Opera 24 Developer no Slackware 14.1

Publicado por Xerxes em 07/07/2014

[ Hits: 3.637 ]

Blog: https://static.vivaolinux.com.br/imagens/dicas/comunidade/300.jpg

 


Opera 24 Developer no Slackware 14.1



Para quem não vem acompanhando algumas mudanças nos navegadores, aqui vai um resumo:

- Adobe parou de fornecer novas versões do plugin flash para Linux. A versão congelou em 11, mas a atual é 14. Porém, usuários que usavam Google Chrome, podiam usar a versão "embutida" do Flash que era sempre atualizada.

- Então, desde a versão 35, o Google Chrome abandonou o Netscape Plugin Application Programming Interface (NPAPI) e passou a usar o Pepper Plugin API (PPAPI), como consequência, perdeu compatibilidade com o plugin java!

Conclusão: alguns usuários usavam o Google Chrome para ter Flash atualizado, mas quando precisavam usar o Java Plugin, para acessar o Banco do Brasil, por exemplo, tinham que trocar para o Firefox.

Existem medidas sendo tomadas para contornar o problema como o Fresh Player Plugin no Firefox, que permite usar o Pepper Flash 14 do Chrome no navegador da Mozilla - obrigado por essa informação, pinduvoz!

Além disso, futuramente, o navegador Opera também irá abandonar o NPAPI e irá adotar o PPAPI, assim como o Google Chrome.

Até a data da publicação dessa dica, a versão 24 do Opera que usa PPAPI, é uma versão de testes e só está disponível em formato .deb.

O objetivo desta dica, é mostrar como instalar o Opera 24 Developer no Slackware, para que o usuário faça testes e tire suas conclusões sobre essa "evolução".
Linux: Opera 24 Developer no Slackware
Como proceder? Primeiro, baixe a última versão do pacote para Linux (.deb) do Opera Developer, em:
Em seguida, crie um diretório para trabalhar e mova o pacote para dentro dele:

mkdir opera-developer
$ mv opera-developer_blablabla.deb opera-developer


Extraia o arquivo .deb:

ar vx opera-developer_blablabla.deb

Isso irá gerar os seguintes arquivos:
  • control.tar.gz
  • data.tar.xz
  • debian-binary

O que nos interessa, é o data.tar.xz. Renomeie o arquivo:

mv data.tar.xz data.txz

Instale:

# installpkg data.txz

Se você tentar executar o comando opera-developer agora, irá se deparar com um erro e também com instruções para corrigir o erro.

Então, o próximo passo é tornar o root dono do arquivo opera_sandbox e ajustar as permissões:

# chown root /usr/lib/x86_64-linux-gnu/opera-developer/opera_sandbox
# chmod 4755 /usr/lib/x86_64-linux-gnu/opera-developer/opera_sandbox


Após isso, pode executar o Opera Developer:

opera-developer

Para remover o Opera:

find / -name *opera*developer* -exec rm -rf {} \;


Abraço!

Outras dicas deste autor

USB do host reconhecido na máquina virtual

Codecs básicos para Arch Linux e KahelOS

Instalação do Netdata no Fedora 23

Módulo de segurança do BB no Debian 10 (Buster)

Backports no Devuan

Leitura recomendada

Nessus como ferramenta para verificação de vulnerabilidades (Debian)

Plugin Music para aMSN com XMMS e Amarok

Erro ao compilar Qt5 no Slackware 14.2 [Resolvido]

Instalação do Blender no Debian Etch

Como criar um pacote DEB com o executável do Lazarus [Vídeo]

  

Comentários
[1] Comentário enviado por annakamilla em 10/10/2015 - 13:11h


opera é muito bom.

agora dizem que não dá para operar o projudi pelo linux com o chrome, justamente porque é feito em java.




Contribuir com comentário




Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner
Linux banner
Linux banner

Destaques

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts