DHCP Server

1. DHCP Server

Juda Benhur
paulistinha

(usa Red Hat)

Enviado em 10/03/2009 - 23:22h

Pessoal,


Configurei um servidor de DHCP, atendnedo 3 placas de redes distintas. Para cada placa de rede (ethX), criei um arquivo conf separado. Assim, tenho 3 serviços (daemons) do DHCP Server rodando.

Desta forma, tenho em meu arquivo /etc/rc.d/rc.local as seguintes linhas:

/usr/sbin/dhcpd -cf /etc/dhcpd/dhcpd.eth0.conf \
-lf /usr/local /etc/dhcpd.leased.tlm \
-pf /var/run/dhcpd.eth0.pid eth0

/usr/sbin/dhcpd -cf /etc/dhcpd/dhcpd.eth1.conf \
-lf /usr/local/etc/dhcpd.leased.adm \
-pf /var/run/dhcpd.eth1.pid eth1

/usr/sbin/dhcpd -cf /etc/dhcpd/dhcpd.eth3.conf \
-lf /usr/local/etc/dhcpd.leased.sis \
-pf /var/run/dhcpd.eth0.pid eth3


Contudo, sempre que preciso alterar alguma configuração do DHCP Server, tenho que 'matar' o processo e reiniciá-lo novamente, para 'subir' as novas configurações, já que o comando '# service dhcpd restart restart' não funciona da forma que está configurado, pois ele sempre tenta usar um arquivo *.conf que não existe.

Minha dúvida agora, é saber se é possível, ter um único arquivo dhcpd.conf, garantindo que cada segmento de rede vá exclusivamente para a sua determinada placa de rede, não correndo o risco de ter endereços ip's atribuídos no segmento errado.

Alguém tem alguma sugestão?


Grato.


  


2. Re: DHCP Server

Ruy Rocha
unixgeek

(usa Fedora)

Enviado em 11/03/2009 - 03:24h

Suponho que as 3 interfaces estão em redes/subnets diferentes. A nível de exemplo:

eth0 -> 10.0.0.1
eth1 -> 192.168.1.1
eth3 -> 172.16.1.1

No teu dhcpd.conf, adicione:

# conf p/ eth0
subnet 10.0.0.0 netmask 255.255.255.0 {
opções...;
}

# conf p/ eth1
subnet 192.168.1.0 netmask 255.255.255.0 {
opções...;
}

# conf p/ eth3
subnet 172.16.1.0 netmask 255.255.255.0 {
opções...;
}




3. Re: DHCP Server

Juda Benhur
paulistinha

(usa Red Hat)

Enviado em 11/03/2009 - 04:14h

Okay, eu imaginava que seria isso mesmo, mas ainda assim, que certeza tenho eu que o DHCP vai atribuir o endereço ip para a interface de rede correta ? Como posso ter certeza de que uma estação da Rede eth0 não vá atribuir um ip da rede eth3, por exemplo????...

Levantei essa questão, pois ja tive experiência (muitos anos atrás) nesse sentido, de uma máquina receber ip de outra interface que não seja a qual ela está ligada, isso porque, todas as interfaces estavam no mesmo servidor.

Não sei dizer se isso foi corrigido nos últimos anos, mas desde então, sempre venho fazendo desta forma para evitar essa situação.

Espero que tenha explicado corretamente o problema exposto.

Abraços.


4. Re: DHCP Server

Gabriel Konig Lara
konigabriel

(usa Fedora)

Enviado em 11/03/2009 - 17:10h

Estou com o problema que você esta descrevendo. Veja o topico que eu criei: http://www.vivaolinux.com.br/topico/Redes/DHCP-7

Acho que vou adotar sua tecnica para suprir minha necessidade! Você pode oferecer mais detalhes dos arquivos de configuração?

Obrigado pela atenção!


5. DHCP

Tiago Chagas Maestro
tatubhz

(usa CentOS)

Enviado em 11/03/2009 - 17:40h

Você irá fixar os ips das placas do servidor, então ele irá assumir que a placa que tenha o ip da faixa 10 forneça esses ips, a 192 vai fornecer 192 e assim por diante...

Espero ter ajudado.


6. Re: DHCP Server

Tiago Chagas Maestro
tatubhz

(usa CentOS)

Enviado em 11/03/2009 - 17:45h

O problema do colega acima é mais complexo, pois ele utiliza interfaces virtuais, ou seja não há uma barreira fisica sparando uma rede da outra, o único jeito que eu vejo é cadastrar os endereços MACs no dhcpd.conf quando quizer que pegue o endereço especificado, pois como o PC vai saber se pega IP de um servidor ou de outro?

Espero ter ajudado.


7. Re: DHCP Server

Juda Benhur
paulistinha

(usa Red Hat)

Enviado em 11/03/2009 - 22:01h

** tatubhz **

O problema do colega é basicamente o mesmo meu. No entanto, a dificuldade é em você poder ter certeza de que um determinada interface (virtual ou não) irá fornecer o range de ip que você declarou no dhcp.conf, isso porque, (a princípio) não ha identificação de que você possa "amarrar" um determinado range para uma determinada interface de rede. Pelo menos, na documentação do ISC-DHCP, eu não encontrei nada nesse sentido.

Desta forma, criar um dhcp.conf para cada internace de rede, por exemplo, dhcp.eth1.conf e atribuir para ela um arquivo de 'leased' e m arquivo de 'pid', conforme descrevi no início deste tópico, foi a forma mais prática que pude imaginar.

Agora, se você tem algum escopo de configuração, por favor, publique e compartilhe com todos nós.

A Comunidade Linux agradece, de coração !!!!

Estou à disposição.


8. Re: DHCP Server

Juda Benhur
paulistinha

(usa Red Hat)

Enviado em 11/03/2009 - 22:05h

Ah.... esqueci de colocar.....

No caso que descrevi como a minha solução paliativa, infelizmente o comando de "restart" do daemon, não funciona.

Ao criar 'instances' diferenciadas do dhcp, para que você possa carregar alguma nova configuração, você precisa matar o processo (kill) daquela única instance que você alterou.

Quando escrevi esse tópico, pedindo a sugestão dos colegas, minha intenção é justamente poder unificar as configurações e poder voltar a utilizar a flag do "restart" .