Instalando Slackware ou Debian em HD (formato GPT) com Secure Boot / UEFI

Publicado por Jose Mario em 26/03/2014

[ Hits: 22.290 ]

 


Instalando Slackware ou Debian em HD (formato GPT) com Secure Boot / UEFI



Salve, galera.

Depois de muitos testes aqui, obtive êxito em instalar o GNU/Linux em máquinas que tenham o Secure Boot_UEFI em HDs no formato GPT.

Pelo que estou vendo, a maioria das distros atuais já têm suporte ao UEFI e o formato GPT (as que testei e já contam com esse suporte, são o Slackware 14.1 64 bits, Gentoo 64 bits e o Debian Wheezy 64 bits).

Abaixo, tem alguns vídeos mostrando como fiz o procedimento de instalação:

Slackware_uefi_gpt:

Debian_uefi_gpt:

Dual_boot_Slackware_Debian_uefi_gpt:

Dualboot com Windows 8

Obs.: não fiz o vídeo explicando como fazer o procedimento com o Windows 8, porque não tenho o DVD original de instalação. Indico não usar cópia pirata, porque o sistema pirata pode ter alguma alteração maliciosa que pode comprometer a segurança de seus dados e sua privacidade. O procedimento de dualboot (exemplo de uma instalação do zero), é o seguinte:

1. Com o Live CD, GParted ou semelhantes, que tenham as ferramentas para lidar com UEFI e GPT, transforme seu HD em GPT e crie uma partição de 512 MB. Formate ela para FAT 32. Salve a configuração.
Linux: Demonstração de como instalar o Slackware ou Debian em Secure Boot UEFI e HD em formato GPT   Linux: Demonstração de como instalar o Slackware ou Debian em Secure Boot UEFI e HD em formato GPT   Linux: Demonstração de como instalar o Slackware ou Debian em Secure Boot UEFI e HD em formato GPT   Linux: Demonstração de como instalar o Slackware ou Debian em Secure Boot UEFI e HD em formato GPT





2. Coloque o DVD de instalação do Windows 8 e prossiga a instalação normalmente, até a parte de formatação de disco. Não use todo o espaço.

- Exemplo para um HD de 150 GB:

Escolha a opção Novo e escolha 80 GB para o Windows 8, deixe o restante como espaço não alocado.
Linux: Demonstração de como instalar o Slackware ou Debian em Secure Boot UEFI e HD em formato GPT   Linux: Demonstração de como instalar o Slackware ou Debian em Secure Boot UEFI e HD em formato GPT

Formate as duas partições que foram criadas pelo Windows 8. Não mexa na partição de 512 MB e no espaço não alocado que sobrou.

Prossiga com a instalação normalmente. Após concluir a instalação do Windows 8, abra o CMD como administrador e rode esse comando:

powercfg -h off

Para desativar a suspensão do W8. Assim, você poderá prosseguir a instalação do GNU/Linux sem problemas.

3. Coloque o DVD de instalação de sua distro, pesquise antes se sua distro já conta com ferramentas pra lidar com o UEFI. Deixe a estrutura do disco assim:

Exemplo:
  • sda1 :: UEFI;
  • sda2 :: Partição criada automaticamente pelo Windows 8 no momento da instalação;
  • sda3 :: Partição criada na instalação pelo usuário no momento da instalação;
  • sda4 :: / raiz de sua distro;
  • sda5 :: SWAP de sua distro;
  • sda6 :: /home de sua distro.

Usando esse esquema, tive êxito em fazer dualboot em PCs e notebooks
  • Windows8 e Slackware (dual_boot)
  • Windows8 e Gentoo (dual_boot)
  • Windows8 e Debian (dual_boot)
  • Windows8, Slackware, Gentoo (triplo_boot)

Quando Windows 8 vem pré-instalado

Algumas fabricantes de PCs e Notebooks, colocam uma espécie de trava na configuração do BIOS, exemplo:

Opções de boot: somente Windows 8 UEFI, outros UEFI ou Legacy.

Caso formate o HD da máquina que tenha o Windows 8 pré-instalado de fábrica, quando for tentar reinstalar o Windows 8 através de outra mídia, ocorrerá um erro na instalação.

Isso ocorre por causa de uma configuração do fabricante, para contornar essa situação, terá que modificar a mídia de instalação do Windows 8 (DVD ou pendrive) acrescentando um arquivo chamado ei.cfg na pasta sources da mídia de instalação. Sobre o ei.cfg, pesquise no Google.

Geralmente, as partições da máquina com o Windows 8 pré-instalado vêm divididas em quatro partes. Para fazer um dual_boot:
  • Terá que desfragmentar o HD, pelo menos quatro vezes, depois pelo gerenciador de discos do Windows 8 diminua o volume. Veja quanto de espaço disponível terá;
  • Feito isso, terá que criar as partições no espaço disponível, pelo GParted ou ferramenta semelhante que tenha suporte ao UEFI e GPT, (512 MB para o UEFI, / raiz, SWAP e /home).
  • Testei esse método e funcionou também.
  • Windows8 e Debian

Caso o bootloader do windows 8 não apareça no GRUB do Debian ao término da instalação, siga esses passos: http://pastebin.com/ceAYFUCT
Essa configuração testei usando o Debian Wheezy 64 bits, mas ela pode ser adaptada a outras realidades .

* Atenção:
  • Antes de fazer alguma alteração em sua máquina, tenha em mente que é por sua conta e risco;
  • Verifique, antecipadamente, se sua máquina suporta esses procedimentos e se tem algum defeito ou anomalia de Hardware;
  • Planeje bem, pesquisando sobre o assunto, antes de fazer alguma alteração;
  • Faça backup dos seus arquivos;
  • Só realize os procedimentos aqui descritos, somente se estiver ciente dos riscos e com plena certeza do que está fazendo;
  • O windows 7 não tem suporte para UEFI e partições GPT.

Referências


Os testes reais foram feitos no meu PC e em PCs e Notebooks de conhecidos , com a devida autorização dos mesmos .

Este é um guia que pode ser adaptado a outras realidades.

Obrigado pela atenção. Salve!!!

Outras dicas deste autor

Compilando, instalando e testando ZSNES no Slackware current 64 bits

Slackware + Gentoo - Dual-boot sem live-CD/USB

Patchs no i3-WM e Dmenu - "Automagicamente" compilando e aplicando

Puppy Linux : Instalação e configuração

SimpleScreenRecorder no Slackware 14.1 64 bits Multilib

Leitura recomendada

Migrar Servidor Samba de Hardware

Prova LPI no Rio de Janeiro em Novembro

Uso avançado de Gparted - Protegendo seu Linux

Instalando o htop no Oracle Linux Server 7 a partir do código fonte

Slides da palestra: Segurança nos Ciclos de Desenvolvimento de Software

  

Comentários
[1] Comentário enviado por lcavalheiro em 27/03/2014 - 14:38h

Rapaz, tá mandando bem!

[2] Comentário enviado por zezaocapoeira em 27/03/2014 - 15:03h


[1] Comentário enviado por lcavalheiro em 27/03/2014 - 14:38h:

Rapaz, tá mandando bem!


Salve lcavalheiro . Obrigado .

[3] Comentário enviado por fausto879 em 06/05/2014 - 19:04h

Exelente :)

Bom tive erros , não dava boot

Attempting to start up from:
-> EFI VMware Virtual SCSI Hard Drive (0.0... unsuccessful

->EFI VMware Virtual IDE CDROM Drive (IDE 1:0)... unsuccessful

-> EFI Netework...

Acho que é algum problema na imagem, pois coloquei o a iso do Ubunto e funcionou =p

observei que no slack tem uma pasta uefi to pesquisando ainda

[4] Comentário enviado por fausto879 em 06/05/2014 - 19:25h

Opa, estranho, fiz o download de outra iso do slacware64 e funcionou 100%

:)

[5] Comentário enviado por fausto879 em 07/05/2014 - 23:37h

Pessoal problemas com atualização do slackware64 14.1 com UEFI

Bom instalei o slack numa vm executei o slackpkg upgrade-all, atualizou tudo.

Bom qdo reiniciei não rodou o kernel 3.10.30, mas o anterior ao update.

iniciei o kde, tudo travado mouse e teclado.

Voltei pro modo texto editei o /boot/efi/EFI/slackware/elilo.conf.

Observei que o lilo atual estava

image=vmlinuz
label=vmlinuz
read-only
append="root=/dev/sda3 vga=normal ro"



renomeei o arqivo vmlinuz dentro do /boot/efi/EFI/slackware/ para vmlinuz-old
renomeei o arqivo vmlinuz dentro do /boot/ para vmlinuz-old

Copiei o arquivo vmlinuz-generic-3.10.30 para /boot/efi/EFI/slackware/ vmlinuz

permaneci com o /boot/efi/EFI/slackware/elilo.conf atual

image=vmlinuz
label=vmlinuz
read-only
append="root=/dev/sda3 vga=normal ro"

reiniciei, e [*****] tudo, entrei no cd e mudei o elilo.conf de todas ad formas possíveis e imagináveis nada funcionou então oq eu fiz?

deletei tudo que eu fiz voltei o vmlinuz-old para vmlinuz dos seguintes locais

/boot/efi/EFI/slackware/ para vmlinuz-old para vmlinuz

/boot/ para vmlinuz-old para vmliuz

achei q ia voltar para o estado que iniciava o sistema com o kde com problema no mause e teclado, mas problema novamente, não dava boot

então usei o eliloconfig e instalei novamente ele, depois entrei no /boot/efi/EFI/slackware/elilo.conf e mudei para

image=vmlinuz
label=vmlinuz
read-only
append="root=/dev/sda3 vga=normal ro"

para minha surpresa rodou o sistema com o kernel 3.10.30 não com o anterior com problema no mouse e tteclado.

Moral da história

Não prescisava fazer isso tudo, pois era só executar o eliloconig reinstalar o elilo e configurar o elilo.conf

image=vmlinuz
label=vmlinuz
read-only
alterando só essa linha => append="root= XXXXXX vga=normal ro"
para append="root=/dev/sda3 vga=normal ro"
:)~

[6] Comentário enviado por zezaocapoeira em 08/05/2014 - 00:12h

Salve mano . Aqui eu prefiro atualizar o kernel manualmente , isso porque com a atualização automática do kernel pode-se perder algumas configurações ( por exemplo : do multilib e dos pacotes compilados e instalados manualmente ) e o sistema da erro . Antes de atualizar o kernel se planeje bem . Faça uma lista dos pacotes e suas dependências que instalou manualmente , com data , para ter um controle melhor . Quando for fazer uma configuração crítica vá anotando os passos que fez , se caso der errado possa encontrar a parte que deu problema e facilmente sanar o erro . Faça backup dos arquivos que for configurar .
Também faça backup dos pacotes compilados pelo slackbuild , para que caso ocorra uma reinstalação do sistema a configuração vai ser mais rápida .


[7] Comentário enviado por emilianocarvalho em 23/11/2014 - 11:38h

José Mario,

Qual a iso do Slackware vc usou? Eu gero minha iso com o script do Alien Bob a mirror-slackware.sh que faz as atualizações antes de gerar.

É preciso um boot específico?


[8] Comentário enviado por zezaocapoeira em 23/11/2014 - 18:41h


[7] Comentário enviado por emilianocarvalho em 23/11/2014 - 11:38h:

José Mario,

Qual a iso do Slackware vc usou? Eu gero minha iso com o script do Alien Bob a mirror-slackware.sh que faz as atualizações antes de gerar.

É preciso um boot específico?



Salve mano . Usei a iso 64 bits oficial mesmo http://www.slackware.com/getslack/torrents.php .

Não cheguei a usar esse script , mas vou testá-lo em breve .

Aqui a instalação do Slackware iniciou em modo UEFI normalmente , pois minha máquina está com ele ativado . Reconheceu meu hardware por completo .

Se for usar o UEFI e GPT . Primeiro tem que ativá-lo na configurações do seu bios , depois preparar o hd ( convertendo para GPT e posteriormente particioná-lo ) e instalar os sistemas . Prefira sistemas 64 bits porque raramente sistemas 32 bits suportam UEFI .

Aqui na minha máquina , tenho um dualboot entre Slackware e Gentoo . Essa instalação vai fazer 12 meses . Atualmente o Slackware está com kernel 3.17 e o Gentoo está com kernel 3.16 , até agora não tive problemas . Também uso o sistema de arquivos " XFS" ( pra /raiz e /home ) e " fat32 " (pra a partição UEFI ) .

A inicialização do boot da iso é feita automaticamente . Ou seja inicia pra MBR e UEFI , dependendo das configurações setadas no bios .

Obrigado pela atenção , salve !!!

[9] Comentário enviado por emilianocarvalho em 24/11/2014 - 16:01h

Blz José Mario,

No meu caso estou com um notebook, sony vaio fit 15e, que com windows 8 já pre-instalado. HDD de 750GiB. Como uso algumas ferramentas na faculdade, tipo SQL Server, Visual Studio por exemplo vou precisar manter o windows.

Já separei a partição para o linux usando diskmgmt.msc do próprio windows.

Vc esta usando o grub e e aparece inicialmente o boot manager. É do próprio grub ou vc usou um multiboot, ou algo via pendrive?

No caso vc criou as partições com o gdisk ou cgdisk? É esse passo a passo que estou me confundindo. Eu sempre usei o cfdisk para criar swap, root e home nas minhas instalações do slackware e também usava o Elementary OS.

E o lance de deixar o EUFI habilitado ou usar o Legacy, além de desabilitar o boot seguro. Não estou conseguindo entender essa configuração inicial do notebook na bios.

Usei o 64 bits, e estou com 300GiB para linux, forçozamente, pq o papa HD do Windows já esta consumindo quase na metade.





[10] Comentário enviado por zezaocapoeira em 24/11/2014 - 18:28h


[9] Comentário enviado por emilianocarvalho em 24/11/2014 - 16:01h:

Blz José Mario,

No meu caso estou com um notebook, sony vaio fit 15e, que com windows 8 já pre-instalado. HDD de 750GiB. Como uso algumas ferramentas na faculdade, tipo SQL Server, Visual Studio por exemplo vou precisar manter o windows.

Já separei a partição para o linux usando diskmgmt.msc do próprio windows.

Vc esta usando o grub e e aparece inicialmente o boot manager. É do próprio grub ou vc usou um multiboot, ou algo via pendrive?

No caso vc criou as partições com o gdisk ou cgdisk? É esse passo a passo que estou me confundindo. Eu sempre usei o cfdisk para criar swap, root e home nas minhas instalações do slackware e também usava o Elementary OS.

E o lance de deixar o EUFI habilitado ou usar o Legacy, além de desabilitar o boot seguro. Não estou conseguindo entender essa configuração inicial do notebook na bios.

Usei o 64 bits, e estou com 300GiB para linux, forçozamente, pq o papa HD do Windows já esta consumindo quase na metade.




Salve mano . Antes de começar a instalação do Slackware 64 bits , faça backup dos arquivos mais importantes .

O grub é da própria iso do Slackware 64 bits .

Como disse que o w8 é de fábrica , não será necessário converter o hd para GPT pois o mesmo já está no formato . ( o gdisk é apenas pra converter o hd para GPT , como o seu já está no formato não é necessário usá-lo neste caso )

O cgdisk é uma ferramenta , semelhante ao cfdisk , que lida com o hd em formato GPT .


Suponho que seu hd esteja assim no momento :



1- partição w8 -- não mexa

2- partição w8 -- não mexa

3- partição w8 -- não mexa

4- partição w8 -- não mexa

5- espaço disponível ( particione somente neste espaço )




exemplo de como ficariam suas partições

O comando para configurar suas partições com o cgdisk é esse:

# cgdisk /dev/sda


sda1- partição w8 --não mexa

sda2- partição w8 --não mexa

sda3- partição w8 --não mexa

sda4- partição w8 --nao mexa


o espaço disponível ficará como abaixo


sda5- partição fat 32 ( 512 MB ) UEFI para o Slackware

sda6- partição /raiz ( 60 GB ) raiz Slackware

sda7- partição swap ( 2GB )

sda8- partição /home ( o restante do espaço ) home do Slackware


OBS : Na hora do particionamente mexa somente com o espaço disponível , não mexa nas partições do w8 .


Na parte do particionamento tenha como guia o video , na parte do cgdisk ( atenção na hora de colocar o tipo de codificação)

exemplo de como ficariam



sda5- partição fat 32 ------------------------- ef00

sda6- partição /raiz ----------------------- 8300

sda7- partição swap ------------------------ 8200

sda8- partição /home ------------------------- 8300



Feito isso , o restante da instalação prossegue normalmente até a parte do lilo , escolha skip e instale o ( elilo ) . Após o reboot o Slackware entrará direto , para poder selecionar o w8 terá que usar o grub2 , tenha como base o video .

OBS :

não esqueça de desativar a hibernação do w8 , caso estiver ativa não terá como acessar o hd . ( abra o cmd do w8 como administrador e rode o comando sem aspas " powercfg -h off " para desativá-lo)


em algumas máquina tem as configurações do bios de iniciar somente o w8 caso exista mude para ( other os ) ou algo semelhante


em algumas máquinas após a intalação do Slackware tem que entrar no bios e selecionar a prioridade do bootloader .


Caso o grub do Slackware não reconheça o bootloader do w8 . Tem solução não se assuste .

Obrigado pela atenção , salve !!!



[11] Comentário enviado por doradu em 26/08/2015 - 18:30h

boa,

mas ainda não vou me arriscar.

vou ler um pouco mais os links apontados.

inté




Contribuir com comentário