Uma grata surpresa - obtive aceleração de hardware na virtualização

1. Uma grata surpresa - obtive aceleração de hardware na virtualização

Bilufe
bilufe

(usa KDE Neon)

Enviado em 12/01/2021 - 09:44h

Eu tenho um Acer Aspire E1-572-6_BR800 e já tinha testado virtualização anteriormente, tentei no Windows 10 e no Linux (Ubuntu e alguns derivados dele), mas a informação que eu obtinha é que não havia aceleração de hardware e que as máquinas virtuais poderiam rodar com baixo desempenho. Pesquisando, verifiquei que o processador possui suporte a virtualização, no entanto a BIOS de fábrica não permitia habilitar esse recurso.
O fabricante chegou a postar no site de que não dá suporte a virtualização nesse modelo de notebook.
Em fóruns internacionais descobri que alguns usuários conseguiram ativar o suporte a virtualização alterando a BIOS por uma alternativa. No entanto, como esse procedimento é bem arriscado eu simplesmente descartei essa possibilidade.

Agora estou usando o KDE Neon, baseado no Ubuntu 20.04. E resolvi instalar o virt-manager e tive uma grata surpresa: as máquinas virtuais estão rodando com suporte a virtualização do processador, inclusive com aceleração de hardware. A única coisa diferente que fiz foi desativar o UEFI na BIOS, entretanto não sei se há alguma relação. Ou será que a questão é o kernel? Estou usando o 5.4.60, mas lembrando que quando usava Windows 10 neste mesmo notebook, não conseguia usar o suporte a virtualização do processador (então não era um problema do sistema operacional, mas da máquina em si).

Estou surpreso e contente por poder utilizar esse recurso que até então acreditava que jamais conseguiria usar neste computador.


  


2. Re: Uma grata surpresa - obtive aceleração de hardware na virtualização

leandro peçanha scardua
leandropscardua

(usa Ubuntu)

Enviado em 12/01/2021 - 19:19h

Bom, eu acho (especulação) que o fabricante tentou esconder essa funcionalidade e um bug (na construção do menu) deixou uma oportunidade a ser aproveitada p ativar a aceleração. É uma opinião.


3. Re: Uma grata surpresa - obtive aceleração de hardware na virtualização

Giovanni  M
Giovanni_Menezes

(usa Void Linux)

Enviado em 12/01/2021 - 21:21h

Suporte a virtualização é atributo nativo da cpu, é um processamento interno, nem mesmo se o fabricante (note) quiser pode impedir. A Bios não tem interferência nenhuma nesta questão, e nem tecnicamente tem condições de ter, o mais provável é que a informação do fabricante esta incorreta, ou se trata de informação genérica que cobre uma gama de produtos de varias linhas, entre elas cpu's sem suporte nativo a virtualização.


4. Re: Uma grata surpresa - obtive aceleração de hardware na virtualização

Bilufe
bilufe

(usa KDE Neon)

Enviado em 12/01/2021 - 23:33h

Giovanni_Menezes escreveu:

Suporte a virtualização é atributo nativo da cpu, é um processamento interno, nem mesmo se o fabricante (note) quiser pode impedir. A Bios não tem interferência nenhuma nesta questão, e nem tecnicamente tem condições de ter, o mais provável é que a informação do fabricante esta incorreta, ou se trata de informação genérica que cobre uma gama de produtos de varias linhas, entre elas cpu's sem suporte nativo a virtualização.


O interessante é que anteriormente eu já havia tentado, mas não havia suporte a aceleração de hardware nem no Windows, nem no Linux. Li vários tutoriais, a maioria ensinava a verificar na BIOS uma opção que a BIOS do meu computador não oferece, e também verificar no Windows se o suporte a virtualização estava ativado (mas nunca estava). Fiquei pasmo quando vi o MX Linux subir num piscar de olhos (é claro que ele é um Linux leve, mas antes isso demorava e a máquina virava uma carroça). Já testei outras distribuições, modernas e antigas, inclusive o Windows na máquina virtual, tá uma beleza.







Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner
Linux banner
Linux banner

Destaques

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts