Ubuntu baseado no Mint?

1. Ubuntu baseado no Mint?

Ricardo Groetaers
ricardogroetaers

(usa Linux Mint)

Enviado em 10/02/2021 - 21:12h

Acredite se quiser.
https://ubuntucinnamon.org/




  


2. Re: Ubuntu baseado no Mint?

josinaldo
-josinaldo-

(usa Fedora)

Enviado em 10/02/2021 - 21:30h

Um Ubuntu baseado no Mint que é baseado no Ubuntu e que melhor que o próprio Mint.

A guerrinha (definitivamente) acabou!


3. Re: Ubuntu baseado no Mint?

Bilufe
bilufe

(usa KDE Neon)

Enviado em 10/02/2021 - 21:55h

ricardogroetaers escreveu:

Acredite se quiser.
https://ubuntucinnamon.org/



Cinnamon é desenvolvido pela mesma equipe do Mint.
No entanto, o Mint é apenas uma remasterização do Ubuntu.

O que a equipe do Ubuntu Cinnamon faz é pegar o Cinnamon, compilá-lo e fazer uma remasterização do Ubuntu.



4. Re: Ubuntu baseado no Mint?

Paulo Jr
Pebis

(usa Debian)

Enviado em 10/02/2021 - 22:40h


pior se chamasse Cubuntu


5. Re: Ubuntu baseado no Mint?

Samuel Leonardo
SamL

(usa XUbuntu)

Enviado em 10/02/2021 - 23:29h

Pebis escreveu:


pior se chamasse Cubuntu

hahahah eu ri dessa coisa


____________________________________________
https://nerdki.blogspot.com/ acessa aí vai lá, é grátis!
Capeta (demo) do meu trabalho:
https://github.com/cpusam
"com o bug fix vem a perfeição"


6. Re: Ubuntu baseado no Mint?

João Cláudio de Alcântara
aguamole

(usa Lubuntu)

Enviado em 11/02/2021 - 07:42h

bilufe escreveu:
Cinnamon é desenvolvido pela mesma equipe do Mint.
No entanto, o Mint é apenas uma remasterização do Ubuntu.

O que a equipe do Ubuntu Cinnamon faz é pegar o Cinnamon, compilá-lo e fazer uma remasterização do Ubuntu.
Não cara é um "Fork" o que significa um Fork.
Um software tem uma linha de desenvolvimento e quando surge um fork essa linha faz que nem uma forquilha de arvore.
Tipo um "Y", aquilo que se usa de estilingue.
Essa é a definição de fork é um software que se ramifico surgindo um outro projeto.
https://pt.wikipedia.org/wiki/Bifurca%C3%A7%C3%A3o_(desenvolvimento_de_software)

Cada uma dessas linhas tem o seu próprio desenvolvimento um exemplo é o "Cinannom" que é desenvolvido pela equipe do Mint.
Outro exemplo é que o Mint tem o seu próprio repositório: http://packages.linuxmint.com/

Já remasterização é quando é o mesmo software (O mesmo OS) só que com personalização.
https://en.wikipedia.org/wiki/Software_remastering

Sabendo a definição de fork chega a conclusão de que o Ubuntu é um fork do Debian Sid que é de onde a canonical copia os software e cria o fork.
Você pode ver isso desta imagem: https://upload.wikimedia.org/wikipedia/commons/1/1b/Linux_Distribution_Timeline.svg
Que mostra a linha de desenvolvimento do Debian e o Ubuntu sendo um fork.
Mais abaixo você vê um monte de distros que não são fork como o Android.

CPU i5-8400 GTX 750 SofRaid 4xSSD 16GB DDR4 mesmo assim uso Lubuntu.


7. Re: Ubuntu baseado no Mint?

Clodoaldo Santos
clodoaldops

(usa Linux Mint)

Enviado em 11/02/2021 - 08:12h

Ubuntu cinnamon não é baseado no LinuxMint
Ubuntu cinnamon é o Ubuntu com cinnamon desktop com programas padrões do gnome
Ubuntu Cinnamon não traz programas padrões do LinuxMint como gerenciador de aplicativos, Xed, gerenciador de drivers só para citar alguns
Ubuntu cinnamon é para quem quer usar Ubuntu com cinnamon mas não quer usar LinuxMint
https://itsfoss.com/ubuntu-cinnamon-remix-review/








8. Re: Ubuntu baseado no Mint?

Bilufe
bilufe

(usa KDE Neon)

Enviado em 11/02/2021 - 17:33h

aguamole escreveu:

bilufe escreveu:
Cinnamon é desenvolvido pela mesma equipe do Mint.
No entanto, o Mint é apenas uma remasterização do Ubuntu.

O que a equipe do Ubuntu Cinnamon faz é pegar o Cinnamon, compilá-lo e fazer uma remasterização do Ubuntu.
Não cara é um "Fork" o que significa um Fork.
Um software tem uma linha de desenvolvimento e quando surge um fork essa linha faz que nem uma forquilha de arvore.
Tipo um "Y", aquilo que se usa de estilingue.
Essa é a definição de fork é um software que se ramifico surgindo um outro projeto.
https://pt.wikipedia.org/wiki/Bifurca%C3%A7%C3%A3o_(desenvolvimento_de_software)

Cada uma dessas linhas tem o seu próprio desenvolvimento um exemplo é o "Cinannom" que é desenvolvido pela equipe do Mint.
Outro exemplo é que o Mint tem o seu próprio repositório: http://packages.linuxmint.com/

Já remasterização é quando é o mesmo software (O mesmo OS) só que com personalização.
https://en.wikipedia.org/wiki/Software_remastering

Sabendo a definição de fork chega a conclusão de que o Ubuntu é um fork do Debian Sid que é de onde a canonical copia os software e cria o fork.
Você pode ver isso desta imagem: https://upload.wikimedia.org/wikipedia/commons/1/1b/Linux_Distribution_Timeline.svg
Que mostra a linha de desenvolvimento do Debian e o Ubuntu sendo um fork.
Mais abaixo você vê um monte de distros que não são fork como o Android.

CPU i5-8400 GTX 750 SofRaid 4xSSD 16GB DDR4 mesmo assim uso Lubuntu.


Você teria razão se tivesse falando do Ubuntu e do Debian, sendo que o Ubuntu é um fork do Debian.
O Ubuntu copia o Debian para seus servidores e com base nessa cópia é desenvolvido.

Já o Linux Mint não é um fork do Ubuntu, pois ele não faz cópia do Ubuntu. O que o Linux Mint faz é usar o próprio Ubuntu, adicionando alguns pacotes próprios, temas e configurações.
O arquivo /etc/apt/sources.list faz conexão direta com os servidores onde os pacotes do Ubuntu estão hospedados, ou seja, a base do Linux Mint continua sendo o Ubuntu.

A relação de dependência do Mint ao Ubuntu, sendo que cada decisão da Canonical afeta diretamente o Ubuntu, demonstra que ele é apenas uma remasterização, e não um fork.
Como você mesmo disse, um fork é como uma forquilha Y, onde algo se divide em dois, é o que ocorre com o Ubuntu e Debian, mas não é o que ocorre com o Linux Mint pois este depende diretamente do Ubuntu.