resolva tudo para que eu consiga chegar no 10.0.0.4, que é o servidor de arquivos deles, é uma confusão sem fim, dai não sei se configuro por aqui, ou se estando tudo correto no gateway deles isso irá se resolver sozinho.


9. Re: Como interligar redes diferentes, limitando tráfego [RESOLVIDO]

Silas Matos
silasmg

(usa Debian)

Enviado em 22/01/2018 - 10:23h

Obrigado pela atenção souzacarlos, consegui a conexão por aqui, e vou contar como foi.

Não sei se adiantou alguma coisa, mas acho que essa regra fez uma certa diferença no meu script de firewall iptables:
iptables -A FORWARD -s 172.16.8.0/24 -d 192.168.100.0/24 -j ACCEPT
iptables -A FORWARD -d 172.16.8.0/24 -s 192.168.100.0/24 -j ACCEPT
iptables -A FORWARD -s 192.168.100.0/24 -d 172.16.8.0/24 -j ACCEPT
iptables -A FORWARD -d 192.168.100.0/24 -s 172.16.8.0/24 -j ACCEPT


E para as rotas eu usei o seguinte:
route add -net 10.0.0.0 netmask 255.0.0.0 gw 192.168.100.254 


Então a rede ficou assim:
eth0: 172.16.8.254/24
eth1: ppp0 - discador
eth2: 192.168.100.6


A antena na minha ponta ficou com ip 192.168.100.5 e a antena na outra ponta ficou com ip 192.168.100.2, como do outro lado tinha um gateway 192.168.100.254 (pronto para fazer as rotas), e as antenas estando em bridge, era só eu adicionar a rota dizendo que o 10.0.0.0 estava atras do gateway 192.168.100.254.

Mais uma vez obrigado pela atenção, foi bom ter uma noção maior destes conceitos de iptables.


10. Re: Como interligar redes diferentes, limitando tráfego [RESOLVIDO]

Silas Matos
silasmg

(usa Debian)

Enviado em 22/01/2018 - 10:25h

Antes a rede não era dividida em subredes, era tudo direto no 10.0.0.0/8, agora como adicionaram gateways e subredes, não vai mais ser preciso limitar o dhcp que vinha de outra rede, mesmo assim vou procurar algumas regras de bloqueio para determinados protocolos de rede, e fazer uns testes, se tiver sugestões, fique a vontade para me dizer :)


11. Re: Como interligar redes diferentes, limitando tráfego [RESOLVIDO]

Carlos Alberto de Souza Barbosa
souzacarlos

(usa Outra)

Enviado em 22/01/2018 - 14:44h

Boa tarde.
Fico feliz em poder ajudar, as vezes estamos tão focado em algo que coisas simples acabam passando desapercebidas. Sobre limitar REQUEST or RESPONSE é simples, basta entender que o DHCP opera em um conjunto de portas TCP/UDP com exemplo o DHCP Server espera tratar tráfego que tenha como destino a porta 67, com isso basta botar a cabeça pra funcionar!

Obs: Não esquecer de marcar como melhor resposta por favor, ajuda a divulgar meus Posts e meu trabalho extra fórum como consultor.
Abs

silasmg escreveu:

Antes a rede não era dividida em subredes, era tudo direto no 10.0.0.0/8, agora como adicionaram gateways e subredes, não vai mais ser preciso limitar o dhcp que vinha de outra rede, mesmo assim vou procurar algumas regras de bloqueio para determinados protocolos de rede, e fazer uns testes, se tiver sugestões, fique a vontade para me dizer :)




Network Analyst - Consultor para empresas
contact skype: carlossouzainfo
21 99180-8165 (WhattsApp)






Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner
Linux banner
Linux banner

Destaques

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts