YaST via linha de comando e com interface ncurses

Publicado por Davi Ribeiro em 23/02/2011

[ Hits: 10.985 ]

 


YaST via linha de comando e com interface ncurses



Para usar as funcionalidades do YaST via modo texto e com interface, digitar isso num terminal:

# yast --ncurses

Vai abrir uma interface gráfica baseada em ncurses para utilização, o que facilita e muito a vida de quem pega algum servidor rodando openSUSE que não possui modo gráfico.

Um detalhe: a dica desta opção está no help do comando:

# yast --help

Outras dicas deste autor

Acelerando a velocidade de conexão das páginas do MSN-Proxy

GRUB2 - Resolvendo o erro unknown filesystem - grub rescue

VirtualBox - Erro na rede depois da importação de máquina virtual rodando Debian

MySQL Error: #1558 - Column count of mysql.proc is wrong. Expected 20, found 16. ... Please use mysql_upgrade to fix this error

Colocando seu script do iptables no lugar correto na inicialização

Leitura recomendada

Alterar localização padrão do servidor Apache

Skydome - papel de parede animado

Debian Wheezy - Atalho para minimizar todas as janelas abertas

Fedora com MATE e Compiz (Spin ou não)

Instalando Flashplayer no Fedora 9 e resolvendo problema de flash mudo (sem som) no Firefox

  

Comentários
[1] Comentário enviado por Fabio_Farias em 24/02/2011 - 15:26h

Na verdade nem precisa digitar --ncurses.

Em modo texto, logado como root, basta executar:

#yast

Que o YaST irá abrir.

Se você tiver uma interface gráfica rodando, mas no momento está em modo texto, pode chamar o YaST gráfico executando:

#yast2

Percebeu a diferença?

Os desenvolvedores do openSUSE fizeram isso justamente para simplificar a coisa.

yast > chama a interface ncurses
yast2 > chama a interface gráfica.

Boa dica.Parabéns!
Abraços!



Contribuir com comentário




Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner
Linux banner
Linux banner

Destaques

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts