O que pensar sobre Linus Torvalds

Publicado por gilmar aparecido de oliveira em 10/11/2006

[ Hits: 10.894 ]

 


O que pensar sobre Linus Torvalds



É do conhecimento de todos que Linus Torvalds foi o criador do Linux, porém será que alguém já parou para pensar o grande passo que ele deu?

Será que sem a sua iniciativa teríamos hoje esta variedade de sistemas operacionais? Pode até ser que sim, porém acho que ele estava predestinado, pois mais que um desenvolvedor, ele causou uma verdadeira revolução.

É tão certo e sério que até empresas como a Sun Microsystems e outras já aderiram à política de software livre, tanto que aceitam a ajuda de desenvolvedores do mundo todo e acionam as melhorias em seus sistemas, tornando-os mais confiáveis, e não é só isto, pois não é de se duvidar que amanhã ou depois venhamos a ter uma versão open source do Windows, que não seria mais tão ruim, não é mesmo!?

Pensem na liberdade de escolha que temos hoje, você pode entrar na internet e escolher a distro que melhor se enquadra nos seus desejos, no seu perfil, às vezes eu olho os wallpapers e screenshots que tem nas comunidades e me ponho a imaginar o perfil dos donos dos PCs que criaram tal aparência, isso é liberdade absoluta.

Você é um hacker!? Tem Slackware, FreeBSD, open Solaris, etc...

Se for um iniciante, Ubuntu, Kurumin, Kalango, Fedora. Enfim, tem pra todo gosto...

Se não tem internet, não tem problema, entra numa banca de revistas e jornais e lá está a revista com a distro do mês. Quer um programa pra fazer "vaca voar" não precisa CD pirata nem cracker na net, é só baixar os pacotinhos, instalar e pronto. No início até parece um bicho de sete cabeças, mas depois de algumas leituras e perguntas no VOL e pronto, você faz seu próprio Linux do jeito que quiser, com gerenciador de janelas que preferir, etc.

Acho que não é exagero algum dizer que ele reinventou a roda.

Por estes e outros motivos me esforço pra testar as distros, comparar seus defeitos e qualidades, procuro resolver o máximo de problemas sozinho e quando não consigo entro no VOL e peço ajuda, às vezes nem preciso, pois sempre vejo que alguém já passou pelo mesmo problema que eu e alguém já salvou a pátria.

Tenho duas considerações:
  1. Linus Torvalds não somente criou um sistema operacional, revolucionou o mundo do software.
  2. Linux hoje deveria fazer parte do dicionário. Como? Sinônimo de liberdade.

Outras dicas deste autor

Qual a melhor distribuição?

BigLinux - Uma boa opção pra quem quer começar no mundo Linux

Leitura recomendada

Debian Squeeze - erro no APT "Failed to exec method /usr/lib/apt/methods/"

Faça o upgrade da distribuição Kubuntu 5.10 para o Dapper Drake

Problema de vídeo ao instalar o Debian 5 em notebook intelbras i21

Questão: Quando reiniciar um sistema Unix?

Criando seu próprio repositório do Pypi

  

Comentários
[1] Comentário enviado por _m4n14c_ em 10/11/2006 - 23:45h

Linus Torvalds desenvolveu apenas um kernel de sistema operacional compativel com o unix e o liberou para a comunidade - e isso foi um grande feito.

Mas a grande parte do que as pessoas chamam de linux eh o projeto GNU, que foi iniciado por Richard Stallmann, que dedicou muito esforco para criar versoes livres de muitos aplicativos unix e criou a Free Software Foundation, que deu a base para que programadores do mundo todo pudessem produzir software livre sem ver suas obras apropriadas por alguma empresa e fechada em codigo proprietario.

Inclusive o projeto GNU possui o seu proprio kernel, chamado HURD. Eh possivel inclusive instalar uma distribuicao debian com kernel HURD ao inves de Linux, e tudo funciona perfeitamente, pois ambos os cernes sao comformes com o padrao POSIX (padrao para sistemas opercionais tipo unix). O que chamamos de linux eh o conjunto de aplicativos GNU rodando sobre um kernel Linux - logo eh mais correto nomea-lo de GNU/Linux)

O GNU/Linux eh obra de toda uma comunidade, composta por desenvlvedores, usuarios, tradutores, webmasters, etc.. O ascenso do linux tem a ver com a concepcao - contraria ao senso comum - de que o trabalho colaborativo eh muito mais eficiente que o modo de vida individualista e natural para o ser humano (provavelmente a razao para que os primeiros hominideos sobrevivessem e dessem inicio a humanidade).

Apesar deste apelo a caracteristicas naturais das pessoas, o software livre nao esta a salvo, destinado a se desenvolver por designio divino. As leis de patentes de software, por exemplo, ameacam colocar na ilegalidade boa parte do software livre - basta observar os processos movidos pela SCO ou a situacao dos "players" de midia proprietaria, como o mplayer. A institicao da "propriedade intelectual", parente da igualmente abominavel "propriedade privada dos meios de producao", eh uma ameaca ao software livre e tambem eh um entrave ao desenvolvimento da humanidade.

Varios confortos modernos enfrentam a repressao das grandes corporacoes (lembre-se disso quando for baixar uma mp3). Estas corporacoes se apropriam de uma parte da producao intelectual, ignorando o fato que nada de novo pode ser criado sem tomar por base tudo o que foi criado antes. A propriedade privada, das fabricas, das terras, das musicas e dos codigos fonte eh, por si so, um roubo as geracoes anteriores.

O que foi produzido sobre o trabalho das geracoes passadas deve ser acessivel pelas geracoes futuras. Nao adotar este principio tem consequencias mais serias que o continuo "reinventar da roda", pois os poderosos lutam ativamente para impedir que seu monopolio seja quebrado. Isso vale para toda a producao, de software ou do que quer que seja.

O admirador da grandeza do software livre nao deve ser apenas expectador. Deve lutar ativamente para defender e expandir o predominio da cooperacao sobre a competicao predatoria, e isso nao somente na questao do software livre.

Viva a liberdade!

[2] Comentário enviado por demoncyber em 11/11/2006 - 10:25h

Não vou repetir as palavras do _m4n14c_ que por sinal escreveu muito bem e também concordo com ele e sobre o grande diferencial do Richard Stallman. Só quero agregar uma parte da história que em geral a maioria dos linuxmániacos se esquecem que existe.

Cara BSD - Bekerly 1970 sim não sou um extremo fan do FreeBSD e dos BSD da vida, mas o FreeBSD e os BSD não são de origem do GNU/Linux, se Linus Torvalds não estivesse existido e o HURD nao tivesse sido lançado tào logo, quem sabe usuariamos algum BSD hoje em dia.

Talvez o ponto principal de Linus foi o seu modelo de desenvolvimento. Isso não podemos negar que foi a grande criacão do Linus. Apesar de que as vezes sinto medo de como as coisas funcionam no desenvolvimento de software livre de acordo com o modelo bazar, é complexo entender como ele funciona, apesar de ser simples a bom sei lá isso pode gerar uma longa conversa com um belo chop numa sexta feira. Resumindo fora de escopo.

Dica dá uma lida sobre BSD, sem contar que BSD - já uma licença =].

Segue em anexo um link de uma imagem do histórico das distros do BSD.

http://pt.wikipedia.org/wiki/Imagem:Unix_history-simple.png

Espero ter lhe agregado conhecimento =] =].

[3] Comentário enviado por buscator em 11/11/2006 - 10:45h

Concordo plenamente com os dois comentaristas acima, acho que o autor do artigo deveria ter se aprofundado mais na questão. Nessa história toda de SL, o Linus Torvalds tem seus méritos (a meu ver, de forma exagerada), mas o Richard Stallmann é um grande injustiçado, já que ele foi e é o grande batalhador pela existência do SL, ele começou tudo isso quando todo mundo achava uma utopia, depois a idéia se disseminou no mundo todo. O cara tem seus exageros, mas sou um grande admirador seu...duvido que todo esse movimento existiria assim sem ele. Por isso, sempre procuro escrever GNU/LINUX!!
Buscator

[4] Comentário enviado por removido em 11/11/2006 - 12:56h

concorda com os comentários a cima.

[5] Comentário enviado por Raptor em 11/11/2006 - 17:55h

Qual a distribuição que o Linus Torvalds usa em seu computador pessoal?

[6] Comentário enviado por removido em 11/11/2006 - 19:32h

Ele usa kurumin =) (to curtindo cada vez mais ela, agora que ta tudo configurado hehe)

As distros que usamos hoje são fruto do trabalho tanto do Linus tanto da FSF. De nada adianta um kernel sem os softwares para torná-lo útil.
Gostaria de poder agradecer aos envolvidos, por poder estar usando um S.O tão avançado, e de graça!
(Cara, do boot aqui e o Linux só ocupa 42 mb de RAM.... o Windows ocupava 180 de ram e mais um pouco no swap 0.o)
Converti meu pai pro SF... como ele mal sabia usar o Windows, não foi difícil "ensinar" o básico do Linux (ele só abre o firefox e usa o open office).

[7] Comentário enviado por buscator em 11/11/2006 - 23:06h

Hahahah....filho convertendo pai! Esse é o poder subversivo do GNU/Linux que muitos tubarões estão temendo.

[8] Comentário enviado por jragomes em 12/11/2006 - 13:45h

Tanto Stallman, quanto Torvalds, tem seus méritos. Concordo plenamente que o Linux não existiria sem o GNU. Mas devemos concordar também que o GNU não ganharia tanta notoriedade sem o Linux.

E se pensarmos no primeiro post do Linus quando pedia auxílio para desenvolver o kernel, ele não tinha a mínima noção da dimensão que tomaria.

Acho que a grande diferença entre os dois é que o Linus tem um tino mais capitalista que o Stallman. Ao meu ver o Stallman é radical demais com alguns assuntos, mas extremamente correto com outros.

Cada um faz o julgamento que acha necessário. Podemos discordar uns com os outros, mas sempre respeitando a opinião alheia.

[9] Comentário enviado por Raptor em 12/11/2006 - 22:43h

Não sei, acho q ele utiliza Fedora, sem nenhum fato para este meu "achismo", sempre imaginei ele utilizando o Fedora, não sei exatamente o por que.

[10] Comentário enviado por thelinux em 13/11/2006 - 09:49h

Na minha opinião pelo que li e entendi sobre o desenvolviment do Linux, temos que dá crédito a 4 grandes personalidades:

1. DR. ANDREW TANENBAUM com o Minix.
2. Projeto GNU de Richard Stallman.
3. Linus Torvalds
4. A comunidade.

O importante é que o Linux se firme cada vez mais no ambiente corporativo.

[11] Comentário enviado por gilmargmppta em 13/11/2006 - 14:46h

agradeço a contribuição de todos até agora e é sem exagero que digo que todo jogo de futebol tem um pontapé inicial, e simplificando e sem desmerecer os outros desenvolvedores, ele deu um ótimo pontapé inicial

[12] Comentário enviado por nailsonlinux em 14/11/2006 - 12:16h

temos de lembrar do texto feito por Eric Raymond, "A Catedral e o Bazar", quem o quizer pode caçar no Google que acha fácil!

nesse texto ele disse que o que Linus Torvalds fez foi fazer software a estilo bazar, onde a informação rola livremente, novos lançamentos saem todos os dias, a toda hora, ou seja "libere cedo e freqüentemente".

junte a isso as pessoas insatisfeitas com a licença minix, junte também o embargo da AT & T ao UNIX por ter sido criado no Bellabs. junte também ao GNU de Richard Stallman, que fez tudo. só o HURD não estava pronto na época. ou seja, pra mim Linus fez a coisa certa na hora certa.

quanto a Richard Stallman, concordo muito com ele, afinal ele ralou pra C********* pra poder ver o SL no pé que ele está.

[13] Comentário enviado por _cabelo_ em 16/11/2006 - 10:18h

Ai galera Concordo com todos acima mas com um porem

Não cabe a nós discutirmos que é o mais importante pois cada um tem sua particularidade o Linus por ter a ideia o Richard pela criação da licença o Tanenbaum pelo tutorial e por ai vai

Temos realmente que dar credito a muita gente que ajudou e ajuda até hoje, se formos colocar nome daria pra escrever um tutorial de nomes importante no software livre.

E sem deixar de mencionar que teriamos que colocar os nossos nome também por que se nao fossem os usuarios abrirem os olhos para o mundo linux não teria se firmado essa tecnologia maravilhosa e ainda estariamos usando Windows.

Devo muito a esses caras sitados acima e também devo a todos os usuarios de GNU/Linux por darem um passo pra evolução da especie

Portanto devemos ver o SL como uma comunidade e não como nomes de a 5 10 pessoas

falow t+

[14] Comentário enviado por Aspen em 09/06/2008 - 12:09h

A curiosity: which is your favourite distribution, and which on e do you consider more secure?

I don’t really tend to care much, I’ve changed distributions over the years, and to me the most important thing tends to be that they are easy to install and upgrade, and allow me to do the only part I really care about - the kernel.

So the only major distribution I’ve never used has actually been Debian, exactly because that has traditionally been harder to install. Which sounds kind of strange, since Debian is also considered to be the “hard-core technical” distribution, but that’s literally exactly what I personally do not want in a distro. I’ll take the nice ones with simple installers etc, because to me, that’s the whole and only point of using a distribution in the first place.

So I’ve used SuSE, Red Hat, Ubuntu, YDL (I ran my main setup on PowerPC-based machines for a while, and YDL - Yellow Dog Linux - ended up the easiest choice). Right now, most of my machines seem to have Fedora 7 on then, but that’s only a statement of fact, not meant to be that I think it’s necessarily “better” than the other distros.

[15] Comentário enviado por Aspen em 09/06/2008 - 12:10h

Esta é a resposta do Linus Torvalds, para quem ae estava curioso...
a fonta da entrevista original:
http://www.oneopensource.it/interview-linus-torvalds/

[16] Comentário enviado por gilmargmppta em 21/06/2008 - 03:36h

QUASE DOIS ANOS DEPOIS DESTA DICA, RECONHEÇO, MUITA GENTE TEM CONTRIBUIDO COM O LINUX NESSES ANOS, E HOMENAGEAR A TODOS OS DESENVOLVEDORES É VALIDO, MAS QUERO PARABENIZAR A TODOS OS USUARIOS QUE FICAM HORAS BAIXANDO UMA DISTRO E DEPOIS QUEBRANDO A CABEÇA PRA RESOLVER OS BUGS QUE A FALTA DE APOIO OU DE INTERESSE DOS FABRICANTES DE HARDWARE CAUSA, POIS VOCES E SÓ VOCES SAO A PARTE MAIS IMPORTANTE DESTA CORRENTE POIS SEM USUARIO FINAL, NAUM TEM POR QUE SE CRIAR UM PRODUTI, PARABENS USUARIOS LINUX

[17] Comentário enviado por albfneto em 04/04/2009 - 20:11h

Não sei a Distro que Linus Torvalds usa atualmente, mas ele disse a uns dois anos atrás que ambiente gráfico ele gosta KDE.
Veja, nem Linus Torvalds usa mais Tela Preta!
Recentemente, disse que é totalmente favorável à existência de um grande número de Distros, pq isso gera grande possibilidade de escolha livre.
Não se pode-se dizeer que Linus ou Stallman são injustiçados.
ele deram grande contribuição e quando fizeram o que que fizeram, nenhum dos dois imaginava que o Linux alcançaria o que alcançou e nenhum dos dois pensava em ganhar dinheiro com isso...
além disso, lembrar que até hoje, o grupo de Linus é o que mantém o Kernel e o atualiza.

[18] Comentário enviado por xerxeslins em 23/08/2009 - 13:51h

Linus Torvalds usa fedora e gosta do ubuntu:

http://news.oreilly.com/2008/07/linux-torvalds-on-linux-distri.html

[19] Comentário enviado por ALVERNEPAIVA em 13/05/2013 - 06:52h

Não acho que o trabalho do Linus deveria ser relegado ,quase, a segundo plano como eu vi nos comentários. Linus é um gênio e seu trabalho pode ser considerado monumental. Tanto é que o kernel do HURD , iniciado muito antes do LINUX ainda hoje não é totalmente funcional. Uma das demonstrações da grande genialidade do Linus é o Git, que ele projetou e implementou em tempo record para substituir o BitKeeper e em pouco tempo já era considerado um dos melhores aplicativos na área, se não o melhor.



Contribuir com comentário