Samba - Configuração de Acesso a Pasta

1. Samba - Configuração de Acesso a Pasta

Luciano Cardoso Jorge
lucianocardos

(usa Ubuntu)

Enviado em 14/04/2016 - 22:14h

Boa Noite Pessoal.

Estou precisando de uma ajuda. Estou configurando um servidor samba, ele esta funcionando porem estou tendo problema com restriçao de acesso a determinadas pasta.

Pelo terminal dentro do home criei uma pasta chamada samba e dentro desta pasta uma outra chamada chamada "ICON" e dentro desta pasta mais duas pasta chamada "VENDAS" e "CONTABILIDADE"

Criei um grupo de usuario chamado liberados e dois usuarios sendo teste1 e teste2. O teste1 esta dentro do grupo liberados.

Compartilhei as pasta mencionadas acima. O grupo liberados na pasta vendas tera acesso total e o usuario teste2 tera acesso somente de leitura.

Ja no compartilhamneto contabilidade o usuario teste2 tera acesso total e o grupo liberados tera somente acesso a leitura.

Configurei o compartilhamento no samba no smb.conf porem não estou conseguindo colocar as permissoes mencionadas acima.

Como posso fazer isso sera que terei que trocar alguma permissão da pasta visto que todas foram criadas pelo terminal com o usuario root.

Conto com a ajuda de todos


  


2. Re: Samba - Configuração de Acesso a Pasta

Antonio Carlos
zairon

(usa Slackware)

Enviado em 14/04/2016 - 23:17h

Isso deve resolver:

[vendas]
comment = Arquivos vendas
path = /home/usuario/samba/ICON/VENDAS
writable = no
write list = @liberados
browseable = yes


[contabilidade]
comment = Arquivos contabilidade
path = /home/usuario/samba/ICON/CONTABILIDADE
writable = no
write list = teste2
browseable = yes


3. Re: Samba - Configuração de Acesso a Pasta

Antonio Carlos
zairon

(usa Slackware)

Enviado em 14/04/2016 - 23:23h

Adiciona também o "valid users = teste2, @liberados"


4. Re: Samba - Configuração de Acesso a Pasta

Luciano Cardoso Jorge
lucianocardos

(usa Ubuntu)

Enviado em 15/04/2016 - 07:17h

Bom dia Zairon.

Fiz o que voce mencionou porem ainda não conigo gravar nas pasta conforme os acesso informa que não tem permissão.

Abaixo segue a configuração do meu samba para verificar o que pode ser.

Acesso as pasta porem não consigo e criar arquivo ou pasta conforme as pemissoes que mencionei.

Grato pela ajuda.


#===== Global Settings =====#
[global]

# Nome do domínio da rede ou grupo de trabalho. Você vai substituir a
# palavra <grupo> pelo nome.
workgroup = emplaca

# Nome do servidor na rede. Substitua <Servidor Linux>
server string = samba

# Libera acesso para um ip especifico #
#hosts allow = 192.168.1.6

# Bloqueia acesso para um ip especifico #
#hosts denny = 192.168.1.10

# Habilita o suporte a senhas criptografadas #
# encrypt passwords = yes

# O arquivo que contém as senhas #
#smb passwd file = /etc/samba/smbpasswd

# Acesso de usuários. Irei usar <share> para acesso público às pastas.
security = share

hosts allow = ALL

# Se seu servidor vai compartilhar impressora, coloque <yes> no lugar do <no>
#load printers = yes

# Arquivo de log de acesso

log file = /var/log/samba.%m

# Tamanho máximo do log de acesso
max log size = 50

socket options = TCP_NODELAY

# Endereço IP da máquina na qual está sendo configurado o samba
# Substitua xxx.xxx.xxx.xxx pelo seu IP. Ex.: 192.168.1.5
interfaces = 192.168.0.2
domain master = yes
dns proxy = no

read only = no

name resolve order = host lmhosts wins bcast
wins server = 192.168.0.2
wins support = yes
# Para acessar o servidor, pode ser digitado um nome que você colocará abaixo
netbios name = samba

# Se os arquivos são somente leitura, coloque <yes>. Se nos arquivos
# qualquer um pode manejar, deixe <no>. Opto por deixar <no>
read only = no
add machine script = /usr/sbin/useradd -c Machine -d /var/lib/nobody -s /bin/false %m$
domain logons = No


# Especifica o nível do sistema operacional #
os level = 100

# Diz se o servidor samba terá ou não vantagens de ganhar uma eleição local #
preferred master = yes

#bloqueando gravações
#veto files = /*.mp3/*.exe/*.pif/*.bat/*.{*}/

#========Compartilhamentos=========
[icon]
comment = ICON
path = /home/samba/ICON
writable = no
write list = @liberados
users = rozana, @liberados
browseable = yes


[vendas]
comment = Arquivos vendas
path = /home/samba/ICON/vendas
writable = no
write list = @liberados
valid users = rozana, @liberados
browseable = yes

[contabilidade]
comment = Arquivos contabilidade
path = /home/samba/ICON/contabilidade
writable = no
write list = rozana
valid users = rozana, @liberados
browseable = yes




5. Re: Samba - Configuração de Acesso a Pasta

André Romero Alves de Souza
arasouza

(usa Debian)

Enviado em 25/04/2016 - 08:00h

lucianocardos escreveu:

Bom dia Zairon.

Fiz o que voce mencionou porem ainda não conigo gravar nas pasta conforme os acesso informa que não tem permissão.

Abaixo segue a configuração do meu samba para verificar o que pode ser.

Acesso as pasta porem não consigo e criar arquivo ou pasta conforme as pemissoes que mencionei.

Grato pela ajuda.


#===== Global Settings =====#
[global]

# Nome do domínio da rede ou grupo de trabalho. Você vai substituir a
# palavra <grupo> pelo nome.
workgroup = emplaca

# Nome do servidor na rede. Substitua <Servidor Linux>
server string = samba

# Libera acesso para um ip especifico #
#hosts allow = 192.168.1.6

# Bloqueia acesso para um ip especifico #
#hosts denny = 192.168.1.10

# Habilita o suporte a senhas criptografadas #
# encrypt passwords = yes

# O arquivo que contém as senhas #
#smb passwd file = /etc/samba/smbpasswd

# Acesso de usuários. Irei usar <share> para acesso público às pastas.
security = share

hosts allow = ALL

# Se seu servidor vai compartilhar impressora, coloque <yes> no lugar do <no>
#load printers = yes

# Arquivo de log de acesso

log file = /var/log/samba.%m

# Tamanho máximo do log de acesso
max log size = 50

socket options = TCP_NODELAY

# Endereço IP da máquina na qual está sendo configurado o samba
# Substitua xxx.xxx.xxx.xxx pelo seu IP. Ex.: 192.168.1.5
interfaces = 192.168.0.2
domain master = yes
dns proxy = no

read only = no

name resolve order = host lmhosts wins bcast
wins server = 192.168.0.2
wins support = yes
# Para acessar o servidor, pode ser digitado um nome que você colocará abaixo
netbios name = samba

# Se os arquivos são somente leitura, coloque <yes>. Se nos arquivos
# qualquer um pode manejar, deixe <no>. Opto por deixar <no>
read only = no
add machine script = /usr/sbin/useradd -c Machine -d /var/lib/nobody -s /bin/false %m$
domain logons = No


# Especifica o nível do sistema operacional #
os level = 100

# Diz se o servidor samba terá ou não vantagens de ganhar uma eleição local #
preferred master = yes

#bloqueando gravações
#veto files = /*.mp3/*.exe/*.pif/*.bat/*.{*}/

#========Compartilhamentos=========
[icon]
comment = ICON
path = /home/samba/ICON
writable = no
write list = @liberados
users = rozana, @liberados
browseable = yes


[vendas]
comment = Arquivos vendas
path = /home/samba/ICON/vendas
writable = no
write list = @liberados
valid users = rozana, @liberados
browseable = yes

[contabilidade]
comment = Arquivos contabilidade
path = /home/samba/ICON/contabilidade
writable = no
write list = rozana
valid users = rozana, @liberados
browseable = yes



posta o resultado das permissões das pastas, da um ls -alh.... vc deu permissão de rwx ao grupo em questão?







Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner
Linux banner

Destaques

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts